Prova_702_AR - Download as PDF

Document Sample
Prova_702_AR - Download as PDF Powered By Docstoc
					o anglo resolve

É trabalho pioneiro. Prestação de serviços com tradição de confiabilidade. Construtivo, procura colaborar com as Bancas Examinadoras em sua tarefa de não cometer injustiças. Didático, mais do que um simples gabarito, auxilia o estudante no processo de aprendizagem.

O EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO

Constituído de 63 questões objetivas, envolve conceitos de várias disciplinas do Ensino Médio, cruzando-os entre si, com a finalidade de avaliar a capacidade de interpretar textos e manipular dados. Este trabalho, preparado por autores do Sistema Anglo de Ensino, focalizou apenas a parte objetiva da prova.

83418018 SIMULADO ENEM/2008

1

ANGLO VESTIBULARES

SIMULADO ENEM 2008 Questões Objetivas
ELABORAÇÃO, RESOLUÇÃO E COMENTÁRIOS BIOLOGIA Armênio Uzunian Dan Edésio Pinsetta Nelson Caldini Jr. Nelson Henrique C. de Castro Sezar Sasson FÍSICA César Ricardo Fonseca Cláudio Marcelo Brunoro Elésio Vicente Esteves Júnior José Roberto Castilho Piqueira (Sorocaba) Marcelo Rodrigues (Play) Marcelo Samir Ronaldo Carrilho Ronaldo Moura de Sá GEOGRAFIA Hélio Carlos Garcia Reinaldo Scalzaretto Tito Márcio Garavello HISTÓRIA José Carlos Pires de Moura Gianpaolo Franco Dorigo Gilberto Tibério Marone Jucenir da Silva Rocha MATEMÁTICA Alexandre Marmo Glenn Albert Jacques van Amson Roberto Benedicto Aguiar Filho Roberto Miguel El Jamal PORTUGUÊS Dácio Antônio de Castro Eduardo Antônio Lopes Eduardo CalBucci Fernando Marcílio Lopes Couto QUÍMICA Geraldo Camargo de Carvalho João Usberco

SISTEMA ANGLO DE ENSINO Rua Tamandaré, 596 Liberdade – São Paulo – SP CEP 01525-000 Fone/Fax (011) 3273-6000 http://www.cursoanglo.com.br COORDENAÇÃO DA PROVA Sezar Sasson COORDENAÇÃO GERAL Nicolau Marmo DIREÇÃO Emílio Gabriades Guilherme Faiguenboim PROGRAMAÇÃO VISUAL Ulhôa Cintra Comunicação Visual e Arquitetura COMPOSIÇÃO Gráfica e Editora Anglo Ltda.

SIMULADO ENEM/2008

2

ANGLO VESTIBULARES

INTRODUÇÃO
A prova que você resolveu é uma simulação do ENEM — Exame Nacional do Ensino Médio —, que o MEC criou e aplicou, pela primeira vez, em 1998. A participação no exame é voluntária, podendo inscrever-se todos os alunos matriculados na 3ª série do Ensino Médio e aqueles que tenham concluído esse curso. Algumas universidades, inclusive do Estado de São Paulo, como, por exemplo, a USP, a UNESP e a UNICAMP, utilizam a nota obtida pelo candidato no ENEM como parte de sua avaliação, que continua sendo feita por meio de vestibulares. A prova do ENEM tem como proposta avaliar 21 habilidades, que decorrem de 5 competências. Cada habilidade é medida em três questões; portanto a prova é composta de um total de 63 questões. Algumas das habilidades são bastante genéricas. A habilidade 2, por exemplo, analisa a capacidade de o aluno entender “… um gráfico cartesiano, de variável socioeconômica ou técnico-científica…” Em outras palavras, mede a habilidade de se ler um gráfico e entender o que ele propõe, não importando se o assunto é Biologia, Geografia, Física, Química ou História. Outras habilidades, mais específicas, estão relacionadas a determinadas disciplinas. Imagine, por exemplo, uma questão que meça a habilidade 6, que se refere a “função da linguagem”: você a identificaria facilmente como uma questão de Português, que envolve textos e sua compreensão. É importante entender que, numa prova desse tipo, pretende-se examinar não o conhecimento da matéria ou a disciplina propriamente dita, mas cada uma das 21 habilidades. Nesse caso, as disciplinas são utilizadas, de certa forma, como instrumentos para a avaliação das habilidades. O simulado que você fez foi elaborado levando em conta o que foi exposto acima. A seguir, encontram-se as 5 competências, uma lista das 21 habilidades a elas relacionadas e a indicação das três questões que propusemos para avaliar cada uma. Para facilitar, também ao lado da resolução de cada questão consta o número da habilidade analisada. Dentro de alguns dias, você receberá relatório de seu desempenho nesta prova. Desejamos que você tenha sucesso no ENEM, em agosto.

A RELAÇÃO ENTRE AS COMPETÊNCIAS E AS HABILIDADES
O diagrama mostra as cinco competências e as habilidades a elas relacionadas. Cada habilidade é medida três vezes (três questões para cada habilidade). São 21 habilidades avaliadas, portanto a prova constará de 63 questões de igual valor. Assim, há duas categorias de avaliações: • Uma avaliação global do desempenho do participante, em que o total de pontos obtidos na prova é colocado numa escala de 0 a 100. • Uma avaliação do candidato em cada uma das cinco competências, igualmente representada por uma nota de 0 a 100.
9 8 7 6 2 1 10 11 12 13 14 15 16 17 18 20 21 1 2 3 4 7 9 10 12 14 15 16

II

14 18 13 12 11 6 I 5 4 3 2 1

III

21 19

17

I II III IV V

– – – – –

Dominar linguagens Compreender fenômenos Enfrentar situações-problema Construir argumentações Elaborar propostas

20 19 18 V 17 3 16 5 14 7 13 8 12 11 10 9

3 4 5 IV 6 8 13 21 20 15 14 19

SIMULADO ENEM/2008

3

ANGLO VESTIBULARES

AS 5 COMPETÊNCIAS
I – Dominar a norma culta da Língua Portuguesa e fazer uso das linguagens matemática, artística e científica. II – Construir e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para a compreensão de fenômenos naturais, de proIII – IV – V–
cessos histórico-geográficos, da produção tecnológica e das manifestações artísticas. Selecionar, organizar, relacionar, interpretar dados e informações representados de diferentes formas, para tomar decisões e enfrentar situações-problema. Relacionar informações, representadas em diferentes formas, e conhecimentos disponíveis em situações concretas, para construir argumentação consistente. Recorrer aos conhecimentos desenvolvidos na escola para elaboração de propostas de intervenção solidária na realidade, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

AS 21 HABILIDADES
1.
Dada a descrição discursiva ou por ilustração de um experimento ou fenômeno, de natureza científica, tecnológica ou social, identificar variáveis relevantes e selecionar os instrumentos necessários para a realização ou interpretação do mesmo. Questões: 16, 35, 50

2.

Em um gráfico cartesiano de variável socioeconômica ou técnico-científica, identificar e analisar valores das variáveis, intervalos de crescimento ou decréscimo e taxas de variação. Questões: 1, 2, 4

3.

Dada uma distribuição estatística de variável social, econômica, física, química ou biológica, traduzir e interpretar as informações disponíveis, ou reorganizá-las, objetivando interpolações ou extrapolações. Questões: 32, 38, 53

4.

Dada uma situação-problema, apresentada em uma linguagem de determinada área de conhecimento, relacioná-la com sua formulação em outras linguagens ou vice-versa. Questões: 6, 28, 45

5.

A partir da leitura de textos literários consagrados e de informações sobre concepções artísticas, estabelecer relações entre eles e seu contexto histórico, social, político ou cultural, inferindo as escolhas dos temas, gêneros discursivos e recursos expressivos dos autores. Questões: 22, 29, 36

6.

Com base em um texto, analisar as funções da linguagem, identificar marcas de variantes lingüísticas de natureza sociocultural, regional, de registro ou de estilo, e explorar as relações entre as linguagens coloquial e formal. Questões: 10, 11, 12

7.

Identificar e caracterizar a conservação e as transformações de energia em diferentes processos de sua geração e uso social, e comparar diferentes recursos e opções energéticas. Questões: 15, 23, 56

8.

Analisar criticamente, de forma qualitativa ou quantitativa, as implicações ambientais, sociais e econômicas dos processos de utilização dos recursos naturais, materiais ou energéticos. Questões: 54, 58, 59

9.

Compreender o significado e a importância da água e de seu ciclo para a manutenção da vida, em sua relação com condições socioambientais, sabendo quantificar variações de temperatura e mudanças de fase em processos naturais e de intervenção humana. Questões: 14, 31, 51

SIMULADO ENEM/2008

4

ANGLO VESTIBULARES

10. Utilizar e interpretar diferentes escalas de tempo para situar e descrever transformações na atmosfera, biosfera, hidrosfera
e litosfera, origem e evolução da vida, variações populacionais e modificações no espaço geográfico. Questões: 17, 30, 63

11. Diante da diversidade da vida, analisar, do ponto de vista biológico, físico ou químico, padrões comuns nas estruturas
e nos processos que garantem a continuidade e a evolução dos seres vivos. Questões: 21, 25, 39

12. Analisar fatores socioeconômicos e ambientais associados ao desenvolvimento, às condições de vida e saúde de populações humanas, por meio da interpretação de diferentes indicadores. Questões: 33, 34, 47

13. Compreender o caráter sistêmico do planeta e reconhecer a importância da biodiversidade para preservação da vida,
relacionando condições do meio e intervenção humana. Questões: 5, 44, 61

14. Diante da diversidade de formas geométricas planas e espaciais, presentes na natureza ou imaginadas, caracterizá-las
por meio de propriedades, relacionar seus elementos, calcular comprimentos, áreas ou volumes, e utilizar o conhecimento geométrico para leitura, compreensão e ação sobre a realidade. Questões: 9, 42, 62

15. Reconhecer o caráter aleatório de fenômenos naturais ou não e utilizar em situações-problema processos de contagem,
representação de freqüências relativas, construção de espaços amostrais, distribuição e cálculo de probabilidades. Questões: 19, 20, 40

16. Analisar, de forma qualitativa ou quantitativa, situações-problema referentes a perturbações ambientais, identificando fonte,
transporte e destino dos poluentes, reconhecendo suas transformações; prever efeitos nos ecossistemas e no sistema produtivo e propor formas de intervenção para reduzir e controlar os efeitos da poluição ambiental. Questões: 7, 24, 52

17. Na obtenção e produção de materiais e de insumos energéticos, identificar etapas, calcular rendimentos, taxas e
índices, e analisar implicações sociais, econômicas e ambientais. Questões: 8, 27, 48

18. Valorizar a diversidade dos patrimônios etnoculturais e artísticos, identificando-a em suas manifestações e representações
em diferentes sociedades, épocas e lugares. Questões: 41, 46, 55

19. Confrontar interpretações diversas de situações ou fatos de natureza histórico-geográfica, técnico-científica, artístico-cultural ou do cotidiano, comparando diferentes pontos de vista, identificando os pressupostos de cada interpretação e analisando a validade dos argumentos utilizados. Questões: 43, 49, 60

20. Comparar processos de formação socioeconômica, relacionando-os com seu contexto histórico e geográfico.
Questões: 26, 37, 57

21. Dado um conjunto de informações sobre uma realidade histórico-geográfica, contextualizar e ordenar os eventos registrados, compreendendo a importância dos fatores sociais, econômicos, políticos ou culturais. Questões: 3, 13, 18
SIMULADO ENEM/2008

5

ANGLO VESTIBULARES

R SO L Ç ÃO U E
O gráfico a seguir retrata o consumo médio anual de cigarros pelos adultos brasileiros nos anos de 1980 a 2005. Essa informação é dada pelo quociente do número de cigarros consumidos num ano pelo número de adultos nesse ano. O termo consumo ilegal ou informal refere-se ao consumo de cigarros contrabandeados ou comercializados de forma ilegal. O termo consumo total refere-se à soma do consumo legal com o consumo ilegal ou informal. Responda às questões 1 e 2 com base no gráfico.

Gráfico: Consumo de cigarros por adulto por ano no Brasil, 1980-2005
2100 1800 Consumo total, por adulto 1500 1200 Consumo legal, por adulto 900 600 300 0 Consumo ilegal ou informal, por adulto

1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005

Fonte: Secretaria da Receita Federal, IBGE e Secretaria de Comércio Exterior.

▼

Questão 1

Habilidade 2

De acordo com o gráfico, é possível afirmar que: A) o consumo total por adulto diminuiu no decorrer dos anos, devido ao crescimento da população brasileira no período. B) a partir do ano 2000, o consumo total ficou praticamente constante, embora o consumo legal tenha apresentado uma queda significativa. C) de 1996 a 1998, o consumo ilegal aumentou, por ter havido uma diminuição sensível no consumo legal. D) o contrabando de cigarros no Brasil deve ter se iniciado por volta de 1985 e coincidiu com um aumento no consumo total nos anos subseqüentes. E) em 1994, o consumo total por adulto foi menor que 1400 cigarros por ano. Resolução
2100 1800 Consumo total, por adulto 1500 1350 1200 900 600 300 Consumo ilegal ou informal, por adulto 0
1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005

Pelo gráfico, podemos afirmar que, em 1994, o consumo total foi menor que 1400 cigarros por ano. Resposta: E
SIMULADO ENEM/2008

6

ANGLO VESTIBULARES

▼

Questão 2

Habilidade 2

Supondo que, no ano 2000, havia 100 milhões de brasileiros adultos, podemos concluir que, nesse ano, o número de cigarros por eles consumidos foi de: A) 12 bilhões. D) 9 trilhões. B) 90 bilhões. E) 120 trilhões. C) 120 bilhões. Resolução Pelo gráfico, podemos afirmar que, em 2000, o consumo total foi próximo de 1200 cigarros por adulto. Como havia 108 adultos, o total de cigarros consumidos por eles foi 1200 ⋅ 108 (= 120 ⋅ 109), isto é, 120 bilhões. Resposta: C

▼

Questão 3

Habilidade 21

Em 9 de abril de 2008, o preço do petróleo bateu um novo recorde histórico, chegando a US$ 107 o barril. Analise o gráfico abaixo, em que vemos fatos associados às variações de preço do petróleo no mercado internacional:
PREÇO REAL E PREÇO NOMINAL DO PETRÓLEO
Revolução islâmica no Irã (2º choque do petróleo) 1979

Preço real ajustado pela inflação mundial Preço nominal praticado pelo mercado
104,35

100 90,46

Boom do petróleo na Pensilvânia

Início das exportações russas

Crise de abastecimento nos EUA

Guerra do Yom Kippur (1º choque do petróleo) 1973

Invasão do Invasão do Kuwait pelo Iraque Iraque pelos EUA 1990 2003

47,54 36,83 36,76 31,59 23,72 28,83

31,11

Reconstrução Fundação pós-II Guerra da Petrobrás 1953

17,24 8,06 16,35 0,78 1861-69 1870-79 1880-89 1890-99 1900-09 1910-19 3,07 1920-29 1930-39 1,90 1940-49

14,61 11,58 1,93 1950-59 1960-69 1970-79 1980-89 1990-99 2000-08

Fonte: BP Statistical Review of World Energy 2007.

