AVALIAÇÃO DE LINGUA PORTUGUESA

Document Sample
AVALIAÇÃO DE LINGUA PORTUGUESA Powered By Docstoc
					Disciplina: PORTUGUÊS
Nome:                                                 Nº   Data:
                                                           ___ /___ / 2009
Professoras: FÁTIMA, CLAUDIA E PATRÍCIA                    2º ano   Classe



                 AVALIAÇÃO DE LINGUA PORTUGUESA

                             “O JOELHO JUVENAL”
                                          (ZIRALDO)

    ERA UMA VEZ UM JOELHO QUE SE CHAMAVA JUVENAL.
    JUVENAL TINHA UM PROBLEMA, COITADO: VIVIA TODO ESCALAVRADO.
    TAMBÉM, QUEM MANDOU O JUVENAL SER JOELHO DE UM MENINO LEVADO?
    JUVENAL QUERIA MUITO APRENDER LÍNGUA DE MENINO SÓ PARA FALAR
ASSIM: “MENINO, TEM DÓ DE MIM!”
    MAS, QUANDO O ESFOLADO SARAVA, JUVENAL BEM QUE GOSTAVA DE
CORRER E DE SALTAR.
    E ELE SE DESDOBRAVA E SE DOBRAVA OUTRA VEZ TODO ALEGRA, POIS
SABIA QUE, INDO E VINDO, FAZIA O SEU MENINO FELIZ.
    E FICAVA MUITO ATENTO CONVERSANDO COM O PÉ (POIS JOELHO E PÉ SE
FALAM).
    - CUIDADO AÍ, COMPANHEIRO! PODE SER QUE NO MEIO DO CAMINHO TENHA
UMA PEDRA, TENHA UMA PEDRA NO MEIO DO CAMINHO... E AÍ VOCÊ TROPEÇA,
E QUEM VAI SOFRER SOU EU.
    MAS NÃO ADIANTAVA NADA!O PÉ SEMPRE TROPEÇAVA, E LÁ IA O JUVENAL
OUTRA VEZ PRA ENFERMARIA!
    AS VEZES, O JUVENAL ADIVINHAVA QUE ALGUMA COISA NÃO IA MUITO BEM
LÁ EM CIMA...
    É QUE O MENINO, AS VEZES, FICAVA TRISTINHO E PENSATIVO (COMO
ACONTECE COM TODO MENINO DO MUNDO).
    MAS O JUVENAL APROVEITAVA PARA BATER UM PAPINHO E DIZER PRO
COTOVELO: “ESSA DOR JÁ VAI PASSAR”.
    MESMO ASSIM, O JUVENAL GOSTAVA MUITO DA VIDA, DO VENTO VENTANDO
NELE, QUANDO O MENINO CORRIA, TODO FELIZ, PELO MUNDO.
    E JUVENAL ADORA QUANDO A ÁGUA LHE BATIA ATÉ ONDE ELE SE ACHAVA
PARA VER SE A ÁGUA DAVA PÉ.
    ASSIM COMO O PÉ E A CANELA, ELE TAMBÉM PENSAVA: “É FINO SER
MERGULHADOR SUBMARINO”.
    UM DIA, TUDO FICOU ESCURO PARA O JUVENAL.
   E AÍ ELE DESCOBRIU QUE O MENINO TINHA CRESCRIDO.
   E AGORA, EM VEZ DE SHORT, CALÇÃO OU CALÇA CURTA, USAVA CALÇA
COMPRIDA.
   POR ISSO, HOJE JUVENAL TEM UM PEDIDO A FAZER AOS FABRICANTES DE
CALÇAS.
   QUE TAL CRIAR UM MODELO DE CALÇA, SOB MEDIDA QUE TENHA DOIS
BURAQUINHOS PRO JUVENAL VER A VIDA!?

   RESPONDA:

   1- POR QUE JUVENAL QUERIA APRENDER A LÍNGUA DO MENINO?

_______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
_____________________________________________________________________

   2- ESCREVA ALGUMAS COISAS QUE JUVENAL GOSTAVA DE FAZER.

