Quest�es RH- Prof by HC12100114543

VIEWS: 0 PAGES: 12

									Questões RH- Prof. José Alexandre Alves
Administrador, Mestre em Administração e Mestre em Ciência da Informação (gestão
do conhecimento)

CESPE 2006- Administrador CODEBA

88-A ligação entre a capacidade de liderança e a concepção de poder é evidente, pois
a liderança eficaz é aquela que tem o poder de reunir um grupo de pessoas em função
de um objetivo. 88-C

A afirmativa está correta. Poder é um potencial. Liderança é também uma forma de
poder, ou seja, poder de influência, ou potencial para influenciar pessoas em torno de
objetivos. Muito se confunde autoridade (poder legitimado, outorgado) com liderança.

90- Quando um funcionário relega suas obrigações cotidianas a segundo plano e
dedica a maior parte de seu tempo ao estabelecimento de novas amizades, é correto
afirmar que essa pessoa está buscando satisfazer sua necessidade social. 90-C

Apesar de não ser uma atividade recomendável em termos profissionais, o exemplo
configura a necessidade de socialização do funcionário. Os estudos de Maslow
configuram as necessidades humanas em uma escala, considerando inicialmente as
necessidades fisiológicas, segurança, sociais, estima e auto-realização. As
necessidades sociais representam a possibilidade de relacionamento entre os seres
humanos, formação de grupos informais, configurando a essência dos
relacionamentos pessoais.


CESPE 2007 Petrobrás Administrador


71- A motivação dos empregados de uma organização deve-se unicamente da política
remuneratória implementada. 71-E

A questão está incorreta. A motivação é um fator intrínseco e depende do conteúdo do
cargo, ou seja, da realização pessoal e não especificamente de políticas salariais, que
normalmente representam aspectos higiênicos ou “insatisfacientes”. Os estudos
clássicos de Herzberg denotam estas características.
82- A questão está correta, pois a cultura organizacional corresponde essencialmente
a aspectos informais das organizações. Artefatos , valores compartilhados e
percepções básicas constituem os elementos básicos da cultura das organizações.

83- A questão está correta. Diversos estudos acadêmicos e práticos confirmam que a
aprendizagem organizacional ocorre nos indivíduos e é assimilado pela organização,
já que esta é composta por um grupo de indivíduos. Trabalhos importantes como os
de Nonaka e Takeuchi, no que concerne à gestão do conhecimento nas organizações
são bons exemplos desta vertente, como a concepção da espiral do conhecimento
organizacional.

84- A questão está incorreta. Justamente as organizações que promovem o
aprendizado devem desenvolver uma cultura direcionada ao aprendizado de novos
conhecimentos, não apenas conservando-o. Os estudos de Peter Senge, em seu livro
“Organização de Aprendizagem- The Learning Organisation” demonstram claramente
esta visão.


MATEMÁTICA – ANTONIO CARLOS
Julgue as questões a seguir em C ou E


1. Considerando-se que um anagrama da palavra AVIÃO
é uma permutação das letras dessa palavra, tendo ou não
significado na linguagem comum, que n1 seja a quantidade
de anagramas distintos que é possível formar com essa
palavra e n2 seja a quantidade de anagramas distintos dessa
palavra que começam por consoante, então n1 / n2 = 5.

Resolução:

Anagramas da palavra AVIÃO : 5! / 2! = (5 x 4x 3 x 2!) ÷ 2! = 60
Anagramas da palavra AVIÃO começadas por consoante: (1 x 4!) ÷ 2! = 12, logo n1 / n2
=5 (C).

2. . Uma empresa gastou a quantia de R$ 3.315,00 na compra dos
seguintes produtos: sabão, detergente e desinfetante.
As quantias gastas na compra desses produtos são
diretamente proporcionais aos números 3, 5 e 7, respectivamente.
Com base nessas informações, julgue os itens seguintes.

a) A empresa gastou com sabão uma quantia inferior a
R$ 600,00.
b) A quantia que a empresa com desinfetante foi superior
a R$ 1.500,00.
c) Com detergente, a empresa gastou R$ 1.105,00.