A análise do gráfico mostra que: A) o preço nominal do petróleo passou a oscilar de forma semelhante à curva do preço real a partir de 1973, data a partir da qual os acontecimentos no Oriente Médio ganharam forte influência nesse mercado. B) praticamente não há diferença entre o preço real e o preço nominal do petróleo, uma vez que as duas curvas variam sempre de forma conjunta. C) os preços nominais são sempre superiores aos reais, já que são fortemente influenciados pelos acontecimentos econômicos e geopolíticos mundiais. D) não podemos saber se os preços nominais atuais são excessivamente elevados, já que o preço real ajustado não mostra o custo real do petróleo a cada momento. E) durante praticamente 100 anos, desde o final do século XIX, os preços do petróleo permaneceram estáveis, não sendo influenciados por nenhum tipo de fato econômico ou geopolítico. Resolução O gráfico mostra claramente que o preço nominal do petróleo só passou a oscilar de forma semelhante à curva do preço real a partir de 1973, quando ocorreu a primeira Crise do Petróleo, e que desde então os acontecimentos do Oriente Médio sempre tiveram grande impacto nas altas de preços desse recurso no mercado. As demais alternativas estão erradas porque: B) há uma grande diferença entre o preço real e o preço nominal do petróleo, e as duas curvas nem sempre variam de forma conjunta; C) os preços nominais são sempre inferiores e não superiores aos reais;
SIMULADO ENEM/2008 7 ANGLO VESTIBULARES

D) o gráfico faz duas indicações importantes – que os preços nominais atuais são os mais elevados da história e que o preço real ajustado mostra o custo verdadeiro do petróleo a cada momento em relação aos dias de hoje; E) a flutuação da curva dos preços reais ajustados comprova não ser verdade que durante praticamente 100 anos os preços do petróleo permaneceram estáveis. Resposta: A

▼

Questão 4

Habilidade 2

Observe os dois gráficos a seguir e responda à questão.

Evolução anual do PIB
EM PORCENTAGEM

5,7

5,4
3,8 3,2

4,3

2,7 1,3 0,0
1998

1,1

0,3
1999 2000 2001
GOVERNO FHC

2002

2003

2004

2005
GOVERNO LULA

2006

2007

Fonte: jornal O Estado de S. Paulo, 13/3/2008. EVOLUÇÃO DA DÍVIDA EXTERNA LÍQUIDA, EM US$ BILHÕES 163,398 150 165,225 147,527 127,788 100

88,339 60,029

50

0 –4,000

–50 MarJunSet Dez MarJunSet Dez MarJun Set DezMarJunSet Dez MarJunSet Dez MarJunSet Dez* Jan* 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008
*Números preliminares

Fonte: jornal Folha de S.Paulo, 22/2/2008.

Os dados apresentados pelos gráficos da evolução anual do Produto Interno Bruto brasileiro e da evolução da dívida externa do país nos permitem concluir que: A) antes de 2003 o Brasil estava mais endividado, mas o PIB era maior do que em 2007. B) a dívida externa foi zerada porque o crescimento do PIB, nos dez anos entre 1998 e 2008, foi constante. C) o país vive uma fase de estabilidade econômica e financeira, com razoável capacidade para enfrentar crises em alguns mercados externos. D) os períodos de governo FHC e Lula apresentam idênticos desempenhos nos planos da variação do PIB e da dívida externa. E) o volume das aplicações financeiras do Brasil foi equivalente ao volume total do PIB nacional, em 2007. Resolução Os índices de variação anual do PIB e, principalmente, a marcha do endividamento externo são considerados alguns dos mais importantes indicadores da situação econômica de um país no mundo de hoje. As reservas brasileiras em torno de 4 bilhões de dólares nas aplicações financeiras e o nível do PIB em R$ 2,59 trilhões, em 2007, são suficientes para assegurar a estabilidade atual diante das crises no exterior. Resposta: C
SIMULADO ENEM/2008 8 ANGLO VESTIBULARES

▼

Questão 5

Habilidade 13

Leia o texto a seguir, adaptado do artigo “Paisagem urbana alienígena” (publicado na revista Ciência Hoje, edição de jan/fev 2008, p. 68): Os problemas associados à introdução de espécies em ambientes onde antes não existiam constituem hoje uma questão importante na área da conservação da biodiversidade. Em vários países, os efeitos negativos de espécies invasoras e a preocupação com a preservação da fauna e da flora nativas têm levado a extensos programas de controle e erradicação de animais e plantas trazidos de outras áreas. (...) Um exemplo recente é o que vem ocorrendo no Parque Nacional da Tijuca, uma das principais áreas de Mata Atlântica restantes no município [do Rio de Janeiro]. Ali, a exótica jaqueira (Artocarpus heterophyllus), originária da Índia, se propaga tão agressivamente que impede o crescimento de muitas plantas nativas. (...) Percebendo o problema, a direção do parque iniciou um plano de manejo visando em parte controlar a propagação das jaqueiras e em parte substituí-las por espécies nativas, entre elas o palmiteiro (Euterpe edulis). De acordo com o texto: A) a introdução de espécies exóticas enriquece a flora e a fauna locais, ao aumentar o número de espécies e, por extensão, a biodiversidade daquele ambiente. B) o palmiteiro, sendo uma espécie nativa do Brasil, é mais resistente e, portanto, pode ser utilizado no controle biológico da jaqueira, uma espécie exótica. C) a jaqueira (Artocarpus heterophyllus), originária da Mata Atlântica indiana, aclimatou-se perfeitamente no Brasil, por encontrar aqui o mesmo tipo de solo e de clima. D) a fim de preservar a biodiversidade, os biólogos estão propondo a substituição da jaqueira (Artocarpus heterophyllus) pelo palmiteiro (Euterpe edulis), no reflorestamento de toda a Mata Atlântica da costa brasileira. E) as espécies invasoras tendem a desequilibrar o sistema, competindo com populações das espécies nativas e provocando, muitas vezes, a redução dessas populações.

Resolução O texto afirma que “a exótica jaqueira (...) se propaga tão agressivamente que impede o crescimento de muitas plantas nativas”. Resposta: E

▼

Questão 6

Habilidade 4

Uma das alternativas apontadas por especialistas para reduzir o trânsito na cidade de São Paulo é o uso de transporte coletivo. Todavia, a baixa velocidade média desenvolvida pelos ônibus nas vias da cidade pode ser um desestímulo ao uso desse tipo de veículo. De acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de São Paulo, a velocidade média dos ônibus reduziu-se em 50% nos últimos vinte anos: era de 24 km/h em 1987 e agora é de 12 km/h nos congestionamentos da manhã. Pesquisas revelam que a velocidade média dos ônibus paulistanos depende da extensão do congestionamento das vias, que, por sua vez, depende do horário. O gráfico a seguir mostra o comportamento da velocidade média de um ônibus que faz a linha Santo Amaro — Praça da Sé, em função do total de vias congestionadas, em certo dia da semana. O outro gráfico indica a extensão do congestionamento ao longo desse dia.
30 velocidade média (km/h) 25 km de lentidão 20 15 10 5 0 0 50 100 150 km de lentidão 200 250 250 200 150 100 50 0
7h 8h 9h 10h 11h 12h 13h 14h 15h 16h 17h 18h 19h

Congestionamento

Horário

Suponha que um ônibus dessa linha faça um percurso de 5 km entre dois pontos situados nessas vias congestionadas.
SIMULADO ENEM/2008 9 ANGLO VESTIBULARES

Assinale a opção que indica o menor e o maior intervalo de tempo para percorrer esse trajeto e os horários aproximados em que ocorrem essas medições. Menor intervalo de tempo/horário A) B) C) D) E) 10 min, às 9 h 12 min, às 7 h 12 min, às 19 h 10 min, às 7 h 12 min, às 7 h Maior intervalo de tempo/horário 25 min, às 19 h 30 min, às 19 h 30 min, às 7 h 25 min, às 12 h 15 min, às 15 h

▼

Questão 7 Analise as afirmações:

Habilidade 16

I. Todos os combustíveis mencionados apresentam carbono, hidrogênio e oxigênio. II. A queima de qualquer um dos combustíveis mencionados irá intensificar o efeito estufa. III. A queima de 100 g de madeira libera 1800 kJ. IV. A massa de carbono presente em 100 g de carvão vegetal é igual a 100 g. São corretas as afirmações: A) todas. B) somente I, II e III. C) somente II e III. Resolução I. Incorreta. O gás hidrogênio (H2) é um combustível e não apresenta carbono. II. Incorreta. A queima do gás hidrogênio não produz CO2, que é o principal responsável pelo efeito estufa. 2 H2(g) + O2(g) → 2 H2O(v) III. Correta. libera 1g de madeira –––––––– 18 kJ 100 g –––––––– x x = 1800 kJ IV. Correta. No carvão vegetal só existe carbono; logo, 100 g de carvão contêm 100 g de carbono. Resposta: E

Resolução Da leitura dos gráficos: • Maior velocidade média: 25 km/h, para congestionamento de 50 km, que ocorre às 7 h da manhã. • Menor velocidade média: 10 km/h, para congestionamento de 200 km, que ocorre às 19 h. Para a distância de 5 km, temos: Velocidade média maior (25 km/h)
1 3 2

D) somente II, III e IV. E) somente III e IV.

25 km –––––––– 1h 5 km –––––––– ∆t1

∴
1 3 2

∆t1= 0,2 h = 12 min
10 km –––––––– 1h 5 km –––––––– ∆t1

Velocidade média menor (10 km/h)

∴

▼

∆t1= 0,5 h = 30 min

Questão 8

Habilidade 17

Resposta: B

A maioria das reações químicas utilizadas para a produção de calor são de combustão. A energia liberada quando 1,0 g de uma substância sofre combustão é normalmente chamada de calor específico de combustão. A tabela a seguir apresenta os calores específicos de combustão e as composições de alguns combustíveis: Composição elementar aproximada (massa %) C H O Madeira (pinheiro) Carvão antracito Carvão betuminoso Carvão vegetal Petróleo não-refinado Gasolina Gás natural Hidrogênio 50 82 77 100 85 85 70 0 6 1 5 0 12 15 23 100 44 2 7 0 0 0 0 0 Calor liberado Calor específico de combustão (kJ/g) 18 31

Imagine que seja promovida a combustão de uma mesma massa dos combustíveis mencionados. Indique a alternativa que contém o combustível que mais contribui para o aumento do efeito estufa. A) gás natural D) madeira B) carvão vegetal E) carvão antracito C) gasolina Resolução O combustível que apresenta o maior teor de carbono irá produzir a maior quantidade de CO2, principal responsável pelo aumento do efeito estufa. O carvão vegetal (100% C), ao ser queimado, produz mais CO2, sendo, portanto, o combustível que mais contribuirá, nesse caso, para o aquecimento global. Resposta: B

▼

32 34 45 48 49 142

Questão 9

Habilidade 14

Com base nas informações, responda às questões 7 e 8.
SIMULADO ENEM/2008 10

Com a crise nas penitenciárias brasileiras, decorrente de rebeliões simultâneas em várias instituições, houve discussões sobre o uso de bloqueadores de celulares. “O princípio do bloqueio é gerar, por meio de uma antena instalada internamente no presídio, um sinal que interfira na freqüência da rede celular e que seja mais forte do que o sinal da operadora” — disse Eduardo Neger, em entrevista publicada em 16/5/2006 (www.idgnow.com.br). A dificuldade está em evitar que o bloqueio extrapole a área do presídio.
ANGLO VESTIBULARES

Supondo que um determinado presídio esteja inteiramente contido em um círculo com raio de 500 m em cujo centro esteja instalada a antena para o bloqueio e que o bloqueio de celulares extrapole esse círculo em 10% do raio, assinale a alternativa que corresponde à área indevidamente bloqueada fora desse círculo: A) 52.000π m2 B) 52.500π m2 C) 53.000π m2 D) 53.500π m2 E) 54.000π m2

Assaltante Carioca Aí, perdeu, mermão. Seguiiiinnte, bicho: tu te fu. Isso é um assalto. Passa a grana e levanta os braços, rapá. Não fica de caô que eu te passo o cerol.... Vai andando e, se olhar pra trás, vira presunto. Assaltante Paulista Pô, meu... Isso é um assalto, meu. Alevanta os braços, meu. Passa a grana logo, meu. Mais rápido, meu, que eu ainda preciso pegar a bilheteria aberta pra comprar o ingresso no Pacaembu, meu. Pô, se manda, meu. Assaltante Gaúcho Ô, guri, fica atento. Bah, isso é um assalto. Levanta os braços e te aquieta, tchê! Não tentes nada e cuidado que esse facão corta uma barbaridade, tchê. Passa as pilas prá cá! E te manda a la cria, senão o quarenta e quatro fala. Assaltante de Brasília Querido povo brasileiro, estou aqui no horário nobre da TV para dizer que, no final do mês, aumentaremos as seguintes tarifas: Energia, Água, Gás, Passagem de ônibus, Imposto de renda, Licenciamento de veículos, Seguro obrigatório, Gasolina, Álcool, IPTU, IPVA, IPI, ICMS, PIS, Cofins…

Resolução 10% de 500 m = 10 ⋅ 500 m = 50 m 100

Observe a figura seguinte, cotada em metros:

A

O B

OA = 550 e OB = 500

▼

A área indevidamente bloqueada está representada na figura pela coroa circular. Sendo S a área da coroa em m2, temos: S = π ⋅ (550)2 – π ⋅ (500)2 S = 302500π – 250000π ∴ Resposta: B S = 52500π

Questão 10

Habilidade 6

Texto para as questões de 10 a 12 Com pequenas alterações, o texto a seguir tem circulado pela Internet. Leia-o para responder ao que se pede: Assaltante Baiano Ô, meu rei... (pausa) Isso é um assalto... (longa pausa) Levanta os braços, mas não se avexe não... (outra pausa) Se num quiser nem precisa levantar, pra num ficar cansado... Vai passando a grana, bem devagarinho... (pausa para pausa) Num repara se o berro está sem bala, mas é pra não ficar muito pesado. Não esquenta, meu irmãozinho. (pausa) Vou deixar teus documentos na encruzilhada. Assaltante Mineiro Ô, sô, prestenção: Issé um assarto, uai. Levantus braço e fica ketim quié mió procê. Esse trem na minha mão tá cheim de bala... Mió passá logo os trocados que eu num tô bão hoje. Vai andando, uai! Tá esperando o quê, sô?!
SIMULADO ENEM/2008 11

A linguagem que cada um dos cinco primeiros assaltantes empregou revela: A) que as diferenças entre os registros lingüísticos típicos de cada região do país se resumem à questão do sotaque. B) que a seleção lexical é uma pista relevante para reconhecer as características de cada variante regional que há no Brasil. C) que somente o assaltante paulista não se vale de um vocativo para referir-se à sua vítima. D) que, na Bahia, respeita-se mais o padrão culto da língua, uma vez que o assaltante baiano não comete erros de ortografia. E) que Minas Gerais é o estado brasileiro em que há menos preocupação das pessoas em valorizar a norma culta do idioma. Resolução Nas falas dos cinco primeiros assaltantes, há uma bemhumorada imitação de variantes regionais do Português brasileiro, inclusive no que diz respeito ao sotaque, o que explica a grafia — digamos — “estranha” de certos termos. A seleção lexical (por exemplo: “meu rei”, na Bahia; “sô”, em Minas; “mermão”, no Rio; “meu”, em São Paulo; “guri”, no Rio Grande do Sul) é outra pista para reconhecer as diferenças de linguagem entre as regiões do país. Resposta: B
ANGLO VESTIBULARES

▼

Questão 11

Habilidade 6

▼

Questão 13

Habilidade 21

A fala do assaltante de Brasília: A) comprova que todo político só se preocupa, depois de eleito, com aumento de impostos. B) sugere, ao fazer referência ao “Licenciamento de veículos”, que o preço dos automóveis cresce cada vez mais. C) não procura imitar, como o restante do texto, a linguagem típica daqueles que moram na capital federal. D) coloca o “povo brasileiro” na posição de vítima do assalto praticado pelas instituições financeiras privadas. E) quebra a progressão do texto, o que produz um efeito de estranhamento, pois não se sabe que tipo de crime esse assaltante está cometendo. Resolução O assaltante de Brasília não se vale dos regionalismos, do sotaque e das demais particularidades de linguagem que caracterizaram as falas dos outros assaltantes. Sua linguagem sóbria e culta é, sim, uma paródia do discurso das classes dirigentes, que não hesitam em aumentar impostos e tarifas públicas. Resposta: C

