Docstoc

Manual Bem-Estar Abate

Document Sample
Manual Bem-Estar Abate Powered By Docstoc
					                                                                        INTRODUÇÃO
                                                                        O bem estar animal está       bro, e a Convenção Euro-
                                                                        cada vez mais na ordem        peia para a protecção dos
                                                                        do dia, e o cumprimento       animais no abate e occisão.
                                                                        das suas regras é cada
                                                                                                      Muitos factores devem ser
                                                                        vez mais importante quer
                                                                                                      tomados em consideração
                                                                        para o rendimento final
                                                                                                      quando da decisão e adop-
                                                                        das explorações quer mes-
                                                                                                      ção das melhores técnicas
                                                                        mo para o acesso às aju-
                                                                                                      nos Matadouros.
                                                                        das Comunitárias, inde-
                                                                        pendentemente de serem        O principal factor deverá
                                                                        ajudas directas ou no         ser o bem estar animal,
                                                                        âmbito do Desenvolvimen-      mas também são importan-
                                                                        to Rural.                     tes os factores ligados ao
                                            BEM ESTAR ANIMAL NO ABATE



                                                                                                      montante     financeiro do
                                                                        Este documento pretende
                                                                                                      investimento, à higiene e
                                                                        dar a conhecer e divulgar
                                                                                                      segurança no trabalho e as
                                                                        as principais regras rela-
                                                                                                      implicações na qualidade
CONFEDERAÇÃO DOS AGRICULTORES DE PORTUGAL




                                                                        cionadas com o bem estar
                                                                                                      do produto final.
                                                                        animal no Abate, ou occi-
                                                                        são, tanto na exploração,     Não existe um conflito de
                                                                                                                                      A protecção e bem estar
                                                                        quando permitido, como        interesses sobre esta maté-
                                                                                                                                      dos animais no abate ou
                                                                        no Matadouro.                 ria, visto que os objectivos
                                                                                                                                      occisão inclui o transpor-
                                                                                                      e interesses ligados ao bem
                                                                        A legislação que serve de                                     te para abate, encami-
                                                                                                      estar são geralmente tam-
                                                                        suporte a estas regras é o                                    nhamento,     estabulação
                                                                                                      bém os que originam maio-
                                                                        Decreto-lei n.º 28/96 de 2                                    nos matadouros, imobili-
                                                                                                      res níveis de rentabilidade
                                                                        de Abril, que transpõe a                                      zação e atordoamento,
                                                                                                      e qualidade para a indús-
                                                                        Directiva 93/119/CE do                                        abate e occisão.
                                                                                                      tria de carne.
                                                                        Conselho de 22 de Dezem-



                                                                        Assegurar a “manipulação”                                     Deverão ser tomadas uma
                                                                        eficiente pelos operadores                                    série de medidas preventi-
                                                                        dos animais em toda a                                         vas de modo a evitar
                                                                        cadeia e situações para não                                   “crueldades” desnecessárias
                                                                        causar sofrimento desne-                                      e perdas financeiras asso-
                                                                        cessário.                                                     ciadas ao deficiente maneio
                                                                                                                                      e uso de equipamento quer
                                                                        Devem ser introduzidas
                                                                                                                                      no encaminhamento quer no
                                                                        normas e procedimentos
                                                                                                                                      abate.
                                                                        nesse sentido a todos os
                                                                        operadores e operações
                                                                        envolvidos quer no enca-
                                                                        minhamento quer no abate
                                                                        dos animais.




                                                                        MATADOUROS
                                                                        REQUISITOS GERAIS
                                                                                                      A construção, as instalações    Estas regras aplicam-se a
                                                                                                      e os equipamentos dos           solípedes (cavalos e mulas),
                                                                                                      matadouros, bem como o          ruminantes, suínos, coelhos
                                                                                                      seu funcionamento, devem        e aves de capoeira quer
                                                                                                      ser concebidos e utilizados     quando introduzidos para
                                                                                                      de forma a evitar aos ani-      abate em Matadouros, quer
                                                                                                      mais qualquer excitação,        quando se justificar e for
                                                                                                      dor ou sofrimento desneces-     possível, o abate nas explo-
                                                                                                      sários, nas suas instalações.   rações.
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE

MATADOUROS - ENCAMINHAMENTO                              E   ESTABULAÇÃO
Geral
Todos os Matadouros devem dis-       contra condições     climatéricas    ser abatidos imediatamente.
por de equipamento e instalações     desfavoráveis.
                                                                          Se tal não for possível, esses
adequados à descarga dos ani-
                                     Caso tenham sido submetidos a        animais devem ser separados
mais dos meios de transporte.
                                     temperaturas e humidades eleva-      e abatidos rapidamente, no
Se for inevitável uma demora, os     das deve assegurar-se que sejam      máximo dentro das duas
animais devem ser protegidos         refrescados através de meios         horas seguintes.
contra as condições climatéricas     adequados. (ex: vaporizadores,
                                                                          Os animais incapazes de andar
adversas e beneficiar de uma         aspersores de água, ventilação)
                                                                          não devem ser arrastados para o
ventilação adequada.
                                     As condições e o estado sanitário    local de abate, mas sim mortos
Os animais que corram o risco de     dos animais devem ser inspeccio-     no local onde se encontram, ou
se ferirem mutuamente devido à       nados diariamente.                   quando possível, transportados
sua espécie, sexo, idade ou ori-                                          num carrinho ou plataforma
                                     Os animais em sofrimento ou
gem devem ser mantidos e esta-                                            móvel até ao local de abate de
                                     padecimento à chegada ou
bulados separadamente (ex:                                                emergência, desde que essa for-
                                     durante o transporte para o
Raça Brava, animais agressivos)                                           ma não acarrete qualquer sofri-
                                     Matadouro, bem como os ani-
                                                                          mento inútil.
Os animais devem ser protegidos      mais não desmamados devem




MATADOUROS - ENCAMINHAMENTO                             E    ESTABULAÇÃO
Transporte Efectuado em Veículos Rodoviários
I. ESTRUTURAS DE DESCAR-             II. INSTRUMENTOS DESTINA-            pressionando partes sensíveis do
   GA/ENCAMINHAMENTO:                    DOS   À   CONDUÇÃO/              corpo.
                                         ENCAMINHAMENTO:
As estruturas de descarga dos                                             É também proibido esmagar, tor-
animais devem ter um piso não        Os instrumentos destinados a         cer ou quebrar a cauda dos ani-
escorregadio e se necessário pro-    conduzir os animais devem ser        mais ou agarrá-los pelos olhos.
tecções laterais (para evitar que-   utilizados apenas para esse fim, e
                                                                          Os animais devem ser conduzidos
das).                                apenas por curtos períodos de
                                                                          ao local de abate apenas quando
                                     tempo.
As rampas de saída ou de acesso                                           puderem ser imediatamente aba-
deverão ter a menor inclinação       Os aparelhos produtores de des-      tidos. Caso contrário devem ser
possível.                            cargas eléctricas apenas podem       estabulados.
                                     ser utilizados para os bovinos
Durante a descarga deve assegu-
                                     adultos e suínos que se recusem
rar-se que os animais não sejam
                                     a mover, as quais só se podem
amedrontados, excitados, maltra-
                                     aplicar nos músculos dos
tados ou derrubados.
                                     membros posteriores, e não
É proibido erguer os animais         devem durar mais do que 2
pela cabeça, cornos, orelhas,        segundos.
patas cauda ou velo, de modo
                                     Estas descargas devem ser sufi-
a não ocasionar dor ou sofri-
                                     cientemente espaçadas e os ani-
mento.
                                     mais devem ter uma área sufi-
Os animais devem ser deslocados      ciente para se moverem.
e encaminhados com cuidado, e
                                     Deve ser fornecida a necessária
se necessário, conduzidos um a
                                     formação aos manipuladores dos       III.ESTABULAÇÃO:
um.
                                     animais por forma a estes enten-
                                                                          Os Matadouros devem estar equi-
As passagens por onde os ani-        derem o natural e instintivo
                                                                          pados com um número suficiente
mais são encaminhados devem          stress causado, tanto aos ani-
                                                                          de locais de estabulação e par-
ser concebidas de modo a reduzir     mais como a eles próprios, por
                                                                          ques para alojar adequadamente
ao mínimo os riscos de ferimen-      este tipo de equipamentos.
                                                                          os animais, protegendo-os das
tos e dispostas de modo a tirar
                                     São proibidas as pancadas aplica-    intempéries.
partido da sua natureza gregária.
                                     das com brutalidade, nomeada-
                                     mente pontapés e empurrões,
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE
Os locais de estabulação devem              ficial de recurso;                Os animais que à chegada não
dispor de:                                                                    sejam de imediato abatidos, deve
                                        •   Equipamento para prender os
                                                                              ser facultada água potável distri-
•    Pisos não escorregadios e que          animais, quando necessário;
                                                                              buída por dispositivos adequados.
     não causem lesões aos ani-
                                        •   Camas suficientes para os ani-
     mais que com eles entrem em                                              Se não forem abatidos nas 12
                                            mais que passam a noite nos
     contacto;                                                                horas subsequentes à chega-
                                            referidos locais, quando neces-
                                                                              da, devem ser alimentados
•    Arejamento adequado e quan-            sário.
                                                                              em quantidades moderados e
     do sejam necessários meios de
                                        •   Deve ser prevista uma forma       em intervalos adequados.
     ventilação mecânicos devem
                                            de protecção adequada contra
     ser previstos sistemas de                                                Neste último caso os animais
                                            as intempéries quando para
     emergência que entrem em                                                 devem estar estabulados, e,
                                            além dos locais de estabulação,
     funcionamento em caso de                                                 se for caso disso, presos mas
                                            existirem campos sem sombra
     avaria;                                                                  de modo a que se possam dei-
                                            e sem abrigo.
                                                                              tar sem dificuldades.
•    Iluminação suficiente para per-
                                        •   Estes devem ser mantidos de
     mitir a inspecção de todos os
                                            forma a garantir que a saúde
     animais em qualquer altura,
                                            dos animais não esteja amea-
     em caso de necessidade deve-
                                            çada (ameaças físicas, quími-
     rá existir uma iluminação arti-
                                            cas outra natureza).