_______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
_____________________________________________________________________

   3- AGORA QUE VOCÊ JÁ SABE O PEDIDO DE JUVENAL AOS FABRICANTES DE
CALÇA, DESENHE UM MODELO ESPECIAL PARA ELE.
Disciplina: PORTUGUÊS
Nome:                                        Nº   Data:
                                                  ___ /___ / 2009
Professoras: FÁTIMA, CLAUDIA E PATRÍCIA           2º ano   Classe



 O que está acontecendo em cada quadrinho?

 Escreva nas linhas ao lado.
Disciplina: MATEMÁTICA
Nome:                                                      Nº    Data:
                                                                 ___ /___ / 2009
Professoras: CLAUDIA, FÁTIMA E PATRÍCIA                          2º ano   Classe


                                 Problemas

  1. Camila tinha 16 selinhos em seu caderno. Raquel pediu 5 para sua coleção. Com
quantos selinhos Camila ficou?




Resposta:____________________________________________________________


  2. Daniela tem 3 estojos. Em cada estojo tem 10 canetas. Quantas canetas Daniela
tem no total?




Resposta:____________________________________________________________
  3. Nicolas tem um livro de 20 páginas. Ontem leu 10 páginas. Quantas faltam para
que termine de ler o livro todo?




Resposta:_____________________________________________________________


  4. O 2º A tem 19 alunos. Num passeio foram 11 alunos. Quantos alunos faltaram no
passeio?




Resposta:_____________________________________________________________
  5. Ygal tinha 10 figurinhas para colar em seu álbum. Já colou 3. Quantas faltam para
terminar de colar?




Resposta:________________________________________________________


  6. Isabella tinha 11 lápis de cor. Raphael lhe deu mais 8 lápis. Com quantos lápis de
cor ela ficou?




Resposta:________________________________________________________
  7. Nathália tem 17canetinhas. Emprestou 5 para Esther. Com quantas canetinhas
Tally ficou?




Resposta:________________________________________________________
Disciplina: MATEMÁTICA
Nome:                                     Nº   Data:
                                               ___ /___ / 2009
Professoras: CLAUDIA, FÁTIMA E PATRÍCIA        2º ano   Classe




                               SUDOKU
RESOLVA O DESAFIO:
Disciplina: MATEMÁTICA
Nome:                                             Nº    Data:
                                                        ___ /___ / 2009
Professoras: CLAUDIA, FÁTIMA E PATRÍCIA                 2º ano   Classe




                             INSTRUÇÕES:

   o JOGO PARA 2 PESSOAS.

   o CADA JOGADOR, NA SUA VEZ, LIGA DOIS PONTOS
     COM UM TRAÇO.

   o AO FORMAR UMA CASA (QUADRADO), COLOCA A
     INICIAL DO SEU NOME.

   o QUANDO OS DOIS FORMAREM SUAS CASAS, CONTA-
     SE O NÚMERO DE PONTOS DE CADA JOGADOR.

   o VENCE QUEM               OBTIVER     O   MAIOR    NÚMERO         DE
     PONTOS.




                                                                          1
  JOGO DAS CASAS:



         5          1            2         1


             2          4            1          2


             2          3            4          5


             1      1                2          3


JOGADOR: ____________         JOGADOR: ____________

PONTOS QUE MARCOU           PONTOS QUE MARCOU




TOTAL:                        TOTAL:
                                           2
Disciplina: MATEMÁTICA

Nome:                                           Nº     Data:
                                            ___ /___ / 2009

Professoras: CLAUDIA, FÁTIMA E PATRÍCIA                2º ano   Classe




                                ATIVIDADE EM DUPLAS


    Após terem construído o jogo “Nunca dez”, vamos relembrar:

                       Um palito amarelo = uma unidade
               Um palito vermelho = uma dezena ou dez unidades

    Instruções:
    • Cada componente da dupla pega um dado.
    • A dupla decide quem irá começar o jogo.
    • O primeiro que iniciar, joga o dado e pega a quantidade de palitos
        correspondente aos pontos do dado;
    • A dupla deve registrar os resultados.
Jogadores 1ª rodada      2ª rodada   3ª rodada   4ª rodada     Total




  1º) Reúnam os palitos dos jogadores.
  2º) Façam as trocas necessárias, sabendo que quando juntarem dez
palitos amarelos vocês deverão trocá-los por um palito vermelho.


