1. FUNDAMENTOS FILOSÓFICOS DA EDUCAÇÃO Reflexão filosófica by bjb17276

VIEWS: 0 PAGES: 26

									      UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE
           PRÓ- REITORIA DE GRADUAÇÃO




CENTRO DE CONHECIMENTO CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES
              DEPARTAMENTO DE PEDAGOGIA




             PROJETO PEDAGÓGICO
             CURSO DE PEDAGOGIA
        DOCÊNCIA E GESTÃO EDUCACIONAL




                      GUARAPUAVA
                      ABRIL DE 2006
            UNICENTRO                                              FORMULÁRIO 1
- PROJETO PEDAGÓGICO-

CURSO:                         Pedagogia: Docência e Gestão Educacional
CAMPUS:                        Guarapuava
HABILITAÇÃO/MODALIDADE          -
TURNO DE FUNCIONAMENTO         Manhã e noite
NÚMERO DE VAGAS OFERTADAS      40
ANO DA PRIMEIRA OFERTA         2006
INTEGRALIZAÇÃO                 Mínimo: 4 anos         Máximo: 7 anos
CONDIÇÕES DE OFERTA            Anual (x)              Semestral
COMISSÃO RESPONSÁVEL PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO

Margareth de Fátima Maciel
Marli de Fátima Rodrigues
Magda Sarat Oliveira Sutana
Clarice Linhares
Rosangela Cecília Boaventura Pereira
Suzete Terezinha Orzechowski
Rosangela do Prado Abreu Wolf
Guiomar Schoereder Silva
Ninon Stremel
Maria Regina da Silva Vargas
Maria Terezinha Pacco
Maria Elda Garrido




DATA: 26/04/2006




Carimbo e assinatura da Chefia de Departamento   Carimbo e assinatura da Direção de Centro de conhecimento
            UNICENTRO                                           FORMULÁRIO 2
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                                    ASPECTOS LEGAIS



1. Legislação referente à criação, autorização e reconhecimento do curso
Criação: (Resolução)

Res. 179/75 CEE de 20/11/1975



Autorização: (Decreto governamental)

Decreto Nº 78654 de 27/10/1976 DOU Nº 207 de 29/10/1976
Decreto 06/02/1996 DOU 07/02/1996



Reconhecimento: (Parecer Conselho Estadual de Educação/Decreto Governamental)

Parecer n º 324/99 – CEE de 08/10/1999 – Res. 38/99 – SETI 03/11/1999
Decreto n º 4096 de 11/05/2001 DOE n º 5647 de 27/12/1999



2. Legislação referente ao curso (Lei de regulamentação do cursoMEC – Parecer/Resolução CNE

Parecer CNE 05 de 13/12/2005
Parecer CNE 03 de 14/02/2006




3. Legislação referente a regulamentação da profissão

Não consta.
            UNICENTRO                                            FORMULÁRIO 3
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                            INTRODUÇÃO ( o que é o curso)
              Este documento tem como finalidade apresentar a Proposta Pedagógica para
Reformulação do Curso de Pedagogia no Campus de Guarapuava para início no ano de 2006,
cumprindo as exigências do Conselho Nacional de Educação – Conselho Pleno, que institui as
Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de professores da Educação Básica em nível
superior, curso de licenciatura, de graduação plena e, regulamenta sua duração e carga horária.
                O curso de Pedagogia da Universidade Estadual do Centro Oeste – UNICENTRO,
desde a sua criação no ano de 1977, na então Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de
Guarapuava, refletiu em cada momento, diferentes concepções pedagógicas. Inicialmente, o curso
esteve influenciado pela concepção tecnicista, presente na Lei 5.540/68, Parecer 252/69 e
Resolução 02/69, do antigo Conselho Estadual de Educação, que fixam o currículo mínimo e a
duração do curso de Pedagogia, tratando da composição das disciplinas da parte comum e da parte
específica para cada habilitação.
               Nesse período, o curso de Pedagogia teve como objetivo a formação do professor
para atuar nas escolas de Magistério de 2 º grau, as quais formavam os docentes para as séries
iniciais do Ensino de 1 º grau.
                Além da formação para o Magistério das Disciplinas Pedagógicas do 2 º grau
(tronco comum), o curso formava especialistas da educação nas áreas de Orientação Educacional e
Administração Escolar, tendo como referência outros campos do conhecimento, especialmente, da
psicologia e do modelo de organização do trabalho fordista/taylorista.
                 Essa perspectiva reducionista, no entanto, é questionada com o fim da ditadura
militar nos anos de 1980, quando os movimentos sociais se fortalecem propondo mudanças,
inclusive no campo educacional, numa perspectiva voltada para o entendimento das contradições
da realidade escolar.
                  No final desse período, observou-se o desenvolvimento de uma nova ordem
econômica orientada pelos princípios do neoliberalismo que exigia uma série de reformas em
diferentes segmentos e setores da sociedade. Essas reformas tinham como pressuposto a ênfase no
Estado Mínimo, cujas políticas sociais centravam-se na racionalidade, produtividade e eficiência.
                  Considerando que uma das exigências do reconhecimento era a qualificação
docente em cursos de mestrado e doutorado, o curso de Pedagogia teve que ser repensado.
Acrescente-se a isso, a exigência da comunidade regional quanto a qualidade do curso e da sua
expansão. Assim, o curso teve sua matriz curricular revista e ampliada em 1995, sob a coordenação
de peritos da UNICAMP, num amplo processo deflagrado no DEDUC – Departamento de
Educação, juntamente com o DEMEP – Departamento de Metodologia e Prática de Ensino, e
acadêmicos de Pedagogia.
                A partir de 1996, com o reconhecimento da UNICENTRO, foi implantada a nova
grade curricular, que privilegiava a formação do pedagogo para atuar no magistério das séries
iniciais reforçada pela LDBEN n º 9.394 de 20 de dezembro de 1996, além de propor novas
habilitações na área de supervisão Escolar e Educação Infantil.
                Vale ressaltar que esta proposta curricular sofreu novas reformulações em 1999,
com alterações de nomenclaturas, de algumas disciplinas já constantes na grade, para atender a
própria LDBEN, como também inserção de novas disciplinas. Ademais, contribuíram para essas
mudanças, as sugestões dos membros do Conselho Estadual de Educação do Paraná, apresentadas
por ocasião da sua visita para aprovação de extensões do curso de Pedagogia nos municípios de
Laranjeiras do Sul e Pitanga. Também, contribuíram para isso, as discussões havidas em âmbito
mundial, em especial, a Conferência de Jomtien (Tailândia), em 1990, que enfocava políticas de
educação para todos, o que levou o curso de Pedagogia a buscar uma articulação entre as
necessidades locais e o contexto mundial.
                 A partir do ano 2000, propôs-se a habilitação de Educação Inclusiva a fim de
formar profissionais para a chamada Educação Especial. Foi atendida uma importante demanda
social e aberto um novo mercado para o pedagogo. De forma ampliada e melhorada, a habilitação
em Educação Inclusiva substituiu a formação, que, até então, era possível através dos chamados
Estudos Adicionais.
                 No bojo dessas mudanças situa-se a criação da UNICENTRO, acompanhada de
uma série de discussões de novas propostas em relação aos cursos de licenciatura até então
predominantes, tendo em vista os planos de autorização da Universidade que exigiam sua
expansão.
            UNICENTRO                              FORMULÁRIO 4
- PROJETO PEDAGÓGICO-
                   JUSTIFICATIVA (social e institucional)