MATADOUROS - ENCAMINHAMENTO                                      E   ESTABULAÇÃO
Transporte efectuado em Contentores / Caixas / Grades
    Os contentores/caixas/grades                                               ser descarregados com especial
    onde os animais são transporta-                                            cuidado para evitar lesões.
    dos devem ser manipulados com
                                                                               Caso seja necessário os animais
    cuidado, sendo proibido atirá-los
                                                                               deverão ser descarregados um a
    ao chão, deixá-los cair ou derru-
                                                                               um.
    bá-los.
                                                                                Os animais transportados em
    Tanto quanto possível devem ser
                                                                               contentores/caixas/grades
    carregados e descarregados hori-
                                                                               devem ser abatidos o mais rapi-
    zontal e mecanicamente.
                                                                               damente possível, senão deverão
    Os animais transportados em                                                ser abeberados e alimentados tal
    contentores/caixas/grades de                                               como já descrito anteriormente.
    fundo flexível ou perfurado devem



IMOBILIZAÇÃO                ANTES DO           ATORDOAMENTO, ABATE                     E   OCCISÃO
      Atordoamento—Qualquer processo que quando aplicado a um animal lhe provoca rapidamente um
      estado de inconsciência no qual é mantido até ocorrer a morte.
      Occisão—qualquer processo que provoque a morte de um animal.
      Abate—morte de um animal por sangria.


•     Os animais devem ser imobili-         para abate desde que no              seja utilizado de forma rápida,
      zados de modo a evitar quais-         momento do atordoamento os           com comodidade e precisão e
      quer dores, sofrimento, agita-        animais estejam em relaxa-           apenas durante o tempo estri-
      ção, lesão ou contusão inúteis        mento, de forma a que o mes-         tamente necessário;
                                            mo se efectue em condições
•     É proibido prender as patas
                                            eficazes e sem demoras.
      dos animais ou suspende-los
      antes do atordoamento ou          •   Os animais atordoados ou mor-
      abate.                                tos por meios mecânicos ou
                                            eléctricos aplicados na cabeça
•     As aves de capoeira e os coe-
                                            devem ser posicionados de
      lhos podem ser suspensos
                                            modo a que o equipamento
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE
 •   Todavia para os solípedes          •    É proibido utilizar o equipa-      •       Existem regras especificas no
     (ex. cavalos e mulas) e os              mento de atordoamento eléc-                caso de abate de acordo com
     bovinos, pode ser autorizado            trico como meio de conten-                 um ritual religioso, nomeada-
     o recurso a meios adequados             ção ou imobilização dos ani-               mente, muçulmano ou hebrai-
     para restringir os movimen-             mais ou para os obrigar a                  co.
     tos da cabeça;                          mover;



