Docstoc

Os Paises da CPLP no contexto internacional

Document Sample
Os Paises da CPLP no contexto internacional Powered By Docstoc
					                                                                                                      6/5/2010




                            A C OMUNIDADE DOS PAÍSES DE L ÍNGUA
                            P ORTUGUESA NO CONTEXTO DE OUTRAS
                                    ORGANIZAÇÕES INTERNACIONAL
                                        LIC.M ARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR
                                                                  1




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                        1
                                                                                                                                                 6/5/2010




       A CPLP inclui
          Angola,
        Brasil, Cabo
           Verde,
           Guiné-
          Bissau,
       Moçambique
       Portugal, São
          Tomé e
        Príncipe e o
        Timor-Leste

                            A CPL P        É   UMA      O RGA N IZA ÇÃ O           A S S IN AD A      ENTRE           PA Í S E S   L U SÓ FON O S
                            I N S T I G A N D O A A L I A N Ç A E A A M I Z A D E E N T R E O S S I G N AT Á R I O S . C O M S E D E
                            E M L ISBO A, FO I CR IADA EM 1 7 D E J UL H O D E 1 9 9 6 P ELO S SET E
                            PA I S E S N O Q U A D R O A C I M A        ( SEM      T IMO R L EST E, Q U E
                                                                                    O                                              NO ANO DE
                            2002  A P Ó S C O N Q U I S TA R         IN DE P END Ê NC IA , FO I A CO L H IDO                       CO MO    PA Í S
                            INTEGRANTE) .


                2                                        LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                                                                   2
                                                                                                            6/5/2010




         A CPLP
          integra
         também
           outras
       associaç ões
                           I NTEGRANTES DO M ERCOSUL ORIGINÁRIO : A RGENTINA , BRASIL , URUGUAI E
                           PARAGUAI ( E ESTADOS ASSOCIADOS : B OLIVIA , C HILE , P ERÚ , E CUADOR E
                           C OLOMBIA ). O CASO DA V ENEZUELA FICA ESTABELECIDO PELO ARTIGO 20 DO
                           T RATADO DE A SUNCÃO , QUE EXPRIME A POSSIBILIDADE DE ADHESÃO DOS
                           OUTROS MEMBROS DA A SOCIAÇÃO L ATINOAMERICANA DE I NTEGRAÇÃO
                           (ALADI).

                           Integrantes SADC (Comunidade para o Desenvolvimento da
       •Mercosul           África Austral): Angola, Botsvana, Ilhas Maurícia, República
                           Democrática do Congo, Lesoto, Malávi, Moçambique,
                           Namíbia, Seicheles, África do Sul, Suasilândia, Tanzânia,
       •SADC.              Zâmbia, Zimbabué.

                                               LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR   3




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                              3
                                                                                                             6/5/2010




                           CEEAC (Comunidade Económica dos Estados da África
                           Central): Angola, Burundi, Camarões, República Centro-
                           Africana, Chade, República Democrática do Congo,
                           República do Congo, Guiné Equatorial, Gabão, Ruanda,
                           São Tomé and Príncipe

                           CED EA O ( C OM U N ID A D E E C O NÓM I CA DO S E STA D OS DA Á F RI CA
         •CEEAC            O CI D E NTAL ) : B E NI N , B U RK I NA FASO , C AB O V ER D E , C OSTA DO
                           M ARF IM , G ÂM B I A , G A N A , G U I NÉ -B ISS A U , G UI N É - C O N AC RI ,
                           L I BÉ RI A , M AL I , N I GE R , N I GÉ RI A , S E N EG AL , S E RR A L EO A E
         •CEDEAO           T OGO


                                                 LIC.MARIA CELESTE GIGLI B4 (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR
                                                                          OX




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                               4
                                                                                                                        6/5/2010




                           N A U N I ÃO E UR OP É I A : A L E M A N H A , Á US T R I A , B É L GI CA , B UL GÁ R I A
                           C H I P R E D I N A M A R CA E S L OV Á QUI A E S L OV É N I A E S PA N H A , E S T ÓN I A
                           F I N L Â N D I A F R A N ÇA G R É CI A H UN GR I A I R L A N D A I T Á L I A L E T ÓN I A
                           L I T UÂ N I A L UX E M B UR GO M A LTA PA Í S E S B A I X OS P OL ÓN I A P ORT UGA L
                           R E I N O U N I D O R E P ÚB L I CA C H E CA R OM É N I A S UÉ CI A