A gravura acima, recentemente publicada em diversos órgãos da imprensa mundial, faz referência: A) ao desinteresse da imprensa em informar sobre os conflitos existentes no mundo. B) à tentativa generalizada de exercer controle sobre a imprensa. C) à autonomia concedida a todos os órgãos da imprensa, em defesa da liberdade. D) à impossibilidade do livre exercício da informação, que ameaça a democracia. E) à liberdade franqueada aos meios de informação, em favor da imparcialidade. Resolução A gravura (charge) denuncia o crescimento das restrições feitas aos profissionais de imprensa por todas as partes direta ou indiretamente envolvidas nos vários conflitos mundiais, que ocorrem sobretudo no Oriente Médio, na Rússia, na América Latina e na China. A essa denúncia, acrescentam-se outras manifestações, como as da Associação Internacional dos Jornalistas, que luta contra o cerceamento da divulgação de informações, com o intuito de garantir a análise crítica e imparcial dos órgãos de comunicação, o respeito ao pluralismo das sociedades, enfim, a liberdade de expressão. Resposta: B As questões 14 e 15 se referem ao texto a seguir. A usina nuclear faz uso da energia liberada na fissão dos átomos de urânio para aquecer água. Nesse tipo de usina, há três circuitos de águas independentes, sem que haja contato entre elas. O ciclo de funcionamento consiste em três etapas. Na primeira, a energia térmica liberada na fissão dos átomos de urânio aquece a água contida no circuito primário, até que sua temperatura atinja, aproximadamente, 300ºC. Para que permaneça no estado líquido, essa água fica submetida à pressão de 150 atmosferas. Uma vez aquecida, ela transfere calor para a água do circuito secundário. Na segunda etapa, a água do circuito secundário se transforma em vapor que irá movimentar as pás de uma turbina cujo eixo está acoplado a um gerador elétrico, resultando, então, em energia elétrica. Na etapa final, do lado externo do circuito secundário, circula água fria, usada como um sistema refrigerante, que condensa o vapor formado no circuito secundário. A seguir, a água condensada é bombeada de volta para o gerador de vapor, para um novo ciclo. A água usada como sistema de refrigeração é, enfim, liberada para o meio ambiente.
12 ANGLO VESTIBULARES

▼

Questão 12

Habilidade 6

Considerando o texto como um todo, analise as seguintes proposições: I. O texto produz um efeito de humor, na medida em que coloca os dirigentes do país, representados pelo “assaltante de Brasília”, no mesmo nível dos pequenos ladrões do resto do Brasil. II. Os aumentos anunciados pelo “assaltante de Brasília” vão além da questão dos impostos. III. Da mesma forma que nas cinco primeiras situações existe uma vítima que está sendo roubada, o “povo brasileiro”, na última fala, também é considerado vítima de um roubo, que nasce do desejo da classe política de arrecadar cada vez mais dinheiro. Está correto o que se afirma: A) apenas em I. B) apenas em II. C) apenas em I e II. D) apenas em I e III. E) em I, II e III. Resolução As cinco primeiras falas apresentam basicamente a mesma estrutura narrativa: um ladrão, armado, aborda uma pessoa, anuncia um assalto e lhe faz ameaças. Assim, há dois papéis bem demarcados: o do assaltante e o da vítima. Na última fala, por analogia, um político é apresentado como assaltante, e o “povo brasileiro”, como vítima. É isso que garante ao texto o efeito de humor. Portanto as proposições I e III estão corretas. A afirmação II também está correta, pois o desejo da classe política de arrecadar cada vez mais dinheiro não se restringe à questão dos impostos. Também há, na fala do “assaltante de Brasília”, o anúncio do aumento de tarifas públicas, como “Energia, Água, Esgoto, Gás, Passagem de ônibus”. Resposta: E
SIMULADO ENEM/2008

Questão 14

Habilidade 9

Com base no texto anterior, assinale a opção correta. A) Em operação normal, na usina nuclear, água com resíduos radioativos é despejada no meio ambiente. B) No circuito primário, ocorre uma mudança no estado físico da água. C) No circuito secundário, a água inicia e termina seu ciclo em estado líquido. D) Em todos os circuitos há água com resíduos radioativos. E) A água de refrigeração pode ser despejada de volta nos mares ou rios, sem riscos para o meio ambiente, uma vez que não contém resíduos radioativos. Resolução A) Errada. Apenas na água do circuito primário ocorrem atividades radioativas. No texto, é clara a informação de que as águas dos circuitos não entram em contato direto entre si. B) Errada. O texto diz que a água no circuito primário é submetida à pressão de 150 atm para que, a 300ºC, ela permaneça em estado líquido. C) Certa. Nesse circuito, a água recebe calor do circuito primário e se transforma em vapor. A seguir, ela transfere calor para o circuito terciário e volta ao estado líquido. D) Errada. Somente a água do circuito primário apresenta resíduos radioativos. E) Errada. A água de refrigeração é aquecida pelo calor cedido pela água do circuito secundário. Devolver água aquecida ao meio ambiente diminui a taxa de oxigênio dissolvido na água do ambiente, prejudicando algumas espécies biológicas no ecossistema. Resposta: C

C) Errada. Apesar de, durante o processo, ocorrerem perdas de energia, o princípio geral de conservação de energia está garantido. Ainda não são conhecidos processos nos quais tal princípio tenha sido violado. D) Errada. Para a geração de energia elétrica, também há a energia potencial associada ao núcleo de urânio e a energia mecânica associada ao movimento das turbinas. E) Errada. A água do sistema de refrigeração não absorve toda a energia que foi recebida pela água do circuito secundário, uma vez que uma parcela é transferida para o gerador elétrico. Resposta: A

▼

▼

Questão 16

Habilidade 1

A tabela a seguir mostra o resultado de três experimentos relativos à reação de síntese de um composto Z a partir das substâncias X e Y: X + Y → Z Experimento 1º 2º 3º Massas iniciais em gramas X Y 28 28 7 5 11,2 6,4 Massas finais em gramas Z excesso I 12 de Y II III IV V

As lacunas I, II, III, IV e V são corretamente preenchidas com: A) B) C) D) E) I 44 44 56 56 44 II 11 11 12 12 11 III 1 de Y 1 de X não há excesso não há excesso 1 de Y IV 17,6 17,6 16 16 15,6 V não há excesso não há excesso 1,6 de X 1,6 de Y 2 de X

▼

Questão 15

Habilidade 7

Ainda com base no texto, assinale a opção correta. A) Uma parcela da energia térmica recebida pela água no circuito secundário é transformada em energia mecânica. B) A rigor, durante a operação de uma usina nuclear não ocorre transformação de energia. C) O princípio de conservação de energia não se aplica a uma usina nuclear. D) A única energia envolvida na geração de energia elétrica na usina nuclear é a energia térmica. E) Para que a usina nuclear funcione corretamente, é necessário que a água do sistema de refrigeração absorva toda a energia que a água do circuito secundário recebeu. Resolução A) Certa. A água do circuito secundário é transformada em vapor pela absorção de calor. Esse vapor acaba por movimentar as pás de uma turbina. B) Errada. A energia potencial do núcleo do urânio é transformada em energia térmica para aquecer a água. Parte da energia térmica é transformada em energia mecânica, que aciona as turbinas. Finalmente, a energia mecânica do movimento das turbinas é transformada em energia elétrica.
SIMULADO ENEM/2008 13

Resolução 1º experimento: 28 g X + 28 g Y → 44 g Z + 12 g Y excesso 28 g X + 16 g Y → 44 g Z (lacuna I) 2º experimento: 28 g X + 16 g Y → 44 g Z 7 g X + 5 g Y → ? 7 ⋅ 16 5 ⋅ 28 ↓ excesso de Y 28 g X + 16 g Y → 44 g Z 7 g X + 4 g Y → 11 g Z (lacuna II) 5 g Y – 4 g Y → 1g Y em excesso (lacuna III) 3º experimento: 28 g X + 16 g Y → 44 g Z 11,2 g X + 6,4 g Y → ? 11,2 ⋅ 16 = 28 ⋅ 6,4 ∴ não há excesso (lacuna V)

1 424 3

123

179,2 179,2 11,2 g X + 6,4 g Y → 17,6 g Z (lacuna IV) Resposta: A
ANGLO VESTIBULARES

Questão 17 Analise o gráfico abaixo.

Habilidade 10

ESTRUTURA ETÁRIA DA POPULAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO 1980 1.006.503 2.257.091 5.700.711 7.585.280 8.403.653 65 anos ou mais 50 a 64 anos 30 a 49 anos 15 a 29 anos 0 a 14 anos 2005 2.635.457 4.911.236 11.742.958 10.899.802 9.760.034

Os dados demonstram que: A) os jovens se distribuem pelas religiões de modo bastante distinto do conjunto da população. B) os jovens têm se afastado de forma acentuada da religião católica, migrando para a evangélica. C) o espiritismo, a umbanda e o candomblé têm atraído mais os jovens do que o conjunto da população brasileira em geral. D) o alto contingente de jovens sem religião demonstra a crescente negação do sagrado por parte da juventude brasileira. E) a proporção de jovens que se declaram sem religião é cerca de 25% maior do que a proporção de indivíduos sem religião no conjunto da população. Resolução Enquanto no conjunto da população 7,3% se declaram sem religião, a proporção é de 9,1% entre os jovens de 15 a 24 anos. Cerca de 25%, portanto. Resposta: E Informações técnicas: Princípio Fundamental da Contagem (PFC) Sejam A e B dois conjuntos finitos e não vazios. Se para a escolha de um elemento de A existem m possibilidades e para a escolha de um elemento de B existem k possibilidades, então para a escolha, nesta ordem, de um elemento de A e de um elemento de B existem m ⋅ k possibilidades. Considere o mapa da região formada pelos países A, B, C e D:

▼

Fonte: Secretaria de Planejamento do Estado de São Paulo.

A observação dos dados acima permite que se conclua que, de 1980 a 2005, a população do Estado de São Paulo: A) envelheceu, pois o número de jovens diminuiu no período, como resultado do declínio da taxa de natalidade e da esperança de vida. B) ficou mais jovem, pois o número de jovens aumentou no período, como resultado da elevação da expectativa de vida e do declínio da taxa de fertilidade. C) não sofreu alteração em relação a sua estrutura etária, pois, em termos relativos, o número de jovens, no total da população, elevou-se tanto quanto o de idosos. D) ficou menos jovem, pois a participação relativa dos habitantes com menos de 30 anos de idade no contingente total diminuiu. E) ficou mais adulta, pois o número de pessoas entre 30 e 64 anos diminuiu em termos relativos, como resultado do declínio da taxa de fecundidade no período. Resolução Interpretando o gráfico, percebe-se que ocorreram transformações populacionais em diferentes escalas de tempo (de 1980 a 2005). No período destacado, houve declínio da taxa de fecundidade (número médio de filhos por mulher em idade de procriação) e elevação da esperança de vida (tempo médio de vida da população) no Estado de São Paulo, determinando que, em seu conjunto, a população paulista ficasse menos jovem e que se elevasse a participação relativa de idosos e de adultos no total dessa população. Resposta: D

A B D C

Questão 18

Habilidade 21

Ao colorir um mapa, pode-se usar uma mesma cor mais de uma vez, desde que dois países vizinhos sempre tenham cores diferentes. De acordo com essa informação e usando apenas quatro cores, pergunta-se:

▼

Observe a tabela com dados sobre a religiosidade dos jovens brasileiros e responda: Religião declarada Católica Evangélica Espírita Umbanda e candomblé Outras religiosidades Sem declaração Sem religião População brasileira 73,6% 15,5% 1,3% 0,3% 1,8% 0,2% 7,3% Jovens de 15 a 24 anos 73,6% 14,2% 1,1% 0,3% 1,7% — 9,1%

▼

Questão 19

Habilidade 15

Quantas são as possibilidades de pintura desse mapa? A) 24 D) 48 B) 36 E) 12 C) 40 Resolução Temos 4 possibilidades para a escolha da cor de A, 3 para a cor de B, 2 para a de C e 2 para a de D (pois podemos repetir a cor utilizada em B). Assim, pelo PFC, temos: AeBeCeD 4 ⋅ 3 ⋅ 2 ⋅ 2 = 48 Resposta: D
14 ANGLO VESTIBULARES

Fonte: Censo Demográfico 2000 (FIBGE).
SIMULADO ENEM/2008

▼

Questão 20

Habilidade 15

▼

Questão 22

Habilidade 5

Quantas são as possibilidades de pintura desse mapa, de tal maneira que nos países B e D seja usada a mesma cor? A) 24 D) 48 B) 36 E) 12 C) 40 Resolução Temos 4 possibilidades para a escolha da cor de A, 3 para a cor de B, 2 para a de C e 1 para a de D (a mesma cor utilizada em B). Assim, pelo PFC, temos: AeBeCeD 4 ⋅ 3 ⋅ 2 ⋅ 1 = 24 Resposta: A

Após a leitura atenta dos fragmentos, indique a alternativa que apresente a denominação mais adequada para a relação que o Texto 2 estabelece com o Texto 1. A) Diálogo. D) Plágio. B) Paráfrase. E) Paródia. C) Epígrafe. Resolução A letra da música de Chico Buarque faz uma evidente paródia do conhecido poema de Carlos Drummond de Andrade. O “anjo torto” de Drummond se transforma em “anjo safado” e em “querubim” (diabrete que, como tal, “vive na sombra”) em Chico, retornando ainda na estrada que “entortou”. O “gauche” (expressão francesa que, no contexto, significa inábil, desastrado, desajeitado) que o sujeito lírico do poema acabaria por se tornar, reaparece na letra da música na predestinação de “ser errado”. Resposta: E

▼

Questão 21

Habilidade 11

Leia o texto a seguir, publicado no jornal O Estado de S. Paulo na edição de 19/03/2008 (Suplemento Agrícola, p. 20): Uma frente fria chegou ao Sudeste do Brasil e estacionou sobre o Estado de São Paulo durante a semana passada, provocando chuvas intensas e constantes na maioria das localidades. A massa de ar frio e a nebulosidade baixaram a temperatura em todo o Estado. (…) os dias mais curtos e a baixa intensidade da radiação solar limitam a taxa de acúmulo de biomassa das gramíneas. De acordo com o texto: A) as chuvas intensas e constantes encharcaram os solos de tal maneira, que se tornou impossível, para as plantas, realizar a absorção de nutrientes. B) o tempo úmido e ensolarado favorece o desenvolvimento das pastagens, mas é ruim para o desenvolvimento das gramíneas. C) o frio e a nebulosidade impediram as plantas de florescer e de produzir frutos e sementes. D) a pouca luminosidade não permitiu às plantas que realizassem uma fotossíntese muito intensa. E) a chuva e o frio prejudicaram a colheita das gramíneas, cujo plantio é mais favorável na época do ano em que saiu a notícia, em que os dias são mais curtos. Resolução O texto afirma que “os dias mais curtos e a baixa intensidade da radiação solar limitam a taxa de acúmulo de biomassa”, numa clara referência ao processo da fotossíntese, que depende da energia luminosa para a produção de matéria orgânica pelas plantas. Resposta: D Textos para a questão 22 Texto 1 Quando nasci, um anjo torto desses que vivem na sombra disse: Vai, Carlos! ser gauche na vida.
(Carlos Drummond de Andrade, “Poema de sete faces”, 1930)