ATORDOAMENTO
Métodos Autorizados e Respectivos Requisitos Específicos

 O atordoamento não deve ser executado se não for possível sangrar de imediato os animais



              A— Pistola de Êmbolo Retráctil
 •   Os instrumentos devem ser
     posicionados de modo a
     assegurar que o projéctil
     penetre no córtex cerebral.




                                    •       É proibido atordoar os animais
                                            pela nuca; excepto coelhos e
                                            ovinos e caprinos cuja inserção
                                            dos cornos impossibilita a pene-
                                            tração frontal do projéctil. Nes-
                                            te caso, o instrumento de pene-
                                            tração deve ser colocado ime-
                                            diatamente atrás da base dos
                                                                                Figura: Pistola de Êmbolo Retráctil
                                            cornos e dirigido para a boca e
                                            a sangria deve ser iniciada 15
                                            segundos após o disparo.
                                    •       Quando utilizado este tipo de                   B— Concussão
                                            instrumento, o operador deve
                                            certificar-se de que o mesmo            •    Este processo só é permitido
                                            regressa à posição normal após               se for utilizado um instru-
                                            cada disparo. Se o mecanismo                 mento mecânico que provo-
                                            não estiver a funcionar correc-              que uma pancada no crânio.
                                            tamente não deve voltar a ser
                                                                                    •    O operador deve certificar-se
                                            utilizado, até ser reparado.
                                                                                         que o instrumento é aplicado
                                    •       Os animais não devem ser colo-               na posição adequada e que é
                                            cados no recinto de atordoa-                 utilizado um cartucho de car-
                                            mento se o operador não puder                ga correcta, de forma a pro-
                                            proceder a essa acção imedia-                vocar um atordoamento sem
                                            tamente após o animal entrar                 fractura de crânio.
                                            no local.                               •    No caso de pequenos lotes de
                                    •       Não se deve proceder à imobili-              animais, este método deve
                                            zação da cabeça do animal até                ser efectuado de modo a que
                                            que se possa efectuar o ator-                atinjam imediatamente um
                                            doamento.                                    estado de atordoamento e
                                                                                         que dure até á morte.
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE
                      C— Electronarcose                                    D—Exposição ao Dióxido
                                                                           de Carbono
• Eléctrodos:                         caso da corrente mínima exigida
                                      não passar;
Estes devem ser colocados de                                               Método utilizado com mais fre-
modo a contactar o crânio, per-       * Dispor de um dispositivo sonoro    quência em SUÍNOS
mitindo que a corrente eléctrica o    ou visual que indique a duração
atravesse. Para garantir um bom       da sua aplicação ao animal;          *Os animais devem ser colo-
contacto eléctrico, deve-se elimi-                                         cados em parques ou conten-
                                      * Estar ligado a um dispositivo      tores de modo a poderem ver-
nar o excesso de pelo e/ou
                                      que indique a tensão e intensida-    se e ser conduzidos até às
molhar a pele.
                                      de da corrente. Este dispositivo     câmaras de gás no espaço de
O posicionamento dos eléctrodos       deve estar posicionado de modo       30 segundos após a entrada
deve ser:                             a ser claramente visível pelo ope-   na instalação.
                                      rador;
                                                                            * Devem em seguida ser condu-
                                      * Aplicar-se de forma a que a        zidos da entrada para o ponto da
                                      corrente passe durante 1 a 3         concentração máxima do gás o
                                      segundos, excepto se o aparelho      mais rapidamente possível e
                                      recomendar outro período de          serem expostos ao mesmo
                                      tempo.                               durante o tempo necessário para
No caso dos animais serem ator-       * Permitir a passagem, quando        permanecerem inconscientes até
doados individualmente o apare-       se empregam 50 Hz de corrente        á Occisão;
lho deve:                             alternativa sinusoidal, dos          * O mecanismo de encaminha-
                                      seguintes mínimos de corrente:       mento e a câmara devem dispor
* Ter um dispositivo que meça a
impedância da carga eléctrica e                                            de iluminação adequada que per-
impeça o seu funcionamento, no                                             mita que os suínos se vejam
                                                                           mutuamente e ao que os rodeia.