              O Departamento de Pedagogia – DEPED – iniciou os estudos da grade curricular e
proposta Pedagógica do curso de Pedagogia em 2003 atendendo o Parecer CNE/CP1 e CNE/CP2.
Os docentes do curso foram reunidos em 3 áreas: Fundamentos da educação, Didática e Prática de
ensino e Habilitações. Esse estudo permitiu estabelecer os princípios, fundamentos e
procedimentos a serem observados na organização institucional e curricular.
                Diante de uma nova proposta do CNE que estabelece novos encaminhamentos para
as licenciaturas entre elas o curso de Pedagogia, o DEPED retomou os trabalhos com o Projeto
pedagógico do curso em 2004 e 2005 para adequá-lo aos Pareceres nº 05 de 2005 e nº 03 de 2006,
centralizando seus esforços na organização da matriz curricular desse projeto pedagógico levando
em conta as sugestões de outras instituições.
                Nesse sentido, vem procurando acompanhar a flexibilização no mercado de trabalho
e as propostas para as Diretrizes Curriculares sobre a formação do pedagogo, em que tal contexto
proporcionou condições para o debate entre a formação do pedagogo generalista ou especialista,
desencadeando uma proposta de reformulação que não privilegia uma única formação, o curso de
Pedagogia centra-se na docência para os anos iniciais e na gestão educacional em instituições
escolares e não escolares. Ou seja, procura privilegiar a pedagogia como ciência da educação não
distinguindo a licenciatura do bacharelado. E, onde a Educação Inclusiva não mais será
fragmentada, mas estará presente na formação de ambos.
              Embora a opção pela docência como eixo na formação do pedagogo, essa formação
não se restringe apenas ao aspecto técnico-pedagógico do espaço da sala de aula como reprodução
do conhecimento, e sim, compreende esse espaço como a própria organização do trabalho
pedagógico.
              Junto a essa formação inicial, pretende-se, também contemplar a formação
continuada, na Proposta Curricular para 2006 para possibilitar, além da qualificação profissional
para a docência dos anos iniciais e gestão educacional, a formação continuada em nível de
pós-graduação nas áreas emergentes da educação.
                Aos argumentos anteriormente apresentados, somem-se o processo de
diversificação das atividades pedagógicas, a ampliação do conceito de educação e o surgimento de
novos sujeitos e espaços educativos, os quais solicitam uma visão mais abrangente da educação a
partir de uma abordagem interativa.
               Para efeitos de apreciação e aprovação junto aos Órgãos Deliberativos desta
Instituição, a presente proposta traz as informações solicitadas a seguir.
            UNICENTRO                                            FORMULÁRIO 5
- PROJETO PEDAGÓGICO-

        PRINCÍPIOS NORTEADORES DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO
         O Curso de Pedagogia ofertado pela UNICENTRO, no Campus de Guarapuava e Campi
Avançados de Chopinzinho, Laranjeiras do Sul e Pitanga, atende estudantes da região centro oeste
e de outras cidades do Paraná. Sua clientela é formada por alunos e alunas oriundos dos Colégios
de ensino Médio, pessoas que não tiveram nenhuma atuação no Magistério e também professores e
professoras em exercício.
          A luz dessa orientação e da compreensão do papel dos Cursos de Graduação como
formação inicial ao processo contínuo de educação permanente, inerente ao mundo do trabalho, é
que se pretende delinear em termos gerais, contornos que correspondam as dinâmicas e mutáveis
condições exigidas pela sociedade para a formação do profissional, neste caso específico, a do
pedagogo.
           Nesse sentido, a proposta centra-se no processo de qualificação dos alunos e alunas,
possibilitando-lhes o acesso a uma bagagem significativa de conhecimentos científicos que lhes
garanta condições do exercício profissional em educação.
            Esses conhecimentos serão ministrados a partir:
1. de uma base comum, que contempla os fundamentos sociológicos, filosóficos, psicológicos,
   históricos, políticos e antropológicos, assim como as questões relativas ao trabalho pedagógico
   e à questão escolar, constituindo o que se denomina de Núcleo/histórico contextual, ou seja, são
   as disciplinas que tratam dos conhecimentos estruturais do curso;
2. da inserção no universo de Pesquisa em Educação, sendo este o eixo integrador do curso, com
   fundamentos investigativos e reflexivos na área educacional. São as disciplinas de
   conhecimento intercomplementares, ou seja, aquelas que fornecem o elo de ligação com os
   demais núcleos e disciplinas, além de propiciar estudos sobre os diferentes modos de pesquisar,
   de olhar e de compreender a escola e seu cotidiano. A articulação dos saberes escolares com os
   saberes acadêmicos possibilitam um olhar construído que orientará a elaboração de um projeto
   de pesquisa individual e/ou coletivo, conforme regulamento próprio. A sistematização dessa
   pesquisa acontecerá na forma de um trabalho de conclusão de curso, o qual deverá ser
   socializado em seminários de pesquisa e/ou outros eventos no âmbito da UNICENTRO e/ou de
   outras instituições. Essa perspectiva na formação do pedagogo é considerada inovadora, pois
   implica em reflexões e pesquisas contextualizadas, ações estas, que até, recentemente, estavam
   reservadas à formação em nível de pós-graduação. A formação do professor/pesquisador
   reflexivo valoriza a escola, sobretudo a escola pública e a sala de aula como espaço privilegiado
   na apropriação e produção do conhecimento e saberes, sendo, ao mesmo tempo, espaço para os
   benefícios de uma ação reflexiva;
3. do Núcleo dos Conteúdos didático-metodológicos-profissionais: que compreende os
   fundamentos e conteúdos curriculares da educação básica, conhecimentos didáticos e as
   disciplinas de conhecimentos específicos, articuladas às práticas de ensino, podem ser neste
   contexto, entendidas como práticas próprias do magistério realizadas pelo aluno em sala de
   aula, nas diversas disciplinas e nos diferentes espaços durante o curso, atendendo, inclusive
   alunos com necessidades educacionais especiais. Tais práticas se enriquecem pela
   interdisciplinaridade, pois desde seu planejamento, permitem a articulação entre professores de
   diversas disciplinas do curso como também de outros cursos. Essas práticas incluem a
   observação do cotidiano escolar, o estudo e aplicação das novas tecnologias no processo de
   aprendizagem, atuação em mini-cursos e atividades desenvolvidas em seminários, palestras,
   observações participativas, estágios supervisionados e outras ações. Neste enfoque, as
   disciplinas pertencentes a este núcleo são aqui entendidas como princípios pedagógicos gerais,
   que norteiam a organização do trabalho em sala de aula articulada à organização global da
   escola. Os conteúdos elencados pelas disciplinas deste núcleo articulam-se às linhas de pesquisa
   dos grupos de estudo existentes no DEPED, quais sejam: Grupo de Ação e Pesquisa em
   Educação Continuada – GAPE, Educação e Trabalho, Grupo de Estudos em Tecnologia,
   Educação e Cultura – GETEC e GIEDH – Grupo Interdisciplinar de Estudos sobre o
   Desenvolvimento Humano.
4. do Núcleo complementar: compreende as atividades que veiculam conteúdos que venham
   complementar a estrutura do curso, como a participação em palestras, semanas de estudo,
   congressos, seminários com apresentação de trabalhos, mini cursos, etc.
               Essas atividades buscam aprofundar a análise e a crítica na conjuntura educacional
brasileira, além de propiciar aos alunos e às alunas um entendimento significativo dos diversos
segmentos de atuação que o curso de Pedagogia oferece.
                O curso ainda poderá destinar 20% da carga horária de suas disciplinas para
atividades a distância, utilizando os recursos necessários para desenvolverem o respectivo
conteúdo.
            UNICENTRO                                           FORMULÁRIO 6
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                                          OBJETIVOS