Resolução:
Temos:
Sabão – 3p
Detergente – 5p
Desinfetante – 7p.
Logo : 3p + 5p + 7p = 3.315,00
           15p = 3.315,00
             P = 3.315,00 ÷ 15 = 221

a) A empresa gastou com sabão: 3p = 3 x 221 = R$ 663,00 > R$ 600,00 (E).
b) A empresa gastou com desinfetante: 7p = 7 x 221 = R$ 1.547,00 > R$ 1.500,00 (C).
c) A empresa gastou com detergente: 5p = 5 x 221 = R$ 1.105,00 (C).

3. Uma equipe de pedreiros trocou o piso de um escritório em 3 dias
de trabalho. No primeiro dia, em 6 horas de trabalho, a equipe
trocou 45% do piso. No segundo dia, a jornada de trabalho foi de
4 horas. Nessa situação, assumindo que a equipe trabalhou sempre
no mesmo ritmo, julgue os itens que se seguem.


a) No segundo dia de trabalho, a equipe trocou 25% do piso.
b) No terceiro dia, a jornada de trabalho foi inferior a 3 horas.


Resolução:

a) h   Piso
   6    45%
   4     x

   X = 4 x 45 ÷ 6 = 30% ≠ 25% (E).

b) h    Piso
   6     45%
   X     25%

    X = 6 x 25% ÷ 6 = 3,333....> 3 h. (E)

4. Um cliente de uma instituição financeira fez um empréstimo para
pagar em 4 meses. Ao final do 4.º mês, sua dívida era de
R$ 1.656,00. Com base nessas informações, sabendo que a
instituição cobra juros compostos de 2,5% ao mês e assumindo
que 1,0252 = 1,051 e 1,0254 = 1,104, julgue os itens subseqüentes.

a) O empréstimo feito pelo cliente foi inferior a R$ 1.530,00.
b) Um mês após realizado o empréstimo, a dívida do cliente era
superior a R$ 1.550,00.

Resolução:

a) R$ 1.656,00 ÷ 1,104 = R$ 1.500,00 < R$ 1.530,00 (C).
b) R$ 1.500,00 x 1,025 = R$ 1.537,50 < R$ 1.550,00 (E).

5. Um terreno foi adquirido por R$ 50.000,00. O antigo proprietário
gastou 5% desse valor no pagamento de impostos vencidos,
R$ 3.500,00 foram pagos à corretora que intermediou o negócio
e 1/8 do restante foi gasto na construção de um muro, exigência do
comprador para fechar o negócio. Considerando essa situação
hipotética, julgue os itens seguintes.
a) Para a construção do muro o antigo proprietário gastou mais
de R$ 6.000,00.
b) As despesas do antigo proprietário correspondem a 23% do
valor do terreno.
c) Se as despesas pagas pelo antigo proprietário fossem
assumidas pelo comprador sem qualquer abatimento no valor
do imóvel, e se ele desejasse vender o terreno obtendo 10%
de lucro sobre a negociação anterior — valor do lote e
despesas assumidas —, então o preço de venda deveria ser
superior a R$ 67.500,00.


Resolução:

a) R$ 50.000,00 – R$ 2.500,00 – R$ 3.500,00 = R$ 44.000,00.
   1/8 x R$ 44.000,00 = R$ 5.500,00 < R$ 6.000,00 (E).

b) 50.000,00       100%
   11.500,00         X

      X = 11.500 x 100 ÷ 50.000 = 23% (C).

c) 100%      +    10%      =   110%
   61.500,00                     X


      X = 61.500 x 110 ÷ 100 = R$ 67.650,00 > R$ 67.500,00.(C)


DIR. ADMINISTRATIVO ( GUSTAVO MELLO)
QUESTÕES PARA SIMULADO DA ANAC:

MARQUE CERTO OU ERRADO:

1)A ANAC deseja ampliar suas instalações físicas, e para isso necessita alugar o
prédio particular contíguo ao seu prédio. Nessa situação, considerando-se que, em
virtude da localização, apenas aquele determinado imóvel interessa à ANAC, haverá a
contratação direta por inexigibilidade de licitação.

GABARITO: ERRADO. De acordo com a Lei 8.666/93 artigo 24 X, essa é uma
hipótese de dispensa de licitação, e não inexigibilidade.

2)A ANAC é uma agência reguladora, e, como tal, é uma autarquia de regime
especial, entidade da Administração Indireta vinculada ao Ministério da Defesa,
gozando de autonomia e independência, patrimônio e pessoal próprios, não estando
subordinada ao Presidente da República.

GABARITO: CERTO.