         Espécie                          Corrente mínima                  * A câmara onde os suínos são
                                                                           expostos ao gás, bem como o
      BOVINOS                    2,5 A—com paragem cardíaca                equipamento utilizado para con-
      VITELOS                    1,0 A—com paragem cardíaca                duzir os animais para a mesma,
       SUÍNOS                            1,0A (1,3)
                                                                           devem ser concebidos, construí-
  OVINOS/CAPRINOS                           1,0A
      COELHOS                               0,3A                           dos e mantidos de modo a evitar
                                                                           lesões e a compressão do tórax
                                      * Nas aves de Capoeira, o nível      e, ainda que possam permanecer
• Tanque de Imersão:
                                      da água no Tanque deve ser           de pé até perderem os sentidos.
* Os tanques de imersão para          regulado de modo a permitir um       * A concentração de Dióxido de
aves de capoeira devem possuir        bom contacto com a cabeça da         carbono para atordoamento de
uma dimensão e profundidade           ave.                                 suínos deve ser, de, pelo menos
adequadas ao tipo de ave a aba-
                                      * No caso das aves serem ator-       70% em volume.
ter e não devem transbordar
água à entrada.                       doados em grupos, deve ser           *A câmara deve dispor de apare-
                                      mantida uma tensão suficiente        lhos para medir a concentração
O eléctrodo imerso na água deve       para produzir uma intensidade de     do gás, no ponto de exposição
ser do comprimento do tanque e,       corrente eficaz que garanta o        máxima.
quando se empregam 50 Hz de           atordoamento de cada ave.
corrente alternativa sinusoidal, os                                        Esses aparelhos devem emitir um
níveis mínimos de corrente            *Devem ser tomadas medidas           sinal de alerta claramente visível
devem ser os seguintes :              adequadas a fim de assegurar         e audível caso a concentração de
                                      uma passagem satisfatória da         CO2 desça abaixo do nível exigi-
    Espécie        Corrente mínima    corrente eléctrica, para garantir    do.
                                      um bom contacto eléctrico, tais
  BROILERS              120
 POEDEIRAS              120           como, molhando as patas das
    PERUS               150           aves e os ganchos de suspensão.
   PATOS/               130
                                      * Em caso de necessidade o ope-
   GANSOS
                                      rador colocado neste ponto de
                                      linha de abate deve ter a possibi-
                                      lidade de, manualmente, encami-
                                      nhar correctamente o animal que
                                      esteja a impedir o regular avanço
                                      daquela linha.
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE

OCCISÃO
Métodos Autorizados e Respectivos Requisitos Específicos

        Câmara de Vácuo                Decapitação e desconjunção                         Pistola
 Método reservado à occisão sem                  do pescoço                        ou carabina de bala
 sangria de animais de consumo
                                       Utilizado unicamente para occi-       Este método pode ser utilizado na
 pertencentes a espécies cinegéti-
                                       são de aves de capoeira,              occisão de várias espécies, desig-
 cas de criação (codornizes, perdi-
                                       devendo-se garantir que o pes-        nadamente caça grossa de criação
 zes e faisões
                                       soal que utiliza o material este-     e cervídeos.
 Deve-se assegurar que:                ja devidamente habilitado.            Deve ser assegurado que o pessoal
 • Os animais sejam colocados                                                que utiliza o material está devida-
    numa câmara estanque em que                                              mente habilitado.
    o vácuo é rapidamente obtido
    por meio de uma bomba eléctri-
    ca potente;
                                                                                       Electrocussão
 • Que a depressão atmosférica é
                                                                                  e Dióxido de Carbono
    mantida até ao momento da
    morte dos animais;                                                      Desde que o atordoamento por este
                                                                            método seja realizado, pode ser
 • Que a contenção dos animais                                              autorizado a occisão de várias
    em grupo é assegurada por                                               espécies através do mesmo, deven-
    contentores de transporte inse-                                         do-se contudo garantir que o pes-
    ríveis na câmara, cujas dimen-                                          soal que utiliza o material esteja
    sões devem ser calculadas para                                          devidamente habilitado.
    o efeito.




