Documents
Resources
Learning Center
Upload
Plans & pricing Sign in
Sign Out

Resumos Vestibular - Biologia - Exercícios

VIEWS: 163,058 PAGES: 70

									INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia - Zoologia
Parte I: Poríferos
1. (U. Taubaté-SP) Invertebrados fixos, diblásticos sem órgãos, com digestão exclusivamente intracelular, com larva ciliada livre e natante. Trata-se de: a) protozoários. b) espongiários. c) equinodermos. d) nematelmintos. e) celenterados. 2. (F. F. Celso Lisboa-RJ) As esponjas apresentam habitat: a) totalmente marinho. b) totalmente aquático. c) água doce e terra úmida. d) totalmente água doce. e) totalmente terrestre. 3. (UFPA) Nas esponjas a digestão é toda intracelular. As células que se encarregam da captura e digestão dos alimentos são denominadas: a) coanócitos. b) amebócitos. c) porócito. d) escleroblastos. e) espongioblastos. 4. (F. C. Chagas-SP) As células que revestem externamente as esponjas e as que revestem a espongiocele são, respectivamente: a) amebócitos e espículas. b) pinacócitos e coanócitos. c) coanócitos e pinacócitos. d) arqueócitos e espículas. e) pinacócitos e amebócitos. 5. (UNIRIO-RJ) Qual das alternativas abaixo justifica a classificação das esponjas no sub-reino Parazoa? a) Ausência de epiderme b) Ocorrência de fase larval c) Inexistência de órgãos ou de tecidos bem definidos d) Habitat exclusivamente aquático e) Reprodução unicamente assexuada 6. (Fuvest-SP) A característica abaixo que não condiz com os poríferos é: a) respiração e excreção por difusão direta. b) obtenção de alimentos a partir das partículas trazidas pela água que penetra através dos óstios. c) habitat aquático, vivendo presos ao fundo. d) células organizadas em tecidos bem definidos. e) alta capacidade de regeneração. 7. (UFBA) No processo digestivo das esponjas, atuam células de dois tipos: umas englobam o alimento e fazem a digestão intracelular; outras distribuem a todas as demais células o produto dessa digestão. São elas, respectivamente: a) solenócitos e macrófagos. b) coanócitos e amebócitos. c) cnidoblastos e nematocistos. d) histiócitos e amebócitos. e) coanócitos e histiócitos. 14. Considere as frases: 8. (UFJF-MG) Observe as seguintes afirmativas: I. A grande capacidade regenerativa das esponjas revela a pequena interdependência e diferenciação de suas células. II. A água que circula pelo corpo de uma esponja segue o trajeto: ósculo - átrio -óstios. III. Nem todas as esponjas possuem espículas calcárias ou silicosas. Assinale: a) se apenas I estiver correta. b) se apenas l e II estiverem corretas. c) se I, II e III estiverem corretas. I - As esponjas podem ser classificadas em três tipos básicos: Ascon, Sycon e Leucon. II - As esponjas do tipo Ascon possuem poros, espongiocele com coanócitos e ósculo. III - A estrutura mais complexa de esponja é a do tipo Leucon, pois nesta as células coanoflageladas localizam-se apenas em câmaras vibráteis. Pode-se afirmar que está(ão) correta(s): a) I, II, III. b) I e II apenas. c) I apenas. d) se apenas II e III estiverem corretas. e) se apenas I e III estiverem corretas. 9. (UFBA) No mesênquima dos espongiários, podemos encontrar células com diversas funções, exceto: a) originar gametas. b) transportar substâncias para outras células. c) produzir espículas calcárias ou silicosas. d) transmitir estímulos nervosos. e) contribuir na digestão intracelular. 10. (UFV-MG) O principal papel dos coanócitos nos poríferos é: a) transportar substâncias para todo o animal. b) originar elementos reprodutivos. c) formar o esqueleto do animal. d) provocar a circulação da água no animal. e) dar origem a outros tipos de células. 11. Considere as seguintes frases: I - As esponjas são animais __________, isto é, vivem presas ao substrato. lI - A abertura situada geralmente no ápice das esponjas chama-se ___________. III - O movimento da água nas esponjas é determinado pelo batimento dos __________ das células chamadas ___________. As palavras que as completam corretamente são, respectivamente: a) móveis; poro; cílios; ciliadas. b) sésseis; ósculo; flagelos; coanócitos. c) sésseis; poro inalante; flagelo; flageladas. d) bentônicos; poro exalante; flagelo; coanócitos. e) sésseis; ósculo, cílios, coanócitos 12. Assinale a alternativa correta: a) A cavidade interna das esponjas recebe o nome de espongiocele. b) As esponjas são animais filtradores, diploblásticos enterocelomados. c) Os coanócitos são células localizadas na epiderme das esponjas, atuando como células de função sensorial. d) Os poríferos são animais primitivos que provavelmente deram origem aos celenterados. e) As esponjas são encontradas apenas em ambiente terrestre úmido. 13. Associe a estrutura ao seu respectivo nome: A - pinacócitos B - porócitos C - meso-hilo D - espículas

a) lA; IlB; IIlC; IVD. b) IB; IlA; lllC; IVD. c) IC; IlB; IllA; IVD. d) ID; IlC; IIIB; IVA. e) ID; llB; IlIC; IVA.

1

d) II apenas. e) III apenas. 15. Assinale a afirmativa incorreta. a) As esponjas podem se reproduzir sexuadamente ou assexuadamente. b) O tipo de reprodução das esponjas é sempre assexuada, por regeneração. c) Nas esponjas pode ocorrer brotamento. d) As espículas das esponjas são estruturas de sustentação, que podem ser calcárias ou silicosas. e) Existem esponjas que possuem fibras de espongina como elemento de sustentação.

8. (Osec-SP) Nos ________ que apresentam ciclo metagenético, o estágio __________ representa o ciclo sexuado, e o estágio ___________ representa a geração assexuada. a) protozoários - esporogônico - esquizogônico. b) cifozoários - pólipo - medusa. c) celenterados - medusa - pólipo. d) poríferos - áscon - lêucon. e) celenterados - pólipo - medusa. 9. (UFSC) As larvas da esponja e do hidrozoário são, respectivamente: a) miracidio e cisticerco. b) plânula e miracídio. c) anfiblástula e plânula. d) cisticerco e véliger. e) véliger e anfiblástula. 10. (UEPR) Relacione as colunas e assinale a alternativa correta: (1) Coanócitos (2) Células nervosas (3) Átrio (4) Mesênquima (5) Cnidoblastos a) 3-2-5-1-4. b) 5-3-2-1-4. c) 5-2-3-1-4. d) 3-5-2-4-1. e) 3-5-2-1-4. 11. (Vunesp-SP) Sobre os celenterados são feitas três afirmativas. Observe-as: I. A maioria dos cnidários tem habitat aquático, sendo poucas as espécies de habitat terrestre, as quais são representadas por pólipos. II. Os cnidários são urticantes e, para isso, dispõem de baterias de células especializadas chamadas coanócitos. III. Alguns cnidários se reproduzem por alternância de gerações, quando então os pólipos dão medusas e as medusas dão pólipos. Assinale: a) se apenas uma afirmativa estiver correta. b) se as afirmativas I e II estiverem corretas. c) se as afirmativas l e III estiverem corretas. d) se as afirmativas II e III estiverem corretas. e) se as três afirmativas estiverem corretas. 12. (OSEC-SP) Dentre as alternativas abaixo, assinale o principal avanço evolutivo dado pelos celenterados, mantido e desenvolvido pelos animais mais evoluídos: a) Presença de células urticantes. b) Digestão extracelular. c) Passagem do meio aquático para o terrestre. d) Sistema circulatório. e) Tubo digestivo completo. 13. (Unifor-CE) A figura abaixo mostra o ciclo de vida de um cnidário. ( ( ( ( ( ) Cavidade central das esponjas. ) Células de defesa dos celenterados. ) Mesogléia, abaixo da epiderme. ) Digestão intracelular dos poríferos. ) Camada média do corpo dos poríferos.

Parte II: Cnidários
1. (Fuvest-SP) O esquema abaixo representa o ciclo de vida de um invertebrado. Este animal pertence aos: a) Porifera. b) Brachiopoda. c) Ctenophora. d) Bryozoa. e) Hydrozoa.

2. (Osec-SP) No filo Coelenterata são encontradas as classes Scyphozoa, Anthozoa e Hydrozoa, exemplificadas, respectivamente, por: a) medusa, anêmona-do-mar e hidra. b) medusa, anêmona-do-mar e corais. c) corais, medusa e hidra. d) anêmonas-do-mar, corais e hidra. e) hidra, medusa e corais. 3. (UFSC) O aparelho digestivo dos celenterados é essencialmente constituído de: a) tubo ramificado com boca e ânus separados. b) boca e cavidade digestiva gastrovascular saculiforme. c) tubo ramificado com boca e ânus acoplados. d) boca, faringe, esôfago, reto e ânus. e) boca, faringe, papo, intestino e ânus. 4. (U. F. Viçosa-MG) A digestão dos celenterados ocorre: a) nos meios intra e extracelulares. b) no meio extracelular. c) no celoma anterior. d) no meio intracelular. e) no celoma posterior. 5. (PUC-RS) Os primeiros animais a apresentar um sistema nervoso, embora do tipo difuso, visto que só raramente há neles concentração de células nervosas, foram os: a) espongiários. b) nematódios. c) crustáceos. d) insetos. e) celenterados. 6. (Fuvest-SP) A Grande Barreira de Coral se estende por mais de 2.000 km ao longo da costa nordeste da Austrália e é considerada uma das maiores estruturas construídas por seres vivos. Quais são esses organismos e como eles formam esses recifes? a) Esponjas - à custa de secreções calcárias. b) Celenterados - à custa de espículas calcárias e silicosas do seu corpo. c) Pólipos de Anthozoa - à custa de secreções calcárias. d) Poríferos - à custa de material calcário do terreno. e) Cnidários - à custa do material calcário do solo, como a gipsita. 7. (PUC-RS) "O pólipo dá origem a ovos, os quais formam plânulas das quais se formam novos pólipos que apresentam sexualidade, não havendo neste ciclo vital a presença da forma de medusa." O texto acima se refere ao ciclo vital dos celenterados do grupo dos: a) antozoários. b) hidrozoários c) cifozoários. d) aplanozoários. e) amebozoários.

A fase que ocorre logo após a reprodução sexuada é a representada em: a) I. b) II. c) III. d) IV. e) V. 14. (FMEt-MG) A célula típica dos celenterados é o: a) cnidoblasto. b) coanócito. c) amebócito. d) neurônio. e) solenócito.

