MySQL_NetBeans by zhangyun

VIEWS: 9 PAGES: 7

									Como conectar o Java ao MySQL usando
             o NetBeans




  Esse documento parte do pressuposto de que, quem for seguir esse
documento tenha o JDK (Java Development Kit) instalado assim como o
MySQL e o NetBeans. Caso você não tenha nenhum deles, você pode baixar
e instalar a partir dos sites oficiais. Abaixo segue os sites de cada um deles:

      Java
      MySQL
      NetBeans

  O NetBeans possui algumas “facilidades” de conexão a banco de dados bem
ao estilo “Next > Next > Ok”.

  Após tudo instalado hora de começar a colocar a mão na massa. O Java
para se conectar a qualquer banco de dados precisa de um driver de
conexão, esse driver é chamado de JDBC (Java Database Connectivity). Sem
um JDBC não é possível fazer uma conexão a um banco de dados. Cada
banco de dados possui seu próprio JDBC. Por exemplo a Oracle fornece um
JDBC para ser usado em bancos Oracle, o PostGRESQL também fornece um
JDBC para ser usado com o PostGRESQL e assim vai. Não é diferente com o
MySQL. O pessoal do MySQL também disponibilizou um JDBC para ser usado
em conexão Java – MySQL.


                                        1
  Como o MySQL também nos fornece um JDBC, vamos baixá-lo do site oficial
do MySQL. Endereço do JDBC é: http://dev.mysql.com/downloads/. No
menu, clique em Connectors e depois em Connector/J. Agora é só fazer o
download do JDBC. Feito o download descompacte o arquivo.

  Serão descompactados vários arquivos como instruções e documentações
mas o arquivo que nos interessa é um que termina com extensão .JAR. Até a
finalização desse documento o nome do JDBC do MySQL é mysql-connector-
java-5.1.7-bin.jar

  Esse é o JDBC que irá nos conectar a uma base MySQL. Guarde a
localização desse arquivo. Agora vamos criar um banco de exemplo com
alguns dados.

  Se conecte ao MySQL com sua ferramenta favorita ou pelo console mesmo.
Para esse documento eu criei um banco com uma tabela e três colunas. Tudo
bem simples. Se quiser seguir esse exemplo abaixo, vai o script SQL para a
criação. Basta rodar no banco. Fique a vontade para fazer o esquema de
banco a sua maneira, só lembre de mais para frente no documento adaptar o
seu esquema de banco ao código.

Script SQL:


CREATE TABLE IF NOT EXISTS 'usuarios' (

'nome' varchar(50) NOT NULL,

'email' varchar(50) NOT NULL,

'idade' int(11) DEFAULT NULL

) ENGINE=MyISAM DEFAULT CHARSET=latin1;



INSERT INTO usuarios (nome, email, idade) VALUES

('Ricardo', 'ricardo@meuemail.com', 23),

('José', 'jose@seuemail.com', 29);


Beleza! Banco criado e alguns dados inseridos. Vamos para o NetBeans!
                                      2
Abra a NetBeans e teremos uma tela inicial parecida com essa:




Vamos criar nosso projeto. Para isso faça:

  1.   Arquivo > Novo Projeto;
  2.   Escolha categoria: Java. Projeto: Aplicativo Java;
  3.   Clique em Próximo;
  4.   Coloque um nome para o projeto e clique em finalizar;




       Próxima tela após clicar no botão Próximo. Aqui é onde definiremos o
nome para o projeto e mais algumas configurações.




                                        3
Nosso projeto foi criado.

  Agora vamos adicionar o driver JDBC para que nossa aplicação consiga
se conectar ao Banco de Dados. Para isso:

  1.   Clique com o botão direito em cima do Projeto > Propriedades.
  2.   Selecione a opção Bibliotecas e clique no botão Adicionar JARs/pasta.
  3.   Vá até o JDBC que baixamos do site do MySQL selecione o arquivo .jar
  4.   Clique em OK > OK




       Pronto. O JDBC já foi adicionado a nossa aplicação. Agora vamos fazer
um pouco de código. Nós iremos fazer toda a conexão com banco de dados
direto da classe principal que o NetBeans nos forneceu. Logicamente essa
metodologia não segue as melhores práticas da programação e todo o resto,
mas serve para você ter uma idéia de pelo menos como conectar sua aplicação
a uma base MySQL. O código gerado pelo NetBeans está assim: package
mysqlconnection;


                                      4
public class Main {



    public static void main(String[] args) {

        //Nosso código vai aqui

    }

}


Vamos criar a conexão e vamos fazer um select básico no banco. Abaixo
segue o código com a conexão, com o envio do select e o tratamento de
exceção. O código está comentado com o que cada linha está fazendo:


package mysqlconnection;



import java.sql.Connection;

import java.sql.DriverManager;

import java.sql.ResultSet;

import java.sql.SQLException;

import java.sql.Statement;



public class Main {



    public static void main(String[] args) {

        String driver = "com.mysql.jdbc.Driver"; //Classe do driver JDBC

        String banco = "MeuBD"; //Nome do Banco criado

        String host = "localhost"; //Maquina onde está o banco

      String str_conn = "jdbc:mysql://" + host + ":3306/" + banco; //URL de
conexão

        String usuario = "root"; //Usuário do banco
                                         5
        String senha = ""; //Senha de conexão



        try {

              Class.forName(driver); //Carrega o driver



              //Obtém a conexão com o banco

              Connection conn = DriverManager.getConnection(str_conn, usuario,
senha);



              //Cria um statement para podermos mandar um SQL para o banco

              Statement stmt = conn.createStatement();



              //Mandamos o SQL para o banco e obtemos um ResultSet

              String sql = "SELECT * FROM usuarios";

              ResultSet rs = stmt.executeQuery(sql);



              //Percorrendo o ResultSet e obtendo os valores do banco

          while (rs.next()) {

                 System.out.println(rs.getString("nome"));

                 System.out.println(rs.getString("email"));

                 System.out.println(rs.getInt("idade"));


System.out.println("====================================");

          }

    }

    catch (ClassNotFoundException ex) {

          System.out.println("Não foi possível carregar o driver.");

                                             6
              ex.printStackTrace();

         }

         catch (SQLException ex) {

              System.out.println("Problema com o SQL");

              ex.printStackTrace();

         }

     }

}


             Repare que na obtenção dos objetos a partir do ResultSet nós usamos
como chave o nome da coluna no banco de dados. Se estiver tudo certo, já
podemos executar nosso código. Para isso faça aperte ou clique no “Play”. Se
tudo deu certo e se você utilizou o esquema de banco fornecido nesse post, a
saída para console será assim:


run:

Ricardo

ricardo@meuemail.com

23

====================================

José

jose@seuemail.com

29

====================================

CONSTRUÍDO COM SUCESSO (tempo total: 0 segundos)




                                           7

								
To top