3)José é analista da ANAC aposentado e é professor do Município do Rio de Janeiro,
onde dá aulas no turno da noite. Recentemente foi aprovado no concurso para Auditor
da Receita Federal do Brasil. Podemos afirmar que José só poderá tomar posse no
novo cargo caso renuncie, indistintamente, a uma das duas remunerações que vem
recebendo.

GABARITO: ERRADO. José deverá renunciar obrigatoriamente ao provento de
aposentadoria, caso deseje receber a remuneração do cargo de fiscal.

4)Um servidor cometeu ilícito administrativo que não se encontra configurado como
crime, e que é punível com demissão. Nessa hipótese podemos afirmar que ele
deverá responder a um processo administrativo disciplinar, cuja prescrição ocorrerá no
prazo de 5 anos a partir da ciência do ilícito pela Administração e que, a partir da
instauração do referido PAD, ocorrerá a interrupção da contagem desse prazo
prescricional.

GABARITO: CERTO.

5)A Administração descobriu que havia editado determinado ato administrativo ilícito
para determinado particular que, não havendo de qualquer forma contribuído para a
ilicitude do ato, foi por ele beneficiado. Nessa situação, desejando a Administração
anular o referido ato, no prazo de cinco anos, deverá respeitar os direitos adquiridos
do particular.

GABARITO: ERRADO. A Administração não respeitará os direitos adquiridos uma vez
que atos nulos não geram direitos.



PORTUGUÊS ( PEDRO HENRIQUE)
                              LÍNGUA PORTUGUESA

1. No trecho: "Mais de um aluno passou na prova", ocorreu um erro de concordância,
pois, pelo contexto, no mínimo, dois alunos passaram na prova. Sendo assim, a forma
verbal deveria ser trocada por "passaram".

COMENTÁRIO:
ERRADO.

Na presença da expressão MAIS DE ___, a concordância deverá ser feita com o
numeral. Como o numeral “um” está no singular, não ocorreu erro de
concordância verbal.

2. No trecho: "Choveu, pois as ruas estão molhadas", temos uma conjunção
subordinativa que introduz uma oração subordinada adverbial causal na ordem direta.
Sendo assim, o emprego da vírgula é facultativo.

COMENTÁRIO:
ERRADO.

As conjunções causais e explicativas são basicamente as mesmas: pois,
porque, visto que, entre outras. Sendo assim, a diferença entre elas causa muita
dúvida na hora da prova. Sabemos que a conjunção causal introduz uma oração
subordinada que torna o emprego da vírgula facultativo e que a explicativa
introduz uma oração coordenada que torna o emprego da vírgula obrigatório.
Observe uma das formas para fazer a diferença de maneira correta.

Para todo fato existe uma causa que o antecede. Sendo assim, para afirmar que
a conjunção é “CAUSAL”, as ruas deveriam estar molhadas antes de chover.
Como isso não é lógico, não podemos classificá-la como CAUSAL. Diante disso,
temos uma conjunção explicativa e o emprego da vírgula é obrigatório.

3. "Os advogados se sobressaíram na audiência." O verbo sobressair exige a
preposição "em", sendo assim, a frase está correta quanto à norma culta.

COMENTÁRIO:
ERRADO.

A regência está correta, porém o verbo “SOBRESSAIR” não é pronominal. O
correto seria : “Os advogados sobressaíram na audiência”.




4. Na frase: "O resultado lhe foi favorável", o termo sublinhado é um objeto indireto
que está sendo representado pelo pronome pessoal oblíquo átono “LHE”.

COMENTÁRIO:
ERRADO.

O pronome “lhe” completa a idéia de um nome. Sendo assim, não poderá nunca
ser definido como um objeto indireto (complemento verbal). Como está ligado a
um adjetivo, temos um complemento nominal.

OBS: O complemento nominal, em regra, será preposicionado. Porém, virá sem
preposição, quando for representado por um pronome oblíquo átono.

5. Em "Há praias lindas no sul.", o verbo “haver” poderia ser substituído pela locução
verbal “Devem haver” mantendo a correção gramatical.

COMENTÁRIO:
ERRADO.