  Registrem as trocas:




  Que número vocês formaram?
__________________________________________________________


                                                        Bom trabalho!!!
Disciplina: PORTUGUÊS
Nome:                                     Nº    Data:
                                                ___ /___ / 2009
Professoras: CLAUDIA, FÁTIMA E PATRÍCIA         2º ano   Classe


                      O JACARANDÁ E O BAMBU
    EM UM BOSQUE, HAVIA UM JACARANDÁ ALTO E GROSSO.
ELE SEMPRE ZOMBAVA DE SEU VIZINHO, UM BAMBU MUITO FINO
E PEQUENINO.
    - EU SOU MUITO FORTE E VOCÊ É UM FRACOTE. – DIZIA O
JACARANDÁ. – VOCÊ NÃO TEM VERGONHA DE SER ASSIM TÃO
FININHO?
    O BAMBU, MUITO HUMILDE, NADA RESPONDIA.
    UM DIA COMEÇOU A VENTAR NO BOSQUE. O VENTO FAZIA O
BAMBU SE CURVAR TODO. VENDO TAL CENA, O JACARANDÁ SE
DIVERTIA, CHAMANDO O BAMBU DE FRACOTE.
    O VENTO FOI AUMENTANDO. FICOU TÃO FORTE, QUE
ACABOU ARRANCANDO O JACARANDÁ DO CHÃO DESDE AS
RAÍZES.
    QUANDO A VENTANIA PASSOU, O BAMBU CONTINUAVA EM
PÉ. VENDO O ARROGANTE JACARANDÁ NO CHÃO, O BAMBU
DISSE:
    - VEJA MEU AMIGO, A FORÇA NÃO É TUDO NA VIDA!

                                               CONTO POPULAR
RESPONDA:
    1. ANOTE NOS QUADRADINHOS CONFORME A LEGENDA, QUAIS SÃO
AS CARACTERÍSTICAS DO BAMBU E QUAIS SÃO AS DO JACARANDÁ.


     B BAMBU            J JACARANDÁ


          ALTO             GROSSO                 HUMILDE


          FINO             ORGULHOSO              FLEXÍVEL


    2. POR QUE O BAMBU DISSE PARA O JACARANDÁ QUE “FORÇA NÃO É
TUDO NA VIDA”?
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________

    3. SE TIVESSE QUE ESCOLHER, QUAL DESSES DOIS VEGETAIS VOCÊ
SERIA: O JACARANDÁ OU O BAMBU? EXPLIQUE SUA ESCOLHA.
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________

    4. VOCÊ JÁ PASSOU POR ALGUMA SITUAÇÃO COMO A VIVIDA PELO
JACARANDÁ E O BAMBU? CONTE COMO ACONTECEU E O QUE VOCÊ
SENTIU.
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
Disciplina: PORTUGUÊS
Nome:                                                       Nº     Data:
                                                                   ___ /___ / 2009
Professoras: CLAUDIA, FÁTIMA E PATRÍCIA                            2º ano   Classe




                                    MACUCO

     UM MALUCO
     COM UM TRABUCO
     ATIROU
     NO MACUCO


     O MACUCO,
     MUITO ASTUTO,
     ESCAPOU DO TAL CADUCO
     E FUGIU
     PRA PERNAMBUCO


     (RETIRADO DO LIVRO “BRASILEIRINHOS”). LALAU E LAURABEATRIZ.




   1. DE TODAS AS POESIAS QUE LEMOS DO LIVRO “BRASILEIRINHOS”,
QUAL FOI A QUE VOCÊ MAIS GOSTOU?
__________________________________________________________________
  2. COLOQUE AS PALAVRAS ABAIXO EM ORDEM ALFABÉTICA:


  MALUCO – TRABUCO - MACUCO – ASTUTO – CADUCO – PERNAMBUCO.