                           Na União Africana: Argélia, Angola, Benin, Botsvana, Burkina Faso, Burundi,
                           Camarões, Cabo Verde, República Centro-Africana, Chade, Comores, Congo,
         •UE               República Democrática do Congo, Costa do Marfim, Djibuti, Egipto, Guiné
                           Equatorial, Eritréia, Etiópia, Gabão, Gâmbia, Gana, Guiné-Conacri, Quénia, Lesoto,
                           Libéria, Líbia, Madagáscar, Malavi, Mali, Mauritânia, Maurícia, Moçambique,
                           Namíbia, Níger, Nigéria, Ruanda, República Árabe Saharaui Democrática, São Tomé
         •UA               e Príncipe, Senegal, Seicheles, Serra Leoa, Somália, África do Sul, Sudão,
                           Suasilândia, Tanzânia, Togo, Tunísia, Uganda, Zâmbia, Zimbabué.
                                                     LIC.MARIA CELESTE GIGLI B5 (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR
                                                                              OX




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                                          5
                                                                                                         6/5/2010




                                            Observadóres Associados

                            A República da Guiné Equatorial e a República de
                            Maurícia, ambos os países foram admitidos como tais
                            no decorrer da VI Conferência de Chefes de Estado e
                            de Governo (Bissau, Julho 2006). Senegal teve a
                            formalização da admissão (Lisboa, Julho 2008) como
                            observador associado.



                           A LGUNS O B SERVAD OR E S CONSULTIVOS :
                           C OM ISSÃO I NTERPAÍS ES B RASIL -P ORTU G AL E DEM AIS PAÍSES DE
                           L ÍNGUA O F ICIAL P ORTUGUESA , A SSOCIAÇÃO DOS C OM ITÉS
                           O LÍM PICOS DE L ÍNGUA P ORTUGUES A , C ÍRCULO DE R EF LEXÃO
                           L USÓF ONA , F UNDAÇ ÃO L USO -B RASILE IR A , ETC.

                                             LIC.MARIA CELESTE GIGLI B6 (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR
                                                                      OX




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                           6
                                                                                                           6/5/2010




                                        OUTROS TERRITÓRIOS

                                        Q UE    TINHAM FORMADO O
                                          IMPÉRIO PORTUGUÊS




                                               LIC.MARIA CELESTE GIGLI B7 (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR
                                                                        OX




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                             7
                                                                                                     6/5/2010




                              E TIOPÍA ENTRE OS SÉCULOS XV E XVI, OCUPADA
                              DEPOIS PELA F RANCA E O R EINO U NIDO . ZAMBIA
                                  ( BREVEMENTE OCUPADA NO XIX, MAS NÃO
                               RECONHECIDA NOS TRATADOS INTERNACIONA LES .
                            C ABINDA ( ATUAL A NGOLA ), FOI PROTETORADO ATÉ O
                              1975. TAMBÉN PERTENCERAM AS IHLÃS DE S ANTA
                            ELENA Y T RISTAO DA C UNHA ( HOJE FAZEM PARTE DO
                                               R EINO U NIDO .




                                                 NA ÁFRICA

                                         LIC.MARIA CELESTE GIGLI B8 (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR
                                                                  OX




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                       8
                                                                                                     6/5/2010




               9                    G UINÉ E QUATORIAL E M AURÍCIA


             Alguns países da África têm idiomas crioulos derivados
             do português, graças à presença portuguesa no
             continente desde o século XV. Os seus governos
             buscaram, mesmo assim, obter o estatuto de
             Observador Associado e obtiveram-no em 2006.
             A Guiné Equatorial adotou em 2007 o português como
             língua oficial (já tinha o francês e espanhol) para
             ascender plenamente ao estatuto de membro da CPLP,
             o que aconteceu a partir de 1 de Janeiro de 2009.

                                        LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                       9
                                                                                                       6/5/2010




                               N A Í NDIA D AMÁN E D IU , D ADRA E N AGAR
                               H AVELI E G OA . TAMBÉM ALGUNS TERRITÓRIOS
                               DO B ORNEO , I NDONESIA E J APÃO , NOS QUE
                               P ORTUGAL ESTABELECEU SÓ PONTOS
                               COMERCIAIS COMO M ALACA , AS ILHAS
                               M OLUCAS E N AGASAKI ( FUNDADA PELOS
                               PORTUGUESES EM 1570).