“DEVEM HAVER” – Temos uma locução verbal (Verbo Auxiliar + Verbo
Principal). O verbo principal deverá sempre estar em quaisquer formas nominais
do verbo (INFINITIVO, GERÚNDIO ou PARTICÍPIO). Sendo assim, o auxiliar que
irá assumir a responsabilidade de variar ou não, dentro de uma locução verbal.
O verbo “haver”, quando sinônimo de “existir”, é impessoal e não iria variar se
estivesse sozinho, mas dentro de uma locução verbal, o auxiliar que não vai
variar em seu lugar. Sendo assim, a forma está correta seria “DEVE HAVER”.
AFO (Orçamento) – ALEXANDRE TESHIMA
Segundo o Manual da Despesa Nacional, o Orçamento é instrumento de planejamento
de qualquer entidade, pública ou privada, e representa o fluxo de ingressos e
aplicação de recursos em determinado período. Acerca do Orçamento Público julgue
os itens a seguir:
1 A iniciativa da Lei Orçamentária compete ao chefe do Poder Executivo e este deverá
enviar o projeto de lei para o Poder Legislativo em até quatro meses antes do término
da sessão legislativa.
2 O Orçamento Público tem duração de um ano e este período limitado de tempo será
sempre coincidente com o ano civil.

Os princípios orçamentários básicos para a elaboração, execução e controle do
orçamento público, válidos para todos os poderes e nos três níveis de governo, estão
definidos na Constituição Federal de 1988 e na Lei nº 4.320/1964. Acerca dos
referidos princípios, julgue os itens a seguir:
3 – Segundo o Principio Orçamentário da Unidade, cada ente da federação (União,
Estado ou Município) deve possuir apenas um orçamento, estruturado de maneira
uniforme.
4 - Princípio Orçamentário da Não-Afetação da Receita, consagrado no inciso IV, do
artigo 167, da Constituição Federal de 1988, veda a vinculação de receita tributária a
órgão, fundo ou despesa:

O art.40 da Lei 4320/64 define créditos adicionais como autorizações de despesa não
computadas ou insuficientemente dotadas na Lei de Orçamento. Julgue os itens a
seguir:

5 – É vedada a abertura de crédito suplementar, especial ou extraordinário sem prévia
autorização legislativa e sem indicação dos recursos correspondentes.
6 - Os créditos adicionais terão vigência adstrita ao exercício financeiro em que forem
abertos, salvo os suplementares e extraordinários autorizados nos últimos quatro
meses do ano.

Com relação à classificação econômica da receita orçamentária prevista na Lei
4320/64, julgue os itens a seguir:
7 – Receitas de Aluguel e com alienação de bens são classificadas como corrente
patrimonial.
8 – Receitas com operações de créditos são classificadas com de capital e não
efetivas.

O pagamento governamental consiste na entrega de numerário ao credor por meio de
cheque nominativo, ordens de pagamentos ou crédito em conta, e só pode ser
efetuado após a regular liquidação da despesa. Com base na Lei 4320/64, julgue os
itens a seguir:

9 - A ordem de pagamento é o despacho exarado por autoridade competente,
determinando que a despesa seja paga.
10 - O pagamento da despesa poderá será efetuado por estabelecimentos bancários
desde que sejam bancos controlados pelo governo.


    Itens   Gabarito                          Justificativa
1            Errado     Quatro meses antes do termino do exercício financeiro e não
                          da sessão legislativa.
2              Certo
3              Certo
4              Errado     Não é receita tributária, é somente receita de impostos.
5              Errado     Os créditos extraordinários independe de autorização
                          legislativa e indicação de recursos correspondentes.
6              Errado     Só os especiais e extraordinários podem ter vigência superior
                          a um exercício financeiro, quando autorizados nos últimos
                          quatro meses do ano.
7              Errado     A alienação de bens é uma receita corrente.
8              Certo
9              Certo
10             Errado     O pagamento pode ser realizado em qualquer banco desde
                          que credenciado.



Contabilidade Pública – ALEXANDRE TESHIMA
1 - Sobre o registro contábil correspondente à aquisição de material de consumo para estoque,
provoca o seguinte lançamento no sistema patrimonial:
Débito – almoxarifado.
Crédito – variações ativas (independente da execução orçamentária).

2 - Podemos afirmar que todas as receitas orçamentárias correntes são fatos modificativos e
que todas as receitas orçamentárias de capital são fatos permutativos já que estas geram
mutações patrimoniais.

Análise o Balanço Financeiro e julgue os itens a seguir:
                                 Balanço Financeiro - R$mil
Receita                                           Despesa
Orçamentária                        500           Orçamentária                      400
Extra-orçamentária                  300           Extra-orçamentária                200
Saldo do exercício anterior         100           Saldo para o exercício seguinte   300
Total                               900           Total                             900

3 – Pode-se afirmar que o valor do resultado financeiro é de R$300 mil.