Parte III: Platelmintos 2

e) nadar em água com caramujo contaminado. 1. (PUC-RS) Os platelmintos são animais que apresentam o corpo achatado e sua espessura, quase desprezível, proporciona uma grande superfície em relação ao volume, o que lhes traz vantagens. A forma achatada desses animais relaciona-se diretamente com a ausência dos sistemas: a) digestivo e excretor. b) respiratório e circulatório. c) excretor e circulatório. d) digestivo e secretor. e) secretor e nervoso. 2. (F. M. Santo Amaro-SP) Sobre os platelmintos da classe Turbellaria, pode-se afirmar: a) São todos parasitas. b) São encontrados em ambientes secos. c) Têm na planaria o seu representante mais conhecido. d) Têm na tênia o seu representante mais conhecido. e) As alternativas a e d são corretas. 3. (Mackenzie-SP) Considere o quadro abaixo: Filo I II Céula típica Cnidoblasto Célula-flama Habitat Exemplo Aquático; maioria mari- Aurelia aurita nhos Água doce, salgada, Taenia solium lugares úmidos parasitas internos e externos Maioria marinhos; uma Spongilla lacusois família de água doce 8. (UFRS) No ciclo evolutivo da Taenia solium, as proglotes (segmentos) grávidas são eliminadas do intestino do homem juntamente com as fezes. Quando as fezes dos portadores de Taenia são lançadas à superfície do solo, contaminam o terreno. Os ovos embrionados liberam-se das proglotes e espalham-se no meio externo. O embrião só abandona o ovo no interior do tubo digestivo do porco, sendo então lançado na circulação. O embrião, atingindo os capilares, rompe-os e acaba localizando-se nos músculos, onde se encista. Segundo essas informações, o homem e o porco são, respectivamente, os hospedeiros: a) definitivo e vetor. b) definitivo e de transporte. c) definitivo e intermediário. d) intermediário e definitivo. e) intermediário e vetor. 9. (Fuvest-SP) Impedir que as larvas penetrem na pele, que os ovos caiam na água e destruir os caramujos são maneiras de controlar a transmissão da: a) malária. b) doença de Chagas. c) esquistossomose. d) febre amarela. e) cisticercose.

III

Coanócito

Os filos I, II e III são, respectivamente: a) Coelenterata, Porifera, Platyhelminthes. b) Platyhelminthes, Coelenterata, Porifera. c) Porifera, Platyhelminthes, Coelenterata. d) Coelenterata, Platyhelminthes, Porifera. e) Porifera, Coelenterata, Platyhelminthes. 4. (PUC-RS) "Os vermes adultos vivem no sistema porta intra-hepático. Dos seus ovos nascem miracídios com o tegumento recoberto de cílios e que vão em busca de caramujos do gênero Biomphalaria para continuarem o ciclo. Dentro deste molusco, após uma série de transformações, resultam cercárias de cauda bífida que o abandonam e vão em busca de novo hospedeiro. Essa descrição relaciona-se à parasitose denominada: a) necaturose. b) ascaridíase. c) teníase. d) esquistossomose. e) ancilostomiase. 5. (EEI-SP) A esquistossomose no Brasil compromete a saúde de milhares de brasileiros, incapacitando-os para o trabalho e às vezes obrigando-os a uma vida sócio-econômica precária. É causada pelo parasita Schistosoma mansoni, que se transmite ao homem e aos animais através: a) do banho em rios e lagos contaminados com os miracídios do parasita. b) do banho em rios e lagos contaminados com o ovo do parasita. c) do contato com águas dos rios e lagos contaminados com as larvas adultas do parasita. d) do contato com águas de rios e lagos contaminados com as cercárias do parasita. e) da picada do inseto Anopheles. 6. (PUC-SP) Obtiveram-se as seguintes informações sobre o ciclo vital de um determinado parasita humano: I. seu hospedeiro intermediário não é um artrópodo; II. apresenta mais de um estágio larval; III. sua fase adulta apresenta dimorfismo sexual. O parasita em questão poderia ser: a)Taenia solium. b) Schistosoma mansoni. c) Plasmodium vivax. d) Ancylostoma duodenale. e) Tiypanosoma ciuzi. 7. (Ceeteps) No ciclo evolutivo da Taenia solium, o homem fará o papel de hospedeiro intermediário quando: a) andar descalço em local contaminado. b) ingerir ovos da Taenia. c) for picado por Anopbeles. d) comer carne de porco com larvas da Taenia.

10. (Fuvest-SP)"... a represa Billings pode transformar-se em grave foco de contaminação de esquistossomose na região metropolitana de São Paulo." (Folha de S. Paulo, 20/09/84) Essa afirmação foi feita porque na região da represa existem: a) bactérias causadoras da doença. b) protozoários causadores da doença. c) mosquitos transmissores do vírus causador da doença. d) barbeiros transmissores do protozoário causador da doença. e) caramujos hospedeiros do verme causador da doença. 11. (UFES) O homem adquire a Taenia solium quando: a) bebe água contendo colibacilos. b) ingere peixe cru e contaminado com proglotes. c) come verduras e bebe água contaminada com suas larvas. d) ingere carne de porco malcozida e com cisticercos. e) toma banho em rios contaminados com cercárias. 12. (Unisinos-RS) Tomando-se providências como: cuidados com a saúde de animais para o abate (bovinos e suínos), inspeções regulares a matadouros e cozimento completo da carne, evitar-se-á a: a) ascaridíase. b) malária. c) teníase. d) ancilostomose. e) esquistossomose. 13. (PUC-SP) O doente que apresenta cisticercose: a) foi picado por Triatoma. b) nadou em água com caramujo contaminado. c) andou descalço em terras contaminadas. d) comeu carne de porco ou de vaca com larvas de tênia. e) ingeriu ovos de tênia. 14. (UFPR) Qual a sentença correta para definir o Phylum Platyhelminthes? a) Diploblásticos, bilatérios e acelomados. b) Animais de simetria bilateral, triploblásticos, celomados e protonefridiais. c) Triploblásticos, de simetria bilateral, acelomados e protonefridiais. d) São animais pseudocelomados de simetria bilateral, triploblásticos e hermafroditas. e) Animais pseudocelomados, triploblásticos, radiais, protonefridiais e hermafroditas. 15 (FUC-MT) Na cabeça das planárias ocorrem, lateralmente, as aurículas, responsáveis por: a) reprodução assexuada do animal. b) percepção de substâncias dissolvidas na água do meio. c) reprodução sexuada do animal. d) visão. e) audição. 16. (UFMC) Observe a figura que representa o ciclo da Taenia solium.

3

Julgue os itens seguintes e marque o que for correto: a) O esquema acima apresenta o ciclo vital resumido da Taenia solium (classe Cestoda). b) O homem sempre será hospedeiro definitivo. c) A ingestão de ovos de tênia causa doenças aos bois e às vacas, mas não atinge os homens. d) A ingestão de carne sempre bem cozida é uma medida de tratamento da parasitose. e) O homem é considerado hospedeiro definitivo porque geralmente o parasita realiza nele sua reprodução sexuada. Todas as afirmativas são corretas quanto ao ciclo da Taenia solium, EXCETO: a) A fase indicada por 3 pode ser encontrada tanto no cérebro do homem quanto no tecido muscular esquelético do porco. b) A meiose, na estrutura indicada por 8 originará tanto gametas masculinos quanto femininos. c) A respiração é do tipo cutânea, o tubo digestivo é completo e o desenvolvimento é direto no indivíduo indicado por 7. d) As estruturas 1 e 8 podem ser eliminadas pelas fezes do homem no ambiente e podem ser ingeridas pelo porco. e) O tecido indicado por 5 é do tipo epitelial simples e pertence ao hospedeiro definitivo do parasita. 17. (MACK-SPI Assinale a alternativa que apresenta apenas parasitoses que não envolvem mosquito como agente transmissor. a) esquistossomose, ancilostomose e ascaridíase b) esquistossomose, ascaridíase e malária c) elefantíase, malária e ancilostomose d) elefantíase, esquistossomose e ancilostomose e) teníase, malária e ancilostomose 18. (UFJF-MG) O esquema abaixo representa o ciclo evolutivo de um parasita 20. (PUC-MG) Os platelmintos de vida livre pertencem à classe: a) trematoda. b) diplopoda. c) amphineura. d) turbelaria. e) cestoidea. 21. (PUC-PR) Na classe Cestoda, os principais representantes endoparasitas humanos são as Taenia solium e Taenia saginata. Assinale a alternativa verdadeira, considerando as proposições seguintes: I - A Taenia saginata é transmitida pela carne de gado com "pipoca" e apresenta ventosas com ganchos no seu escólex. II - A Taenia solium é transmitida através da carne de porco com "pipoca" e apresenta pseudoventosas (botrídias) no escólex. III - Ambas, a Taenia saginata e a Taenia solium, possuem estrobilização e não apresentam aparelho digestivo. a) Apenas III está correta. b) Apenas II está correta. c) Apenas I está correta. d) As proposições I e II estão corretas. e) As proposições I e III estão corretas. 22. (MACK-SP) Em certas regiões brasileiras, onde as pessoas usam açudes e represas para nadar, é usada a seguinte expressão: "Se nadou e depois coçou, é porque pegou A referência "pegou" é para a doença: a) cisticercose. b) tripanosomíase. c) esquistossomose. d) ancilostomose. e) ascaridíase. 23. (UFPA) As planárias e as tênias são animais: a) acelomados, triblásticos. b) acelomados, diblásticos. c) celomados, triblásticos. d) celomados, diblásticos. e) pseudocelomados, triblásticos. Quando no hospedeiro definitivo, causa a: a) doença de Chagas. b) esquistossomose. c) teníase. d) elefantíase. e) Ieishmaniose. 19. (UnB-DF-modif.) Analise a representação do ciclo vital no esquema abaixo. 24. (FCMSCSP) Considere as quatro características seguintes: I- ausência da cavidade do corpo. II- intestino com ramos que vão para várias partes do corpo. III- ausência comum de ânus. IV- sexos unidos. Tais características, em conjunto: a) diferem os platelmintos da maioria dos animais a eles superiores. b) são dos nematelmintos e os diferem dos platelmintos. c) diferem os platelmintos entre si em quatro classes. d) são comuns aos platelmintos e aos celenterados. e) diferem os platelmintos do estado larvário para o estado adulto. 25. (FMABC-SP) Considere o esquema abaixo, sobre o ciclo de vida do Schistosoma mansoni:

4

III Caramujo I II Homem

a) 38 b) 54 c) 10 d) 25 e) 06 3. (UFJF-MG) Em estudos sobre o ciclo vital de uma espécie de animal parasito foram obtidas as seguintes informações: I - Os ovos da referida espécie são eliminados com as fezes de seu hospedeiro. II - Esta espécie de parasito não tem hospedeiro intermediário. III - No meio externo, os ovos eclodem e liberam larvas que penetram ativamente pela pele do hospedeiro. IV - Suas formas adultas vivem no intestino delgado do hospedeiro. Tais dados indicam que a espécie de parasito estudada é: a) Taenia solium; b) Ascaris lumbricoides. c) Trypanosoma cruzi. d) Fasciola hepatica. e) Ancylostoma duodenale. 4. (PUC-RS) Os nematódios são vermes não-segmentados apresentando corpo alongado e de forma cilíndrica. Uns são de vida livre e outros, parasitas. Neles a cavidade do corpo não é revestida pelo mesoderma, embora sejam triploblásticos. Essa descrição permite que se possam identificar os nematódios como animais: a) acelomados. b) monoxênicos. c) heteroxênicos. d) pseudocelomados. e) celomados. 5. As pessoas adquirem ancilostomíase por contaminação. a) através da pele, pelo contato com as larvas que vivem no solo contaminado por fezes de portadores. b) através do leite de vaca contaminado por ancilóstomo. c) pela picada de insetos contaminados por larva de ancilóstomo. d) através da picada de pulga contaminada por larvas de ancilóstomo. e) através da picada de Triatoma infestado por ancilóstomo. 6. (PUCC-SP) O parasita que penetra no organismo pela boca, em fase de ovo, vai consecutivamente para o aparelho digestivo, circulatório, respiratório e volta novamente para o tubo digestivo é: a) Ascaris b) Taenia c) Wuchereria d) Ancylostoma e) Necator 7. (CESGRANRIO-RJ) A elefantíase ou filariose é uma parasitose comum na região amazônica. Sua profilaxia pode ser feita através do combate ao inseto vetor e do isolamento e tratamento das pessoas doentes. O agente causador e o hospedeiro intermediário dessa parasitose são, respectivamente: a) Ascaris lumbricoides e um mosquito do gênero Culex. b) Wuchereria bancrofti e um mosquito do gênero Culex. c) Wuchereria bancrofti e o caramujo. d) Schistosoma mansoni e a filária. e) Ancylostoma duodenale e a filária. 8. (PUC-MG) Leia com atenção as informações abaixo: I- Triblástico pseudocelomado II- Não possui hospedeiro intermediário. III- Larvas desenvolvem-se no solo O parasita que possui as características acima é: a) Taenia solium b) Schistosoma mansoni c) Ancylostoma duodenale d) Ascaris lumbricoides e) Enterobius vermicularis

As três formas I, II e III , sob as quais o parasita pode ser encontrado na água, correspondem, respectivamente a: a) miracídio, cercária e ovo b) ovo, miracídio e cercária c) cercária, miracídio e ovo d) ovo, cercária e miracídio e) miracídio, ovo e cercária 26. (UFMG-94) Observe as figuras que se referem ao ciclo da esquistossomose mansônica.

Em relação às figuras, é correto afirmar-se que: a) a infecção ocorre em 1 pelas formas 4, 2 e 3. b) a meiose ocorre da fase 4 para a fase 5. c) a passagem do indivíduo 4 pelo indivíduo 6 é necessária para que ele dê origem a 5. d) o indivíduo indicado por 4 é o hospedeiro definitivo do parasita. e) os indivíduos indicados em 2 localizam-se no sistema porta-hepático de 6. 27. (Puccamp-SPI Um animal triblástico, acelomado e de simetria bilateral pode ser uma: a) hidra. b) esponja. c) lombriga. d) minhoca. e) planária. 28. (Fuvest-SP) Existem animais que não possuem órgão ou sistema especializado em realizar trocas gasosas. Na respiração, a absorção do oxigênio e a eliminação do gás carbônico ocorrem por difusão através da superfície epidérmica. É o caso da: a) planária. b) ostra. c) drosófila. d) barata. e) aranha.

Parte IV: Nematelmintos
1. (UFMG) A ingestão freqüente de terra por crianças é um comportamento que pode indicar: a) anemia, como conseqüência de necatoríase. b) desnutrição, por deficiência de minerais para reposição de energia. c) fome, pois a terra ingerida produzirá sensação de saciedade. d) parasitose por Ascaris porque a ingestão de terra reduz a infestação. e) raquitismo, portanto as crianças buscam, instintivamente, o cálcio necessário ao seu crescimento. 2. (UFSC - mod.) Uma criança da região rural de Santa Catarina, após consulta médica, foi diagnosticada como portadora de Ascaridíase. Com relação a essa parasitose, é CORRETO afirmar (mais de uma alternativa pode estar correta): 01. Não existem medicamentos que permitam sua cura. 02. É provocada por um nematódeo popularmente conhecido como lombriga. 04. É adquirida através da ingestão de ovos do parasita em verduras mal lavadas e água contaminada. 08. Um dos seus sintomas é a anemia. 16. Um outro sintoma é a paralisia dos membros inferiores. 32. Uma maneira de evitá-la é o tratamento de água e esgotos. A soma das alternativas corretas é:

Parte V: Anelídeos
1. (F. U. ABC-SP) Quanto aos anelídeos, podemos afirmar: a) são triblásticos, acelomados e com metameria. b) são diblásticos, celomados e com ciclomeria. c) são triblásticos, celomados e com metameria. d) são triblásticos, pseudocelomados e com metameria.

5

e) são diblásticos, acelomados e com ciclomeria. 2. (UFRN) Assinale a alternativa que relaciona corretamente o animal ao seu respectivo órgão excretor: a) Protozoários - glândulas verdes. b) Celenterados - túbulos de Malpighi. c) Platelmintos - vacúolos contráteis. d) Insetos - células-flama. e) Anelídeos - nefrídios. 3. (PUC-SP) Os anelídeos são animais com o corpo formado por muitos segmentos ou metâmeros e que apresentam como característica obrigatória: a) habitat aquático. b) sistema excretor com um par de nefrídios por segmento. c) respiração branquial. d) hermafroditismo. e) um par de cerdas por segmento. 4. (Cescem-SP) A qual dos animais abaixo refere-se a descrição a seguir? "O sangue circula em vasos; no intestino, recebe os alimentos digeridos e os distribui às células do corpo; na epiderme, absorve oxigênio do ar e desprende gás carbônico; transporta os excretas nitrogenados a uma série de tubos que se abrem em poros na superfície do corpo." a) Planária. b) Minhoca. c) Gafanhoto. d) Aranha. e) Sapo. 5. (Osec-SP) Nas minhocas, a fecundação e o desenvolvimento são: a) interna — direto. b) externa — indireto. c) interna — indireto. d) externa — direto. e) interna — indireto com larva trocófora. 6. (Osec-SP) Quanto à reprodução, as minhocas (Classe Oligochaeta) são: a) monóicas, isto é, cada animal apresenta tanto órgãos sexuais masculinos como femininos. b) monóicas, isto é, cada animal apresenta apenas órgãos sexuais masculinos ou femininos. c) dióicas, isto é, cada animal apresenta tanto órgãos masculinos como femininos. d) dióicas, isto é, cada animal apresenta apenas órgãos masculinos ou femininos. e) protândricos, isto é, os órgáos masculinos desenvolvem-se antes dos femininos. 7. (Unifor-CE) Quanto à reprodução, as minhocas podem ser classificadas como: a) dióicas com fecundação cruzada e desenvolvimento direto. b) dióicas com fecundação cruzada e desenvolvimento indireto. c) monóicas com autofecundação e desenvolvimento indireto. d) monóicas com fecundação cruzada e desenvolvimento direto. e) monóicas com fecundação cruzada e desenvolvimento indireto. 8. (Unisinos-RS) A área da Edafologia da UNISINOS estuda a importância da minhoca na recuperação do solo. E uma alternativa de baixo custo e bastante eficiente para refertilização dos solos brasileiros, já bastante pobres. Assinale a característica que pode ser atribuida às minhocas (Anelídeos – Oligoquetas): a) marinhos, com projeções laterais denominadas parapódios. b) com ventosas na região anterior e posterior do corpo. c) são de sexos separados. d) respiração branquial. e) respiração cutânea. 9. (UNI-RIO) No passado, anelídeos do grupo dos hirudíneos foram usados para fazer sangria em doentes. Essa medida "terapêutica" consistia em fixar o verme, através de suas ventosas, à pele do paciente. Outros exemplos de anelídeos são o Nereis e a minhoca. O grupo dos anelídeos apresenta sistema circulatório: a) fechado e constituído por um feixe de numerosos vasos longitudinais, que se comunicam por nefrídios, que formam os corações laterais. b) fechado e constituído por dois grandes vasos longitudinais, que se comunicam por vasos laterais, que constituem os corações laterais. c) semi-aberto e constituído por um conjunto de corações laterais, que

bombeiam sangue diretamente lançado nos poros excretores. d) semi-aberto e constituído por um coração localizado num dos metâmeros próximos ao clitelo. e) aberto e constituído por um feixe de numerosos vasos longitudinais, que se comunicam com os poros excretores e com corações laterais. 10. (Unifor-CE) A minhoca apresenta respiração ( I ) e circulação ( II ). Para completar corretamente a frase acima, I e II devem ser substituídos, respectivamente, por: a) cutânea e aberta. b) cutânea e fechada. c) branquial e aberta. d) branquial e fechada. e) traqueal e fechada. 11. (UFRS) Analise as seguintes afirmativas sobre grupos de animais. IA organização do corpo em metâmeros e a presença de um celoma compartimentalizado são características dos anelídeos. II Os nematódeos têm em comum com os platelmintes um trato digestivo completo e a ausência de um sistema circulatório. III O pé muscular, a rádula e o manto são características dos moluscos. Quais afirmativas estão corretas? a) Apenas I. b) Apenas II. c) Apenas III. d) Apenas I e III. e) I, II e III. 12. (FEPA) A estrutura indicada na ilustração abaixo denomina-se __________, sendo responsável pela excreção dos _______.

a) pêlo absorvente – vegetais b) célula flama – platelmintos c) nefrídio - anelídeos d) tubo de Malpighi - insetos e) vacúolo pulsátil - protozoários 13. (UESC - mod.) Vem aumentando consideravelmente o número de pessoas envolvidas com a "minhocultura". Assim, as minhocas recuperaram sua devida importância na produção agrícola. Sobre esses animais, é CORRETO afirmar que (mais de uma alternativa pode estar correta): 01. solos que os possuem são compactados e com dificuldade de penetração da água. 02. possuem corpo dividido em anéis, daí serem denominados anelídeos. 04. são hermafroditas sem, contudo, realizarem a autofecundação. 08. promovem a formação do húmus, com a transformação da matéria morta que cai no solo. 16. escavam galerias que proporcionam um maior arejamento do solo. 32. são nocivos ao homem quando tocados. Dê como resposta a soma das alternativas corretas: a) 8 b) 12 c) 24 d) 53 e) 30 14. (UFJF-MG) Os anelídeos podem ser caracterizados por: a) terem simetria bilateral e corpo achatado; serem acelomados e triblásticos. b) serem acelomados, diblásticos; terem corpo alongado e ciclomeria. c) terem simetria bilateral, corpo alongado, cilíndrico e segmentado; serem triblásticos e celomados. d) serem diblásticos, acelomados; terem corpo cilíndrico com metameria. e) serem celomados, pseudocelomados, triblásticos e com metameria. 15. (UFPA) Entre os principais grupos de seres vivos, os animais cujo corpo é segmentado, isto é, formado por numerosos anéis repetidos (metâmeros) e seus representantes mais populares são as minhocas e as sanguessugas, pertencem ao Filo:

