Docstoc

Forma��o

Document Sample
Forma��o Powered By Docstoc
					"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"




Áreas     de     intervenção    Funções      do   professor   O que a minha biblioteca já        Factores        favoráveis/       O que é preciso mudar.
referidas nos textos e          bibliotecário                 faz                                0bstáculos à mudança              Acções a implementar
implicadas na mudança
1. Integração na escola e no                                  A “minha” biblioteca ainda não     Como factores favoráveis ao       Todos os professores           e
    processo    de    ensino-                                 “existe”. Apesar de ter sido       processo de integração na         educadores de infância têm de
    aprendizagem.                                             financiada e ter obtido apoio,     escola e no processo de ensino-   começar a encarar a biblioteca
                                                              ainda não tem todas as             aprendizagem       temos      a   escolar como um recurso
                                                              condições exigidas para o          novidade que constitui para       central, fundamental e crucial
                                                              funcionamento       normalizado    todos este novo espaço que é a    para     a   uma     verdadeira
                                                              como biblioteca escolar. Temos     biblioteca escolar; os recursos   transformação das práticas. A
                                                              algum mobiliário e o espaço        disponibilizados que permitem     alteração paradigmática da
                                                              físico. Não chegou o fundo         a inovação da acção educativa e   “velha pedagogia” para a nova
                                                              documental já financiado e         pedagógica; a formação que se     baseada na valorização e na
                                                              encomendado,           dispomos    está a realizar no âmbito das     mudança       produtora       de
                                                              apenas dos conjuntos/colecções     novas tecnologias e que           aprendizagens        e        de
                                                              do PNL que tem servido para a      facilitam a apreensão da          conhecimentos só se produz
                                                              realização     das     primeiras   importância da biblioteca como    com           o           devido
                                                              actividades. Temos já algum        espaço gerador de novas           acompanhamento formativo.
                                                              material audiovisual e de          interacções dinâmicas em torno    Assim constitui uma acção
                                                              informática.                       das TIC e por fim todo espaço     primordial a realização de
                                                              A partir de um início estamos a    próprio     da   biblioteca   e   formação de utilizadores da
                                                              construir um processo comum        destinado exclusivamente a        biblioteca para assunção de um
                                                              de desenvolvimento educativo       esta função que não existia       verdadeiro conhecimento das
                                                              onde     a biblioteca é parte      anteriormente,            dando   potencialidades    postas     ao
                                                              integrante porque existe e         consistência e importância ao     dispor de todos e da forma e
                                                              proporciona     condições     de   papel da mesma.                   maneira de as rentabilizar.
                                                              realização ensino-aprendizagem     Por outro lado temos como         Estamos a realizar esta acção e
                                                              únicas.                            grande factor de obstáculo à      propomos a sua continuidade
                                                                                                 mudança, a resistência de         dinâmica nos primeiros tempos
                                                                                                 alguns professores à actividade   de vida desta nova biblioteca,
                                                                                                 da biblioteca e ao seu papel      com a realização de actividades
"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"



                                                                                           junto da comunidade educativa,       específicas, diversificadas e
                                                                                           sobretudo derivado à falta de        demonstradoras de todas as
                                                                                           hábitos de utilização da             capacidades e potencial da BE
                                                                                           biblioteca      (não     existiam    como recurso, levando a
                                                                                           anteriormente). Esta que se          implementar um processo de
                                                                                           lhes apresenta como algo             procura natural pelo utente
                                                                                           estranho ainda leva-nos a            deste “fabuloso novo mundo”.
                                                                                           trabalhar para os sensibilizar
                                                                                           para     a    centralidade      da
                                                                                           biblioteca escolar na mudança
                                                                                           de     práticas     que     sejam
                                                                                           geradoras de produção de
                                                                                           conhecimentos e de novas
                                                                                           aprendizagens.
2.   Condições    de    acesso.                          As condições de acesso são uma    Neste aspecto temos tudo a           Estamos de “espera” da nova
     Qualidade da colecção.                              das maiores vantagens desta       ganhar com as instalações            colecção e de todos os
                                                         biblioteca para e escola onde     criadas (que podem ser sempre        materiais que ainda hão-de
                                                         está situada.                     melhores) mas dadas as               chegar. Estamos a aproveitar
                                                         Com a colecção encomendada e      condições            inexistentes    parte das colecções que se
                                                         financiada vamos dispor de        anteriormente, temos tudo            mantêm com qualidade de
                                                         obras todas elas recomendadas,    como favorável.                      conservação e qualidade de
                                                         diversificadas, incluindo os      No que respeita à colecção e à       actualidade da escola sede e
                                                         recursos multimédia e digitais,   sua qualidade tudo é vantajoso.      posteriormente            iremos
                                                         proporcionando um novo e          Ainda        que       tenhamos      proceder a uma avaliação das
                                                         fascinante mundo a todos os       aproveitado algumas obras da         nossas necessidades materiais
                                                         utentes.                          escola sede quer pela sua            em termos de colecção para
                                                                                           qualidade, quer por estarem          podermos evoluir e melhor
                                                                                           bem conservadas, a maioria dos       servir os nossos utentes.
                                                                                           livros e poucos recursos             Em relação ao acesso estamos a
                                                                                           multimédia             existentes    implementar um processo de
                                                                                           anteriormente não tinham             visitas à nova biblioteca de
"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"