__________________________________________________________________


  3. MACUCO É UMA AVE QUE VIVE NA MATA ATLÂNTICA. PESQUISE E
RESPONDA:


  DO QUE ELA COSTUMA SE ALIMENTAR?
  _____________________________________________________
  QUAL O SEU TAMANHO?
  _____________________________________________________


  4. PESQUISE   AS   CARACTERÍSTICAS   DO   MACUCO   E    FAÇA   UMA
ILUSTRAÇÃO.
LISTA DE JOGOS:
Can Can
Forca
Soletrando
Loto de letras
Rummikub
Jogos de percurso- desafio de dados
Sudoku Júnior – Turma da Mônica
Pega vareta
Bingo de letras
Bingo de números
Palavras Cruzadas – jogo / ou Revista Picolé- infantil
Sugestão de leitura do 2º ano

     “O filho Fo grufálo”
     Julia Donaldson
     Ed. Brinque Book

     O Grúfalo disse ao seu filhinho que não devia
     entrar na floresta sozinho. Mas numa noite de
     tempestade o filho do Grúfalo desobedece às
     ordens de seu pai e sai, pé ante pé, no meio da
     neve. Afinal, o rato mau não existe de verdade de
     verdade, não é?
     Julia Donaldson e Axel Scheffler estão em grande
     forma nesta continuação brilhante do já Clássico
     livro ilustrado O Grúfalo.
     “De Carta em Carta”
     Ana Maria Machado
     Ed. Salamandra

     Pepe não ia à escola. Um dia, resolveu mandar
     uma carta para o avô, e pediu ajuda a um
     escrevedor. De carta em carta, Pepe descobre
     que a escola é um lugar legal.
     “Os Três Lobinhos e o Porco Mau”
     Eugene Trivizas
     Ed. Brinque Book

     Este livro inverte os conhecidos papéis do lobo
     mau e dos porquinhos - quem era caçador vira
     caça e vice-versa, mantendo o maniqueísmo de
     algumas histórias infantis, que simplesmente
     separam os personagens entre bons e maus,
     bobos e espertos. Levando em consideração o
     pequeno leitor moderno, que de lobo não tem
     nada, 'Os Três Lobinhos e o Porco Mau' é uma
     sátira que surpreende utilizando elementos
     atuais, para reinventar uma história que continua
     emocionante.
“O Carteiro Chegou”
Janet e Allan Ahlberg
Ed. Cia das Letrinhas
Assim como todo mundo, os contos de fadas
gostam de mandar e receber cartas. João, por
exemplo, mal tem tempo de agradecer o gigante
pelas ótimas férias que sua galinha de ovos de
ouro lhe proporcionou. Cachinhos Dourados
aproveita para se desculpar com a família Urso
por ter causado confusão na casa. E o que seria
da bruxa sem o catálogo de ofertas do Empório
da Bruxaria, que esse mês oferece uma
promoção especial de mistura para torta Menino
Fofo? Por isso, quando o
carteiro chega é sempre uma festa, e todo mundo
o convida para entrar. Mas às vezes —
especialmente em caso de Lobo Mau — ele
prefere recusar o chazinho e dar no pé o mais
rápido possível. O livro, que é todo contado em
rimas, vem cheio de cartas de verdade, postais,
livrinhos e convites, com envelope e tudo.

“Perola e a bolsa perdida”
Harmer Wendy
Ed. Fundamento

Coitadinha da Sra. Olívia! Ela perdeu sua
preciosa bolsa em algum lugar do Parque Jubileu.
Onde estará? Pérola e seus amigos precisarão
virar detetives para resolver este mistério.