    Para qualquer dos métodos utilizados, deve ser salvaguardado que os animais não sofram
    qualquer excitação, dor ou sofrimento durante o processo.




SANGRIA
♦ Após o atordoamento, os ani-        ♦ Se o atordoamento, o iça-               para a sangria das aves de
  mais devem ser sujeitos à san-        mento, a suspensão e a                  capoeira, deve existir uma aju-
  gria, o mais rapidamente possí-       sangria dos animais forem               da manual que permita o abate
  vel, devendo esta ser efec-           assegurados por uma mes-                imediato se a guilhotina não
  tuada de modo a provocar              ma pessoa, estas opera-                 funcionar.
  um escoamento de sangue               ções devem ser efectuadas
                                                                             ♦ Sempre que seja utilizado um
  rápido profundo e completo.           consecutivamente no mes-
                                                                               instrumento de êmbolo retráctil,
  A sangria deve ser sempre             mo animal, antes de serem
                                                                               deve ser certificado que este
  efectuada antes que o ani-            efectuadas   a   qualquer
                                                                               regressa á posição normal. Caso
  mal recupere a consciência.           outro.
                                                                               contrário não se deve proceder
♦ Todos os animais que foram          ♦ Sempre que seja utilizada              à sangria.
  atordoados devem ser sangra-          uma guilhotina automática
  dos por incisão de pelo menos,
  uma das suas artérias carótidas
                                      ♦ De acordo com os métodos de atordoamento a sangria deve ser ini-
  ou dos vasos de onde derivam.
                                        ciada dentro dos seguintes tempos limite:
♦ Não se deve proceder a qual-
  quer preparação dos animais ou        Método de insensibilização         Tempo Máximo para começar a Sangria
  a qualquer estimulo eléctrico
                                       PISTOLA (ÊMBOLO OU BALA)                     60 segundos
  antes do sangramento ter ces-
                                      ELECTRICIDADE E PERCUSSÃO                     20 segundos
  sado completamente.                             CO2                  60 segundos (depois de sair da câmara)
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE

Métodos de OCCISÃO
como forma de luta contra doenças
∗   Devem ser utilizados os méto-        rapidamente possível (antes
    dos legalmente autorizados que       dos animais recuperarem os
    assegurem uma efectiva occisão       sentidos).
    dos animais.
                                     ∗   Os animais devem ser manu-
∗   No caso de serem utilizados          seados de forma a evitar
    métodos que não causem a             qualquer excitação, dor ou
    morte imediata do animal ( ex.       sofrimento durante o encami-
    atordoamento com pistola de          nhamento, estabulação, imo-
    êmbolo retráctil) devem ser          bilização, atordoamento, aba-
    tomadas medidas para que a           te e occisão.
    sangria seja realizada o mais



OCCISÃO de Animais
Destinados ao Aproveitamento da Pele

Métodos Autorizados e Respectivos Requisitos Específicos

Qualquer que seja o método de occisão, os animais devem ser manuseados de forma a evitar qualquer exci-
tação, dor ou sofrimento durante o encaminhamento, estabulação, imobilização, atordoamento, abate e occi-
são.