-   Compreender de forma ampla e consistente o fenômeno e a prática educativa que se dão em
    diferentes âmbitos e especificidades;

-   Compreender o processo de construção do conhecimento no indivíduo inserido em seu contexto
    social e cultural;


-   Identificar problemas sócio-culturais educacionais propondo respostas criativas às questões da
    qualidade de ensino e das medidas que visem a superar a exclusão social;

-   Estabelecer diálogo entre a área educacional e as demais áreas de conhecimento;

-   Articular ensino e pesquisa, apropriação e produção do conhecimento/saberes na construção da
    prática pedagógica;

-   Desenvolver metodologias e materiais pedagógicos adequados a utilização das tecnologias da
    informação e da comunicação nas práticas educativas;

-   Estimular o comprometimento com a ética na atuação profissional e com a organização
    democrática da sociedade;

-   Articular a atividade educacional nas diferentes formas de gestão educacional, na organização
    do trabalho pedagógico, no planejamento, execução e avaliação de propostas pedagógicas da
    escola;

-   Compreender os pressupostos avaliativos do processo educativo.
            UNICENTRO                                             FORMULÁRIO 7
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                              COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

              Considerando as depreensões e posturas deste curso de Pedagogia e com base na
Portaria do Ministério da Educação e Cultura (MEC) n° 3.803 de 24 de dezembro de 2002,
publicada no Diário Oficial da União (DOU) em 26 de dezembro de 2002, e ainda, o Edital da
Secretaria de Estado do Paraná da Administração e da Previdência / Departamento de Recursos
Humanos n° 37/2004 de 30 de setembro de 2004, tem-se como habilidades em Pedagogia as que
seguem:

Habilidades acadêmicas:
Conhecimento da realidade em que se inserem os processos educativos e desenvolver formas de
intervenção, com base na compreensão dos aspectos filosóficos, sociais, históricos, econômicos,
políticos e culturais que a configuram e condicionam.

Conhecimento e avaliação das concepções filosóficas e pedagógicas das políticas educacionais e
seus processos e implementação nos diversos níveis e modalidades de ensino.

Compreensão dos vários domínios do conhecimento pedagógico e os conteúdos disciplinares
específicos e respectivas metodologias numa perspectiva de formação contínua e
auto-aperfeiçoamento.

Mobilização e integração de conhecimentos, capacidades e tecnologias para intervir efetivamente
em situações pedagógicas concretas.

Articulação, mediante práticas participativas, de recursos humanos, metodológicos, técnicos e
operativos, inclusive em equipes interdisciplinares e multiprofissionais.


Investigação de situações educativas, sabendo mapear contextos e problemas, captar e analisar as
contradições, argumentar e produzir conhecimentos.

Atuação com ética e profissionalismo, com responsabilidade social para a construção de uma
sociedade includente, justa e solidária.
Compreensão do desenvolvimento e da aprendizagem de pessoas inseridas em seus contextos
culturais e sociais, considerando as dimensões cognitivas, afetivas, éticas e estéticas.
Articulação das teorias pedagógicas e curriculares no processo ação-reflexão, envolvendo a
docência, a elaboração e avaliação de projetos pedagógicos e o desenvolvimento da organização e
gestão do trabalho educativo.

Análise das situações educativas e de ensino e realizar pesquisas, de modo a produzir
conhecimentos teóricos e práticos.

Promoção da articulação e integração entre saberes e processos investigativos dos diversos campos
do conhecimento, visando a formação do cidadão.

Cuidado com as relações entre escola, comunidade e movimentos sociais.

Observação dos preceitos constitucionais, a legislação educacional em vigor e o Estatuto da
Criança e do Adolescente, como fundamentos da prática educativa.

Habilidades funcionais:
Coordenação     da   elaboração      coletiva   e   acompanhamento    da   efetivação   do    projeto
político-pedagógico e do plano de ação da escola.

Coordenação da construção coletiva e a efetivação da proposta curricular da escola, a partir das
políticas educacionais da mantenedora e das Diretrizes Curriculares Nacionais do CNE.

Promoção e coordenação de reuniões pedagógicas e grupos de estudo para reflexão e
aprofundamento de temas relativos ao trabalho pedagógico e para a elaboração de propostas de
intervenção na realidade da escola.

Participação da elaboração do projeto de formação continuada de todos os profissionais da escola,
tendo como finalidade a realização e o aprimoramento do trabalho pedagógico escolar.

Análise dos projetos de natureza pedagógica a serem implantados na escola.

Coordenação da organização do espaço-tempo escolar a partir do projeto político-pedagógico e da
proposta curricular da escola, intervindo na elaboração do calendário letivo, na formação de turmas,
na definição e distribuição do horário semanal das aulas e das disciplinas, do ―recreio‖, da
hora-atividade e de outras atividades que interfiram diretamente na realização do trabalho
pedagógico.
Responsabilizar-se pelo trabalho pedagógico-didático desenvolvido na escola pelo coletivo dos
profissionais que nela atuam.