“Peróla e Giba”
Harmer Wendy
Ed. Fundamental


Nessa aventura, a linda fadinha Pérola ganha um
novo amigo, o gnono Giba. Pérola terá de ajudar
o amiguinho a encontrar um lar no Parque
Jubileu. Até achar o lugar perfeito, eles terão que
procurar muito e tentar sair ilesos das armadilhas
dos ratões malvados Magrelo e Pulguério.
Bichário
Otoniel S. Pereira

Além de serem animais, o que o boi, o cavalo, a borboleta, a
abelha, o peixe, a andorinha, o cachorro, o gato e a centopéia
têm em comum? Se você respondeu poesia, acertou! Com uma
deliciosa brincadeira com o ritmo, as palavras, a rima e a forma,
Otoniel S. Pereira faz um diário de bichos, um Bichário, onde vai
anotando suas impressões poéticas sobre muitos animais. As
criativas ilustrações de Angelo Abu enriquecem ainda mais a
obra, fazendo-a mais que um instrumento para a conservação
ambiental, mas, sobretudo, uma obra artística pela conservação
da literatura e da linguagem poética.
A arca de Noé
Poemas infantis de Vinícius de Moraes

"Arca de Noé" é também o título do primeiro poema desse livro. O
conjunto é formado por 32 poemas, a maioria sobre bichos, e
inclui os que constam dos discos Arca de Noé 1 e 2. Alguns foram
musicados pelo próprio Vinicius de Moraes (1913-80) e se
tornaram clássicos da MPB para crianças. (Um bom exemplo é o
daquela casa "muito engraçada" que "não tinha teto/ não tinha
nada".) Todos são poemas feitos para ler, aprender de cor ou
cantar.
Prêmio Jabuti 1992 de Melhor Produção Editorial de Obra em
Coleção
Novos brasileirinhos
Lalau e Laurabeatriz

O livro, criado pela ilustradora Laurabeatriz e pelo poeta Lalau,
traz doze outros animais brasileiros de cores extremamente
exuberantes e comportamentos curiosos, ameaçados de extinção.

O livro do trava-língua
Ciça

'Vamos entrar na brincadeira de ler rapidinho sem travar a
língua?' É esta a idéia de Ciça, que busca incentivar as crianças a
ler corretamente, por meio de divertidos jogos de palavras.
Selecionado para os programas Salas de Leitura, da FNDE, e
Cantinho de Leitura da SEE/MG.


Futebol
Lalau e Laurabeatriz

Em ano de Copa do Mundo, a dupla Lalau e Laurabeatriz, autora
de sete livros de poemas

Amigos do Peito
Cláudio Thebas

Os poemas deste livro mostram, de um jeito divertido, o que
acontece na vida de um menino pequeno durante um dia inteiro.
A hora de se levantar, a escola, a vizinhança, o irmão menor, a
avó, os amigos do peito, o gato, o cachorro...são alguns dos
temas que fazem a gente rir, e pensar, e se emocionar...
Não Confunda...
Eva Furnari

Na linha dos textos curtos, complementados pelas imagens, Eva
Furnari propõe várias confusões, baseadas na semelhança de
sons das palavras. Soa propostas hilariantes, na esteira de uma
brincadeira tradicional, hoje talvez pouco conhecida pelas
crianças (não confunda isto com aquilo) mas nem por isso menos
estimulante e prazerosa. Além de serem divertidos, os textos
ajudam o leitor iniciante a se conscientizar de particularidades
ortográficas e funcionam como um preparo para leituras mais
longas e complexas.
Você Troca?
Eva Furnari

O texto resulta extremamente expressivo, ainda que simples,
muito adequado aos que se iniciam na leitura, pois a cada duas
páginas a criança tem um texto completo que, enriquecido pelas
ilustrações, diverte e satisfaz sua expectativa de leitor. Não há
uma narrativa, uma trama a ser seguida, apenas quadros que
estimulam a criatividade dos pequenos. Qual deles não gostará
de propor sua troca também?
Lé com Cré
Poemas de José Paulo Paes

Adivinhas, limeriques, histórias divertidas e poemas carinhosos
compõem este livro, indicado para aqueles que já podem ler bem
sozinhos.




Quem é quem
Lalau e Laurabeatriz




ABC quer brincar com você
José Santos e Alcy

ABC que brincar com você?' traz um abecedário ilustrado por
meio de poemas com rimas divertidas e criativas que
acompanham cada letra.



