Docstoc

1_ ache as coordenadas do centro de gravidade dos corpos

Document Sample
1_ ache as coordenadas do centro de gravidade dos corpos Powered By Docstoc
					1) ache as coordenadas do centro de gravidade dos corpos homogêneos e de espessuras desprezíveis
indicados nas figuras.
a)                     b)




2) Calcule as coordenadas do cento de gravidade da chapa triangular eqüilátera, homogênea e de espessura
desprezível indicada na figura. O lado do triângulo mede 40 3 cm.




3) O esquema representa dois corpos X e Y de pesos respectivamente iguais a 30 N e 20 N, suspensos por
fios, 1 e 2, ideais.
Calcule a intensidade da tração nos fios 1 e 2.




4) Um corpo de peso 400N encontra-se em equilíbrio, como mostra a figura. Determine a intensidade das
forças tensoras nas cordas, supostas de pesos desprezíveis.




5) Um bloco de peso P=80 N é sustentado por fios, como indica a figura.
a) Qual a intensidade da tração no fio AB?
b) Qual a intensidade da tração no fio horizontal BC?
6) Em um ginásio esportivo há dois pontos fixos, A e B, aos quais se suspende uma luminária de peso 600 N,
mediante fios leves, AC e BC, conforme a figura




Determine a intensidade da força de tração em cada fio.

7) Calcule a força em cada um dos fios flexíveis AB e AC, sabendo que o peso do corpo pendurado é de
26N. Adote sen 45º= cos 45º= 0,7 e cos 30º = 0,8.




8) A posição de uma luminária pode ser acertada com o auxilio de um contrapeso, conforme o esquema.




Para a situação representada, o contrapeso é de 10N. Qual o peso da luminária

9) Um homem indicado na figura tem massa 70 kg e está em equilíbrio. Sabendo que o homem se encontra
numa posição horizontal, que seu peso age no ponto A e que cos 30º= 0,8, calcule:
a) a força tensora no fio;
b) a reação oposta ao pés do homem , pela parede.




10) Um corpo de peso 200 N encontra-se em equilíbrio sobre um plano inclinado sob a ação de uma força F
paralela ao plano. Desprezando-se os atritos, calcule:
a) a intensidade de F;
b) a intensidade da força normal que o corpo exerce sobre o plano inclinado.




11) O bloco A da figura pesa 100N. O peso de B é 20N e o sistema da força de atrito exercida sobre o bloco
A?
12) Um bloco A de 10 kg encontra-se em repouso sobre um plano horizontal liso, conforme a figura ao lado,
considere as polias e os fios ideais e g=10 m/s². Sabendo que a massa do bloco C que equilibra o sistema é de
2kg, calcule a massa do bloco B.




13) Na figura, F1= 1N, F2=2N, F3= 3N e F4= 4N.




Calcule o momento de cada uma dessas forças em relação à origem do sistema cartesiano.

14) O menino indicado na figura aplica uma força F vertical, para baixo, de intensidade 20 N em uma chave
disposta horizontalmente para girar um parafuso. Calcule o momento dessa força em relação ao ponto O.




15) Determine o momento das forças F1, F2 e F3 de intensidade respectivamente iguais a 5 N, 6 N e 8 N, em
relação ao pólo O.




16) A figura indica a posição de um braço humano que tem na palma da mão uma esfera de 4 N. Calcule o
momento dessa força em relação ao ponto O.
17) Calcule o momento das forças F1= 10N e F2= 20N em relação ao eixo que passa pelas dobradiças.




18) Uma barra de peso desprezível está sob a ação de forças, como indica a figura. Dados F1= 10N, F2= 8N,
F3= 6N e F4= 4N, determine:
a) o momento de cada força em relação ao ponto O;
b) o momento resultante em relação a O.
c) o sentido em que a barra gira.




19) Sobre os vértices de um corpo quadrado, de lado 20 cm, agem as forças indicadas na figura.




Sendo F1=F2=F3=F4= 10N, calcule:
a) o momento resultante em relação ao ponto A;
b) o momento resultante em relação ao ponto E.

20) A viga homogênea de peso 80 N indicada na figura está em equilíbrio e apoiadas nos pontos X e Y.
Calcule as reações nos apoios.




21) Um garoto de 30 kg de massa está assentado em um banco, na posição indicada na figura.




Desprezando o peso do assento do banco e considerando g = 10 m/s², determine a intensidade das forças
provocadas ns apoios A e B.