Implantação de mecanismos de acompanhamento e avaliação do trabalho pedagógico escolar pela
comunidade interna e externa.

Apresentação de propostas, alternativas, sugestões e/ou críticas que promovam o desenvolvimento
e o aprimoramento do trabalho pedagógico escolar, conforme o projeto político-pedagógico, a
proposta curricular e o plano de ação da escola e as políticas educacionais da mantenedora.

Coordenação da elaboração de critérios para aquisição, empréstimo e seleção de materiais,
equipamentos, e/ou livros de uso didático-pedagógico, a partir da proposta curricular e do projeto
político-pedagógico da escola.

Participação da organização pedagógica da biblioteca da escola, assim como do processo de
aquisição de livros e periódicos.
Orientação do processo de elaboração dos planejamentos de ensino junto ao coletivo de professores
da escola.

Subsidiar o aprimoramento teórico-metodológico do coletivo de professores da escola, promovendo
estudos sistemáticos, trocas de experiência, debates e oficinas pedagógicas.

Elaboração do projeto de formação continuada do coletivo de professores e promover ações de sua
efetivação.

Organização da hora-atividade do coletivo de professores da escola, de maneira a garantir que esse
espaço-tempo seja de reflexão sobre o processo pedagógico desenvolvido em sala de aula.

Atuação, junto ao coletivo de professores, na elaboração de projetos de recuperação de estudos a
partir das necessidades de aprendizagem identificadas em sala de aula, de modo a garantir as
condições básicas para que o processo de socialização do conhecimento científico e sde construção
do saber se efetive.

Organização da realização de conselhos de classe, de forma a garantir um processo coletivo de
reflexão-ação sobre o trabalho pedagógico desenvolvido pela escola e em sala de aula, além de
coordenar a elaboração de propostas de intervenção decorrentes desse processo.

Informação ao coletivo da comunidade escolar os dados do aproveitamento escolar, de forma a
promover o processo reflexão-ação sobre os mesmos para garantir a aprendizagem de todos os
alunos.

Coordenação do processo coletivo de elaboração e aprimoramento do Regimento Escolar,
garantindo a participação democrática de toda a comunidade escolar.

Desenvolvimento de projetos que promovam a interação escola-comunidade, de forma a ampliar os
espaços de participação, de democratização das relações, de acesso ao saber e de melhoria das
condições de vida da população.

Participação do Conselho Escolar subsidiando teórica e metodologicamente as discussões e
reflexões acerca da organização e efetivação do trabalho pedagógico escolar.

Desenvolvimento da representatividade dos alunos e sua participação nos diversos momentos e
órgãos colegiados da escola.

Promoção da construção de estratégias pedagógicas de superação de todas as formas de
discriminação, preconceito e exclusão social e de ampliação do compromisso ético-político com
todas as categorias e classes sociais.
            UNICENTRO                                           FORMULÁRIO 8
- PROJETO PEDAGÓGICO-


                          PERFIL DO PROFISSIONAL DESEJADO

O compromisso político-pedagógico de pedagogos formados e em fase de formação inicial inclui,
 de forma basilar, o cuidado para com o desenvolvimento da própria Pedagogia, tendo em vista a
   salvaguarda da melhor Educação, pelo estudo de referenciais teóricos, pela pesquisa e pelo
 desenvolvimento de metodologias e técnicas de planejamento, ensino e avaliação, e sobretudo,
pelo engajamento estimulado e testemunhado pelos professores na defesa do único espaço de fato
universitário para formação de professores e especialistas em Educação que tem a pesquisa como
                           componente essencial de desenvolvimento.
            Tal formação poderá possibilitar ao Pedagogo, uma eficaz atuação nas diferentes áreas
da educação formal e não formal, em atividades científico—tecnológicas do campo educacional, na
produção e na difusão de conhecimentos próprios desse campo, na organização e gestão de
experiências educacionais escolares e não escolares, tendo a docência como base de sua identidade
profissional e para o caso específico, especialmente no que concerne à docência nas séries iniciais
do ensino fundamental.
       Fica claro assim, que o caráter de flexibilidade didático-peagógico facultado pela nova LDB
à construção dos currículos plenos dos cursos de graduação, influencia fortemente as tentativas de
definição apriorística de um perfil profissional e abre, a possibilidade de se pensar e (repensar)
espaços periódicos de tempo, em perfis condizentes com as contínuas transformações sociais e as
diferentes exigências postas pelo mundo do trabalho ao qual dirigem os egressos da Universidade e
no qual se espera, possam dar a sua contribuição como educadores.
            UNICENTRO                                                          FORMULÁRIO 9
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                          CURRÍCULO PLENO – GRADE CURRICULAR

CURSO:            PEDAGOGIA             - Docência e Gestão Educacional
DISCIPLINAS                                                                      1a    2a      3a      4ª        C/H
                                                                                       1ºs/2ºs 1ºs/2ºs
Fundamentos Filosóficos da Educação: teorias da Educação                          3                                102
Fundamentos Históricos da Educação                                                2                                68
Introdução à Pedagogia: organização do trabalho pedagógico                        3                                102
Pesquisa em Educação I                                                            3                                102
Psicologia da Educação I                                                          3                                102
Sociologia da Educação I                                                          3                                102
Leitura e Produção de Textos                                                      2                              68
Didática                                                                          3                                102
Novas Tecnologias Aplicadas à Educação                                                    2                         68
Fundamentos Filosóficos da Educação                                                       2                         68
História da Educação no Brasil                                                            3                       102
Pesquisa em Educação II                                                                   2                         68
Estágio Supervisionado na educação infantil                                               2                        68
Psicologia da Educação II                                                                 2                         68
Sociologia da Educação II                                                                 2                         68
Fundamentos da educação especial/inclusiva                                                3                        102
Infância, produção cultural e representações                                              2                        68
Metodologia do Ensino da Língua Portuguesa                                                2                         68
Fundamentos Teóricos e Metodológicos da Educação Infantil                                         3                102
Metodologia do Ensino da Matemática                                                               4                68
Metodologia do Ensino de Ciências*                                                                4              68
Metodologia do Ensino da História *                                                               4                 68
Metodologia do Ensino da Geografia *                                                              4                 68
Pedagogia e Movimento: Jogos e Brincadeiras *                                                     2                 68
Metodologia do Ensino da Arte *                                                                   2                 68
Teoria e Metodologia da Alfabetização                                                             3              102
Estágio Supervisionado nos Anos Iniciais                                                          2                68
Políticas Educacionais, Org. e Func. da Educação Básica                                           3                102
Currículos e Programas                                                                                      2      68
Planejamento e Avaliação                                                                                    3    102
Estágio Supervisionado nas disciplinas Pedagógicas no ensino médio                                          2      68
Estágio supervisionado em gestão educacional em instituições escolares e não                                3      102
escolares
Saúde e nutrição da criança                                                                                 2      68
Noções de Língua Brasileira de Sinais - LIBRAS                                                              2      68
Gestão em Instituições Escolares e Não Escolares                                                            3      102
Pesquisa em Educação III - Trabalho de Conclusão de Curso                                                   2       68
Educação e formação profissional                                                                            2    68
SUBTOTAL                                                                          22     22      23         21    2992
Estágio Supervisionado**                                                                                         300
Atividades complementares                                                                                          100
TOTAL                                                                                                             3392
   * Disciplinas semestrais.
               CATEGORIZAÇÃO DE DISCIPLINAS DO CURRÍCULO PLENO
                         Disciplinas obrigatórias de formação básica
            Departamento                   Disciplina                Carga horária
Pedagogia                        Fundamentos Filosóficos da Educação:      3                        102
                                 teorias da Educação
Pedagogia                        Fundamentos Históricos da Educação        2                           68
Pedagogia                        Psicologia da Educação I                  3                       102
Pedagogia                        Sociologia da Educação I                  3                         102
Pedagogia                        Fundamentos Filosóficos da Educação               2                   68
Pedagogia                        História da Educação no Brasil                    3               102
Pedagogia                        Psicologia da Educação II                         2                   68
Pedagogia                        Sociologia da Educação II                         2                   68
Pedagogia                        Pesquisa em Educação I                    3                         102
Pedagogia                        Pesquisa em Educação II                           2                   68
Pedagogia                        Trabalho de Conclusão de Curso                              2         68
Pedagogia                        Fundamentos na Educação Especial /                     3            102
                                 Inclusiva
Pedagogia                        Fundamentos Teóricos e Metodológicos          3                   102
                                 da educação infantil