                                                                                           qualidade nem actualidade.          todos os alunos das escolas do
                                                                                           Assim o financiamento da            1º ciclo, do pré-escolar do
                                                                                           criação da biblioteca permitiu a    nosso      agrupamento..        A
                                                                                           aquisição de obras e recursos       comunidade educativa em geral
                                                                                           digitais e de multimédia            será convidada para algumas
                                                                                           recomendados, actualizados e        actividades e fazer a utilização
                                                                                           que constituem, de facto, uma       do nosso espaço, em particular
                                                                                           mais valia para todos.              os encarregados de educação
                                                                                                                               dos nossos alunos.
3.   Gestão da BE.                                       Sendo nova esta estrutura,        Como grande          factor    de   Aqui tudo é novo e neste
                                                         nova é, também, a gestão da       vantagem temos a construção a       aspecto em particular, vou
                                                         biblioteca, isto é, é um novo     partir do “zero” de toda a          procurar participar numa acção
                                                         processo de gestão que permite    dinâmica     de     gestão     da   de formação sobre a gestão da
                                                         por ser aplicado pela primeira    biblioteca escolar. Sempre em       biblioteca escolar no 1º ciclo.
                                                         vez neste contexto, assumir       cooperação com a biblioteca         Vou estreitar a colaboração
                                                         novas formas e inovar na          escolar da EB 2, 3, apropriando     com outros colegas da equipa
                                                         perspectiva de criação de um      parte da sua experiência,           da biblioteca escolar da EB2/3 e
                                                         modelo que sirva a nossa          adaptando à nossa nova              trazer a sua experiência para a
                                                         especificidade organizacional e   situação, estamos a construir       gestão desta BE. Temos
                                                         educativa.                        um modo de gerir próprio sem        consciência que a boa gestão de
                                                         Se aliarmos a nova gestão a um    cópias e que só assim nos           todo este processo e da
                                                         processo inovador de ensino-      permite       dar       respostas   estrutura poderá ser decisiva
                                                         aprendizagem,        poderemos    específicas da nossa realidade e    para a prossecução dos
                                                         então dizer que estamos no        do nosso contexto.                  objectivos      do       Projecto
                                                         caminho de facultar aos nossos    Como desvantagem, temos a           Educativo do Agrupamento e do
                                                         utentes, alunos e restante        nossa inexperiência a lidar com     sucesso dos nossos alunos.
                                                         comunidade educativa, um          esta nova situação, o que nos
                                                         envolvimento necessário para      leva a cometer erros, mas não é
                                                         que         traduza       numa    verdade que a errar também se
                                                         transformação das práticas que    aprende, desde que se saiba
                                                         corte com o passado recente da    corrigir e partir para uma nova
"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"