Um Caldeirão de poemas
Tatiana Belinky

Um belo poema pode revelar um mundo novo, pode fazer as
pessoas pensarem sobre os mistérios da vida ou simplesmente
deixar o leitor mais feliz. Em 'Um caldeirão de poemas', Tatiana
Belinky apresenta textos alegres ou tristes, divertidos ou sérios;
poemas que falam de aventuras, de amor, de saudade e de
trabalho; composições feitas para serem lidas em voz alta ou em
silêncio.
Por Favor, Obrigado, Desculpe
BECKY BLOOM
PASCAL BIET

Dudu, um simpático hipopótamo, pensa que é muito educado,
pois não importa o que faça, acha que tudo acaba bem ao dizer
as palavras que ele acredita serem mágicas - por favor, obrigado,
desculpe. Pobre do Leopoldo, é ele que tem que ficar
consertando as mais loucas trapalhadas provocadas pela falta de
modos do Dudu, como derrubar pedestres com o skate, ficar
fazendo bolhas com o refrigerante no restaurante, derrubar pilhas
de livros na cabeça do Sr. Jacaré, abrir a geladeira na casa dos
outros sem pedir licença... Com muita paciência, Leopoldo vai
dando algumas aulas especiais para Dudu.
Guilherme Augusto Araújo Fernandes
MEM FOX

Este título é o nome do personagem, que era vizinho de um asilo
de velhos, todos seus amigos, mas era de Antônia que ele mais
gostava. Quando soube que ela perdera a memória, quis saber o
que isso significava, e foi perguntar aos outros do asilo. Como
resposta, ouve que memória é algo bem antigo, que faz chorar,
faz rir, vale ouro e é quente. Então monta uma cesta e vai levá-la
à Antônia. Quando ela recebe os presentes maravilhosos
(conchas, marionete, medalha, bola de futebol e um ovo ainda
quente) cada um deles lhe devolve a lembrança de belas
histórias.
Carlota quer ser princesa
DORIS DORRIE

No mais tardar ás oito, Carlota precisa estar na escolinha, e a
mãe, no trabalho. Mas Carlota nem pensa em levantar, muito
menos quando sua mãe quer que ela vista o vestido azul e a
malha vermelha. O que Carlota quer é ir para a escolinha com
seu vestido de princesa! Este primeiro livro infantil da conhecida
cineasta Doris Forrie narra a velha luta do despertar, do início de
mais um dia, que todos os pais tão bem conhecem - uma história
próxima à realidade, cheia de humor, de pequenas lutas, muita
ternura e eterna cumplicidade.


O menino que aprendeu a ver
RUTH ROCHA

O que João não entendia eram as palavras. Então chegou a hora
de entrar na escola. À medida que aprendia, o espanto de João,
em vez de diminuir, crescia! Ele viu primeiro a letra A das placas,
faixas e revistas. Depois, a letra D. Quando João
percebeu...Adivinhe que aconteceu!
O homem que amava caixas
STEPHEN MICHAEL KING

Este livro, delicadamente explora a complexidade das emoções
envolvidas quando se ama alguém, e mostra que, às vezes, o
amor pode ser demonstrado através de atos e não de palavras.
As ilustrações, de um colorido vivo, complementam texto sensível
e delicado.
Cocô de Passarinho
EVA FURNARI

Esta é a história de dois problemas e uma solução, vividos pelos
seis únicos habitantes de uma cidade minúscula. Primeiro: toda
tarde eles se reuniam para conversar na pracinha e toda tarde os
passarinhos faziam cocô na cabeça deles. Segundo: eles nunca
tinham assunto de conversa. Mas um dia passa um vendedor
ambulante pela cidade e as coisas finalmente começam a mudar.



O Monstruoso segredo de Lili
ANGELIKA GLITZ

Lili tem um monstruoso segredo. Pedro faz de tudo para
desvendá-lo, mas Lili não deixa escapar nenhuma palavrinha. O
segredo de Lili está muito bem guardado, mas será que não é
melhor compartilhar com o amigo Pedro?