                               C OM O TEMPO , FORAM INDO REDUCIDOS E SÓ
                               PERMANEÇEU G OA , M ACAO E SUA ANTIGA
                               POSIÇÃO NO T IMOR O RIENTAL .




                                                 NA ÁSIA

                                                                  10
                                          LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                        10
                                                                                                     6/5/2010




               11
                                              M AÇAU -C EILAO
                                           ( ATUAL S RI L ANKA )
            •Foi o último território ultramarino português a ser
            descolonizado, devolvido à China em 1999.

            •O português é uma das línguas oficiais (depois do
            Chinês e o Mandarim). O pedido para a obtenção do
            estatuto de "Observador Associado" não foi ainda
            efectuado pelo Governo da Região Administrativa
            Especial de Macau-RAEM, entretanto em 2006 a CPLP
            fez um convite da RAEM tornar-se membro observador.

                                        LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                      11
                                                                                                     6/5/2010




                           Além do Brasil, também Uruguai, tem
                           áreas onde o português é falado como
                           língua materna, embora tem sido
                           influênciado pelo espanhol. Alí a
                           aprendizagem de nossa língua é
                           obligatória.



                                        NA AMÉRICA

                                                                12
                                        LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                      12
                                                                                                               6/5/2010




               13                                         G ALIZA
                              Ampla tradição de filólogos e romanistas internacionais afirmam
               O              que a língua de Galiza é Português. O movimento Lusófono surge
                              após um Decreto-Lei espanhol em 1983 que separa a língua do
        Movimento             sistema ortográfico internacional, e apanha rasgos identitários da
                              ortografia espanhola como o ñ em vez do nh. Esa norma criada
          Lusófono
                              na década de 80[8] continua a ser promulgada pelo Governo
            galego            Regional da Galiza e reprime[9] a todos os cidadãos que utilizarem
                              a normal internacional do português.
         defende a
                              Junta da Galiza, tem assinalado a vontade de estudar a possível
        ingressão de          entrada da Galiza na CPLP. Embora haja coletivos que defendam a
          Galiza na           integração, só há três a nível nacional que a defendam
                              abertamente: Associação de Amizade Galiza-Portugal, AGAL e o
            CPLP.             Movimento Defesa da Língua, assim como, o Movimento
                              Internacional Lusófono.
                                                  LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                                13
                                                                                                     6/5/2010




               14                       I MPORTÂNCIA DA CPLP

              O povo luso-falante atinge mais de 244 millões no mundo,
              compartilhando algumas características culturais e
              históricas.

              Desde a sua mesma constituição a CPLP tem reagido para
              solucionar problemas em Santo Tomé e Príncipe e em
              Guinea-Bissau (por causa dos coups em ambos os países). A
              ajuda dada para estes foi reformas económicas (no caso de
              Santo Tomé) e democráticas (no caso de Guinea-Bissau).



                                        LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                      14
                                                                                                         6/5/2010




                             O S LÍD ERES D A CPLP PROCURAM A PAZ EM A NGOLA E
                             M OZAMB IQUE , COMO A INDEPENDÊNCIA D O T IMOR
                             O RIENTAL . ISSO FAVOREC ER Á O DESENVOLVIM EN TO D A
                             MESMA CPLP E A CONSOLIDAÇÃO DA COOPER A ÇÃO
                             MULTILATERA L .

                             M UITA CRIAN ÇA N A Á FRICA L USÓFONA E O T IMOR
                             O RIENTAL NÃO ESTÁ ESCOLARI ZAD A . P ORTUGAL E
                             B RASIL TENTAM AJUDAR ESSAS REGIÕES PARA
                             ACRESCENTA R    O ENSINO D A LÍNGUA PORTUGU E SA .
                             E STO PROCURA TORNAR O PORTUGU ÉS IMPORTANT E N O
                             Á FRICA MERID IONAL , E QUE TAMB ÉM SEJA ENSINADO
                             EM N AMIB IA Y S UDÁFRICA .




                                                                    15
                                            LIC.MARIA CELESTE GIGLI BOX (ERFDB) - MCGB_BR@YAHOO.COM.BR




Lic.Maria Celeste Gigli Box (ERFdB) -
mcgb_br@yahoo.com.br                                                                                          15

				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Stats:
views:117
posted:4/24/2010
language:
pages:15