6

a) Mollusca. b) Nemathelmynthes. c) Anellida d) Plathelmynthes. e) Arthropoda. 16. Assinale a característica que não pode ser atribuída aos anelídeos. a) sexos separados. b) respiração branquial. c) corpo segmentado. d) ausência de aparelho circulatório. e) sistema nervoso ganglionar. 17. (FCC) Se você escavasse a areia da praia e encontrasse um animal segmentado, cuja cabeça tivesse tentáculos e cujos anéis apresentassem cerdas e brânquias, diria tratar-se de um: a) asquelminto b) poliqueto c) oligoqueto d) hirudíneo e) platelminto 18. (UNIFICADO-95) Critérios anatômicos, fisiológios e embrionários servem também de base para estabelecer o grau de parentesco entre os seres e conseqüentemente, sua origem evolutiva. Sendo assim, permitem seu enquadramento nas categorias taxonômicas. Assinale a opção que NÃO apresenta uma justificativa correta no enquadramento dos Anelídeos como seres mais evoluídos que os Cnidários. a) O sistema circulatório nos Anelídeos é fechado, enquanto que os Cnidários são desprovidos desse sistema. b) Anelídeos apresentam respiração cutânea indireta (com auxílio de sangue), já nos Cnidários, as trocas gasosas se realizam por difusão. c) Anelídeos são animais triblásticos, enquanto que Cnidários são diblásticos. d) Presença de tubo digestivo completo em Anelídeos e incompleto em Cnidários. e) Presença de sistema nervoso difuso nos Anelídeos, e ganglionar nos Cnidários 19. (UFJF-MG) Animais aquáticos ou terrestres, segmentados, sugadores de sangue, com ventosas nas extremidades do corpo. Tais caracteres referem-se a: a) Platyhelminthes = Turbellaria (planárias). b) Anellida = Oligochaeta (minhocas). c) Anellida = Hirudinea (sanguessugas). d) Artropoda = Insecta (barbeiro). e) Echinodermata = Asteroidea (estrela-do-mar).

a) Mollusca; Gastropoda b) Mollusca; Cephalopoda. c) Mollusca; Bivalvia. d) Gastropoda; Mollusca. e) Equinoderma; Gastropoda. 4. (PUC-RS) Quem fala que um dado animal apresenta a cavidade do manto muito vascularizada e servindo de um "pulmão", está-se referindo a um: a) molusco. b) equinoderma. c) crustáceo. d) anelídeo. e) aracnídeo. 5. (Unesp-SP) Lula, ostra, mexilhão e polvo têm em comum: a) sistema nervoso formado por grande massa ganglionar cerebral. b) concha externa. c) estômago com grande ceco. d) cromatóforos. e) respiração branquial. 6. (UFPA) Moluscos planorbídeos (BiomphaIaria glabrata) servem como hospedeiros intermediários na transmissão do(a): a) amarelão. b) cisticercose. c) filariose. d) wuquererose. e) esquistossomose. 7. (UERS) O celoma é a cavidade delimitada diretamente: a) apenas pelo endoderma. b) pelo ectoderma e mesoderma. c) apenas pelo mesoderma. d) pelo endoderma e mesoderma. e) apenas pelo ectoderma. 8. (UERS) As pérolas que se formam dentro dos moluscos bivalvos originam-se de: a) partículas ingeridas e não-digeridas pelos moluscos marinhos. b) tumores benignos que crescem após mutações induzidas por radiações. c) gânglios linfáticos que secretam anticorpos sob a camada nacarada da concha. d) pequenos corpos estranhos que se alojam entre o manto e a concha. e) cristais de carbonato que se depositam sob o periostraco dos gastrópodos. 9. (U. F. Uberlândia-MG) A produção de pérolas requer a introdução artificial de pequenas partículas estranhas no manto. Este circunda o corpo estranho e secreta camadas sucessivas de nácar sobre ele. Os animais são mantidos em cativeiro por muitos anos até que as pérolas sejam formadas. Os animais utilizados nesse processo pertencem, respectivamente, ao filo e à classe: a) Mollusca e Gastropoda. b) Arthropoda e Crustacea. c) Arthropoda e Insecta. d) Mollusca e Cephalopoda. e) Mollusca e Pelecypoda. 10. (FCC-Londrina-PR) Qual dos seguintes animais está filogeneticamente mais relacionado à lula? a) Caramujo. b) Lombriga. c) Planária. d) Minhoca. e) Tatuzinho. 11. (UFGO) Todas as caracteristicas abaixo pertencem ao filo Mollusca, exceto: a) presença de brânquias. b) presença de concha externa. c) presença de rádula. d) presença de manto. e) ausência de celoma. 12. (PUC/Campinas-SP) A rádula é um órgão ralador dos alimentos nos moluscos. Está ausente nos representantes da classe: a) Amphineura. b) Gastropoda. c) Cephalopoda. d) Pelecypoda.

Parte VI: Moluscos
1. (FMU-FIAM-FAAM-SP) São características dos moluscos: a) endoesqueleto calcário (concha), dois folhetos embrionários e celoma. b) endoesqueleto calcário (concha), três folhetos embrionários e sistema circulatório aberto. c) exoesqueleto calcário (concha), três folhetos embrionários e sistema circulatório fechado. d) exoesqueleto calcário (concha), sistema circulatório aberto e celoma. e) exoesqueleto calcário (concha), pseudoceloma e rádula. 2. (USU-RJ) Dentro do Filo Mollusca encontramos diversos indivíduos, distribuídos em seis classes. Identifique nas alternativas abaixo quais os animais citados que possuem as seguintes características: corpo com cabeça diferenciada; um ou dois pares de tentáculos cefálicos; pé em forma de sola musculosa; geralmente com concha espiralada; encontrado em todos os habitats. a) polvo e lula b) mexilhão e ostra c) sernambi e sururu d) nautílus e argonauta e) lesma e caramujo 3. (Unisinos-RS) A área de Zoologia da UNISINOS iniciou estudos sobre a criação comercial de caramujos do gênero HeIix, que é componente de um prato muito famoso, o "escargot". Este animal possui corpo mole, com concha externa univalve, produzida por dobra da epiderme denominada manto; corpo dividido em cabeça - com estruturas sensoriais bem desenvolvidas (olhos e tentáculos) e com estrutura raspadora denominada rádula na região bucal - massa visceral e pé. Tal animal pertence ao filo ______ e à classe ________. As lacunas são corretamente preenchidas, respectivamente, por:

7

e) Scaphopoda. 13. (PUC-MG) Os moluscos que apresentam a cavidade paleal adaptada à respiração aérea são os: a) polvos. b) ostras. c) aranhas. d) caracóis. e) mexilhões. 14. (Vunesp) Trocófora e véliger são dois tipos de larvas de: a) anelídeos. b) moluscos. c) equinodermos. d) insetos. e) cnidários. 15. (FMABC) Qual grupo de invertebrados, dentre os seguintes citados, apresenta o sistema nervoso mais próximo dos vertebrados quanto à organização e funcionamento? a) anelídeos b) aracnídeos d) crustáceos c) cefalópodos e) insetos 16. (UFGO) Com relação aos Moluscos Gastrópodos, pode-se afirmar que apresentam: I - Corpo mole, não metamerizado; a maioria das espécies é provida de concha de carbonato de cálcio e sistema sangüíneo aberto. II - Corpo não-segmentado, coberto por uma concha e sistema sangüíneo fechado. III - Corpo mole, sustentado por um endoesqueleto ou exoesqueleto, e sistema sangüíneo aberto. IV - Corpo mole, metamerizado, todas as espécies providas de concha de carbonato de cálcio e sistema sangüíneo aberto. Na questão acima, assinale: a) se apenas as afirmativas III e IV forem corretas. b) se apenas as afirmativas I e II forem corretas. c) se apenas as afirmativas II e IV forem corretas. d) se apenas as afirmativas I e III forem corretas. e) se apenas a afirmativa I for correta. 17. (Unitau-SP) As "conchas" revestem-se de grande importância porque são utilizadas: 1 - pelos moluscos, como elemento de defesa contra os inimigos. 2 - nos estudos de filogenia, através dos fósseis. 3 - como matéria-prima, na obtenção de calcário. 4 - como proteção, pelos próprios moluscos, contra a perda de água por evaporação. 5 - nos estudos da classificação dos moluscos. 6 - nos estudos arqueológicos, através dos grandes acúmulos das mesmas (sambaquis) deixados por populações primitivas. Assinale: a) se apenas uma estiver correta. b) se apenas duas estiverem corretas. c) se apenas três estiverem corretas. d) se todas estiverem corretas. e) se apenas cinco estiverem corretas.

e) Os tentáculos e olhos dos Gastropoda têm função sensorial.