22) A barra AB é uniforme e tem massa igual a 100kg. Ela esta apoiada nas suas extremidades e suporta as
massas ilustradas nas figuras. Adotando g = 9,8 m/s2, determine as reações nos apoios A e B.
23) A barra da figura tem peso desprezível, é sustentada em A e está em equilíbrio.




Calcule a intensidade de F1 sabendo que F2 = 12 N e F3 = 6 N.

24)    Um modelo(maquete) de uma ponte é recortado em material homogêneo(madeira prensada, por
exemplo) e repousa sobre duas balanças. Um automóvel de brinquedo anda sobre a ponte com velocidade
                                                                        1
constante. No instante em que o automóvel passa por P, tal que MP =        MN, as indicações das balanças
                                                                        4
são: balança I : 16N e balança II : 12N. Determine os pesos do modelo da ponte e do automóvel.




25) (PUC-PR) A figura abaixo representa um poste homogêneo de massa total 50,0 kg apoiado sobre o
suporte A.




a) Determine a massa do bloco B, de dimensões desprezíveis, que deve ser colocado na extremidade direita
para que o sistema fique em equilíbrio, permanecendo o poste na posição horizontal.

b) Calcule a força que o suporte exerce sobre o poste nas condições do item anterior. Considere g = 10,0
m/s2.

26) A barra da figura é sustentada por duas molas, uma de constante elástica k1, posta no extremo A, e outra
                                              
de constante elástica k2, colocada à distância do extremo B.
                                              4




Sabendo que o peso da barra é de 30 N, calcule k1 e k2 de modo que ambas as molas tenham um alongamento
de 4 cm.

27) Um homem e um menino se propõem a transportar um pedaço de madeiro de 9 m de comprimento e
500 N de peso, cujo centro de gravidade esta situado a 2m de uma das extremidades. Se o homem colocar no
extremo mais próximo do centro de gravidade, determine a posição que o menino devera ocupar, a contar do
outro extremo, para que faça um terço da força do homem.
28) Para arrancar uma estaca do solo, deve-se puxá-la com uma força de 1500N, verticalmente. Determine a
força mínima que o homem deve fazer para arrancar a estaca, usando arranjo indicado na figura.




29) A barra homogênea AB da figura tem 6m de comprimento e pesa 1000N. Há um ponto fixo C no qual a
barra é articulada sem atrito. A barra repousa sobre a extremidade A. Determine a máxima distância x que
um homem que pesa 800N pode percorrer sobre a barra, partindo de A, sem que ela gire em torno de C.




30) A placa quadrada de lado 40cm da figura pode girar em torno do ponto A.




Sabendo que F1 = 20N e F3 = 10 N, calcule a intensidade de F2 de modo que a placa esteja em equilíbrio de
rotação. Use 2 = 1,4.

31) O corpo de peso 16000N indicado na figura está em equilíbrio estático.




Determine a intensidade de F e a vantagem mecânica da talha.

32) O sistema indicado na figura está em equilíbrio. Os fios e as polias são ideais.




A constante elástica da mola é igual a 40 N/cm e F = 100N.
a) Qual o valor do peso do corpo A?

b) Qual a deformação sofrida pela mola?
33) Um peso de 5 120N deve ser equilibrado por meio de um talha exponencial. Determine o número de
polias móveis dessa talha, sabendo que a força motriz tem intensidade 10N.

34) O esquema representa uma gangorra homogênea, com secção transversal constante, que tem 7 m de
comprimento e está apoiada em C, distante 3 m de A. Na extremidade A esta uma garota de peso 400 N. Qual
é o peso do garoto sentado em B para que a gangorra fique em equilíbrio na horizontal?




35) A barra indicada na figura tem peso desprezível e esta em equilíbrio na posição horizontal. Determine x.




36) Dois garotos, A e B, carregam um balde de 300N, conforme indica a figura.




Sabendo que o garoto A suporta uma carga de duas vezes maior que a do garoto B, calcule a posição x do
balde.

37) Com auxilio de uma alavanca interfixa de 3 metros de comprimento e de peso desprezível, pretende-se
equilibrar horizontalmente um corpo de peso 400 N, colocado numa das extremidades. Sabendo que a força
potente tem intensidade 80N, determine a localização do ponto de apoio.

38) (PUC-MG) Uma barra rígida, de peso próprio desprezível, é utilizada como alavanca, conforme a figura
abaixo. Com a carga suspensa no ponto A, a força F que equilibra o sistema vale 200N. Colocando-se uma
outra carga de mesmo valor no ponto B, calcule o valor da nova força necessária para equilibrar o sistema.

				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Categories:
Stats:
views:858
posted:11/4/2010
language:Portuguese
pages:8