▼

Questão 23

Habilidade 7

Em reatores nucleares como a usina de Angra II (localizada em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro), a energia é proveniente da fissão do urânio-235. Quando um átomo de urânio-235 sofre uma reação chamada fissão nuclear, seu núcleo divide-se em outros núcleos mais leves e parte da massa é convertida em energia, obedecendo a uma famosa relação proposta por Albert Einstein em sua teoria da relatividade restrita: a equivalência massa-energia (E = m ⋅ c2, em que “m” é a massa aniquilada, “E” é a energia que surge em seu lugar e “c” é a velocidade da luz no vácuo e vale 3 ⋅ 108 m/s). Supondo-se que, na usina de Angra, cerca de 4 gramas de massa sejam aniquilados a cada dia, a energia que surge em seu lugar é igual a: A) 3,6 ⋅ 1017J D) 3,6 ⋅ 1014J 16J B) 3,6 ⋅ 10 E) 3,6 ⋅ 1013J 15J C) 3,6 ⋅ 10 Resolução Aplicando a equação da equivalência massa-energia, e lembrando de fazer os ajustes de unidades (4 g = 4 ⋅ 10–3 kg), temos que: E = m ⋅ c2 E = 4 ⋅ 10–3 ⋅ (3 ⋅ 108)2 ∴ E = 3,6 ⋅ 1014 J Resposta: D

▼

Questão 24

Habilidade 16

Texto 2 Quando nasci veio um anjo safado O chato dum querubim E decretou que eu tava predestinado A ser errado assim Já de saída minha estrada entortou Mas vou até o fim!
(Chico Buarque, “Até o fim”, 1978)
SIMULADO ENEM/2008 15

Um dos maiores problemas relacionados com a poluição ambiental é a concentração de detritos de plásticos que vêm se acumulando nas águas oceânicas. Em 2006, cerca de 250 milhões de toneladas de plástico foram produzidas em todo o mundo, e uma parte dessa produção, difícil de quantificar, é jogada no oceano. Esse material, que é muito leve, é transportado não só pelo vento, como também e principalmente pelos rios e pelos sistemas de evacuação das águas urbanas — isso sem esquecer-se dos detritos abandonados nas praias. Cerca de 80% do entulho de plástico encontrado no mar provêm da terra. Apenas 20% são despejados por navios.
ANGLO VESTIBULARES

Segundo essas informações, a melhor forma de diminuir a poluição das águas oceânicas pelo plástico é: A) proibir a produção de todo e qualquer produto plástico. B) fiscalizar rigorosamente o despejo do lixo dos navios em alto-mar. C) convencer a população a não jogar lixo plástico nos rios e nas praias. D) estimular o uso de embalagens de papel nos supermercados. E) desenvolver métodos de eliminação química dos resíduos plásticos na água. Resolução Analisando a situação-problema referente a perturbações ambientais nas águas oceânicas apresentada pelo texto, no qual se destaca o fato de que cerca de 80% do entulho de plástico encontrado no mar provêm da terra e apenas 20% são despejados por navios, conclui-se que a melhor solução para o problema seria convencer a população a não jogar lixo plástico nos rios e nas praias. Resposta: C Leia os dois textos a seguir, que servirão de base para responder à questão 25.

Resolução A) Errada. O desmatamento diminuiria a fotossíntese total do planeta e, conseqüentemente, a retirada de gás carbônico do ar. B) Errada. Substituir a energia hidrelétrica ou a nuclear, que não produzem gás carbônico, pela energia obtida de termelétricas, em que há queima de combustíveis, levaria ao aumento de emissão do gás carbônico. C) Correta. Investir no reflorestamento é uma forma de incrementar a fotossíntese, “sumidouro” do gás carbônico atmosférico. Da mesma forma, favoreceria a fotossíntese evitar a poluição dos mares por petróleo, porque esta prejudica o papel do fitoplâncton no processo, impedindo a troca de gases com a atmosfera. D) Errada. A emissão de metano diretamente na atmosfera seria ainda mais danosa para o aquecimento global do que sua queima, que produz gás carbônico (calculase que o metano absorve 21 vezes mais calor do que o gás carbônico). E) Errada. Tanto a utilização do carvão como da lenha resultam na produção de gás carbônico, intensificando o aquecimento global. Resposta: C

▼

Texto 1 Dois grandes processos, na natureza, respondem pela maior parte das reações relacionadas à energia nos seres vivos. São eles a fotossíntese, exclusiva de organismos clorofilados, e a respiração celular, processo quase universal, cujas equações simplificadas podem ser enunciadas, respectivamente, da seguinte maneira: CO2 + H2O + luz → C(H2O) + O2 C(H2O) + O2 → CO2 + H2O + energia Os gases oxigênio e carbônico, por sua vez, são protagonistas importantes dos processos de combustão, o primeiro como reagente e o segundo como produto. Texto 2 Vários gases, como o vapor de água, o gás carbônico e o metano, são responsáveis pelo efeito estufa, importante para a manutenção da vida na Terra. O aumento na emissão desses gases, principalmente devido à atividade humana, está sendo responsabilizado por um incremento no efeito estufa, denominado aquecimento global, com conseqüências certamente danosas para o planeta.

Questão 26

Habilidade 20

É por isso que, no Suplemento à Suma Teológica (80, 4), lê-se esta afirmação, aparentemente revolucionária hoje: depois do Juízo Final, quando os corpos dos mortos ressurgirem para que a nossa carne também participe da glória celeste (quando, agora segundo Agostinho, reviverem na plenitude de uma beleza e complexidade adulta não só os nascidos mortos como também, em forma humanamente perfeita, os enganos da natureza, os mutilados, os concebidos sem braços ou sem olhos), dessa “ressurreição da carne” não participarão os embriões. Neles ainda não havia sido infundida a alma racional e, portanto, não são seres humanos.
(ECO, Umberto. “Mais Darwin, menos Santo Tomás”, in O Estado de S. Paulo, 3/4/2005.)

Questão 25

Habilidade 11

Considerando os dois textos e seus conhecimentos sobre o assunto, escolha a alternativa que resume a melhor forma de minorar os efeitos do aquecimento global: A) Limpar grandes áreas de floresta, utilizando parte da madeira para fins industriais e parte como combustível. B) Substituir, para a obtenção de eletricidade, as usinas nucleares e hidrelétricas por usinas termelétricas. C) Investir no reflorestamento de áreas devastadas e na diminuição da poluição dos mares pelo petróleo. D) Permitir a livre emissão do metano produzido por aterros sanitários, em vez de queimá-lo. E) Utilizar como combustível carvão, preferencialmente à lenha.
SIMULADO ENEM/2008 16

O texto acima: A) apresenta-se desvinculado de qualquer debate contemporâneo, por citar autores medievais e argumentos teológicos. B) ironiza a teologia cristã, ao apresentar e enfatizar suas contradições. C) utiliza argumentos científicos para afirmar a inexistência de vida em embriões humanos. D) reproduz os argumentos utilizados pela Igreja para se opor a pesquisas científicas com embriões humanos. E) apresenta argumentos retirados da teologia cristã para justificar a tese de que não há vida nos embriões. Resolução O texto de Umberto Eco utiliza argumentos extraídos da teologia cristã (cita a Suma Teológica de São Tomás de Aquino e faz menção a Santo Agostinho) que sugerem a inexistência de vida em embriões humanos. Tais argumentos contrariam a oposição da Igreja católica a pesquisas com células-tronco embrionárias humanas. Resposta: E
ANGLO VESTIBULARES

▼

Questão 27

Habilidade 17

Observe a ilustração seguinte, extraída de uma adaptação da obra de Camões para a linguagem dos quadrinhos:

▼

O soro fisiológico vendido nas farmácias é uma solução aquosa de NaCl de concentração aproximadamente igual a 1% em massa. Um farmacêutico resolveu preparar 500 mL desse soro para utilizá-lo na limpeza de uma ferida no seu braço. Para isso, ele deveria dissolver 5 g de NaCl puro em 500 mL de água. Por engano, dissolveu os 5 g de NaCl em 200 mL de água e só percebeu o erro após haver utilizado metade do soro fisiológico preparado. Para corrigir a concentração do soro ainda não utilizado, o farmacêutico deveria adicionar a ele: A) 100 mL de água. B) 150 mL de água. C) 250 mL de água. D) 1,5 g de NaCl. E) 0,5 g de NaCl. Resolução

(NESTI, Fido, Os Lusíadas em quadrinhos. São Paulo: Peirópolis, 2007, p. 16.)

▼

Questão 28

Habilidade 4

5g NaCl 200mL H2O

2,5 g NaCl 100mL H2O Já utilizado

+

2,5 g NaCl 100mL H2O Ainda não utilizado

Aponte a alternativa que contenha um dado exposto pelo poema camoniano mas que não consta da ilustração reproduzida da adaptação da obra para quadrinhos: A) “...um velho, de aspeito venerando,” B) “Que ficava nas praias, entre a gente,” C) “Postos em nós os olhos...” D) “...descontente” E) “A voz pesada um pouco alevantando,” Resolução A ilustração mostra o velho respeitável, com os olhos postos nos navegadores, visivelmente descontente, fazendo suas advertências. Para representar seu tom de voz, acima do normal, o quadrinista desenhou letras de tamanho avantajado, com um aspecto que as faz parecerem reverberar. A única informação que não foi aproveitada do poema diz respeito ao cenário (a praia lotada de curiosos, amigos e parentes dos navegadores). Resposta: B

2,5g NaCl 100mL H2O

+ x mL de água

2,5 g NaCl (100 + x) mL H2O

2,5 = 0,01 = 1% 100 + x 2,5 = 1 + 0,01x 1,5 = 0,01x x = 150 mL de H2O Resposta: B

Texto e imagem para a questão 28 Mas um velho, de aspeito* venerando, Que ficava nas praias, entre a gente, Postos em nós os olhos, meneando* Três vezes a cabeça, descontente, A voz pesada um pouco alevantando, Que nós no mar ouvimos claramente, Co’um saber só de experiências feito, Tais palavras tirou do experto* peito: — Ó glória de mandar, ó vã cobiça Desta vaidade a quem chamamos fama! Ó fraudulento gosto, que se atiça Co’uma aura popular, que honra se chama! Que castigo tamanho e que justiça Fazes no peito vão que muito te ama! Que mortes, que perigos, que tormentas, Que crueldades neles exprimentas!
(CAMÕES, Os Lusíadas, canto IV. São Paulo: Cultrix/MEC, 1972, p. 136.)
SIMULADO ENEM/2008 17

Texto para a questão 29
*aspecto *balançando

Ando sem me mover, falo calado, O que mais perto vejo, se me ausenta, E o que estou sem ver, mais me atormenta, Alegro-me de ver-me atormentado

▼

Questão 29

Habilidade 5

*experiente

Esses versos, do poeta português Antônio Barbosa Bacelar (1610-1663), revelam uma característica essencial da arte do período: A) a presença de metáforas, para expor sentidos ocultos das coisas. B) o uso da prosopopéia, para evidenciar a desordem do mundo. C) a exploração de antíteses, para expressar conflito e tensão. D) a recorrência à metonímia, para enfocar detalhes do universo. E) a prática da hipérbole, para realçar o exagero sentimental.
ANGLO VESTIBULARES

Resolução As imagens paradoxais dos versos constituem uma das marcas mais fortes da arte barroca do século XVII. Resposta: C O texto a seguir se refere a um grave problema enfrentado pela Medicina atual. Leia-o para responder à questão 30. Lançado projeto para prevenir resistência aos antibióticos A resistência microbiana aos antibióticos vem aumentando rapidamente em todo o mundo e, em particular, no ambiente hospitalar. Para mudar esse quadro, a Anvisa, em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e com a Coordenação-Geral de Laboratórios em Saúde Pública da Secretaria de Vigilância em Saúde (CGLAB/SVS/MS), está implantando a Rede de Monitoramento e Controle da Resistência Microbiana em Serviços de Saúde — Rede RM. O uso indiscriminado e equivocado de antibióticos facilita o surgimento de bactérias e outros microrganismos cada vez mais resistentes, reduzindo a eficácia dos medicamentos. Internações mais longas, o uso de antibióticos mais caros e mais tóxicos são algumas das conseqüências do uso inadequado dessas drogas, o que, além de dificultar e encarecer os tratamentos, pode até impossibilitá-los.
(Extraído do site da Anvisa, http://www.anvisa.gov.br, acessado em 8/4/2008.)

Nessas circunstâncias, assinale a opção que indica a quantidade de energia que seria absorvida por 100 m3 da água, caso ela descesse 200 m nesse aqüífero. Dados: Densidade da água d = 1000 kg/m3 Calor específico sensível da água c = 4,2 ⋅ 103 J/kg ⋅ ºC A) 2,52 ⋅ 103 J B) 2,52 ⋅ 106 J C) 2,52 ⋅ 109 J Resolução Em 200 m, a temperatura da água aumenta 6°C. A massa é m = d ⋅ V = 1000 ⋅ 100 = 105 kg. A quantidade de calor sensível é Q = m ⋅ c ⋅ ∆θ. Q = 105 ⋅ 4,2 ⋅ 103 ⋅ 6 → Q = 2,52 ⋅ 109 J. Resposta: C D) 2,52 ⋅ 1012 J E) 2,52 ⋅ 1015 J

▼

Questão 32

Habilidade 3

Questão 30

Habilidade 10

Os antibióticos, desde a descoberta da penicilina por Sir Alexander Fleming, pareciam ser a resposta para o tratamento das infecções bacterianas. Percebe-se, no entanto, uma dificuldade cada vez maior na sua utilização. O fenômeno relatado no texto — a resistência aos antibióticos — relaciona-se diretamente a um dos grandes princípios ou teorias enunciados em Biologia ao longo da história dessa ciência e resumidos nas alternativas seguintes. Assinale aquela que corresponde ao fenômeno em questão. A) Lei do uso e desuso B) Teoria celular C) Lei da herança dos caracteres adquiridos D) Seleção de características mais adaptativas E) Um gene — uma enzima Resolução A seleção natural, idéia desenvolvida por Charles Darwin, responde pelo fenômeno descrito. O uso indiscriminado de antibióticos seleciona bactérias naturalmente (geneticamente) resistentes a eles; as gerações de bactérias descendentes das que foram selecionadas mantêm essa resistência nas gerações seguintes. Resposta: D

Podemos comparar o corpo humano a um motor, o qual, de acordo com as leis da Física, usa energia para realizar trabalho e manter-se em funcionamento. Da mesma maneira que os hidrocarbonetos* fornecem energia para motores, os alimentos fornecem energia para o nosso corpo, o que é feito mediante uma série de reações químicas, denominadas metabolismo. Numa dieta balanceada, a quantidade de energia contida nos alimentos ingeridos deve ser igual à necessária para a manutenção de todas as atividades do nosso organismo. energia introduzida = energia gasta + energia armazenada (reservas energéticas) Os valores energéticos dos alimentos são estimados de acordo com as quantidades de carboidratos, proteínas e gorduras que contêm. Observe a figura abaixo.
Valor energético em kJ/g 38

▼

17
carboidratos

17

proteínas

Rótulos de alimentos industrializados costumam fornecer informações nutricionais do produto oferecido ao consumidor. Vejamos, por exemplo, as informações impressas no rótulo de determinado creme de amendoim.
Cada 100 g do produto contém 2570 kJ Vitaminas 49 g A 3.000 U.I. 20 g D 240 U.I. 23 g E 8 mg % R.D.* Sais minerais 21 mg niacina (B3) ferro 60 9 mg B12 1,8 g 200 mg 20 fósforo B1 0,1 mg 25 cálcio 200 mg energia lipídios proteínas carboidratos % R.D.* 60 60 80 100 60 5

▼

Questão 31

Habilidade 9

O aqüífero Guarani é um dos maiores reservatórios subterrâneos de água doce do mundo. Está quase todo concentrado no Brasil, com partes na Argentina, no Uruguai e no Paraguai. Estudos realizados pela Unesp mostram que a temperatura da água varia entre 33ºC, nos pontos mais rasos, e 65ºC, nos pontos mais profundos. Estima-se que a cada 100 m de profundidade a temperatura da água seja elevada em 3ºC.
SIMULADO ENEM/2008 18

* Indica os percentuais da recomendação diária (R.D.) contidos em 100 g do produto (Resolução CNNPA 12/46 de 1978 — MS). Por exemplo, os 9 mg de ferro presentes em 100 g do produto equivalem a 60% do total de ferro recomendado diariamente.