Parte VII: Artrópodes
1. (Unifor-CE) São artrópodes: a) mosca, aranha, centopéia, sanguessuga. b) lagosta, borboleta, escorpião, carrapato. c) carrapato, minhoca, pulga, piolho. d) camarão, pulga, gafanhoto, sanguessuga. e) besouro, aranha, gongolô, solitária. 2. (Fuvest-SP) Os artrópodes apresentam, entre outras características, pernas articuladas. Entre eles, os que têm o corpo dividido em cabeça, tórax e abdome, e três pares de pernas são os: a) crustáceos. b) miriápodes. c) aracnídeos. d) insetos. e) escorpiôes. 3. (Vunesp-SP) O sistema circulatório dos insetos não permite rápida circulação do sangue, mas esses animais podem conseguir grandes quantidades de energia rapidamente, porque: a) são anaeróbicos. b) contêm pigmentos exclusivos para o transporte de oxigênio. c) só armazenam alimentos na forma de carboidratos. d) as lacunas do seu sistema circulatório armazenam ar. e) suas células não dependem do sangue para receber oxigênio. 4. (Med. Santo Amaro-SP) A excreçáo nos insetos é efetuada através de: a) nefrídios. b) tubo de Malpighi. c) células-flama. d) rins. e) bexiga. 5. (FISS-Ri) O crescimento é uma das características mais marcantes dos seres vivos, já que os descendentes resultantes do processo de reprodução são, via de regra, menores do que os organismos geradores. A velocidade do crescimento varia, no entanto, com o grupo considerado. Entre os gráficos abaixo existe um que expressa especificamente as características do crescimento entre artrópodes. Assinale-o: a) d)

b)

e)

c) 18. (Unífor-CE) No processo reprodutivo do caracol de jardim, dois indivíduos se aproximam e unem seus poros genitais situados próximos à cabeça havendo uma troca recíproca de espermatozóides. Qual a alternativa da tabela abaixo que está de acordo com esse relato?
Reprodução assexuada sexuada Indivíduos monóicos dióicos Fecundação externa interna

a) b) c) d) e)

X X X X X X X

X X X

X X X X X 6. (UFMG) Todas as afirmativas sobre o filo Artrópode estão corretas, exceto: a) O exoesqueleto quitinoso favoreceu seu sucesso evolutivo. b) A excreção se faz por túbulos de Malpighi ou glândulas especiais. c) Formas parasitas são encontradas em diversas de suas classes. d) O sistema nervoso é dorsal, com gânglios cefálicos. e) A circulação é aberta contendo, ou não, no sangue, pigmentos respiratórios. 7. (PUCC-SP) Um animal que apresenta o corpo formado por cefalotórax e abdome, recoberto de quitina e destituído de antenas é um: a) quilópode. d) crustáceo.

19. Assinale a afirmativa falsa: a) O opérculo é uma estrutura que ocorre na classe Gastropoda, tendo função de proteção ao animal quando quando ele está totalmente no interior da concha. b) Os Bivalva são moluscos que possuem uma concha com duas valvas e não possuem cabeça diferenciada. c) Os Bivalva possuem rádula. d) A locomoção dos Cephalopoda pode ser feita por jato-propulsão.

8

b) aracnídeo. c) inseto.

e) anelídeo.

e) insetos. 16. (FURRN) A alternativa incorreta é:

8. (Fuvest-SP) O que é que a minhoca tem, e a mosca também? a) sistema circulatório fechado b) metameria c) respiração cutânea d) hermafroditismo e) desenvolvimento direto

9. (Unesp-SP) Analise os itens abaixo, identificando em qual está relacionado um filo com um animal seu representante:

a) Os crustáceos apresentam 2 pares de antenas. b) Os quilópodes têm o corpo formado pela cabeça e vários segmentos corporais; apresentam um par de patas por segmento. c) Os diplópodes apresentam o corpo formado de cabeça e vários segmentos corporais; cada segmento contém 2 pares de patas. d) Os aracnídeos não possuem antenas. e) Os insetos têm o corpo dividido em cefalotórax e abdome. 17. (UFGO) No quadro a seguir, cada coluna se refere a características de uma classe de artrópode.

FI L O
I. Porifera II. Coelenterata III. Arthropoda A alternativa verdadeira é: a) somente I é correta. b) somente I e II são corretas. c) somente II e III são corretas. d) somente I e III são corretas. e) I, II e III são corretas.

ANIMAL
pólipos medusas caranguejo

Antenas I II III Um par Dois pares Ausente

10. (Vunesp-SP) Um par de antenas, dois pares de antenas e ausência de antenas são características, respectivamente, dos seguintes grupos de artrópodes: a) insetos, aracnídeos e crustáceos. b) crustáceos, insetos e aracnídeos. c) aracnídeos, crustáceos e insetos. d) insetos, crustáceos e aracnídeos. e) aracnídeos, insetos e crustáceos. 11. (Fac. lbero-Americana-SP) Em crustáceos, os resíduos orgânicos do sangue das cavidades do corpo são retirados e excretados por estruturas denominadas: a) túbulos de Malpighi. b) glândulas verdes. c) protonefrídios. d) células-flama. e) glândulas coxais. 12. (Unimep-SP) Dos artrópodes relacionados a seguir, assinale a alternativa que apresenta exemplos apenas de crustáceos: a) Aranha, camarão, barata e centopéia. b) Camarão, lagosta, siri e caranguejo. c) Escorpião, siri, mosquito e estrela-do-mar. d) Caranguejo, besouro, carrapato e gafanhoto. e) Nenhuma das alternativas anteriores. 13. (UFMG) "Agosto e setembro são os meses em que mais aparecem escorpiões, pois é justamente nesses meses que eles têm seu período de reprodução. O inseto se refugia nos mais diferentes lugares, como amontoados de madeira, pedras, entulhos, fendas na parede ou atrás de móveis. Diariamente, pelo menos uma pessoa picada por escorpião é atendida no Centro de Toxologia do hospital João XXIII." (Estado de Minas, 17/08/1990 Essa matéria sobre o escorpião incorre em erro ao: a) descrever seu comportamento. b) indicar seu hábitat. c) indicar seu período de reprodução. d) referir-se à sua classificação taxonômica. e) referir-se à sua nocividade. 14. (Fuvest-SP) Um invertebrado cujo corpo é constituído por cefalotórax e abdome, que não possui antenas, dotado de quatro pares de patas locomotoras e um par de quelíceras é um: a)crustáceo. b) inseto. c) aracnídeo. d) diplóide. e) quilópode. 15. (UFPA) "... tropeço em uma pedra, escavo a cavidade descoberta e uma aranha imensa de pêlo vermelho me olha fixamente, imóvel, grande como caranguejo... Um besouro dourado me lança sua emanação mefítica enquanto desaparece como um relâmpago seu radiante arco-íris..." Nesse trecho Neruda não cita animais do grupo dos: a) crustáceos. b) coleópteros. c) aracnídeos. d) diplópodos.

Divisão do corpo Cabeça, tórax e abdomem Cefalotórax e abdomem Cefalotórax e abdomem

Desenvolvimento Indireto Indireto Direto

Habitat Terrestre Aquático Terrestre

Assinale a alternativa que indica a ordem correta das colunas: a) I - crustáceo; II - inseto; III - aracnídeo. b) l - inseto; II - aracnídeo; III - crustáceo. c) I - inseto; II - crustáceo; III - aracnídeo. d) I - aracnídeo; II - crustáceo; III - inseto. e) I crustáceo; II - aracnídeo; III - inseto. 18. (CESGRANRIO-RJ) Abaixo estão desenhados cinco animais do Filo Arthropoda. Assinale a opção que indica corretamente, na seqüência de I a V, as Classes a que pertencem esses animais.

a) Diplopoda, Crustacea, Arachnida, Insecta, Chilopoda. b) Chilopoda, Diplopoda, Arachnida, Insecta, Crustacea. c) Arachnida, Crustacea, Insecta, Diplopoda, Chilopoda. d) Crustacea, Insecta, Diplopoda, Chilopoda, Arachnida. e) Insecta, Arachnida, Crustacea, Chilopoda, Diplopoda. 19. (UNITAU-SP) Não é característica dos crustáceos: a) apresentarem simetria bilateral. b) serem triblásticos. c) terem segmentação metamérica. d) possuírem respiração por brânquias. e) serem pseudocelomados. 20. (MACK-SP) Num jantar, havia camarão, lagosta, ostra, lula e pedaços de polvo. Essa refeição continha, portanto: a) somente moluscos. b) somente crustáceos. c) somente peixes e crustáceos. d) somente crustáceos e moluscos. e) crustáceos, moluscos e peixes.

Parte VIII: Equinodermas
1. (PUC-MG) Os equinodermos, à primeira vista, estão mais relacionados com os invertebrados inferiores. No entanto estão, evolutivamente, relacionados aos cordados porque: a) são deuterostômios. b) são diblásticos celomados. c) a epiderme é monoestratificada. d) o sistema digestivo é completo. e) possuem sistema ambulacral. 2. (UEPG-PR) Lanterna-de-aristóteles, espongiocele e manto ocorrem, respectivamente, em: a) equinodermos, poríferos e moluscos. b) poríferos, equinodermos e celenterados.

9

c) moluscos, poríferos e artrópodes. d) cnidários, equinodermos e insetos. e) aracnídeos, platelmintos e moluscos. 3. (UERJ) Quem sou eu? 1. Sou celomado, tenho exoesqueleto quitinoso e 8 patas. 2. Sou acelomado, prefiro ambientes pouco iluminados e excreto por células-flama. 3. Sou celomado, deuterostômio e respiro por brânquias. A alternativa em que os animais estão apresentados na ordem das características acima é: a) Aranha, pIanária e ouriço-do-mar. b) Planária, ouriço-do-mar e aranha. c) Ouriço-do-mar, planária e aranha. d) Aranha, ouriço-do-mar e planária. 4. (UFMG) Alunos de uma escola de Belo Horizonte realizaram uma coleta de seres vivos nas águas do Córrego da Ressaca. Ao fazerem o relatório, citaram a ocorrência de alguns grupos de organismos. Todas as alternativas apresentam classificação possível, exceto. a) Algas e crustáceos. b) Bactérias e fungos. c) Equinodermas e poliquetas. d) Insetos e anelídeos. e) Moluscos e platelmintos. 5. UFSCar-SP) Assinale a única afirmativa correta: a) Os únicos animais com sistema ambulacrário são os moluscos. b) Nos equinodermos, ocorre endoesqueleto calcário; nos artrópodes, exoesqueleto quitinoso. c) Entre os invertebrados, há muito mais moluscos do que artrópodes. d) Bivalves, cefalópodes e gastrópodes são classes de equinodermos. e) Tanto os artrópodes como os equinodermos e moluscos apresentam patas articuladas. 6. (PUC-PR) A presença do sistema ambulacral aqüifero é característica exclusiva de: a) Crustacea. b) Annelida Polychaeta. c) Mollusca Gastropoda. d) Insecta de vida aquática. e) Echinodermata. 7. (UNIRIO-RJ) Os desenhos abaixo exemplificam diferentes filos animais. Fazem parte de filos exclusivamente marinhos os animais: a) 1 e 3. b) 1 e 5. c) 2 e 4. d) 2 e 5. e) 3 e 4.

Considerando essas características, Cláudio concluiu: 1. O animal 1 pode ser um anelídeo ou um artrópode. 2. O animal 2 pode ser um equinodermo ou um celenterado. 3. O animal 3 só pode ser um inseto. 4. O animal 4 provavelmente é um molusco. Você concorda: a) apenas com uma das conclusões. b) apenas com a 1ª, a 2ª e a 4ª conclusões. c) apenas com a 1ª e a 3ª conclusões. d) apenas com a 2ª e a 4ª conclusões. e) com todas as conclusões. 10. (ENCE-UERJ-Cefet-UFRJ) Estão esquematizados abaixo cinco invertebrados pertencentes a filos diferentes.