4 – Pode-se afirmar que o valor da disponibilidade financeira é de R$100 mil.

Análise o Balanço Financeiro e julgue os itens a seguir:

                         BALANCO ORÇAMENTARIO - R$ mil
                 RECEITAS                             DESPESAS
Títulos      Previsão Execução Diferença Títulos   Fixação Execução                 Diferença
Receitas     700      800                Despesas  700     600
Correntes                                Correntes

Receitas     300         350                     Despesas      300        250
de Capital                                       de Capital
Soma                                             Soma

Total                                            Total

5 – Pode-se afirmar que houve uma economia orçamentária de R$150 mil.

6 – Pode-se afirmar que o resultado da execução orçamentária foi de R$300 mil.
    Itens   Gabarito                             Justificativa
1            errado     Crédito em Variações     Ativas – Resultante       da Execução
                        Orçamentária
2            errado     Nem todas, porque existem exceções.
3            errado     Resultado Financeiro: O Saldo para o Exercício Seguinte R$300
                        menos o saldo do exercício anterior R$100 = R$200.
4            Errado     A disponibilidade financeira é o saldo para o exercício anterior
                        R$300
5             Certo     Despesa Fixada – Despesa Executada
6             Certo     Receita Executada – Despesa Executada




Direito Constitucional - Sylvio Motta

01) Assinale a resposta incorreta, em face da Constituição Federal:
a)     O Senado Federal compõe-se de representantes dos Estados e do Distrito
Federal, eleitos pelo sistema majoritário.
b)     A Câmara dos Deputados compõe-se de representantes do povo eleitos pelo
sistema proporcional nacional.
c)     O número de Deputados por Unidade da Federação é fixado em lei
complementar.
d)     O mandato dos Senadores é renovado alternadamente por um e dois terços.
e)     Cada Senador será eleito com dois suplentes.

Gabarito: B
Dispositivo Legal: Art.45, caput CF
“Art. 45. A Câmara dos Deputados compõe-se de representantes do povo, eleitos, pelo
sistema proporcional, em cada Estado, em cada Território e no Distrito Federal.
Nesta questão todas as demais opções possuem conteúdo correto posto que têm previsão
constitucional, senão vejamos:
- letra A está no Art. 46 caput segundo o qual:
“Art. 46. O Senado Federal compõe-se de representantes dos Estados e do Distrito
Federal, eleitos segundo o princípio majoritário.”
- letra C está no Art. 45 § 1º, segundo o qual:
“§ 1º - O número total de Deputados, bem como a representação por Estado e pelo
Distrito Federal, será estabelecido por lei complementar, proporcionalmente à
população, procedendo-se aos ajustes necessários, no ano anterior às eleições, para que
nenhuma daquelas unidades da Federação tenha menos de oito ou mais de setenta
Deputados.”
Ressalte-se que a referida Lei complementar equivale a LC 78/93.
- letra D está no Art. 46 § 2º, segundo o qual:
“§ 2º - A representação de cada Estado e do Distrito Federal será renovada de quatro em
quatro anos, alternadamente, por um e dois terços.”
- letra E está no Art. 46 § 3º, segundo o qual.
“§ 3º - Cada Senador será eleito com dois suplentes”

02) Na hipótese de o Presidente da República não apresentar ao Congresso
Nacional, dentro de sessenta dias após a abertura da Sessão Legislativa anual, a
prestação de contas referente ao exercício anterior, deve ser realizada a tomada de
contas:
a)     Pelo Congresso Nacional.
b)     Pela Câmara do Deputados.
c)     Pelo Senado Federal.
d)     Pelo Tribunal de Contas da União.
e)     Pelo Procurador-Geral da República.

Gabarito: B
Dispositivo Legal: Art.51, II da CF
“Art. 51. Compete privativamente à Câmara dos Deputados:
II - proceder à tomada de contas do Presidente da República, quando não apresentadas
ao Congresso Nacional dentro de sessenta dias após a abertura da sessão legislativa;”

Comentário:
O Art. 51, inc. II da CF corresponde a indicação de qual seria a próxima medida a ser
tomada se o Presidente da República não cumprisse a imposição do Art. 84, XXIV da
CF. Desta forma, caberá a Câmara dos Deputado privativamente tomar as contas do
Presidente da República em um segundo momento.