* Hidrocarboneto: classe de substâncias que constitui os principais combustíveis (gasolina, óleo diesel, etc.) e cujas moléculas são formadas somente por carbono e hidrogênio.

Com base nessas informações, responda à questão.
ANGLO VESTIBULARES

gorduras

Durante o sono, o organismo humano consome aproximadamente 4,2 kJ/min. Para consumir a energia proveniente da ingestão de 200 g de creme de amendoim, você deveria dormir cerca de: A) B) C) D) E) 5 h. 8 h. 15 h. 20 h. 30 h.

Resolução Analisando-se os fatores socioeconômicos e ambientais associados ao desenvolvimento referidos no texto, entende-se que há uma forte tendência de encontrar soluções para os problemas ambientais por meio de intervenções tecnológicas e soluções de alto investimento, o que nem sempre funcionará para os países pobres — daí o texto afirmar que os pobres são deixados de lado nas soluções para a mudança climática. Resposta: B

Resolução

▼

100 g de pasta de amendoim –––––––– 2570 kJ 200 g –––––––– x x = 5140 kJ 1min de sono –––––––– 4,2 kJ x –––––––– 5140 kJ x = 1223 min 1 hora –––––––– 60 min x –––––––– 1223 min x = 20,4 h 20 h Resposta: D

Questão 34

Habilidade 12

Considere o quadro seguinte, relativo à febre amarela:
FEBRE AMARELA

O que é
Doença infecciosa febril aguda, de duração máxima de 10 dias e gravidade variável

Transmissão
Ocorre através da picada dos mosquitos transmissores infectados. Não há transmissão de humano para humano

▼

HÁ DOIS TIPOS DE TRANSMISSÃO

Questão 33 Leia o texto a seguir.

Habilidade 12

1

O mantra das empresas e políticos no mundo desenvolvido é o de que a tecnologia fornecerá a solução para o aumento global das emissões. Eles dizem que na verdade o combate ao aquecimento global pode ser bom para os negócios. A General Electric imediatamente reivindicou ser uma líder ambiental ao vender turbinas eólicas. O Wal-Mart está se tornando verde ao pedir aos seus fornecedores para que avaliem suas emissões enquanto produzem produtos Wal-Mart. Negociar as emissões de carbono certamente pode ser lucrativo: em um mês de péssimas notícias financeiras nos Estados Unidos, a Climate Exchange (bolsa do clima), que administra a Chicago Climate Exchange, viu um aumento de suas ações em mais de 20%... Mas turbinas eólicas, carros híbridos e mercados de carbono são soluções feitas pelo mundo desenvolvido para o mundo desenvolvido. Elas ignoram um grande pedaço do quebra-cabeça da mudança climática: como melhor ajudar as pessoas no mundo em desenvolvimento que já estão sentindo os efeitos do aquecimento global.
(Fonte: http://noticias.uol.com.br/midiaglobal/herald/2008/03/19/ ult2680u656.jhtm. Acesso em 06/04/08.)

Silvestre O vírus é transmitido pela fêmea dos mosquitos silvestres dos gêneros Haemagogus e Sabethes

2

Urbana É transmitida por mosquitos que vivem em áreas urbanas, como o Aedes aegypti

ATACA GERALMENTE MACACOS. O HOMEM É CONSIDERADO HOSPEDEIRO ACIDENTAL

MACACO CONTAMINADO

PESSOA CONTAMINADA

Sintomas
Febre, dor de cabeça, calafrios, náuseas, vômito, dores no corpo, icterícia (a pele e os olhos ficam amarelos) e hemorragias (de gengivas, nariz, estômago, intestino e urina)

Qual das alternativas apresenta um título mais adequado para as idéias contidas no texto? A) A tecnologia vai resolver todas as questões de energia limpa. B) Pobres são deixados de lado nas soluções para a mudança climática. C) O baixo volume de água concentra a poluição e aumenta as doenças. D) Os povos subdesenvolvidos precisam se adaptar às mudanças dos padrões climáticos. E) As mudanças climáticas dependem de grandes projetos para eliminação das emissões globais.
SIMULADO ENEM/2008 19

Tratamento
Não existe remédio. O tratamento apenas controla os sintomas da doença. Pacientes hospitalizados devem permanecer em repouso com reposição de líquidos e perdas sanguíneas

Prevenção
A vacina é gratuita e está disponível nos postos de saúde. É administrada em dose única a partir dos 9 meses de idade e vale por 10 anos. Deve ser aplicada 10 dias antes da viagem para áreas de risco

Fonte: jornal O Estado de S. Paulo, 8/1/2008.
ANGLO VESTIBULARES

A partir da análise das informações contidas nesse quadro, foram feitas as seguintes afirmações: I. A febre amarela não é contagiosa, isto é, a presença de pessoas infectadas na população não representa perigo de contaminação direta para outros seres humanos. II. Deve-se excluir a possibilidade de a doença ser adquirida por meio de eventuais transfusões de sangue de doadores contaminados e que ainda não manifestaram sintomas. III. No ciclo silvestre, a transmissão da doença ocorre somente entre símios. IV. Quando homens não vacinados ingressam em áreas florestais de risco, podem ser infectados pelos mesmos gêneros de mosquitos que contaminam macacos. V. O quadro não esclarece se mosquitos de ambos os sexos da espécie Aedes aegypti são transmissores do vírus em áreas urbanas. Está correto o que se afirma em: A) B) C) D) E) I, II e IV, apenas. II, III e V, apenas. I, IV e V, apenas. II e III, apenas. I, II, III, IV e V.

Resolução

ar

∆

ar

fechamento do tubo

ar

resfriamento

ar

800 milibar 27ºC = 300K

800 milibar 127ºC = 400K

800 milibar 127ºC = 400K

P=? 27ºC = 300 K

• Num frasco aberto, a pressão do gás no seu interior não varia com a temperatura e é sempre igual à pressão exterior, ou seja, a pressão barométrica ou pressão atmosférica. • O fechamento do tubo não altera a pressão do gás no seu interior, desde que a temperatura permaneça constante. • No resfriamento do tubo fechado, ocorre uma transforP mação isométrica ou isovolumétrica, na qual é consT tante. P1 P = 2 T1 T2 P2 =

∴

P2 800 milibar = 400 K 300 K

Resolução I. Correto. Lê-se no quadro: “Não há transmissão de humano para humano”. II. Incorreto. Essa informação não se encontra no quadro. Na verdade, sabe-se que o sangue contaminado pelo vírus da febre amarela fará com que receptores adquiram a doença. III. Incorreto. O esquema mostra que pode haver passagem do vírus dos macacos para o homem. IV. Correto. No ciclo silvestre, macacos são geralmente atacados, mas o ser humano também pode ser um hospedeiro acidental, ao ser picado pelo mesmo gênero de mosquito. V. Correto. De fato, o quadro não informa sobre o sexo dos mosquitos transmissores do gênero Aedes.

800 ⋅ 300 = 600 milibar = 0,600 bar 400

Resposta: E

Texto para questão 36 O espetáculo do universo não podia fazer gregos e romanos sentirem as mesmas emoções que ele provoca em nossa alma. Em lugar do sol poente, cujos longos raios ora iluminam uma floresta, ora tombam, numa tangente dourada, sobre o arco convexo dos mares; em lugar destes fenômenos luminosos, que nos relembram, a cada manhã, o milagre da criação, os antigos só viam, por toda parte, um cenário teatral monótono.

▼

Questão 36

Habilidade 5

Resposta: C

Questão 35

Habilidade 1

Um frasco aberto inicialmente a 27ºC é aquecido a 127ºC e, nessa temperatura, é então fechado. A seguir o frasco fechado é resfriado até voltar à temperatura inicial. Um barômetro no local do experimento registra pressão igual a 800 milibar. Qual a pressão do gás, em bar, no frasco fechado a 27ºC (final do experimento)? A) B) C) D) E) 960 0,960 0,800 720 0,600
20

O fragmento acima foi extraído do texto O Gênio do Cristianismo, publicado em 1802 pelo francês François-René de Chateaubriand (1768-1848). Após uma leitura atenta, assinale a alternativa que indique corretamente a sua filiação estilística. A) O elogio da arte clássica, o desprezo pela natureza e a tendência à objetividade filiam o texto à escola realista do século XIX. B) A religiosidade, a oposição aos clássicos e a referência à natureza permitem associar o texto ao Romantismo. C) O tom lírico e sentimental, a revolta contra os clássicos e, sobretudo, a temática rural indicam tratar-se de texto da escola naturalista. D) O elogio ao clássico, o sentimentalismo exacerbado e a sátira da natureza inserem o texto no Parnasianismo. E) A oposição aos clássicos, a religiosidade e as referências ao cotidiano revelam a filiação modernista do fragmento.
ANGLO VESTIBULARES

SIMULADO ENEM/2008

▼

Resolução Chateaubriand foi, de fato, um dos teóricos do Romantismo francês – além de autor de dois importantes romances do movimento, Atala (1801) e René (1802). No fragmento escolhido, revela-se a filiação romântica no relativo desprezo pelos clássicos (“os antigos só viam, por toda parte, um cenário teatral monótono”), no sensorialismo das imagens (“longos raios”, “tangente dourada”), na presença da natureza (“sol poente”, “floresta”) e na religiosidade (“milagre da criação”). Resposta: B

Observe os gráficos para responder à questão 38.
2003 2500– 2000– 1500– 1000– 500– 2004 2005 2006 2007

▼

Questão 37

Habilidade 20
Mortes por semana de 2003 a 2007

“Ninguém é mais liberal que um conservador no poder, nem mais conservador que um liberal no poder” — frase apócrifa freqüentemente repetida nos jornais brasileiros durante o Segundo Reinado (1840-1889).

2003

2004 3.2

2005 5.9

2006 8.5

2007 14

0.9

Mortes por dia com atentados de carros-bombas

2003

2004

2005

2006 55

2007 39

15

18

26

Mortes por dia em conseqüência de tiros e execuções Jornal Folha de S.Paulo, 15/8/2007. (Fonte: Organização Não-Governamental Iraq Body Count-IBC)

Considerando a frase relativa aos partidos políticos do Segundo Reinado e a charge contemporânea, podemos identificar como ponto comum às duas conjunturas políticas a seguinte característica: A) Os partidos do Império eram representantes das elites agrárias, enquanto os partidos atuais têm bases populares definidas. B) Tanto no Império como na atualidade existem partidos políticos representantes das mesmas camadas da sociedade, que se apresentam sem diferenças ideológicas marcantes. C) O revezamento democrático entre os partidos é que explica a estabilidade política nos dois momentos históricos comparados. D) No Segundo Reinado, os partidos da situação eram democráticos e os de oposição eram autoritários; na atualidade, ocorre o inverso. E) Na monarquia parlamentarista de D. Pedro II os partidos eram ideologicamente definidos, enquanto na República Presidencialista contemporânea as ideologias políticas desapareceram. Resolução As duas referências contidas no enunciado ratificam a imagem de partidos políticos que têm bases sociais semelhantes e que, em decorrência disso, não apresentam diferenças ideológicas marcantes. Suas diferenças limitam-se a questões regionais, administrativas ou setoriais. Resposta: B
SIMULADO ENEM/2008 21

▼

Questão 38

Habilidade 3

De acordo com os gráficos, observa-se: A) que, sem exceção, o número de mortos nos últimos anos cresceu. B) que depois da invasão norte-americana o número de mortos declinou. C) que o número de vítimas decresceu, mas cresceu o número de mortos por atentados com carros-bombas. D) que o número diário de mortos por tortura é maior que o de mortos em atentados com carros-bombas. E) que o número de mortos por semana, em todos os setores pesquisados, foi muito maior em 2007.

Resolução O total de civis iraquianos mortos é estimado entre 82 mil e 89 mil. A Organização Não-Governamental Iraq Body Count, registra um declínio do número total de mortos, em alguns setores, tem-se observado aumento do número de mortes em conseqüência de atentados por carrobomba. Grande parte das mortes de civis no Iraque tem origem no conflito sectário entre sunitas e xiitas que se seguiu à invasão americana, em 2003. Muitos dos assassinatos envolvem seqüestros e tortura. Embora a maioria das vítimas seja do sexo masculino, o número de mulheres e crianças mortas também é significativo. Resposta C
ANGLO VESTIBULARES

Questão 39

Habilidade 11

Observe o gráfico, que mostra a variação das precipitações anuais, segundo a latitude.
VOLUME DAS PRECIPITAÇÕES ANUAIS NO HEMISFÉRIO NORTE mm 1500

▼

A revista Science de 24/01/08 publicou um trabalho do cientista americano Craig Venter (um dos responsáveis pelo seqüenciamento do genoma humano), apresentando a realização da síntese, em laboratório, do genoma (conjunto de genes no DNA) inteiro da bactéria Mycoplasma genitalium. Sem usar a célula bacteriana, o processo produziu um DNA artificial, feito em tubos de ensaio, com a mesma seqüência do DNA natural da bactéria. A fase seguinte do trabalho será a introdução do genoma sintético numa célula sem material genético, esperando-se trazê-la à vida e demonstrar que o material sintético é biologicamente ativo. Se conseguirem criar bactérias sintéticas, os cientistas terão, pela primeira vez na história, criado vida a partir de matéria orgânica inanimada. O trabalho de Venter insere-se numa nova disciplina, a Biologia Sintética, cujo principal objetivo é a construção de organismos artificiais que poderão ser utilizados para a produção de novas substâncias, totalmente desenvolvidas pelo homem. A partir do exposto, assinale, entre as alternativas abaixo, a única conclusão que não pode ser associada corretamente com o texto: A) Uma aplicação dessa tecnologia poderá ser a produção de compostos úteis para a indústria farmacêutica. B) Genes artificiais poderão levar à produção de proteínas que não existem nas células atuais. C) No texto, o conceito de vida está associado à expressão do material genético na célula. D) O seqüenciamento do genoma humano foi feito no interior da bactéria Mycoplasma genitalium. E) A Biologia Sintética pretende produzir organismos que funcionem como fábricas de substâncias úteis.

1000

500

0 0º 20º 40º 60º 80º 90º latitude

Fonte: Pearce & Smith. World Weather Guide. Oxford: Helicon, 2003 (Traduzido e adaptado de http://www.nesdis.noaa.gov/. Acesso em 08/04/08. )

Com base nas informações do gráfico, aponte a alternativa que melhor interpreta o fenômeno natural descrito no texto: A) O volume de chuvas de cada região ocorre de forma aleatória, o que se comprova pela variação das precipitações, que se reduzem ou aumentam, sem nenhum padrão, segundo a latitude. B) O menor volume das precipitações, sempre sólidas, ocorre na área de alta latitude, o que se deve à falta de correntes marítimas na região, que não recebe nenhum calor. C) Nas proximidades dos trópicos, entre 20º e 40º de latitude, ocorrem as menores precipitações, devido à presença dos desertos, que impedem a passagem das massas de ar úmidas. D) As precipitações sobem nas áreas de média latitude, entre 40º e 60º de latitude, graças às maiores taxas de evaporação de água que essas regiões apresentam. E) As maiores precipitações líquidas se verificam nas áreas de baixa latitude e estão relacionadas à maior temperatura e à alta evaporação que ali ocorrem.