                                                         não utilização do recurso         ideia?
                                                         biblioteca, neste caso por não
                                                         existência    nas    anteriores
                                                         escolas.
4.   Avaliação.                                          Tal como o modelo de gestão se    Sendo a primeira vez que            Neste ponto temos como
                                                         encontra em aplicação pela        iremos aplicar o Modelo de          primordial o reconhecimento
                                                         primeira vez, também, a           auto-avaliação das bibliotecas      por todos os intervenientes de
                                                         avaliação deste processo de       escolares numa estrutura do 1º      que a avaliação é um
                                                         implementação,                    ciclo, temos algumas dúvidas e      instrumento central e decisivo
                                                         desenvolvimento e de obtenção     anseios próprios que já             para aferir a qualidade do
                                                         de resultados está em curso       começamos a tratar com a            serviço prestado por nós e do
                                                         iniciando uma nova experiência.   frequência desta acção de           seu melhoramento. Visando a
                                                         Esta oportunidade de realizar a   formação. Tudo aqui só pode         sua maior e melhor eficácia,
                                                         avaliação neste contexto será     ser positivo dado tratar-se um      rentabilização de recursos e
                                                         primordial porque dependendo      processo formativo, logo de         inovação de práticas. Como tal
                                                         da realização de uma avaliação    aprendizagem          e        de   será implementado desde já um
                                                         bem realizada e sucedida, ela     transformação.                      processo       de      avaliação
                                                         será decisiva para dar o rumo     Temos dificuldades desta nova       partilhado, isto é, alunos e
                                                         certo no sentido de ainda         aplicação, mas não vamos            professores, principalmente e
                                                         estarmos a tempo de resolver      enjeitar a oportunidade e           os demais utentes da biblioteca
                                                         problemas, emendar o que está     estamos a trabalhar em              escolar serão chamados a
                                                         mal ou menos bem, possibilitar    processos de avaliação próprios     participar na avaliação e será
                                                         a participação de todos neste     das actividades com os alunos e     feita em permanência a recolha
                                                         processo.                         com os professores e demais         de     evidências   que      nos
                                                                                           utentes da biblioteca escolar.      permitam, não só fundamentar
                                                                                                                               as nossas futuras decisões,
                                                                                                                               como também, demonstrar o
                                                                                                                               trabalho realizado, divulgá-lo e
                                                                                                                               sistematizá-lo de modo a
                                                                                                                               tornar-se material de recurso
                                                                                                                               para todos.
"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"



                                1.    A colaboração         A minha colaboração tem sido        Tenho felizmente uma boa            Temos       desde    o    início
                                1.1   Coordenação           desde o início a de fazer parte     aceitação por parte de todos os     implementado reuniões de
                                1.2   Cooperação            deste       novo        modelo      colegas, o que me leva a ter        trabalho que nos permitem ir
                                1.3   Instrução integrada   organizacional. A partir da         facilidade junto deles e            preparando a acção da BE
                                1.4   Currículo integrado   experiência como formadora-         conseguir      a    colaboração,    dando suporte técnico e
                                                            residente do PNEP e de todo o       coordenação, a cooperação           documental em todas as áreas,
                                                            envolvimento a que isso             necessárias         para        a   não só a língua portuguesa, mas
                                                            obrigou junto dos professores,      implementação da instrução e        também, a matemática e nas
                                                            “conquistei uma posição” que        currículo integrados. Claro que     ciências. Estamos a tentar
                                                            me      permite     estabelecer     como todos os processos             promover formação nesta área
                                                            princípios de coordenação e         dinâmicos temos que aceitar         de modo a levar os professores
                                                            cooperação,            estando      gerir diferentes sensibilidades e   a ser parte de um todo que a BE
                                                            representado nas estruturas         perspectivas sobre educação,        une em torno de um grande
                                                            intermédias como conselho de        do modo de agir e transformar       objectivo       comum:         a
                                                            docentes geral dos professores      as práticas, mas já me habituei     transformação e inovação das
                                                            e do conselho de docentes . A       fruto da minha experiência          práticas pedagógicas.
                                                            participação na planificação e      profissional a ter em conta que
                                                            organização das actividades         tudo isto é constitutivo desse
                                                            permite colocar a biblioteca        tipo de processo e será muito
                                                            num lugar de destaque e             enriquecedor se soubermos
                                                            central como recurso didáctico-     enquadrar e dar espaço a todos
                                                            pedagógico inovador.                na sua participação. Como tal
                                                                                                vejo como muito positiva toda
                                                                                                esta acção a realizar.
                                2.    Liderança             A equipa da BE é constituída        Fruto da minha experiência, já      Promoção de reuniões de
                                                            por        mim,         professor   referida,    como      formador-    trabalho para planificar, avaliar,
                                                            bibliotecário. Isto obriga a uma    residente do PNEP que me            projectar, criar instrumentos e
                                                            interacção permanente com           permitiu      acompanhar       as   recursos para utilização de
                                                            todos     os     professores    e   actividades dos meus colegas        todos.
                                                            educadores        através      de   dentro da sala de aula, adquiri
                                                            deslocações entre as escolas e      uma relação com os meus
"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"