Dos invertebrados apresentados, o que tem características evolutivas, observáveis durante o desenvolvimento embrionário, que lhe conferem maior grau de parentesco com os vertebrados, é o de número: a) I b) II c) III d) IV e) V 11. (UFMG) Observe as figuras:

Com relação aos animais representados, pode-se afirmar que: a) dois deles apresentam túbulos de Malpighi como órgãos de excreção. b) dois deles pertencem a grupos que possuem representantes de transmissores de doenças. c) todos apresentam boca derivada do blastóporo. d) três pertencem ao mesmo filo. e) três são exclusivamente marinhos. 12. (UFPA) Simetria bilateral no embrião e pentarradiada na fase adulta, celoma, esqueleto interno e sistema digestivo completo são características apresentadas pelos: a) equinodermos. b) artrópodos. c) moluscos. d) celenterados. e) poríferos. 13. (UFPR) Nesta questão faz-se referência a vários filos de animais invertebrados. Com base não só em características morfológicas, mas também em sistemática, é correto afirmar que (mais de uma alternativa pode estar correta): 01. O camarão, o caranguejo e o siri são moluscos comestíveis. 02. Os equinodermas são exclusivamente marinhos. 04. Os anelídeos são animais de corpo cilíndrico, não-segmentado. 08. Devido à existência de um exoesqueleto quitinoso, os artrópodes sofrem o fenômeno das mudas ou ecdises durante o seu crescimento. 16. Os insetos pertencem ao filo Arthropoda e são os únicos invertebrados capazes de voar. Assinale a opção que contem a soma dos itens corretos: a) 13 b) 26 c) 4

8. (PUC-RJ) Indique, respectivamente, a que filos pertencem os animais cujas principais características estão relacionadas abaixo: 1. Corpo dividido em cabeça, pé e massa visceral; manto secretor de concha; rádula; habitam ambientes aquáticos (alguns terrestres). 2. Corpo, em geral, com simetria pentarradiada; esqueleto dérmico interno; pés ambulacrais; espinhos; habitam exclusivamente os mares. a) equinoderma; anelídeo b) anelídeo; nematódeo c) molusco; porífero d) celenterado; equinoderma e) molusco; equinoderma 9. (UFU-MG) Cláudio precisava fazer uma coleção de invertebrados e agrupou alguns animais, conforme o quadro abaixo: Animal 1 2 3 4 Característica externa segmentação do corpo simetria radiada presença de 4 asas corpo mole e presença de concha

10

d) 23 e) 18 14. (Funioeste-PR) Assinale a(s) alternativa(s) que associa(m) corretamente o grupo a algumas de suas características: 01. Equinodermas - lanterna-de-aristóteles e madreporito 02. Moluscos - rádula e manto 04. Poríferos - cnidoblastos e nematocistos 08. Celenterados - coanócitos e espículas 16. Anelídeos - clitelo e parapódios 32. Artrópodos - tubos de Malpighi e ecdises 64. Asquelmintos - exoesqueleto quitinoso e células-flama Assinale a opção que contem a soma dos itens corretos: a) 33 b) 48 c) 26 d) 9 e) 51 15. No filo Echinodermata são encontradas as classes Echinoidea, Asteroidea, Crinoidea, Holothuroidea e Ophiuroidea, exemplificadas, respectivamente, por: a) ouriço-do-mar, estrela-do-mar, lírio-do-mar, pepino-do-mar e serpente-do-mar. b) lírio-do-mar, medusa, estrela-do-mar, holotúria e ouriço-do-mar. c) pólipo, medusa, holotúria, pepino-do-mar e caravela. d) embuá, ostra, lírio-do-mar, marisco e pepino-do-mar. e) ouriço-do-mar, estrela-do-mar, serpente-do-mar, pepino-do-mar e lírio-do-mar. 16. (UEPG-PR) A presença de mesogléia, manto, parapódios e sistema ambulacrário é constatada, respectivamente, nos: a) poríferos, cnidários, insetos e anelídeos. b) cnidários, moluscos, anelídeos e equinodermos. c) anelídeos, crustáceos, insetos e poriferos. d) moluscos, equinodermos, aracnídeos e crustáceos. e) equinodermos, moluscos, crustáceos e poríferos. 17. (PUCCAMP-SP) Considere as duas colunas abaixo.: Grupos de invertebrados I - cnidários II - moluscos III - artrópodos IV – equinodermos Características A - presença de exoesqueleto quitinoso B - simetria secundária pentarradiada C - corpo formado basicamente por cabeça, pé e massa visceral D - dois tipos morfológicos de indivíduos: pólipos e medusas

b) planária. c) estrela-do-mar. d) medusa. e) anfioxo. 3. (FESP-PE) Determinados animais constituem tipos de transição entre os invertebrados e os vertebrados. Não possuem esqueleto ósseo e formam notocorda nas fases iniciais do desenvolvimento. Estes animais são: a) pelecípodes. b) tetrápodos. c) quilópodes. d) peixes. e) protocordados. 4. (PUC-PR) O anfioxo é um pequeno animal marinho, translúcido, pertencente ao filo dos cordados, com a forma semelhante á de um peixe, apresentando tubo nervoso e notocorda bem desenvolvida, além de fendas branquiais na faringe. Identifique os órgãos indicados pelos números colocados na figura, associando-os aos nomes relacionados na coluna abaixo. A seguir, assinale a opção que dá a seqüência correta dos números colocados na coluna: ( ( ( ( ) notocorda ) fendas branquiais ) tubo nervoso ) intestino

a) 1, 4, 2, 3. b) 1, 3, 4, 2. c) 4, 1, 3, 2. d) 2, 1, 3, 4. e) 4, 3, 2, 1. 5. (FCMSC-SP) Animais que apresentam, pelo menos na fase larvária, tubo nervoso dorsal e fendas branquiais na faringe são: a) os equinodermos, os protocordados e os vertebrados. b) apenas os protocordados e os vertebrados. c) apenas os vertebrados. d) apenas os protocordados. e) apenas os equinodermos. 6. (UFU-MG) A figura abaixo é uma representação esquemática de um protocordado. A troca de gases nesse animal ocorre na estrutura indicada pelo número:

A alternativa que associa corretamente as duas colunas é: a) b) c) d) e) I A B C D D II B C D A C III C D B B A IV D A A C B

a) 1. b) 2. c) 3. d) 4. e) 5.

18. (UFRS) Um biólogo, em uma coleta marinha, encontrou um animal desconhecido, fixo ao substrato, a 20 m de profundidade. Após observá-lo externamente, constatou a existência de espinhos na superfície corporal, de simetria radial e a presença de boca e ânus em regiões opostas do corpo. A partir disto, ele resolveu identificar tal exemplar em um catálogo de animais marinhos e, para tanto, escolheu o volume referente aos: a) peixes. b) equinodermados. c) crustáceos. d) poríferos. e) celenterados.

7. (Fuvest-SP) No desenvolvimento dos cordados, três caracteres gerais salientam-se, distinguindo-os de outros animais. Assinale a alternativa que inclui esses três caracteres: a) Notocorda, três folhetos germinativos, tubo nervoso dorsal. b) Corpo segmentado, tubo digestivo completo, tubo nervoso dorsal. c) Simetria bilateral, corpo segmentado, notocorda. d) Simetria bilateral, três folhetos germinativos, notocorda. e) Tubo nervoso dorsal, notocorda, fendas branquiais na faringe. 8. (Unimep-SP) Assinale a alternativa em que existem seres não pertencentes ao grupo dos cordados: a) Cobra, salamandra e jacaré. b) Estrela-do-mar, aranha e lagosta. c) Homem, gorila e chimpanzé. d) Tubarão, baleia e leão-marinho. e) Anfioxo, sapo e tartaruga. 9. (U. F. S. Carlos-SP) As ascídias adultas são tunicados típicos. Sobre esses animais, podemos dizer que: a) em hipótese alguma poderão ser classificados como cordados, uma vez que quando adultos não apresentam notocorda. b) são cordados, pois na fase larval apresentam notocorda bem como fendas branquiais e tubo nervoso dorsal. c) a presença de fendas branquiais na faringe não é suficiente para classificá-los como cordados. d) não são cordados, pois nem mesmo na fase larval apresentam notocorda.

Parte IX: Cordados Invertebrados
1. (UFV-MG) Das alternativas abaixo, que característica não é própria dos cordados? a) notocorda b) fendas branquiais c) tubo nervoso ventral d) presença de boca e ânus e) simetria bilateral 2. (Fuvest-SP) Apresenta simetria bilateral, metameria e sistema nervoso dorsal o(a): a) gafanhoto.

11

e) na fase larval possuem, na cauda, um tubo nervoso dorsal bem desenvolvido, o que serviu para confundi-los com cordados verdadeiros. 10. (FAAP-SP) O anfioxo é um: a) hemicordado b) urocordado c) cefalocordado d) tunicado e) peixe primitivo 11. (UNESP-SP) É correto afirmar que são possuidores de notocorda: a) artrópodes e peixes. b) anfíbios e anelídeos. c) aves e crustáceos. d) ciclóstomos e Amphioxus. e) mamíferos e artrópodes.

c) C - C - C - O - O. d) O - C - O - C - O. e) C - O - C - O - C. 8. (UFSCar-SP) Assinale a alternativa que associa corretamente os números às estruturas por eles indicadas no esquema a seguir:

a) 1: opérculo; 4: nadadeira caudal. b) 4: nadadeira anal; 5: linha lateral. c) 5: linha lateral; 2: nadadeira pélvica. d) 3: nadadeira pélvica; 2: nadadeira dorsal. e) 4: nadadeira pélvica; 1: linha lateral. 9. (UFMA) Os animais abaixo relacionados são amniotas. a) peixes e anfíbios b) répteis, aves e mamíferos c) cordados d) somente os mamíferos e) somente os homens 10. (UFPA) Ciclóstomos são parasitas de peixes aos quais se fixam através de uma ventosa, sugando-lhes o sangue até matá-los. Um exemplo típico de ciclóstomos é o (a): a) anfioxo. b) ascídia. c) celacanto. d) lampreia. e) pirambóia. 11. (UFV-MG) Um metazoário com simetria bilateral, celomado e com cordão nervoso dorsal pertence ao Filo: a) Mollusca. b) Annellida. c) Platyhelminthes. d) Chordata. e) Arthropoda. 12. (UFJF-MG) A respeito dos peixes, será correto afirmar que: a) a sua larva denomina-se, primeiramente, girino e, posteriormente, alevino. b) neles, a medula raquiana ou espinhal forma-se a partir da notocorda. c) todas as espécies são dotadas de brânquias. d) nas espécies ditas pulmonadas, a bexiga natatória exerce a função de pulmão, sendo o único órgão respiratório desses animais. e) existem espécies de reprodução sexuada e espécies de reprodução assexuada. 13. (FAFI-BH) A bexiga natatória é um órgão responsável pela manutenção do equilíbrio hidrostático com o meio em: a) carpas. b) jacarés. c) cisnes. d) tubarões. e) marrecos. 14. (PUCCAMP-SP) Considere as seguintes estruturas: I – notocorda II – fendas branquiais Assinale a alternativa da tabela a seguir que indica corretamente a presença dessas estruturas durante o desenvolvimento embrionário dos grupos de animais mencionados. Vertebrados de respiVertebrados de Protocordados ração branquial respiração pulmonar a) I II I e II b) I I e II II c) I e II II I e II d) I e II I e II I e) I e II I e II I e II 15. (Fafeod-MG) Os peixes de nadadeiras lobadas são importantes porque: a) representam a transição entre os Agnatas e os Gnatostomatas. b) foram os primeiros vertebrados a possuírem mandíbulas e esqueleto ósseo. c) deram origem aos vertebrados que marcaram a transição da água