Resolução O seqüenciamento do genoma humano não teve nenhuma relação com a bactéria Mycoplasma genitalium, a qual foi utilizada por Venter como modelo para produzir o genoma artificial. Resposta: D

▼

Questão 40 Leia o texto:

Habilidade 15

Resolução Os raios solares aquecem entre 1,5 e 2 vezes mais (por unidade de área) as regiões próximas ao Equador do que as regiões acima dos Círculos Polares. Essa diferença provoca um balanço energético em que ocorre transferência de calor (ou energia) da região equatorial para a polar, através da atmosfera e dos oceanos. Esse balanço térmico é um dos principais fatores de formação dos cinturões de vento (na atmosfera) e das correntes marítimas (nos oceanos). A atmosfera é responsável por mais de 80% da redistribuição do calor recebido pela Terra. Nas regiões de baixas latitudes, a remoção de calor ocorre, principalmente, por meio da evaporação da água dos oceanos, provocando muitas chuvas de convecção. Parte da água evaporada é transportada para regiões de altas latitudes, onde se resfria, se condensa e se precipita.
SIMULADO ENEM/2008 22

As precipitações não ocorrem de forma aleatória, já que são determinadas por fatores naturais bastante conhecidos e com um comportamento relativamente regular. A observação desses fenômenos ao longo de muitas décadas permite o levantamento de dados e a construção de gráficos como o das precipitações anuais segundo a latitude. O gráfico comprova que as maiores precipitações ocorrem nas áreas de baixa latitude, fato que, segundo o texto, está relacionado à maior temperatura e à alta evaporação nas zonas próximas ao Equador. As altas temperaturas permitem deduzir que as precipitações predominantes nessa região são líquidas. Resposta: E
ANGLO VESTIBULARES

▼

Imagens para a questão 41 Figura 1

Questão 42

Habilidade 14

Uma piscina tem a forma de um paralelepípedo reto-retângulo de 10 m de largura, 15 m de comprimento e 2 m de profundidade. Para tratar a água dessa piscina, é preciso adicionar 1kg de certo produto químico a cada 2500 litros de água. Estando ela completamente cheia de água e sabendo-se que 1m3 equivale a 1000 litros, quantos quilos do produto químico deverão ser usados para tratar a água? A) B) C) D) E) 12 kg 120 kg 1200 kg 60 kg 600 kg

(Bernardo Luini, “Retrato de jovem mulher”, 1525)

Figura 2

Resolução Sendo V o volume da piscina, temos: V = 10 ⋅ 15 ⋅ 2 ∴ V = 300 m3 ∴ V = 300000 L 300000 Logo, deverão ser usados kg do produto, ou seja, 2500 120 kg. Resposta: B

▼

Questão 43

Habilidade 19

(Pablo Picasso, “Retrato de Dora Maar”, 1941)

Questão 41

Habilidade 18

Observe atentamente as figuras anteriores e assinale a alternativa correta sobre elas. A) Pode-se dizer que a Figura 1 apresenta uma imagem deformada do modelo real, enquanto a Figura 2 é mais fiel à realidade. B) Nenhuma das duas figuras pode ser considerada bela, na medida em que ambas apresentam distorções do real. C) Apenas a Figura 1 é bela, já que a beleza artística deve ser sempre associada à delicadeza. D) Os dois retratos foram pintados de acordo com convenções artísticas específicas e correspondem a distintas noções do belo. E) Apenas a Figura 2 é bela, já que a beleza artística deve ser sempre associada à originalidade.

A instalação de usinas nucleares em qualquer lugar do mundo é sempre um assunto polêmico, pois, enquanto alguns analistas as consideram uma solução para a questão da produção da energia elétrica de vários países, outros acreditam que, pelos problemas que provocam ou poderão provocar no futuro, elas deveriam ser desativadas em todo o mundo. Leia os textos abaixo, que destacam vantagens e desvantagens desse tipo de usina. I. A Agência de Energia Nuclear, com sede em Paris, insiste que, para tornar o mundo mais livre dos chamados gases de efeito estufa (principalmente o gás carbônico, ou CO2, que segundo pesquisas leva à elevação da temperatura média do planeta), este tipo de energia precisa corresponder a entre 20% e 25% do total da energia gerada no mundo. Atualmente, este número é de 6%.
(Fonte: http://www.bbc.co.uk/portuguese/ciencia/story/ 2004/06/040603_climamtc.shtml. Acesso em 4/4/08.)

▼

II. Angra III é fundamental para suprir de energia o Sudeste, já que os futuros aproveitamentos hidrelétricos estão distantes da região e, possivelmente, o gás na Bacia de Santos não estará disponível em grande escala — para abastecimento de termelétricas — antes de 2010.
(Fonte: http://infoener.iee.usp.br/infoener/hemeroteca/ imagens/79357.htm. Acesso em 4/4/08.)

Resolução Os dois retratos correspondem a diferentes convenções artísticas, renascentistas no primeiro e cubistas no segundo. Desse modo, ambos instituem as suas próprias conceituações do belo. Dizer que um dos quadros é belo e o outro não, é uma opinião válida, mas que não leva em conta a diversidade de representações inerente à história das manifestações artísticas. Resposta: D
SIMULADO ENEM/2008 23

III. A utilização desse tipo de tecnologia continua apresentando graves riscos para toda a humanidade. Reatores nucleares e instalações complementares geram grandes quantidades de lixo nuclear que precisam ficar sob vigilância por milhares de anos. Não se conhecem técnicas seguras de armazenamento do lixo nuclear gerado.
(Fonte: http://www.greenpeace.org.br/energia/energia.php? conteudo_id=627&sub_campanha=0&img=15. Acesso em 4/4/08.)
ANGLO VESTIBULARES

IV. Além da segurança, outra questão não resolvida em relação à energia nuclear é sua viabilidade econômica. De acordo com os cálculos da Agência Internacional de Energia, referência mundial no tema, construir usinas nucleares é mais caro que optar por usinas hidrelétricas e termelétricas a carvão ou gás. Outro levantamento, do Departamento de Energia e Comércio, da Inglaterra, também aponta a energia nuclear como mais cara que as outras. Há ainda uma comparação feita pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos EUA: a eletricidade dos reatores é 95% mais cara que a das termelétricas a gás.
(Fonte: http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/ 0,,EDG77869-6010-476,00.html. Acesso em 4/4/08.)

O texto anterior pode ser relacionado com a seguinte conseqüência: A) Aumento da biodiversidade de anfíbios em biomas semelhantes à Mata Atlântica. B) Extinção de algumas espécies de anfíbios no bioma Mata Atlântica. C) Aumento do comércio ilegal de espécies de anfíbios do bioma Mata Atlântica. D) Diminuição da biodiversidade geral no bioma Mata Atlântica. E) Aumento da manutenção de espécies de anfíbios em cativeiro no bioma Mata Atlântica. Resolução O texto pode ser relacionado fundamentalmente à diminuição no número de espécies de anfíbios na Mata Atlântica, em função da fragmentação de hábitats necessários à ocorrência de reprodução desses seres vivos. Resposta: B

Entre os argumentos favoráveis à decisão do governo de dar continuidade à construção de Angra III, destacam-se os relacionados com a questão: A) da viabilidade econômica, pois os custos de produção de uma usina nuclear são muito baixos. B) da dificuldade encontrada para um melhor aproveitamento, nas áreas de maior necessidade, da potência hidrelétrica disponível no país. C) da segurança, pois o risco de ocorrência de acidentes nas usinas nucleares no Brasil é inexistente. D) da preservação ambiental, pois essa seria a única forma de o Brasil diminuir a emissão de gás carbônico na atmosfera. E) da segurança, pois a questão do lixo atômico, a exemplo do que já ocorreu na maior parte dos países desenvolvidos que dispõem de usinas nucleares, deixou há muito de ser um problema. Resolução Confrontando as diversas interpretações registradas nos textos, identificando os seus pressupostos e analisando a validade dos argumentos utilizados, observa-se que, entre os argumentos favoráveis à implantação de usinas nucleares no Brasil, encontra-se a constatação de que os principais centros de consumo de energia elétrica no país estão localizados em áreas muito distantes das que apresentam potência hidrelétrica disponível para aproveitamento, o que justificaria a implantação de termonucleares. Resposta: B

Texto e imagem para questão 45 Leia a notícia publicada na Folha de S.Paulo em 15/11/1995 (p. 1-11) PELÉ DEFENDE NEGROS E ATACA POLÍTICOS Presidente da câmara reage; ministro diz que não fez acusação indiscriminada O ministro extraordinário dos Esportes, Édson Arantes do Nascimento, o Pelé, ao defender ontem a eleição de parlamentares negros, atacou os políticos. “Infelizmente, o sinônimo de político hoje no Brasil, de uma maneira geral, é corrupto, e o negro não carrega essa carga”, disse Pelé para manifestantes do Movimento Marcha contra o Racismo. Minutos depois do discurso, o presidente da Câmara, Luís Eduardo Magalhães (PFL-BA), reagiu à fala de Pelé. “Não acredito que ele (Pelé) tenha falado isso, mas, se disse, vou fazer uma guerra”, disse Luís Eduardo. Em nota oficial, divulgada por sua assessoria de imprensa às 20h, Pelé afirmou que não acusou “indiscriminadamente” a classe política e os congressistas. Observe a charge, publicada em O Estado de S. Paulo no dia seguinte, sobre o mesmo assunto:

▼

Questão 44

Habilidade 13

A FRAGMENTAÇÃO DE HÁBITAT E O DECLÍNIO POPULACIONAL DE ANFÍBIOS A Mata Atlântica possui mais de 480 espécies de anfíbios, cerca de 80% das quais possuem larvas aquáticas. Pesquisadores brasileiros relatam a ocorrência de uma diminuição de populações de anfíbios de reprodução dependente da água nesse bioma, em conseqüência da ruptura de continuidade dos hábitats — devido a intervenções humanas —, normalmente utilizados por indivíduos dessas espécies em suas migrações reprodutivas. Com a fragmentação dos hábitats, formam-se numerosos espaços abertos e secos que dificultam o deslocamento dos animais, além de os tornarem mais vulneráveis a predadores, à desidratação, a agroquímicos e a várias outras substâncias poluentes.
(Adaptado de BECKER, C.G. et alli, “Habitat Split and the Global Decline of Amphibians”. Science, EUA, V. 318, nº 5857, 14/12/2007, p. 1775.)
SIMULADO ENEM/2008 24

(IQUE, 100 vezes Ique no Estadão. São Paulo: O Estado de S. Paulo, 1997, p. 47.)
ANGLO VESTIBULARES

▼

Considere as afirmações a respeito do sentido da charge: I. O ministro Pelé esforçou-se para fazer uma jogada digna de um craque da política, marcando um “gol de bicicleta” ao driblar o Congresso. II. O ministro demonstrou pouca habilidade para relacionar-se com o Congresso, ferindo suscetibilidades. III. Ao defender a eleição de negros para o Congresso, o ministro estaria pretendendo estender a hegemonia que os negros exercem nos campos de futebol para o cenário legislativo. IV. A declaração do ministro a respeito dos políticos trouxe-lhe tensão, pois foi interpretada como uma agressão, uma “jogada perigosa”.

Questão 47

Habilidade 12

O texto seguinte foi adaptado de um artigo de Thiago Romero, da Agência FAPESP (Agência de Notícias da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), publicado em 22/1/2008 no site, www.zoonews.com.br (acessado em 16/04/08). Leia-o para responder à questão. ESCORPIONISMO INFANTIL Um levantamento epidemiológico realizado no Centro de Controle de Intoxicação (CCI), vinculado ao Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), destacou a alta incidência de acidentes graves em crianças causados por escorpiões. Foram analisadas 922 ocorrências em Campinas e região, incluindo cidades como Sumaré, Indaiatuba, Nova Odessa, Americana e Piracicaba. A gravidade dos casos foi classificada de acordo com critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde: 2,9% não apresentaram sintomas, 3,1% foram considerados graves (vômitos freqüentes, hipertonia muscular e edema pulmonar agudo), 11% moderados e 83% leves (dor local, taquicardia e agitação). “Muito dificilmente as picadas de escorpião em adultos geram casos graves. Talvez isso ocorra por eles terem superfície corporal maior que a das crianças, que são mais sensíveis ao veneno”, disse Fábio Bucaretchi, coordenador do CCI e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp, à Agência FAPESP. “As crianças normalmente recebem uma quantidade maior de veneno. Sua pele é mais vascularizada, o que permite uma inoculação em maior concentração na circulação sanguínea. O fato de existirem diferentes respostas à toxina, dependendo da idade do paciente, também é uma questão que precisa ser mais bem estudada em modelos experimentais”, explicou. No Brasil, segundo dados mais recentes, referentes a 2005, sobre intoxicações em seres humanos, foram registrados 84.456 casos, sendo que os animais peçonhentos respondem por 23.647 (28%). Desse total, 8.208 (35%) envolveram escorpiões. “Hoje, a mortalidade por acidentes com picadas de escorpiões no Brasil gira em torno de 30 a 55 casos anuais, sendo 80% em crianças com menos de 14 anos”, disse Bucaretchi. Uma das afirmações seguintes não está de acordo com as informações contidas no texto. Assinale-a. A) A maior parte dos casos de picadas de escorpiões em adultos pode ser classificada, quanto à gravidade, como leve ou moderada. B) A maior vascularização da pele das crianças favorece a absorção do veneno inoculado através da picada dos escorpiões, aumentando sua concentração na corrente sanguínea, cujo volume é menor do que nos adultos. C) Os efeitos da toxina presente no veneno dos escorpiões variam conforme a idade dos pacientes. D) Em nosso país, os dados mais recentes revelam que o maior número de casos de intoxicação em seres humanos é causado por animais peçonhentos, em sua maioria escorpiões. E) No Brasil, segundo dados de 2005, os escorpiões respondem por aproximadamente 10% de todos os casos de intoxicação registrados em seres humanos.
25 ANGLO VESTIBULARES

▼

Questão 45

Habilidade 4

Tendo em vista o contexto, podem ser apontadas como coerentes apenas as afirmações: A) I e II. B) I e III. C) II e III. Resolução Como a própria manchete da reportagem a respeito do episódio destaca, a declaração de Pelé foi considerada um ataque aos políticos. Sendo seu interesse principal encorajar a eleição de mais negros, e não atacar as instituições, pode-se dizer que houve inabilidade, uma espécie de pontapé no Congresso. A fisionomia do ministro na charge procura justamente representar a tensão que essa jogada desastrada lhe causou. Resposta: D D) II e IV. E) III e IV.

▼

Questão 46

Habilidade 18

… evidente que é segundo a classe à qual se pertence, segundo as possibilidades de riqueza, segundo as posições sociais que se obtém a justiça. A justiça não é atribuída do mesmo modo.
(FOUCAULT, Michel. Ditos e Escritos, V. 4, p. 35, apud SALLA, F.)