                           Disciplinas obrigatórias complementares
            Departamento                    Disciplina                             Carga horária
Letras                           Leitura e Produção de Textos              2                            68
Pedagogia                        Novas Tecnologias Aplicadas à                     2
                                 Educação                                                                68
Pedagogia                        Currículo e Programas                                  2               68
Pedagogia                        Políticas Educacionais, Org. e Func. da
                                 Educação Básica                                        3           102
Pedagogia                        Planejamento e avaliação                                    3      102
Pedagogia                        Infância, produção cultural e                     2
                                 representações                                                    68
Nutrição                         Saúde e nutrição da criança                                 2          68
Pedagogia                        Noções de língua brasileira de sinais -
                                 Libras                                                      2          68

                           Disciplinas obrigatórias profissionalizantes
            Departamento                     Disciplina                            Carga horária
Pedaogia                         Introdução à Pedagogia: organização do    2                             68
                                 trabalho pedagógico
Pedagogia                        Teoria e Metodologia da Alfabetização                  3           102
Pedagogia                        Metodologia do Ensino da Língua                        4          68
                                 Portuguesa (1º Sem.)
Pedagogia                        Metodologia do Ensino de Ciências (1º             4
                                 Sem.)                                                                  68
Pedagogia                        Metodologia do Ensino da Matemática                    4
                                 (2º Sem.)                                                         68
Pedagogia                        Metodologia do Ensino da História (1º                  4
                                 Sem.)                                                                  68
Pedagogia                        Metodologia do Ensino da Geografia (2º                 4
                                 Sem.)                                                                68
Pedagogia                        Didática                                  3                         102
Pedagogia                        Educação e formação profissional                            2     68
Pedagogia                        Estágio supervisionado na educação         2                    68
                                 infantil
Pedagogia                        Estágio Supervisionado nos anos iniciais           2            68
                                 Pedagogia e Movimento: Jogos e
Pedagogia                        Brincadeiras                                   2           68
Pedagogia                        Metodologia do Ensino da Arte                      2            68
Pedagogia                        Estágio Supervisionado nas disciplinas                 2        68
                                 pedagógicas do ensino médio
Pedagogia                        Estágio Supervisionado gestão                          3     102
                                 educacional em instituições escolares e
                                 não escolares
Pedagogia                        Gestão em Instituições Escolares e Não                 3     102
                                 Escolares


                                    Flexibilização Curricular I
                                            Carga Horária
          1. Atividades complementares – 100 horas destinadas a outras formas de atividades
              acadêmico-científico-culturais devendo ser cumpridas no decorrer do curso, na forma
              de semana pedagógicas, cursos e projetos de extensão na área de educação, mini
              cursos, palestras em palestras como ouvinte e/ou como palestrante, congressos e
              seminários, publicação, projeto de responsabilidade social envolvendo portadores de
              necessidades educacionais especiais, o indígena, o negro, etc, participação na
              organização de eventos, monitoria, bolsista de pesquisa e/ou extensão e/ou atividades
              similares mediante comprovação documental na caracterização do curso
              anteriormente explicitado, em que se busca a formação da identidade que se deseja
              desenvolver no pedagogo, ou seja, um sujeito de atitudes, produtor de saberes e
              acima de tudo ético.
          2. A documentação referente a estas atividades, para fins de certificação, serão de
              responsabilidade do(a) acadêmico(a) que deverá apresentá-la ao final do curso.
                                                TCC
 Carga horária                       Descrição                      Disciplina (quando for o caso)
      68         A disciplina ocorrerá no 4º ano do curso cujo Pesquisa em Educação III –
                 início do trabalho monográfico se dará a partir Trabalho de Conclusão de Curso
                 do 1º ano com a disciplina de Pesquisa I. O(A)
                 acadêmico(a) poderá optar pela orientação de
                 docente da Instituição cuja área de atuação esteja
                 relacionada com o tema de sua pesquisa. O
                 trabalho de conclusão de Curso segue
                 regulamentação interna própria.
                                      Formatação do Estágio
Descrição                                     Operacionalização                                 C/H
                       No Núcleo dos conteúdos didático-metodológicos encontram-se as
     disciplinas de Estágio Supervisionado na educação infantil no 2º e                 Estágio
     Supervisionado nos anos iniciais no 3º ano, Estágio Supervisionado nas disciplinas
     pedagógicas do ensino médio no 4º ano, compreendendo o estágio de docência 204
     horas.
                      No 4º ano haverá o Estágio Supervisioando nas Disciplinas Pedagógicas
     no ensino médio paralelo ao de Gestão Educacional em Instituições escolares e não
     escolares, levando o aluno e aluna a conhecer outros espaços de atuação do pedagogo
     além da sala de aula. Desse modo, a carga horária de estágio soma o total de 306 horas e
     será realizado da seguinte maneira:
                        Estágio Curricular – 306 horas envolvendo atividades de estágio
     distribuídas nas disciplinas de Estágio Supervisionado na educação infantil, nos anos
     iniciais e disciplinas pedagógicas do ensino médio com 204 h, Estágio Supervisionado
      em Gestão Educacional em Instituições escolares e não escolares com 102 h., realizados
      conforme segue:
                a) No Estágio na educação infantil, o aluno fará o reconhecimento do trabalho
                    na educação infantil e docência.
                b) O Estágio nos anos iniciais atenderá os aspectos essenciais da docência
                    incluindo experiências com alunos portadores de necessidades
                    educacionais especiais, respeitando o regime de colaboração entre os
                    sistemas de ensino, desenvolvido desde o início do curso e será avaliado
                    em conjunto pela escola e/ou outro campo de estágio e pela Instituição de
                    Ensino.
                c) Na continuidade, o Estágio Supervisionado nas disciplinas pedagógicas do
                    ensino médio, será desenvolvido nas disciplinas pedagógicas do ensino
                    médio atendendo o curso na modalidade normal e outras habilitações de
                    nível médio.
                  d) Para o Estágio em Gestão Educacional em Instituições escolares e não
                     escolares, considera-se as demais disciplinas pertencentes à matriz
                     curricular que se referem aos procedimentos didático-metodológicos que
                     contribuirão na execução de atividades, na busca de observação e reflexão
                     e na iniciativa de enfrentamento das situações complexas evidenciadas
                     nestes locais.
                                         Recursos Humanos
                    Existentes                                       Necessários
5 professores doutores                             10 professores
17 professores mestres                             1 funcionário
19 professores especialistas
2 estagiários
                                    Recursos Físicos e Estruturais
                    Existentes                                       Necessários
Sala de professores do Departamento de             Sala para as Comissões de Ensino e de Pesquisa
Pedagogia
Laboratório de Informática - CCH
Laboratório de Pesquisa em Educação e do
Grupo de Estudo – GAPE
Laboratório de Educação Inclusiva – PAPE
Laboratório de Metodologia e Estágio
Secretaria
Sala da chefia do Departamento
                                         Recursos Materiais
                    Existentes                                       Necessários
1 Computador para os professores                   20 cadeiras
1 Computador e uma impressora para a secretaria 2 computadores com multimídia e uma
do Departamento                                    impressora para uso dos professores
1 balcão                                           1 datashow
5 Armários de madeira                              1 quadro verde
1 prateleira com livros
1 quadro branco
1 mural de feltro
1 armário individual para os professores
1 armário de escaninhos para os professores
3 Arquivos de aço
4 escrivaninhas
4 Mesas para reunião e trabalhos acadêmicos
1 mesa para trabalhos dos professores
2 linhas telefônicas