03)     Assinale a opção correta. Assevera o artigo 5° da Constituição da República:
      A) As associações só podem ser dissolvidas por decisão judicial transitada em
         julgado.
      B) A interceptação de comunicação telefônica está submetida a uma reserva legal
         qualificada.
      C) A liberdade de reunião, por ser um direito individual de expressão coletiva, está
         submetida a uma reserva legal simples.
      D) Os tratados internacionais que versem sobre direitos e garantias fundamentais
         terão aplicação imediata e incondicionada em todo território nacional.
      E) O princípio da presunção da inocência ilide a prisão cautelar caso o preso não
         seja informado de seus direitos, entre os quais o de permanecer calado.

Gabarito: Opção “B” – Como reserva qualificada pode-se entender uma norma de
eficácia contida. Por desatenção muitos candidatos vão marcar a opção “A” como
correta.


04) Assinale a assertiva correta:
            A) O princípio da presunção de inocência consagrado na Constituição não
            permite que se proceda ao lançamento do nome do réu no rol dos culpados
            após a sentença de pronúncia no processo penal.
            B) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a escuta
            telefônica poderá ser efetivada para fins de investigação criminal, desde de
            que devidamente autorizada pelo juiz.
            C) O princípio da presunção de inocência não é compatível com a prisão
            cautelar.
            D) Nos termos da Constituição Federal, os direitos previstos em qualquer
            tratado internacional têm hierarquia constitucional.
          E) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o legislador
          ordinário não pode, tendo em vista o princípio constitucional da
          individualização da pena estabelecer que determinados crimes serão
          submetidos exclusivamente a regime prisional fechado.

Gabarito: Opção “A”. A sentença de pronúncia é uma sentença penal não
condenatória, mas, ainda assim, não serão aplicados os efeitos acessórios da
condenação ao réu.


05)   Tendo em vista os remédios constitucionais:
          a) A ação popular pode ser ajuizada por pessoa física ou jurídica, nacional
          ou estrangeira.
          b) Conceder-se-á habeas corpus sempre que alguém sofrer ou se achar
          ameaçado de sofrer violência ou coação em sua liberdade de locomoção, por
          ilegalidade ou abuso de poder.
          c) O mandado de segurança pode ter o prazo de impetração de cento e vinte
          dias interrompido em razão de oferecimento de pedido de reconsideração.
          d) Conceder-se-á habeas data sempre que a falta de norma regulamentadora
          torne inviável o exercício dos direitos e das liberdades constitucionais e das
          prerrogativas inerentes à nacionalidade, à soberania e à cidadania.
          e) O mandado de injunção coletivo não é compatível com o sistema
          constitucional vigente.

          Gabarito: Opção “B” – Basta conhecer o artigo 5º, LXVIII da
          Constituição.

07)     Analise as assertivas a seguir, relativas aos princípios fundamentais da
Constituição Brasileira, e marque com V as verdadeiras e com F as falsas; em seguida,
marque a opção correta.
( ) Um dos elementos essenciais do princípio republicano é a obrigatoriedade de
prestação de contas, pela administração pública, sob as penas da lei, no caso de
descumprimento desta obrigação.
( ) É elemento essencial do princípio federativo a concentração da soberania estatal na
União, a quem compete a representação do Estado Federal no plano internacional.
( ) A repartição de competências é o ponto nuclear da noção de Estado Federal, tendo a
CF/88 adotado como princípio geral de repartição de competência a predominância do
interesse.
( ) São elementos essenciais do Estado de Direito: a submissão do Estado, seus agentes
e dos particulares ao império da lei de cuja elaboração o povo participa direta ou
indiretamente; a separação dos poderes e a enunciação dos direitos fundamentais.
( ) Segundo o entendimento majoritário do STF, os territórios federais continuam
mantendo a característica de entes federativos sob a égide da Constituição atual, sendo
indispensável a existência das autarquias para manutenção da forma federativa de
estado.
a) V, V, V, V, F
b) V, F, V, V, F
c) V, F, V, F, F
d) F, V, V, F, V
e) V, F, F, V, F
Gabarito: Opção “B” – A segunda assertiva é falsa porque a União não dotada de
soberania; A última assertiva é falsa porque os territórios federais não são mais
considerados entidades federativas.

								
To top