A Galinha Xadrez
ROGERIO S. TREZZA

Quem não conhece a história da Galinha Ruiva, que queria fazer
um pão e convoca os companheiros para ajudá-la? Junto a outros
clássicos universais da literatura infantil, ela pode ser considerada
uma das mais populares entre as crianças, há várias gerações.
Mas os tempos mudam e com ele, alguns valores. Será que a
rígida lição de moral contida no final desta fábula pode ser
aplicada nos dias de hoje? Essa é a questão proposta (e
resolvida) pelo livro A Galinha Xadrez.


O Grande Rabanete
TATIANA BELINKY

A história, de enredo simples, tem como atrativo principal a forma:
é narrada
como um conto cumulativo forma que encanta e diverte a
garotada, além de
representar um excelente treino de memória. As frases simples ,
são bastante
adequadas aos que se iniciam na leitura, o que não quer dizer
que sejam
pobres; servem-se de recursos originais, como a repetição: o
rabanete
cresceu-cresceu e ficou grande-grande.Além do aspecto
lingüístico, é possível
explorar, por meio da narrativa, o lado humano: a questão da
solidariedade, da
cooperação, da divisão de bens e até da auto-estima exacerbada,
aspecto
representado pelo ratinho, no bem-humorado e imprevisto final.
Dani
TONY E ZOE ROSS

Quantas expectativas cercam o primeiro dia de aula de uma
criança! O medo de não ser aceita e de ter de conviver com
tantas situações novas leva uma menina a fugir e a se esconder,
pois ela não quer ir para a escola. Depois de muita rebeldia e
discussão, a mãe consegue levá-la e, apesar do medo, deu tudo
certo. Ela acaba gostando da escola, pois conhece Dani, uma
amiga por quem fica encantada. Felizes, as duas vão juntas para
a casa. Mas, que susto quando descobrem que, no dia seguinte,
precisarão voltar!

Só mais uma história
DUGARD STEER

É hora de ir dormir e porquinho pede para mamãe contar uma
história antes de ele ir para a cama. Contada a história, porquinho
ainda não está com sono e pede para mamãe contar só mais
uma, e depois mais uma, e mais uma... Só mais Uma História, de
Dugald Steer, é um livro rico em histórias e originalidade. As
histórias que mamãe conta para porquinho e sua irmã são
livrinhos encartados no livro, com adaptações, para porquinhos,
dos mais deliciosos contos populares. "O Príncipe Porco", "O
Porquinho Feio", "A Porca Borralheira" e O Príncipe e o Porco".
As adaptações, engraçadas e divertidas, são enriquecidas com as
ilustrações de Elisabeth Monseg, que cheias de ternura dão graça
e leveza aos porquinhos. Só Mais Uma História são cinco livros
em que irão "penta" divertir os jovens leitores.


Clara- Il
Brenam, Ilan
- Editora Brinque-Book - Quem nunca disse que queria ser
grande? E qual a importância dos adultos na formação das
crianças? Clara trata desses assuntos por meio de uma divertida
personagem que, quando crescer, quer dirigir o carro da mamãe,
assobiar como o tio, dançar como o vovô... O livro Clara foi
inspirado na filha do autor, a pequena Lis de três anos. “Ela me
olhava estalando os dedos e dizia que não conseguia, mas que
quando crescesse iria conseguir. A partir daí pensei em todas as
atividades que as crianças desejam realizar ao verem os adultos
praticando, como contar histórias, mergulhar e cozinhar”, explica
Ilan que, quando crescer, quer voltar a ser criança. Ilustrado por
Silvana Rando, que se inspirou na filha Verônica para dar cabelos
cacheados à personagem principal do livro, Clara mostra toda a
inocência infantil que enxerga a beleza e a felicidade nas coisas
simples da vida e nos exemplos dentro e fora de casa.
O Ratinho, o Morango Vermelho Maduro e o Grande Urso
Esfomeado
DON E AUDREY WOOD