                             Ementário
1. FUNDAMENTOS FILOSÓFICOS DA EDUCAÇÃO: Reflexão filosófica sobre a educação
nas suas dimensões históricas, sociais e culturais estabelecendo as relações entre filosofia e
educação através de uma retomada da Paidéia grega, educação medieval, moderna e tendências
contemporâneas.

2. FUNDAMENTOS HISTÓRICOS DA EDUCAÇÃO: Análise da História da Educação:
Antiga, medieval, moderna e contemporânea, focalizando suas instituições e o pensamento
pedagógico articulados com o desafio histórico de cada momento.


3. INTRODUÇÃO À PEDAGOGIA: ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO PEDAGÓGICO
O encaminhamento de uma prática educacional do pedagogo a partir da compreensão da educação.
Encaminhamentos metodológicos da formação profissional do pedagogo. O histórico, a estrutura e
a organização do curso de Pedagogia no Brasil. A Pedagogia como ciência da educação e a
identidade profissional.


4. PESQUISA EM EDUCAÇÃO I: Iniciação a produção de saberes e conhecimento, como fase
exploratória do processo. Análise crítica e contextualizada sobre as situações teórico-práticas
observadas nas escolas e outras instituições socias. Escolha do objeto de pesquisa.


5. PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO I: Introdução à Psicologia Educacional. Principais teorias da
investigação sobre o desenvolvimento humano normal e atípico nos aspectos: cognitivo,
psicomotor, social, emocional e afetivo.

6. SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO I: Contexto histórico do surgimento da Sociologia. Quadros
teóricos para o estudo da sociedade: noções básicas do funcionalismo e do materialismo histórico.
Ideologias de organização da sociedade: anarquismo, socialismo, comunismo e capitalismo. O
pensamento sociológico contemporâneo e a educação: Teoria do Aparelho Ideológico do Estado,
Teoria da Reprodução, Sociedade sem Escola, Educação Libertária, Pedagogia Histórico-crítica.


7. LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO: Lingüística textual; a construção do sentido no texto;
coerência, coesão, argumentação e variantes lingüísticas que compõem o texto escrito. A partir de
textos acadêmicos utilizar práticas e estratégias de leitura, produção de textos e de reestruturação e
reescrita de tais textos com o objetivo de levar à reflexão sobre a escrita e autoria.

8. DIDÁTICA: Trajetória histórica da didática no contexto da Educação Brasileira. Conhecimento
e Análise crítica dos processos de ensino e de aprendizagem, à luz da teoria pedagógica. Didática e
formação do professor. Elementos fundamentais da prática pedagógica. Organização do trabalho
pedagógico.


9. NOVAS TECNOLOGIAS APLICADAS À EDUCAÇÃO: Ambientes informatizados de
aprendizagem: o papel da escola e do professor no processo de ensino-aprendizagem. Uso
pedagógico de aplicativos desenvolvidos em várias linguagens. Estudo sobre o uso e aplicação da
Internet na escola. Organização de atividades para os anos iniciais utilizando os recursos
tecnológicos disponíveis para alunos portadores ou não de necessidades educacionais especiais.


10. FUNDAMENTOS FILOSÓFICOS DA EDUCAÇÃO: Estudo das principais tendências do
pensamento pedagógico a partir das contribuições dos educadores brasileiros contemporâneos.


11. HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA: Análise histórica da Educação Brasileira do
contexto colonial até a atualidade focalizando suas instituições sociais e o pensamento articulados
com os desafios históricos de cada momento.


12. PESQUISA EM EDUCAÇÃO II: Continuação do processo de produção de saberes e
conhecimento como fase estruturante e organizacional do planejamento de pesquisa. Análise crítica
e contextualizada sobre situações teórico-práticas observadas nas escolas e outras instituições
sociais. Construçãod e um projeto de pesquisa.


13. ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Reconhecimento do trabalho nas instituições de educação infantil, como elemento e
diagnóstico da realidade. Acompanhamento e participação das atividades docentes.
Realização de práticas em docência e projetos pedagógicos na instituição escolar,
estabelecendo relações entre a teoria e a prática pedagógica. Análise preliminar sobre
a prática na perspectiva da formação do professor pesquisador.


14. PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO II: Principais teorias da investigação sobre aprendizagem
humana, normal e atípica. Dificuldades nos aspectos que interferem na aprendizagem.
15. SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO II: Padrões de acumulação capitalista: a passagem do
modelo taylorista-fordista para a acumulação flexível. Educação e neoliberalismo. O trabalho como
princípio educativo. Família e escolaridade. As abordagens sociológicas contemporâneas sobre
sucesso e o fracasso escolar.


16. FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL/INCLUSIVA: Construção histórica da
Educação Especial/Inclusiva. Pressupostos sociais, educacionais, e políticos. Direitos humanos:
cidadania, trabalho e multiculturalismo.


17. INFÂNCIA, PRODUÇÃO CULTURAL E REPRESENTAÇÕES: Abordagens da infância
em suas diferentes imagens e representações . A construção imagética dos recursos sobre a criança
na modernidade e prós-modernidade. Os diferentes olhares de alteridade sobre a infância. Lugares,
imaginário e representações da infância na arte, na mídia, na literatura, na sociedade de consumo,
nas produções culturais e nas múltiplas linguagens que sustentam a educação das crianças.

18. METODOLOGIA DA LÍNGUA PORTUGUESA: Concepções de língua ou linguagem
presentes nos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental. A língua padrão e as
variações linguísticas. Comunicação e contextualização. A oralidade, a leitura e a escrita. O
professor como referência de sujeito que lê, escreve e se comunica oralmente. Língua Portuguesa e
cultura. Literatura infantil: fruição, criação e interlocução. A pesquisa em ensino da Língua
Portuguesa.


19. FUNDAMENTOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL: Os
teóricos e as teorias da educação infantil e suas influências no trabalho teórico-prático. As
concepções e a história da infância e o atendimento na educação infantil. Abordagem das diferentes
concepções de trabalho pedagógico que fundamentam a educação infantil no Brasil. Metodologias e
organização do trabalho pedagógico para a educação infantil.

20. METODOLOGIA DO ENSINO DE CIÊNCIAS (1º Semestre): Abordagem das concepções
de ciência e de propostas curriculares. O ensino de ciências. Planejamento e desenvolvimento de
atividades para o ensino de ciências. A didática e as ciências. Construção do conhecimento
científico. Conhecimento e respeito pelo meio ambiente e perspectivas de educação ambiental.


21. METODOLOGIA DO ENSINO DA MATEMÁTICA (2º Semestre): O ensino da
matemática. Planejamento e desenvolvimento de atividades para o ensino de matemática. A didática
e a matemática. Construção do conhecimento matemático. Análise dos enfoques teóricos e
metodológicos da matemática. A aquisição dos conceitos matemáticos e suas implicações no
processo de aprendizagem.


22. METODOLOGIA DO ENSINO DE HISTÓRIA                           (1º Semestre) : Abordagem das
concepções de história das propostas curriculares. O ensino da história. Planejamento e
desenvolvimento de atividades para o ensino da história. A didática e a história. Construção do
conhecimento científico. Análise das experiências do cotidiano como dinamizadoras na inserção
social da criança, a diversidade cultural e histórica nas experiênciasque favorecem a construção do
conhecimento.

23. METODOLOGIA DO ENSINO DA GEOGRAFIA (2º Semestre) : Abordagem das
concepções de geografia e das propostas curriculares. O ensino da geografia. Planejamento e
desenvolvimento de atividades para o ensino da geografia. A didática e a geografia. Construção do
conhecimento científico. Análise das experiências do cotidiano e o conhecimento do meio natural,
a diversidade cultural e geográfica nas experiênciasque favorecem a construção do conhecimento.

24. PEDAGOGIA E MOVIMENTO: JOGOS E BRINCADEIRAS: Estudo das diferentes
concepções, propostas curriculares, alternativas metodológicas dos jogos e brincadeiras no processo
ensino-aprendizagem, incluindo atividades práticas em que esses possibilitem vivenciar o corpo em
todos os seus movimentos (dimensões).

25. METODOLOGIA DO ENSINO ARTE: As linguagens em suas diferentes modalidades, artes
visuais, musicais, teatro, dança como uma linguagem de expressão e comunicação dos sentidos,
sentimentos e pensamentos. Apresentar as linguagens em uma perspectiva do desenvolvimento da
capacidade estética e das vivências cotidianas com diferentes experiências materiais.

26. TEORIA E METODOLOGIA DA ALFABETIZAÇÃO: A linguagem e suas diversas
formas de expressão no processo de aprendizagem da criança. Estudo da aquisição da leitura e da
escrita como processo de letramento. Correntes epistemológicas e respectivas concepções de
ensino, aprendizagem, língua e linguagem e sua relação com o ensino de língua materna. Os
aspectos cognitivos do sujeito considerando os fatores psicológicos, sociais e culturai envolvidos no
processo de alfabetização. Alternativas metodológicas para o ensino da leitura e da escrita, na
educação infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental, incluindo análise lingüística, bem
como diagnóstico, prevenção e intervenção nas dificuldades de aprendizagem.
27. ESTÁGIO SUPERVISIONADO NOS ANOS INICIAIS: Elaboração e

desenvolvimento de projetos pedagógicos nos anos iniciais. Experiências de docência
em instituições escolares nos anos iniciais do ensino fundamental, atendendo também,
alunos com necessidades especiais incluídos. Reflexão sobre a práxis pedagógica e a
atividade docente.
28.   POLÍTICAS       EDUCACIONAIS,          ORGANIZAÇÃO           E   FUNCIONAMENTO             DA
EDUCAÇÃO BÁSICA: Análise crítica das políticas educacionais: aspectos sociopolíticos e
históricos. Plano Nacional de Educação: estrutura e organização do ensino no Brasil. As políticas e
a legislação da educação básica no país, no Estado e no Município.


29. CURRÍCULOS E PROGRAMAS: Avaliação do processo de ensino e de aprendizagem numa
visão histórica contemplando as diversas concepções pedagógicas e a construção e aplicação de
instrumentos. Fundamentos e concepções sobre a organização curricular na Educação Básica:
currículo por atividade e por disciplina. Projeto Político-Pedagógico, fundamentos filosóficos, plano
curricular e regimento escolar.


30. PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO: Avaliação do processo de ensino-aprendizagem numa
histórica, contemplando as diversas concepções pedagógicas e a construção e aplicação de
instrumentos técnicos. Avaliação e encaminhamentos relativos a necessidades educacionais
especiais. Avaliação participativa e institucional, planejamento como estratégia para identificação e
busca de alternativas com vista a melhoria da qualidade de ensino. Projeto político-pedagógico.


31. ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM GESTÃO EDUCACIONAL EM INSTITUIÇÕES
ESCOLARES E NÃO ESCOLARES:                   Observação, organização e planejamento da prática
pedagógica contextualizada na educação básica. Encaminhamentos teórico e metodológicos de
práticas em instituições não escolares.


31. ESTÁGIO SUPERVISIONADO NAS DISCIPLINAS PEDAGÓGICAS DO
ENSINO MÉDIO: Elaboração e desenvolvimento de projetos pedagógicos nas escolas
de Ensino Médio, com vistas à formação docente. Observação e participação do trabalho
escolar no Ensino Médio. Reflexão sobre a práxis pedagógica e a atividade docente.
Experiências de docência em instituições escolares nas matérias pedagógicas do Ensino
Médio – modalidade normal, incluindo os alunos com necessidades especiais
matriculados. Avaliação da prática de ensino.


33. GESTÃO EM INSTITUIÇÕES ESCOLARES E NÃO ESCOLARES: A gestão
participativa e a articulação dos membros que compõem a prática pedagógica na educação básica. A
pedagogia de projetos e descentralização no trabalho em equipe.
34. PESQUISA EM EDUCAÇÃO III – TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO:
Sistematização e teorização dos conhecimentos teórico-práticos mediados em pesquisa em educação
I, II e no decorrer do curso. Produção de uma monografia.


35. EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL – O trabalho como princípio. A relação
entre o mercado de trabalho e os processos de inserção profissional. Informação profissional nas
Instituições escolares e não escolares.


36. NOÇÕES DA LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS – LIBRAS: Retrospectiva histórica
sobre os surdos, sua língua, sua cultura e sua identidade. O ensino de Libras em contexto. Noção
básica de aspectos linguísticos de Libras

37. SAÚDE E NUTRIÇÃO DA CRIANÇA: Abordagens das formas de nutrição da criança nas
diversas fases da vida, assegurando hábitos alimentares adequados de higiene e repouso. As
doenças da infância e as vacinas. A AIDS. A segurança dos materiais e equipamentos. A segurança
da criança: acidentes mais comuns, prevenção e primeiros socorros. Técnicas de desinfecção e
higiene pessoal dos educadores.
            UNICENTRO                                            FORMULÁRIO 10
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                                     Relação com a Pesquisa

       Nessa perspectiva, a disciplina de Pesquisa em Educação, que permanece como eixo
teórico-metodológico de articulação entre as disciplinas, procura viabilizar a iniciação científica
como instrumento necessário a todos os alunos e alunas, professores e professoras em formação e
pelo reconhecimento de que todos são produtores de conhecimento.
            A formação do professor-pesquisador é uma alternativa para tentar eliminar as
dicotomias entre a teoria e a prática e, ao mesmo tempo, evidencia a articulação entre elas como
atividade integradora na formação dos professores e professoras. A própria operacionalização na
organização curricular como dimensão de um mesmo processo possibilita a flexibilização vertical e
horizontal do currículo na formação dos saberes. Sendo assim, as disciplinas que estabelecem a
relação entre teoria e prática são: Pesquisa em Educação I (iniciada no 1 º ano) e a Pesquisa em
Educação II ( 2º ano), que proporcionam a inserção de acadêmicos e acadêmicas em situações reais
de trabalho, orientados por uma linha investigativo-exploratória. Isso exige atividades de pesquisa e
de extensão, bem como de outras complementares durante o curso. No 4 º ano do curso, a pesquisa
se realiza por meio da disciplina de TCC – Trabalho de Conclusão de Curso, envolvendo o
acadêmico e a acadêmica na sistematização do trabalho monográfico iniciado no 1 º ano
(integralização horizontal das disciplinas) e desenvolvido no decorrer do curso (integração vertical)
sob orientação de docentes da instituição.
            UNICENTRO                                            FORMULÁRIO 11
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                                     Relação com a Extensão


       O curso de Pedagogia realiza todos os anos a Semana de Estudos de Pedagogia, em que
alunos, professores e comunidade em geral são convidados a prestigiar e participar com
apresentação de trabalhos. São realizadas oficinas, palestras e mini cursos sobre o tema da semana.
       A semana de estudos faz parte do calendário universitário e é o momento em que
acadêmicos do 4 º ano têm a oportunidade de apresentar seus trabalhos de conclusão de curso. Já
encontra-se em sua XIII edição. Além da sede são programadas atividades nos Campi Avançados
de Pitanga, Laranjeiras do Sul e Chopinzinho.
Também realiza o Fórum de Educação Infantil que irá para sua III edição. O Fórum é composto
por representantes da educação em nosso município e coordenado pela professora Jane do DEPED
que é presidente da OMEP Paraná.
       Ainda existem os projetos de extensão de professores do Departamento em que são inseridos
acadêmicos do curso para participarem como bolsistas
            UNICENTRO                                           FORMULÁRIO 12
- PROJETO PEDAGÓGICO-

                                 Relação com a Pós- Graduação


       O caráter dinâmico da realidade histórica e o misto de possibilidade e necessidade humanas
de desenvolvimento evidenciam, no mesmo tempo em que justificam, a evolução constante da
tradição pedagógica, vale dizer, dos saberes e dos sujeitos da pedagogia. Os pressupostos da ação
reflexiva e contextualizada, que valorizam e exigem atitude interdisciplinar e conferem identidade
teórica-investigativa aos profissionais da Educação, servem ao projeto acadêmico de educação de
pedagogas e de pedagogos concatenando saberes filosóficos-políticos, científicos e tecnológicos.
           Nessa perspectiva, um fator importante que vem acompanhando essa proposta é a
articulação entre a graduação e pós-graduação num processo permanente de atualização científica e
tecnológica, visando, por meio da pesquisa, a formação continuada. É necessário uma formação
inicial, de profundidade acadêmica e compromisso político, suficiente para dar sentido e razão à
formação que inegavelmente continuará e que deverá superar o cumprimento de técnicas ordenadas
e, ser marcada pela capacidade e engajamento em novas teorizações decorrentes de reflexão crítica
a partir das práticas sociais existentes e voltadas para novas práticas sociais, que deverão ser
sucessivamente criticadas, reformuladas e melhoradas, o que exclui perspectivas sociais
conformistas.
              A pós-graduação latu senso, sendo incluída como atividade semanal na carga horária do
professor, poderá ser ofertada nas áreas que venham a complementar a formação inicial e
contemplar áreas emergentes da educação, inserindo o corpo docente e discente do curso num
processo educativo considerando toda a diversidade possível: de gênero, de classe social, étnica,
etária, religiosa e de porte ou não de necessidades especiais de aprendizagem.
         Nesse sentido, podemos vislumbrar a verticalidade do curso numa perspectiva em que se
construam processos de estudo e produção permanentes de professores e alunos de modo a ampliar
a formação a nível de um mestrado institucional na área de Educação.

								
To top