O texto acima faz referência ao funcionamento da justiça. De acordo com ele, é correto afirmar que: A) a aplicação da justiça é igual para toda a sociedade. B) aqueles que detêm mais recursos desfrutam da justiça. C) a justiça, no estado de direito, é sempre praticada do mesmo modo. D) numa sociedade de classes hierarquizada pela fortuna, inexiste a lei. E) numa sociedade de classes, a justiça é igual, mas a lei privilegia os ricos. Resolução De acordo com o texto, os indivíduos pertencentes às camadas mais pobres da população — sobretudo aqueles desprovidos de recursos econômicos, capital social, capacidade de mobilização e recursos de proteção legal — não têm condições de enfrentar as injustiças, embora convivam num estado de direito. Resposta: B
SIMULADO ENEM/2008

Resolução A) Correta. De acordo com o texto, os casos graves em adultos de Campinas e região são raros. B) Correta. Encontra-se no texto: “As crianças normalmente recebem uma quantidade maior de veneno. Sua pele é mais vascularizada, o que permite uma inoculação em maior concentração na circulação sanguínea”. C) Correta. Encontra-se no texto:“O fato de existirem diferentes respostas à toxina, dependendo da idade do paciente,...” D) Incorreta. Os animais peçonhentos respondem por apenas 28% dos casos de intoxicação em seres humanos. E) Correta. No Brasil, os 8.208 casos envolvendo escorpiões correspondem a aproximadamente 10% do total de 84.456 casos registrados de intoxicação de seres humanos (84.456 ⋅ 0.10 = 8.445) Resposta: D

▼

Questão 49

Habilidade 19

▼

Questão 48

Habilidade 17

A polêmica em torno do aquecimento global é grande. Há divergências, principalmente, em torno das causas e das formas de combate ao problema (se é que ele existe). Sobre o assunto, leia os textos abaixo: Texto I: O planeta esquenta e a catástrofe é iminente. Mas existe solução Ondas de calor inéditas. Furacões avassaladores. Secas intermináveis onde antes havia água em abundância. Enchentes devastadoras. Extinção de milhares de espécies de animais e plantas. Incêndios florestais. Derretimento dos pólos. E toda a sorte de desastres naturais que fogem ao controle humano. Há décadas, pesquisadores alertavam que o planeta sentiria no futuro o impacto do descuido do homem com o ambiente. Na virada do milênio, os avisos já não eram mais necessários — as catástrofes causadas pelo aquecimento global se tornaram realidades presentes em todos os continentes do mundo. Os desafios passaram a ser dois: adaptarse à iminência de novos e mais dramáticos desastres naturais e buscar soluções para amenizar o impacto do fenômeno.
(Adaptado de http://veja.abril.com.br/idade/exclusivo/aquecimento_ global/contexto_int.html. Acesso em 09/04/08.)

A água destinada ao abastecimento das cidades é submetida a um tratamento que se realiza em várias etapas. 1ª etapa — Adição de uma mistura de sulfato de alumínio e cal. Ocorrem então as reações:

→ Al2(SO4)3(s) + aq → 2 Al3+(aq) + 3 SO2–(aq) 4 Al3+(aq) + 3 (OH–)(aq) → Al(OH)3(s)
O Al(OH)3(s) forma grandes flocos, que são mais densos que a água e, por isso, afundam, levando consigo a sujeira. 2ª etapa — Separação do material ainda em suspensão, através de uma operação X. 3ª etapa — Adição de substâncias desinfetantes para matar microrganismos causadores de doenças. 4ª etapa — Adição de substância anticárie dental. 1ª etapa 2ª etapa 3ª etapa 4ª etapa floculação e filtração oxigenação cloração decantação floculação e decantação fluoretação hidrogenação filtração floculação e filtração cloração fluoretação decantação filtração e floculação cloração iodetação decantação filtração e floculação cloração fluoretação decantação

CaO(s) + H2O(l) → Ca(OH)2(aq) Ca2+(aq) + 2 (OH–)(aq)

A) B) C) D) E)

Texto II: Aquecimento global: uma impostura científica O aquecimento global é uma hipótese fornecida por modelos teóricos. São numerosas as contradições entre as previsões e os fatos climáticos observados diretamente. A ignorância dessas distorções flagrantes constitui uma impostura científica. Os conhecimentos de climatologia são em geral limitados. O IPCC reconhece-o quando afirma: “A aptidão dos cientistas para fazer verificações das projeções provenientes dos modelos é bastante limitada pelos conhecimentos incompletos sobre as verdades climáticas” (UNEP-WMO, 2002, p. 7). Os modelos climáticos prevêem aumentos da temperatura. Essa conclusão tornou-se um postulado indiscutível (UNEP-WMO, 2002, p. 7). Os modelos, fundamentados no efeito radiativo, podem prever outra coisa que não seja aquecimento? Le Treut (1997) escreve a esse propósito: “Os modelos, cada vez em maior número e mais sofisticados, indicam sem exceção um acréscimo de temperatura”. A unanimidade da resposta (pudera!) é, pois, considerada como uma prova da capacidade dos modelos para prever o futuro. Mas, para além da sofisticação dos cálculos, o resultado é no fim de contas uma aplicação da regra de três simples, entre 1) a taxa de crescimento do CO2 atual, 2) a suposta taxa futura e 3) a temperatura correspondente.
(Adaptado de Marcel Leroux http://resistir.info/climatologia/impostura_cientifica.html. Acesso em 09/04/08.)

Resolução 1ª etapa — Nesta etapa, primeiro se formam os flocos de Al(OH)3 (floculação) e a seguir esses flocos se sedimentam (decantação). 2ª etapa — Por filtração, separa-se o material ainda em suspensão depois da 1ª etapa. 3ª etapa — O cloro tem ação desinfetante (mata os microrganismos causadores de doenças). 4ª etapa — O fluoreto de sódio é o anticárie dental utilizado. Resposta: C
SIMULADO ENEM/2008 26

Os textos interpretam o fenômeno do aquecimento global, que teria grandes repercussões geográficas. Analisando-os, concluímos que: A) o texto I é taxativo ao afirmar que o aquecimento global existiu e cita provas que confirmam seu retorno no presente. B) o texto I cita exemplos de fatos geográficos, como furacões avassaladores e enchentes devastadoras, que servem como prova irrefutável do aquecimento global. C) o texto II reconhece o aquecimento global como um fato, mas contesta os modelos climáticos criados para comprová-lo. D) o texto II contesta a existência do aquecimento global, afirmando que os modelos climáticos que analisam a variação de temperatura da Terra são simplistas. E) os textos não se opõem: na verdade, eles se completam, o primeiro apontando os fatos que indicam a existência do aquecimento global e o segundo analisando o modelo climático que o comprova.
ANGLO VESTIBULARES

Resolução Confrontando os textos, observamos que se trata de interpretações opostas sobre um fenômeno ambiental, o aquecimento global, que teria grandes repercussões geográficas. O texto I defende que o fenômeno existe e cita provas que, segundo o autor, comprovam esse fato. O texto II contesta a existência do aquecimento global e ainda afirma que os modelos climáticos criados para prová-lo são simplistas e falsos. Resposta: D

D)

E)

▼

Questão 50

Habilidade 1

Notícia veiculada no jornal O Globo, em 13 de novembro de 2006: Pela terceira vez neste ano, Salvador alcançou nesta segunda-feira o maior índice pluviométrico registrado em todo o país pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet): 77,2 milímetros em apenas 24 horas, de acordo com a estação instalada no bairro de Ondina. Os dois outros recordes foram quebrados em 21 de abril e 21 de outubro. Desde 1990, quando a Defesa Civil passou a monitorar os dados do Inmet, esta é a segunda vez que os pluviômetros alcançam uma marca tão alta em um único dia no penúltimo mês do ano: o recorde anterior data de 24 de novembro de 2004, quando choveu 80 mm. Considere uma situação na qual você deva empregar um pluviômetro para aferir o índice de precipitações em certa região. Dentre as opções, assinale aquela que poderia ser utilizada como um pluviômetro. A) Resolução Um pluviômetro deve ser um instrumento aberto, para que a água da chuva possa ser recolhida, e conter alguma graduação, para que se possa aferir o volume de chuva precipitada. A alternativa B mostra um destilador. A alternativa C mostra um aquecedor solar. A alternativa D mostra uma antena parabólica. A alternativa E mostra um telescópio. Resposta: A

▼

Questão 51

Habilidade 9

B)

Considere um lago numa região onde a temperatura do ar no inverno atinge valores abaixo de 0°C. Poder-se-ia pensar que, nessa temperatura, toda a água do lago se transformaria em gelo, o que acarretaria a morte dos peixes e demais organismos vivos nele existentes. Isso não ocorre, porque o gelo é menos denso do que a água líquida e por isso flutua, constituindo uma camada que funciona como um isolante térmico, o que impede a solidificação da água abaixo dessa camada. Graças a isso, os peixes e demais organismos vivos conseguem sobreviver. A água é uma substância muito peculiar, ou seja, difere da maioria das substâncias em várias propriedades, tais como as seguintes: I. Na grande maioria das substâncias, a solidificação é acompanhada de contração de volume. A água, ao contrário, sofre uma expansão de volume, quando se transforma em gelo (solidificação). II. A densidade das substâncias diminui com a elevação da temperatura. A densidade da água, ao contrário, pelo menos no intervalo de 0°C a 4°C, aumenta com a elevação da temperatura. III. A água é o único hidreto de ametal de fórmula HxE que não é gasoso nas condições ambientes. Qual(is) dessas propriedades explica(m) o fato de não ocorrer a solidificação de toda a água do lago, mesmo quando a temperatura do ar atinge –50°C? A) I, II e III. B) II e III, somente. C) I, somente. D) II, somente. E) III, somente.
ANGLO VESTIBULARES

C)

SIMULADO ENEM/2008

27

Resolução Somente a propriedade (I) explica o fato de o gelo ser menos denso que a água, explicando, assim, o fato de não ocorrer a solidificação de toda a água do lago quando a temperatura do ar atinge valores abaixo de 0ºC. m(g) de H2O(l)
expansão → de volume

III. O gás metano é componente do chamado gás natural. A suposta coleta, por meio da utilização de uma tecnologia adequada, desse volume extraordinário de metano contido nos clatratos poderia resultar na sua utilização para fins energéticos. Resposta: D

m(g) de H2O(s)

∴ VH2O(l)

▼

VH2O(s) mH2O(s) dH2O(s) = VH2O(s)

Questão 53

Habilidade 3

mH2O(l) dH2O(l) = VH2O(l) mH2O(l) = mH2O(s) Resposta: C

∴ dH2O(l)

dH2O(s)

De certa série de uma escola de Ensino Médio, retirou-se uma amostra de alunos, e foi anotada a nota de Química de cada um, relativa a um determinado bimestre, obtendose o seguinte diagrama de barras.
número de alunos 10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 0 4 5 6,5 7 8,5 nota

▼

Questão 52

Habilidade 16

O fundo dos oceanos, em profundidades superiores a 400 metros, sob altas pressões e com temperaturas abaixo de 1ºC, armazena enormes reservas de metano — cerca de 400 trilhões de metros cúbicos — sob a forma de bolhas de gás contidas em incontáveis trilhões de cristais de gelo. São hidratos do gás, comumente chamados de clatratos. Em decorrência do aquecimento global, a temperatura das águas oceânicas poderá aumentar, favorecendo a liberação de colossais volumes de metano para a atmosfera. Sabe-se que o metano é um gás de estufa 21 vezes mais potente na retenção de calor quando comparado ao gás carbônico.
(Adaptado de BANDEIRA Jr., A. N., Uma bomba relógio de metano. www.aracaju.com, acessado em 16/04/08.)

A média das notas dessa amostra é: A) 5,8 B) 6,2 C) 6,4 D) 6,8 E) 7,0 Resolução O número de alunos dessa amostra é 2 + 4 + 6 + 8 + 10 = 30. A média pedida é 3 ⋅ 4 + 4 ⋅ 8,5 + 5 ⋅ 5 + 8 ⋅ 7 + 10 ⋅ 6,5 m= 30 m= 192 = 6,4 30

Preocupado com a possível liberação dessas reservas de metano para a atmosfera, um estudante elaborou as seguintes suposições: I. O aumento do teor de metano na atmosfera poderá acentuar o efeito estufa, intensificando o aquecimento global. II. A elevação do teor de metano na atmosfera favorecerá a recuperação das florestas, já que as árvores utilizam esse gás para a realização de fotossíntese. III. Se, por meio de tecnologias adequadas, o metano contido nos clatratos pudesse ser coletado antes de ser liberado para a atmosfera, ele seria aproveitável para fins energéticos.

Resposta: C

▼

Das suposições do estudante, assinale as que você considera viáveis: A) I, II e III. B) I e II, apenas. C) II e III, apenas. D) I e III, apenas. E) III, apenas. Resolução I. Realmente, considerando que o metano é um gás de estufa 21 vezes mais potente na retenção de calor, comparativamente ao gás carbônico, o efeito estufa poderá ser acentuado, com incremento do aquecimento global. II. Na fotossíntese executada pelas plantas clorofiladas, o gás utilizado é o gás carbônico, o que inviabiliza a suposição.
SIMULADO ENEM/2008 28

Questão 54

Habilidade 8

A energia solar é uma das possíveis fontes alternativas de energia. No entanto, um fator restritivo à sua utilização é o fato de que, quando o céu está encoberto, a energia elétrica que ela gera é pouca e, à noite, é nenhuma. Por esse motivo, quando se instala uma usina elétrica que tenha como fonte a energia solar, é preciso produzir durante as horas de sol um excesso de energia que, armazenada, possa ser utilizada à noite. Uma maneira de armazenar energia consiste em utilizar parte da energia elétrica obtida nas células fotovoltaicas expostas ao sol para bombear e comprimir ar dentro de estruturas ocas no subsolo, como cavernas, minas abandonadas, aqüíferos e poços de gás natural esgotados. Durante a noite, essas estruturas ocas passam a operar como gigantescas reservas de ar comprimido. De acordo com a demanda, o ar comprimido é liberado para movimentar uma turbina geradora de energia elétrica.
ANGLO VESTIBULARES

Por esse método, essas turbinas utilizam apenas 40% do gás natural que queimariam se fossem alimentadas apenas por essa fonte. A usina elétrica de Araucária (PR) consome 2,2 milhões de m3 diários de gás natural para gerar 484 MW (1M = 106) de potência elétrica. Se essa potência fosse produzida com o auxílio de ar comprimido armazenado como descrito acima, quantos milhões de m3 de gás natural deixariam de ser queimados nessa usina em um mês? A) 48,4 B) 66,0 C) 26,4 D) 39,6 E) 2,2 Resolução A usina deixaria de queimar 60% do gás natural, portanto 2,2 ⋅ 0,6 = 1,32 milhões de m3 por dia. Em um mês deixariam de ser queimados 1,32 ⋅ 30 = 39,6 milhões de m3 de gás natural.