Esta é uma divertida fábula sobre a esperteza dos pequenos
contra a força dos gigantes. O ratinho que protagoniza as cenas
tenta esconder um morango maduro de um grande urso que,
aliás, não aparece na história. Um interlocutor oculto, mais
esperto ainda que o rato (e com o qual a criança se identifica), é
quem vai narrando a história, ao mesmo tempo que convence o
ratinho a dividir o morango com ele.
O pote vazio
DEMI

Há muito tempo, na China, vivia um menino chamado Ping, que
adorava flores. Tudo o que ele plantava florescia. O imperador
também adorava flores. Quando chegou o momento de escolher
um herdeiro, ele deu uma semente de flor para cada criança do
reino, dizendo: "Quem provar que fez o melhor possível dentro de
um ano, será meu sucessor!" Ping plantou sua semente e cuidou
dela dia após dia. Mas os meses se passaram e a semente não
brotou. Quando chegou a primavera, Ping apresentou-se ao
Imperador levando apenas um pote vazio. A arte primorosa e a
bela simplicidade do texto de Demi mostram como o fracasso
constrangedor de Ping se transformou em triunfo, nesta bela
fábula sobre a honestidade recompensada.


Isso não é brinquedo!
Brenam, Ilan
Para as crianças pequenas, tudo pode ser brinquedo - balde de
água, coador, panelas, o sapato do papai, o batom da mamãe... É
claro que elas sabem que não são brinquedos de verdade, mas,
para essas crianças, o que realmente importa é a diversão
proporcionada pelas brincadeiras. O texto aborda de forma
singular o valor da imaginação infantil.




Guilherme Augusto Araújo Fernades
MEM FOZ

Estas questão aparentemente complicada é tratada aqui de forma
simples e carinhosa, através da visão de uma criança. Uma
comovente história de amizade entre um jovem menino e uma
senhora que já não é mais tão jovem assim.




Um porco vem morar aqui
CLAUDIA FRIES

Quando um porco se muda para o apartamento vago, os outros
bichos ficam apavorados. Porcos são sujos e bagunceiros, dizem
Gabriela Galinha, Clóvis Coelho e Doutor Raposo, e logo culpam
seu novo vizinho por tudo que acontece de errado. Mas quando
vão visitá-lo para reclamar, descobrem o quanto tinham se
enganado. Esta visão humorística dos preconceitos sobre
vizinhos é lindamente ilustrada com aquarelas espirituosas da
autora Claudia Fries

João Preguiçoso
TONY ROSS

A mãe de João achava que ele só conseguia ser preguiçoso e
desastrado, mais nada. Quanto mais bronca o João levava, mais
ele se atrapalhava. Até que... Mas vamos deixar o Tony Ross
contar a história toda, daquele jeito engraçado que só ele tem.
Menina bonita do laço de fita
ANA MARIA MACHADO

´Quando eu casar quero ter uma filha bem pretinha´ suspirava o
coelho branco. ´Preciso conhecer o segredo´. A menina não
sabia, mas acabou inventando receitas, e já estava preparando
uma história de feijoada quando sua mãe deu ao coelhinho uma
pista.

Tatus Tranquilos
FLORENCE BRETON

 Apesar do ar guerreiro que sua carapaça lhe dá, O Tatu é um
animal sempre calmo e afetuoso com os seus




Coleção Adivinhe Só - O que é?
ANA MARIA MACHADO

Brincando com adivinhas, sons, imagens e com a grafia das
palavras, Ana Maria Machado e Claudius criaram uma coleção
que estimula a fantasia das crianças, incentivando, pelo processo
lúdico, o interesse pelos homônimos, parônimos e outras formas
gramaticais que fazem a riqueza da língua portuguesa.


Filhotes de Bolso
MARGARET WILD E STEPHEN MICHAEL KING

A cada página de filhotes de Bolso, o sentimento de afeto, carinho
e sensibilidade vai conduzindo o leitor à deliciosa emoção de se
viver uma sincera amizade. Com frases curtas e um inteligente
jogo de palavras, o livro fala direto ao coração dos pequeninos e
também dos grandões. Não dá para resistir ! É leitura gostosa
demais! Vale mais do que a pena conferir!