A - Instrumentos mecânicos           menos, 3 segundos uma corrente      ♦ O gás, produzido por um motor
que penetram no cérebro:             de uma intensidade cujo desvio        especialmente adaptado para o
                                     quadrático médio seja de 0,3 A.       efeito, pode ser utilizado para a
♦ Instrumentos devem ser posi-
                                                                           occisão de mustelídeos (visons,
  cionados de modo que o projéc-     D - Exposição ao monóxido de          martas, doninhas) e de chinchi-
  til penetre no córtex cerebral;    carbono:                              las, desde que tenha sido
♦ Método só autorizado se for        ♦ A câmara de anestesia onde          demonstrado por meio de testes
  seguido de sangria imediata.         os animais são expostos ao          que:
B - Injecção de uma dose letal         gás deve ser concebida, cons-     –   o gás foi adequadamente arre-
de uma substância com pro-             truída e mantida de modo a
                                                                             fecido;
priedades anestésicas:                 evitar lesões aos animais e a
                                       permitir a sua vigilância;        –   o gás foi suficientemente filtra-
♦ Os únicos anestésicos autoriza-                                            do;
                                     ♦ Os animais só devem ser
  dos são os que provoquem a
  perda imediata dos sentidos          introduzidos na câmara quan-      –   o gás está isento de todo e
  seguida de morte, nas doses e        do a concentração de monóxi-          qualquer material ou gás irri-
  formas de utilização apropria-       do de carbono, proveniente de         tante;
  das.                                 uma fonte de monóxido de
                                       carbono a 100% for de, pelo       –   os animais só podem ser intro-
C– Electrocussão com paragem           menos, 1% em volume;                  duzidos quando a concentração
cardíaca:                                                                    em monóxido de carbono atin-
                                                                             gir, pelo menos, 1% em volu-
♦ Os eléctrodos devem ser colo-                                              me.
  cados de modo a envolver o
  crânio e sobre o coração,                                              ♦ Quando inalado, o gás deve em
  devendo a intensidade mínima                                             primeiro lugar provocar uma
  da corrente provocar a perda                                             anestesia geral profunda e em
  imediata dos sentidos e a para-                                          seguida, infalivelmente, a mor-
  gem cardíaca.                                                            te;

Nas raposas, quando os eléctrodos                                        ♦ Os animais devem permanecer
forem aplicados na boca e no rec-                                          na câmara até estarem mortos.
to, convirá aplicar durante, pelo
NORMAS DE BEM ESTAR NO ABATE
F - Exposição ao dióxido de car-                            construída e mantida de modo              ♦ Quando inalado, o gás provoque
bono:                                                       a evitar lesões aos animais e               em primeiro lugar uma aneste-
                                                            permitir a sua vigilância;                  sia geral profunda e em segui-
O dióxido de carbono pode ser uti-
                                                                                                        da, infalivelmente a morte;
lizado para a occisão de mustelí-                       ♦ Os animais só devem ser
deos (martas, visons) e chinchilas,                       introduzidos na câmara quan-                ♦ Os animais permaneçam na
desde que:                                                do a concentração de dióxido                  câmara até estarem mortos.
                                                          de carbono a 100% for a
♦ A câmara onde os animais são
                                                          maior possível;
  expostos ao gás seja concebida,



OCCISÃO DE PINTOS

A occisão destes animais deve ser feita por métodos legalmente autorizados, os quais devem ter
por base uma série de requisitos específicos e os animais devem ser manuseados de forma a evi-
tar qualquer excitação, dor ou sofrimento durante o encaminhamento, estabulação, imobilização,
atordoamento, abate e occisão.


1– Utilização de um dispositivo                             que todos os animais sejam                2—Exposição     ao   Dióxido   de
mecânico que provoque uma                                   mortos imediatamente mesmo                Carbono:
morte rápida:                                               se tratados em grande núme-
                                                                                                      •   Os animais devem ser coloca-
                                                            ro.
•   Os animais devem ser mortos                                                                           dos num meio com a máxima
    por um dispositivo    mecânico                                                                        concentração possível de uma
    com lâminas de rotação rápida                                                                         fonte de dióxido de carbono a
    ou martelos de esponja;                                                                               100%.
•   A capacidade do aparelho deve                                                                     •   Os animais devem aí permane-
    ser suficiente para assegurar                                                                         cer até estarem mortos.



EXCEDENTES DE EMBRIÕES NAS INCUBADORAS
DESTINADOS À ELIMINAÇÃO

Para a occisão instantânea de qualquer embrião vivo,
todos os desperdícios das incubadoras devem ser sub-
metidos à acção de um aparelho mecânico que provo-                                  Legislação Aplicável:
que uma morte rápida
                                                                                    • Directiva 93/119/CE de 22 de Dezembro
                                                                                    • Decreto-Lei n.º 28/96 de 2 de Abril




                                                                  Com o apoio:




                           Confederação dos
                        Agricultores de Portugal
                        Av. do Colégio Militar, Lote 1789               Divisão de Bem-Estar Animal
                                1549-012 Lisboa
                                 www.cap.pt                             www.dgv.min-agricultura.pt
                                 cap@cap.pt

				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Categories:
Tags:
Stats:
views:4
posted:10/16/2012
language:Portuguese
pages:8