                                                         jardins do1º ciclo. O grande        colegas que me permite ter um
                                                         objectivo é integrar todos num      registo de liderança natural e
                                                         processo colectivo que, liderado    aceite pela generalidade dos
                                                         por mim, possa corresponder         colegas (para não dizer todos) e
                                                         aos anseios de resolução das        tenho-me servido dessa mesma
                                                         necessidades apontadas pelos        experiência para exercer um
                                                         colegas,        em        termos    tipo de trabalho cooperativo e
                                                         pedagógicos e os possa fazer        partilhado, ou seja colaborativo,
                                                         compreender que estão dentro        no sentido de melhorar os
                                                         da estrutura biblioteca e ela       nossos hábitos colectivos de
                                                         não é mais do que o recurso         participação. Deste modo,
                                                         máximo do que todos podemos         parece-me, teremos todos a
                                                         dispor em comum, para               ganhar.
                                                         utilização      partilhada      e
                                                         fundamentada em função dos
                                                         nossos princípios de acção
                                                         educativos. O papel assumido
                                                         por mim, pode e deve ser, o de
                                                         trazer todos para este processo
                                                         e ser a plataforma de
                                                         intersecção dos interesses e
                                                         necessidades comuns a todos
                                                         os      alunos     e     restante
                                                         comunidade educativa.
                                3.   Tecnologia          Em       termos      de    novas    O pouco conhecimento técnico        Promoção de formação na área
                                                         tecnologias, possuo experiência     e a pouca utilização dos novos      das novas tecnologias para
                                                         e formação suficiente para          recursos tecnológicos, dada a       tirarmos partido dos novos
                                                         proporcionar aos alunos e           sua        não       existência     recursos digitais. Assim teremos
                                                         colegas a utilização de novos       anteriormente, leva a que só        uma acção sobre quadros
                                                         recursos agora ao dispor de         alguns tenham experiência           interactivos;      estamos     a
                                                         todos.      Com      o    quadro    nesta área. Assim não se está a     incentivar e a dinamizar Blogues
"Práticas e Modelos na Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares"



                                                         interactivo    à   cabeça,    a   tirar partido de toda a             e prevemos promover acções
                                                         utilização da internet, os        potencialidade dos recursos e       de    formação    para   os
                                                         recursos de multimédia e os       isto é um obstáculo, tendo em       encarregados de educação e
                                                         novos computadores instalados     conta que nem todos os              apoio aos professores em
                                                         será possível criar uma nova      professores estão na mesma          contexto de sala de aula de
                                                         dinâmica de acção baseada         disposição de se embrenhar e        modo a potenciar o uso do
                                                         num novo paradigma educativo,     aprender a explorar estas novas     Magalhães.
                                                         e até civilizacional, que         ferramentas. No entanto, o
                                                         permitirá a esta nova geração     grande interesse para mim será
                                                         de alunos que agora está a        tentar     aliciá-los   com     a
                                                         chegar à escola, ser parte        realização      de    actividades
                                                         integrante, de facto, da          atractivas que leve os seus
                                                         “geração da net”. O Plano         alunos a liderar o processo de
                                                         Tecnológico da Educação, foi o    inovação tecnológica levando
                                                         factor de modernização mais       os professores atrás disso e a
                                                         eficaz e gerador de igualdade     envolverem-se na formação.
                                                         de oportunidades que podia
                                                         aparecer. Faz com os alunos
                                                         tenham acesso àquilo que
                                                         muito dificilmente muitos deles
                                                         teriam      acesso   sócio    e
                                                         economicamente falando.


                                                                             A Formanda

                                                                        Maria José Machado

				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Categories:
Tags:
Stats:
views:56
posted:12/3/2010
language:
pages:7