Parte X: Cordados Vertebrados
1. Dentro do Filo Chordata, o tubarão pode ser assim classificado: a) Subfilo Urochordata. b) Subfilo Cephalochordata. c) Subfilo Vertebrata - Classe Cyclostomata. d) Subfilo Vertebrata - Classe Chondrichthyes. e) Subfilo Vertebrata - Classe Osteichthyes. 2. Quanto aos peixes pode-se dizer que: I – Os teleósteos não possuem opérculo. II – O tubarão não possui bexiga natatória. III – As fossas nasais da grande maioria dos peixes não se comunicam com a faringe. a) Todas as frases estão corretas. b) Todas as frases estão erradas. c) Somente as frases II e III estão corretas. d) Somente a frase I está correta. e) Somente as frases I e II estão corretas. 3. (Fuvest-SP) Dos vertebrados abaixo, o único que tem esqueleto cartilaginoso, sem tecido ósseo, é o: a) tubarão. d) jacaré. b) bagre. e) papagaio. c) sapo. 4.(ESAM-RN) Alevino é: a) a forma larvária dos anfíbios. b) um osso da cintura pélvica dos marsupiais. c) a forma larvária dos peixes. d) uma adaptação apresentada pelos organismos planctônicos. e) uma classe de moluscos. 5. (FZL-SP) São todos peixes ósseos, exceto: a) cavalo-marinho, sardinha, corvina. b) cação, bagre, lambari. c) lambari, cavalo-marinho, sardinha. d) tubarão, raia, dourado. e) cação, raia, tubarão. 6. A bexiga natatória, encontrada por exemplo, na sardinha, é um órgão de função predominantemente: a) de reserva alimentar. b) respiratória. c) hidrostática. d) locomotora. e) digestiva. 7. (UFSM-RS - mod.) Coloque, nos parênteses, O ou C conforme a característica seja de osteícties ou condrícties, respectivamente. ( ( ( ( ( ) ausência de opérculo ) intestino com tiflossole ) presença de espiráculo ) nadadeira caudal homocerca ) escamas ciclóides ou ctenóides

A seqüência correta de letras é: a) O - C - C - O - C. b) C - O - O - C - O.

12

para a terra. d) representam a maioria dos peixes atuais marinhos e de água doce. e) sofreram irradiação adaptativa divergente, dando origem aos Condrictios e Osteictios. 16. (UFRS) Os peixes possuem uma circulação simples e completa. Simples porque o sangue passa uma só vez no coração; completa porque o sangue venoso não se mistura com o arterial. Esse tipo de circulação permite concluir que o coração dos peixes possui.. a) uma aurícula e dois ventrículos. b) duas aurículas e um ventrículo. c) duas aurículas e dois ventrículos. d) uma única cavidade. e) uma aurícula e um ventrículo. 17. (UFRN) Na maioria dos peixes ósseos o órgão responsável pela manutenção do equilíbrio hidrostático com o meio é denominado: a) bexiga natatória. b) nadadeira caudal. c) clásper. d) brânquias. e) linha lateral. 18. (CESGRANRIO-RJ) A figura abaixo representa um Cordado. Nela estão assinalados vários dos caracteres do animal, como coração com duas câmaras, encéfalo, cordão nervoso dorsal, notocórdio, fendas branquiais, tubo digestivo com boca e ânus, coluna vertebral e celoma. Os três caracteres mais significativos e que classificam o Filo são indicados pelas letras:

22. (UFGO-GO). Um vertebrado que apresenta como características: - reprodução por fecundação externa; - embrião desenvolvido em ovo sem casca; - presença de coluna vertebral; - temperatura variável com o ambiente; - coração com três câmaras. é classificado como: a) peixe b) mamífero c) anfíbio d) réptil e) ave 23. (Fatec-SP) Assinale a afirmação incorreta: a) As aves são animais homeotermos, como os mamíferos. b) As aves são os únicos animais providos de penas. c) As aves apresentam circulação dupla e coração com quatro cavidades. d) As aves não possuem bexiga urinária e a excreção é rica em ácido úrico (uricotélicos). e) As aves são amniotas e algumas ordens apresentam pulmões do tipo alveolar, como os dos mamíferos. 24. (PUC-MG) São animais pulmonados, do tipo não-alveolar, porém com grande rede de canais para fácil arejamento interno, sendo que esses canais são ligados a sacos aéreos que, por sua vez, terminam no interior de cavidades dos ossos longos. Tal afirmação se aplica a: a) mamíferos. b) anfíbios. c) répteis. d) peixes. e) aves. 25. (FMlt-MG) Escolha a alternativa que traz as palavras que completam corretamente o seguinte trecho: Fechados em suas cascas de ovo, os embriões de ( ... ) e ( ... ) devem "viver" com seus produtos residuais até a época de sair da casca. 0 problema é resolvido pela conversão da amônia em ácido úrico, que é, então, armazenada no(a) ( ... ). a) Répteis e aves, alantóide. b) Répteis e aves, córion. c) Anfíbios e répteis, alantóide. d) Anfíbios e répteis, córion. e) Aves e mamíferos, placenta. 26. (FURRN) O canto das aves é devido à: a) siringe. b) faringe. c) laringe. d) traquéia. e) narinas. 27. (Fuvest-SP) Um grupo de estudantes visitou o jardim zoológico e o professor pediu que classificassem, em suas respectivas ordens, os seguintes mamíferos: anta, paca, tamanduá, macaco e gambá. A classificação correta é, respectivamente: a) ungulado, marsupial, roedor, edentado e roedor. b) ungulado, roedor, edentado, primata e marsupial. c) marsupial, roedor, edentado, primata e ungulado. d) roedor, primata, ungulado, edentado e marsupial. e) roedor, ungulado, marsupial, primata e edentado. 28. (UFMG) Todas as afirmativas sobre os mamíferos citados estão corretas, exceto: a) Os cangurus e gambás têm em comum o fato de seu desenvolvimento fetal terminar fora do útero, no marsúpio. b) Os mamíferos marinhos, como as baleias e golfinhos, e os de água doce, como o boto, têm respiração branquial. c) Os mamíferos monotremados se reproduzem através de ovos. d) Os micos e outros macacos são exemplos de primatas que ocorrem no Brasil. e) Os morcegos são, em sua maioria, insetívoros ou frugívoros, sendo úteis na polinização de certas plantas. 29. (Vunesp-SP) Mamíferos aquáticos, como os cetáceos, possuem um espesso revestimento de tecido adiposo com importante função para: a) facilitar a flutuação.

a) b, c, d. b) a, c, h. c) c, d, f. d) g, f, a. e) e, b, g. 19. (Med. Santo Amaro-SP) Incluímos, entre os Gnathostomata, os Chordata que: a) apresentam um arco inferior ou mandíbula. b) não apresentam um arco inferior ou mandíbula. c) apresentam nadadeiras pares. d) não apresentam nadadeiras pares. e) apresentam mandíbula e somente nadadeiras ímpares. 20. (UFGO) Um vertebrado que apresenta como características reprodução por fecundação externa, embrião desenvolvido em ovo sem casca, presença de coluna vertebral, temperatura variável com o ambiente e coração com três câmaras é classificado como: a) peixe b) mamífero c) anfíbio d) réptil e) ave 21. (U.B-DF). Sobre os mamíferos é certo que: (01) são homeotermos (02) apresentam fecundação e desenvolvimento interno do embrião (04) apresentam comportamento estereotipado, não havendo aprendizado do filhote com os pais (08) são animais essencialmente terrestres (16) o omitorrinco se enquadra entre os mamíferos menos evoluídos e menos típicos. Indique a soma dos números das afirmativas corretas. a) 19 b) 5 c) 10 d) 4 e) 31

13

b) proteção contra predadores. c) evitar perda de calor. d) evitar perda de água. e) moldar o corpo, tornando-o mais hidrodinâmico. 30. (Fuvest-SP) O coração com 4 cavidades pode ser encontrado em: a) Mammalia, Aves, Reptilia, Amphibia. b) Aves e Amphibia. c) Mammalia, Aves e Crocodilia. d) Sauria, Mammalia, Pisces. e) só Mammalia. 31. (UFSC) Pertencem à classe dos mamíferos as ordens: a) pisciformes, galiformes, columbiformes. b) urodelos, anfíbios, galiformes, cetáceos,proboscídeos. c) lacertílios, quelônios, insetívoros, quirópteros, roedores. d) teleósteos, quelônios, galiformes, quírópteros. e) quirópteros, cetáceos, proboscídeos, roedores. 32. (UFRGS-RS). As duas afirmações abaixo referem-se à relação entre as temperaturas do meio e do corpo de animais. I - O aumento da temperatura do meio é usualmente acompanhado por aumento da temperatura do corpo do animal. II - O aumento da temperatura do meio não apresenta nenhum efeito apreciável na temperatura do corpo do animal. O morcego, o lagarto e a traíra relacionam-se, pela ordem, com as afirmações: a) I, lI, II b) lI, I, I c) I, II, I d) II, II, I e) I, I, II 33. (PUC-SP) Observe as figuras abaixo:

a) Edentata, Marsupialia, Rodentia, Cetacea, Proboscidea, Chiroptera e Primates. b) Rodentia, Chiroptera, Primates, Edentata, Marsupialia, Cetacea e Proboscidea. c) Primates, Edentata, Proboscidea, Cetacea, Rodentia, Chiroptera e Marsupialia. d) Marsupialia, Primates, Chiroptera, Proboscidea, Rodentia, Edentata e Cetacea. e) Proboscidea, Cetacea, Marsupialia, Rodentia, Primates, Chiroptera e Edentata. 36. (Fatec-SP) As características numeradas abaixo estão presentes nos animais vertebrados. I. glóbulos vermelhos anucleados lI. reprodução por fecundação externa III. ovos sempre protegidos por casca rígida IV. produção de suor V. presença de placenta VI. coração com um só ventrículo Nos mamíferos, ocorrem apenas: a) I - II - IV. b) I - II - VI. c) I - IV - VI. d) I - IV - V. e) II - IV - V.