C) Algumas temáticas estão presentes em diferentes épocas artísticas. D) O sofrimento afirmado no Texto 1 é relativizado no Texto 2. E) A idealização positiva que caracteriza o Texto 3 não está presente no Texto 4. Resolução A temática amorosa atravessa toda a história literária, embora cada época tenha apresentado do tema sua própria concepção, submetendo-o a tratamentos formais e conceituais específicos. Observação: o Texto 1 foi retirado de uma “Cantiga d’amor de refran” de Paio Soares de Taveirós, atualizada por Natália Correia; o Texto 2 é a primeira estrofe de conhecido soneto camoniano; o Texto 3 foi extraído de “Moreninha”, da obra Primaveras, de Casimiro de Abreu; o Texto 4 é a primeira fala da personagem Joaquim de Os três mal amados, poema em prosa de João Cabral de Melo Neto. Resposta: A

▼

Resposta: D

Questão 56

Habilidade 7

Questão 55 Compare os textos a seguir: Texto 1

Habilidade 18

Como morreu quem nunca amar Se fez pela coisa que mais amou E quanto dela receou Sofreu, morrendo de pesar, Ai, minha senhora, assim morro eu.
(Paio Soares de Taveirós, séc. XII)

Um aluno do Ensino Médio resolveu fazer um estudo sobre o consumo de energia elétrica de sua casa. Ele analisou três utensílios domésticos — o ferro de passar roupa, a torneira elétrica e o chuveiro elétrico —, anotando suas potências e o tempo de funcionamento diário de cada um deles. Após 1 mês de observações, o estudante montou a seguinte tabela: UTENSÍLIO ferro de passar roupa torneira elétrica chuveiro elétrico POTÊNCIA 2500 W 4000 W 2000 W TEMPO MÉDIO DE USO DIÁRIO 30 minutos 1,5 horas 60 minutos

▼

Texto 2 Amor é fogo que arde sem se ver; É ferida que dói e não se sente; É um contentamento descontente; É dor que desatina sem doer.
(Luis de Camões, séc. XVI)

Texto 3 Moreninha, Moreninha, Tu és do campo a rainha, Tu és senhora de mim; Tu matas todos d’amores, Faceira, vendendo as flores Que colhes no teu jardim.
(Casimiro de Abreu, séc. XIX)

Interessado em economizar energia elétrica, ele sugeriu para sua família que suspendesse o uso da torneira elétrica e diminuísse pela metade o tempo dos banhos durante o mês seguinte. Dessa forma, quanto em energia elétrica o estudante esperava que se economizasse em sua casa nesse mês? A) 6 kWh B) 7 kWh C) 36 kWh D) 360 kWh E) 210 kWh Resolução • Energia economizada pela suspensão do uso da torneira elétrica em um dia: ∆ε1 = P ⋅ ∆t = 4 kW ⋅ 1,5 h ⇒ ∆ε1 = 6 kWh • Energia economizada pela diminuição do uso do chuveiro elétrico em um dia, lembrando-se que o tempo de banho caiu pela metade: ∆ε2 = P ⋅ ∆t = 2 kW ⋅ 0,5 h ⇒ ∆ε2 = 1kWh • Energia economizada em um mês: ∆εtotal = (∆ε1 + ∆ε2) ⋅ 30 = (6 + 1) ⋅ 30 ∴ ∆εtotal = 210 kWh

Texto 4 O amor comeu meu nome, minha identidade, meu retrato. O amor comeu minha certidão de idade, minha genealogia, meu endereço. O amor comeu meus cartões de visita. O amor veio e comeu todos os papéis onde eu escrevera meu nome.
(João Cabral de Melo Neto, séc. XX)

Assinale a alternativa incorreta sobre os textos acima. A) A temática dos textos é exclusiva do movimento romântico. B) A identificação da temática de um texto nem sempre define sua filiação estética.
SIMULADO ENEM/2008 29

Resposta: E
ANGLO VESTIBULARES

Texto para questão 57 Aos fatos, finalmente: a produtividade dos trabalhadores tem crescido de maneira exponencial. No período de dez anos estudado por Chico Alves, ela havia passado de seis para 12 toneladas diárias (de cana). Eles perdem cerca de dez litros de água por dia, percorrem distâncias — no campo de trabalho, nos metros que lhes são destinados para corte — de dez quilômetros diários, dão 66 mil foiçadas (com o podão, um facão especial) por dia para lograr as 12 toneladas diárias, trabalham no mínimo 12 horas por dia, numa jornada que tem, pelo menos, seis horas de intensa exposição ao sol. (…) Morrem por esgotamento: cãimbras que podem provocar paradas cardíacas. Têm hoje vida média inferior à dos escravos coloniais.
(OLIVEIRA, Francisco de. O Pós-moderno. Folha de S.Paulo, 27/05/2007.)

Com base nas informações e no seu conhecimento sobre as chuvas ácidas provocadas por óxidos de enxofre, analise as afirmações: I. A queima de combustíveis fósseis pelo ser humano é o principal responsável pela emissão de óxidos de enxofre. II. O uso da terra é uma causa antropogênica de emissão de óxidos de enxofre. III. As emissões de óxidos de enxofre pelos oceanos é maior do que a soma das emissões provenientes do uso da terra e de erupções vulcânicas. IV. A formação da chuva ácida pode ser representada pela equação SO3 + H2O → H2SO4 Assinale a alternativa que contém as afirmações corretas: A) B) C) D) E) Todas estão corretas. Somente I e II. Somente II e III. Somente I e IV. Somente I, II e III.

▼

Questão 57

Habilidade 20

Considerando que a vida útil e produtiva dos escravos nos engenhos nordestinos do período colonial era de 15 anos, em média, podemos concluir que: A) as relações de produção no campo continuam baseadas na escravidão. B) os trabalhadores rurais sem-terra estão sendo escravizados nos canaviais. C) os escravos da colônia eram mais bem tratados que os trabalhadores de hoje. D) a superexploração do trabalho tem sido a marca da evolução do capitalismo no campo. E) apesar de terem vida média inferior à dos escravos coloniais, os trabalhadores rurais são hoje muito bem remunerados pela produção. Resolução São muitos os estudos que denunciam a superexploração do trabalho nas relações de produção no campo. A hegemonia do pensamento neoliberal reforça esse fenômeno quando defende a flexibilização dos direitos trabalhistas em detrimento das condições de vida das massas trabalhadoras. Resposta: D

Resolução Observando o diagrama, podemos concluir que os responsáveis pela emissão de óxidos de enxofre, em ordem decrescente, são: combustíveis fósseis 70% oceanos 20% vulcões uso da 144 44244 terra 443 10%

São causas naturais: oceanos e vulcões. São causas antropogênicas: uso de combustíveis fósseis e uso da terra. Assim, as afirmações são: I. II. III. IV. Correta Correta Correta Correta, lembrando-se que: trióxido de enxofre + água → ácido sulfúrico (SO3 + H2O → H2SO4)

▼

Questão 58

Habilidade 8

Resposta: A

As fontes naturais de emissão de compostos de enxofre na atmosfera são os oceanos, a poeira da terra, as erupções vulcânicas e a decomposição de matéria orgânica. Já as fontes antropogênicas de emissão de compostos de enxofre na atmosfera são a queima de combustíveis fósseis e a atividade industrial. Os óxidos de enxofre presentes na atmosfera, ao se combinarem com a água da chuva, originam a chuva ácida. O diagrama a seguir mostra os fatores responsáveis pela emissão de óxidos de enxofre na atmosfera.
EMISSÃO DE ÓXIDOS DE ENXOFRE Oceanos Combustíveis fósseis Vulcões Uso da terra Antropogênica
SIMULADO ENEM/2008

▼

Questão 59

Habilidade 8

Em sua residência, Elena possui uma ducha acoplada a um aquecedor a gás. Assustada com os valores de suas contas de água e de gás, ela resolveu investigar o quanto gastava de um e de outro item durante seus banhos. Observou e anotou os seguintes dados. Duração de cada banho Variação de temperatura da água Vazão de água na ducha Densidade da água Calor especifico da água Calor de combustão do gás Rendimento do aquecedor
30

5 minutos 15ºC 8 L/min 1g/cm3 1cal/gºC 6000 kcal/kg 50%
ANGLO VESTIBULARES

Natural

Elena aprendeu nas aulas de Física que, para elevar a temperatura (∆θ) de uma massa (m) de água, é necessária uma quantidade de calor (Q) dada por: Q = m ⋅ c ⋅ ∆θ, em que “c” representa o calor específico da água. Com base nas informações obtidas, assinale a opção que indica os consumos de água e gás durante cada banho de Elena. A) B) C) D) E) 40 litros de água e 0,2 kg de gás. 20 litros de água e 0,4 kg de gás. 40 litros de água e 0,4 kg de gás. 20 litros de água e 0,2 kg de gás. 40 litros de água e 4 kg de gás.

Assinale a alternativa correta: A) As afirmações I e II são favoráveis ao New Deal, enfatizando que essa política representou uma ruptura em relação às práticas governamentais anteriores. B) As três afirmações são elogiosas ao New Deal, embora a de número II rejeite o alcance e a eficiência das mudanças propostas pela nova política. C) As afirmações I e II são opostas, na medida em que a primeira afirma que não houve mudanças na forma de atuação do governo norte-americano, enquanto a segunda reconhece essas mudanças. D) As afirmações I e II, apesar de favoráveis ao New Deal, divergem no que se refere ao caráter de ruptura representado pelas suas práticas, sugerindo que medidas do mesmo teor já haviam sido adotadas por governos anteriores. E) As afirmações I e III concordam ao afirmar que a superação da crise econômica seria possível graças ao acirramento das contradições, decorrente da política do New Deal.

Resolução Como a vazão da ducha é de 8 litros a cada minuto e a duração do banho é de 5 minutos, conclui-se que a quantidade de água consumida no banho é 8 ⋅ 5 = 40 litros. Como o rendimento do aquecedor é de 50% e o calor de combustão do gás é de 6000 kcal/kg, conclui-se que, efetivamente, apenas 3000 kcal de energia são fornecidos à água para cada 1kg de gás consumido. O volume de 40 litros de água corresponde a 40000 g de água. A quantidade de calor necessária para aquecer essa massa de água em 15ºC é dada por: Q = m ⋅ c ⋅ ∆θ = 40000 ⋅ 1 ⋅ 15 = 6 ⋅ 105 cal = 600 kcal Sabendo-se que cada 1kg de gás queimado cede 3000 kcal, para obter 600 kcal (1/5 do total), são necessários 1/5 kg, ou seja, 0,2 kg de gás. Resposta: A

Resolução As opiniões expressas por historiadores (I e II) e jornalistas (III) refletem a dificuldade de se compreender e interpretar a política do New Deal. Para os dois historiadores citados, essa política foi um sucesso, sendo inclusive responsável pelo surgimento de uma nova forma de governar, fundada no intervencionismo e no reconhecimento de que o governo tem responsabilidade no combate a problemas econômicos e sociais. Já os jornalistas citados afirmam, no fragmento, que a política do New Deal não tinha uma orientação precisa e que aprofundava as contradições econômicas, ao invés de resolvê-las. Resposta: A

▼

Questão 60

Habilidade 19

Para combater os efeitos da Grande Depressão na economia norte-americana, o governo do presidente Franklin D. Roosevelt colocou em prática, a partir de 1933, uma nova política econômica, marcadamente intervencionista, conhecida como New Deal. Sobre essa política, foram emitidas as seguintes opiniões (extraídas de The Americans, McDougal Little, 2005): I. Além de seus programas de auxílio e recuperação, encontra-se sua maior realização: o reconhecimento de que os problemas econômicos e sociais desta grande nação necessitam de soluções políticas nacionais e uma responsabilidade política nacional, e de que a velha ordem não funcionava mais.
(D. Bennet)

▼

Questão 61

Habilidade 13

Os dois trechos a seguir, relacionados à perda de biodiversidade devida à extinção de espécies, foram extraídos do artigo “Espécies Brasileiras Ameaçadas de Extinção, Sobreexplotadas ou Ameaçadas de Sobreexplotação”, publicado no portal do Ministério do Meio Ambiente. Leia-os com atenção. … O processo de extinção está relacionado ao desaparecimento de espécies ou grupos de espécies em um determinado ambiente ou ecossistema… … Outra causa importante que leva espécies à extinção é a introdução de espécies exóticas, ou seja, aquelas que são levadas para além dos limites de sua área de ocorrência original. Essas espécies, por suas vantagens competitivas e favorecidas pela ausência de predadores e pela degradação dos ambientes naturais, dominam os nichos ocupados pelas espécies nativas. Com o aumento do comércio internacional, muitas vezes indivíduos são translocados para áreas onde não encontram predadores naturais, ou ainda são mais eficientes que as espécies nativas no uso 0dos recursos…
(http://www.mma.gov.br/index.php?ido=conteudo. monta&idEstrutura=72&idMenu=2353, acessado em 24/3/2008.)
31 ANGLO VESTIBULARES

II. O New Deal deve ser reconhecido como uma série de iniciativas e programas criativos que auxiliaram inúmeros norte-americanos durante a Grande Depressão e transformaram a forma como o governo norte-americano funciona.
(A. A. Berle)

III. O New Deal tenta corrigir o desequilíbrio de nossa economia através do aprofundamento de suas contradições (…). Ao pretender atuar em diversas áreas ao mesmo tempo, o New Deal revela o fato de que não tem nenhuma direção.
(B. Stolberg & W. J. Vinton)
SIMULADO ENEM/2008

A partir dos trechos anteriores, é possível concluir-se que: A) espécies exóticas não interferem na biodiversidade existente, podendo até aumentá-la, ao se somarem às espécies normalmente encontradas nos ecossistemas. B) espécies nativas têm normalmente vantagens competitivas sobre as espécies exóticas, já que dominam a maior parte dos nichos ecológicos. C) as espécies nativas dificilmente se tornam uma praga para o ecossistema de que fazem parte, já que são controladas por predadores naturais. D) espécies exóticas são normalmente menos eficientes na utilização dos recursos do ecossistema e se extinguem com facilidade. E) a degradação dos ambientes naturais dificulta a fixação de espécies exóticas nos ambientes. Resolução Espécies nativas, de fato, naturalmente adaptadas ao ambiente em que vivem, são controladas por outras populações — por exemplo, por meio de predatismo ou de parasitismo. No caso de espécies exóticas, transplantadas para um meio ao qual não pertenciam originalmente, sempre existe o risco de não terem inimigos naturais. Resposta: C Questão 62 Habilidade 14

▼

Questão 63

Habilidade 10

Analise os dados dos dois gráficos abaixo e indique qual das alternativas contém uma interpretação correta do fenômeno representado.
MORTES POR MIL HABITANTES, 2001 16 14 Por milhão 12 10 8 6 4 2 0
África América América Oceania do Norte Latina e Caribe Ásia Europa

14 11 9 6 7 8

Fonte: 2001, Cuadro de la populación mundial. Population Reference Bureau (edición en folleto), Washington, 2001. http://www.ibge.gov.br/ibgeteen/pesquisas/fecundidade.html#anc1
TAXA DE MORTALIDADE INFANTIL POR CONTINENTES, 2001

100 Por mil nascidos vivos 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0
África

88

▼

O Teorema de Pitágoras é provavelmente o mais célebre dos teoremas da Matemática. Enunciado pela primeira vez por filósofos gregos chamados de pitagóricos, estabelece uma relação simples entre o comprimento dos lados de um triângulo retângulo: O quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos. Na figura plana seguinte estão desenhados um triângulo retângulo ABC e três quadrados, Q1, Q2 e Q3.

55

31

28 9
Ásia Europa

7
América América Oceania do Norte Latina e Caribe

Fonte: 2001, Cuadro de la populación mundial. Population Reference Bureau (edición en folleto), Washington, 2001. http://www.ibge.gov.br/ibgeteen/pesquisas/fecundidade.html#anc1 A Q2 B Q3 C Q1

Sabendo-se que a área do quadrado Q1 é 169 cm2 e que a área do quadrado Q2 é 25 cm2, a medida BC, em cm, é igual a: A) 8 D) 11 B) 9 E) 12 C) 10 Resolução — — Como a área do quadrado Q1 é 169 cm2, o seu lado AC 2, o seu mede 13 cm. Como a área do quadrado Q2 é 25 cm — — lado AB mede 5 cm. A medida BC, em cm, pode ser obtida aplicando-se o Teorema de Pitágoras no triângulo retângulo ABC: 52 + (BC)2 = 132 ∴ BC = 12 Resposta: E
SIMULADO ENEM/2008 32

A) A África apresenta a maior taxa de mortalidade geral e também a maior taxa de mortalidade infantil por ser o continente mais populoso do globo. B) A América Latina apresenta taxa de mortalidade geral mais baixa que a dos outros continentes por ser uma área cuja população é essencialmente rural. C) A taxa de mortalidade infantil da América do Norte é a mais baixa de todas porque nesse conjunto só estão incluídos os Estados Unidos. D) A Europa apresenta uma elevada taxa de mortalidade geral porque é um continente cuja população é já bastante envelhecida. E) A taxa de mortalidade infantil do continente asiático retrata sua característica de ser uma área de população homogeneamente subdesenvolvida. Resolução A análise dos dois gráficos permite observar-se a ocorrência de variações populacionais em diferentes espaços geográficos. A taxa de mortalidade geral do continente europeu é realmente muito elevada, porque sua população é já bastante envelhecida, e não porque ele seja subdesenvolvido. Isso fica evidente quando se observa a taxa de mortalidade infantil desse continente, que é muito baixa. Resposta: D
ANGLO VESTIBULARES


				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Categories:
Tags:
Stats:
views:80
posted:4/5/2009
language:
pages:32