Estes seres vivos podem ser identificados, respectivamente, pelas seguintes características: a) excreção por tubos de Malpighi, circulação dupla e incompleta, homeotermia, metamorfose. b) excreção por tubos de Malphighi, metamorfose, circulação dupla e incompleta, homeotermia. c) metamorfose, circulação dupla e incompleta, homeotermia, excreção por tubos de Malpighi. d) metamorfose, horneotermia, circulação dupla e incompleta, excreção por tubos de Malpighi. e) circulação dupla e incompleta, excreção por tubos de Malpighi, horneotermia, metamorfose. 34. (Unifor-CE) Os vertebrados, que apresentam fecundação interna como regra, são os: a) peixes, as aves e os mamíferos. b) anfíbios, os peixes e os mamíferos. c) répteis, os anfíbios e os peixes. d) répteis, as aves e os anfíbios. e) mamíferos, as aves e os répteis. 35. (Cesgranrio-RJ) As figuras abaixo, indicadas por números, ilustram vários tipos de mamíferos. Assinale a opção que indica o grupo a que pertencem as respectivas figuras

37. (UFRO-RO). Qual das alternativas abaixo apresenta exemplos de mamíferos, respectivamente, das ordens dos roedores, carnívoros, quirópteros e desdentados, comuns na nossa fauna? a) capivara - guará - morcego - tatu b) preguiça - morcego - bugio – tamanduá c) preá - jaguatirica - morcego - guará d) zorrilho - capivara - bugio – morcego e) anta - cutia - guará - lontra 38. (PUCRS-RS). A figura a seguir representa parte do sistema respiratório de um cordado. Por suas características estruturais, deve pertencer a: a) um peixe b) uma lampréia c) um anfíbio d) um mamífero e) uma ave

14

GABARITO
Parte I – Poríferos

1- B 11- B 1- E 11- A 111211B D A D

2- B 12- A 2- A 12- B 2- C 12- C 22- C 2A

3- A 13- D 3- B 13- C 3- D 13- E 23- A 3E

4- B 14- A 4- A 14- A 4- D 14- C 24- A 4D

5- C 15- B 5E

6-

D

7-

B

8-

E

9-

D

10-

D

Parte II – Cnidários

6-

C

7-

A

8-

C

9-

C

10-

E

Parte III – Platelmintos

5- D 15- D 25- E 5A

6- B 16- C 26- C 6A

7- B 17- A 27- E 7B

8- C 18- B 28- A 8C

9- C 19- D

1020-

E D

Parte IV – Nematelmintos

Parte V – Anelídeos

1- C 11- D 1- D 11- E 1- B 11- B 1- A 11- B 1- C 11- D 1112131D D A E

2- E 12- C 2- E 12- B 2- D 12- B 2- A 12- A 2E

3- B 13- E 3- A 13- D 3- B 13- D 3- A 13- B 3E

4- B 14- C 4- A 14- B 4- B 14- C 4- C 14- E 4A

5- D 15- C 5- E 15- C 5- A 15- D 5- B 15- A 5B

6- A 16- D 6- E 16- E 6- D 16- E 6- E 16- B 6D

7- D 17- B 7- C 17- D 7- B 17- C 7- B 17- E 7E

8- E 18- E 8- D 18- D 8- B 18- C 8- E 18- B 8B

9- B 19- C 9- E 19- C 9- C 19- E 9E

10-

B

Parte VI – Moluscos

10-

A

Parte VII – Artrópodes

102010-

D D C

Parte VIII – Equinodermas

Parte IX – Cordados Invertebrados

9-

B

10-

C

Parte X – Cordados Vertebrados

2122232-

C C C B

3132333-

A A E A

4142434-

C E E E

5152535-

E C A B

6162636-

C E A B

7172737-

C A B A

8182838-

B B B E

9- B 19- A 29- C

102030-

D C C

15

INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia – Citologia
Parte I: Estrutura da membrana
1) (UFES-ES) O modelo abaixo representa a configuração molecular da membrana celular, segundo Singer e Nicholson. Acerca do modelo proposto, assinale a alternativa incorreta. b) membrana plasmática. c) aparelho de Golgi. d) mitocôndria. e) cloroplasto. 7) (UGF-93) Na maioria das células vegetais, encontram-se pontes citoplasmáticas que estabelecem continuidade entre células adjacentes. Estas pontes são denominadas: a) microtúbulos. b) polissomos. c) desmossomos. d) microvilosidades. e) plasmodesmos. 8) (UNIRIO-95) As células animais apresentam um revestimento externo específico, que facilita sua aderência, assim como reações a partículas estranhas, como, por exemplo, as células de um órgão transplantado. Esse revestimento é denominado: a) membrana celulósica. b) glicocálix. c) microvilosidades. d) interdigitações. e) desmossomos. 9) (UFF-95) Assinale, dentre as estruturas abaixo, aquela que representa EXCEÇÃO à especialização da membrana plasmáica: a) desmossomos. b) pêlos absorventes na raízes dos vegetais. c) microvilosidades intestinais. d) axônio. e) cílios. 10) (PUC-RJ) As células animais diferem das células vegetais porque estas contêm várias estruturas e organelas características. Na lista abaixo, marque a organela ou estrutura comum às células animais e vegetais. a) vacúolo b) parede celular c) cloroplastos d) membrana celular e) centríolo

a) O algarismo 1 assinala a extremidade polar (hidrófila) das moléculas lipídicas. b) O algarismo 2 assinala a extremidade apolar (hidrófoba) das moléculas lipídicas. c) O algarismo 3 assinala uma molécula de proteína. d) O algarismo 4 assinala uma molécula de proteína que faz parte do glicocálix. e) O algarismo 5 assinala uma proteína extrínseca à estrutura da membrana. 2) (USU-RJ) Na mucosa intestinal, as células apresentam grande capacidade de absorção devido à presença de: a) desmossomas b) vesículas fagocitárias c) microvilosidades d) flagelos e) cílios 3) (MOJI-SP) A membrana plasmática, apesar de invisível ao microscópio óptico, está presente: a) em todas as células, seja ela procariótica ou eucariótica. b) apenas nas células animais. c) apenas nas células vegetais. d) apenas nas células dos eucariontes. e) apenas nas células dos procariontes. 4) (UF-AC) Quimicamente, a membrana celular é constituída principalmente por: a) acetonas e ácidos graxos. b) carboidratos e ácidos nucleicos. c) celobiose e aldeídos. d) proteínas e lipídios. e) RNA e DNA. 5) (UFF-94) A membrana plasmática é constituída de uma bicamada de fosfolipídeos, onde estão mergulhadas moléculas de proteínas globulares. As proteínas aí encontradas: a) estão dispostas externamente, formando uma capa que delimita o volume celular e mantém a diferença de composição molecular entre os meios intra e extracelular. b) apresentam disposição fixa, o que possibilita sua ação no transporte de íons e moléculas através da membrana. c) têm movimentação livre no plano da membrana, o que permite atuarem como receptores de sinais. d) dispõem-se na região mais interna, sendo responsáveis pela maior permeabilidade da membrana a moléculas hidrofóbicas. e) localizam-se entre as duas camadas de fosfolipídeos, funcionando como um citoesqueleto, que determina a morfologia celular. 6) (VEST-RIO-92) Os seres vivos, exceto os vírus, apresentam estrutura celular. Entretanto, não há nada que corresponda a uma célula típica, pois, tanto os organismos unicelulares como as células dos vários tecidos dos pluricelulares são muito diferentes entre si. Apesar dessa enorme variedade, todas as células vivas apresentam o seguinte componente: a) retículo endoplasmático.
 

11) (PUC-SP) As microvilosidades presentes nas células do epitélio intestinal têm a função de: a) aumentar a aderência entre uma célula e outra. b) produzir grande quantidade de ATP, necessária ao intenso metabolismo celular. c) sintetizar enzimas digestivas. d) secretar muco. e) aumentar a superfície de absorção. 12) (PUC-SP) Sabe-se que células epiteliais acham-se fortemente unidas, sendo necessária uma força considerável para separá-las. Isto se deve à ação: a) do ATP, que se prende às membranas plasmáticas das células vizinhas. b) da substância intercelular. c) dos desmossomos. d) dos centríolos. e) da parede celular celulósica. 13) O reforço externo da membrana celular nos vegetais é: a) rígido, celulósico e colado à membrana plasmática. b) elástico, celulósico e colado à membrana plasmática. c) rígido, celulósico e capaz de se descolar da membrana plasmática. d) elástico, celulósico e capaz de se destacar da membrana plasmática. e) rígido e de natureza exclusivamente proteica.

Parte II: Fisiologia da Membrana
1) (UF-GO) Quando se coloca uma célula da epiderme inferior da folha de Tradescantia zebrina em uma solução hipertônica, ocor-

re: I- movimento de soluto e de solvente entre as células e a solução externa. II- destruição da célula. III- saída de solvente da célula. IV- plasmólise. Assinale: a) Se apenas as afirmativas III e IV forem corretas. b) Se apenas as afirmativas I e II forem corretas. c) Se apenas as afirmativas II e IV forem corretas. d) Se apenas as afirmativas I e III forem corretas. e) Se apenas a afirmativa I for correta. 2) (UFES-90) As moléculas de glicose atravessam a membrana celular das células intestinais, combinadas com moléculas de proteínas transportadoras denominadas permeases. Esse processo é denominado: a) transporte de massa. b) difusão facilitada. c) endocitose. d) transporte ativo. e) osmose. 3) Todas as células possuem uma membrana plasmática que separa o conteúdo protoplasmático do meio extracelular. A existência e integridade da membrana é importante porque: a) regula trocas entre a célula e o meio só permitindo a passagem de moléculas de fora para dentro da célula e impedindo a passagem no sentido inverso. b) possibilita à célula manter a composição intracelular diversa da do meio ambiente. c) impede a penetração de substâncias existentes em excesso no meio ambiente. d) exige sempre consumo energético para a captação de alimentos do meio externo. e) impede a saída de água do citoplasma. 4) (FUVEST-95) Células vegetais, como as representadas na figura A, foram colocadas em uma determinada solução e, no fim do experimento, tinham aspecto semelhante ao da figura B.

b) a perda de água do corpo do peixe para o meio externo é impedida pela presença de escamas e muco. c) a água do meio externo, menos concentrada, penetra no corpo do peixe que é mais concentrado. d) a água do meio externo, mais concentrada, penetra no corpo do peixe que é menos concentrado. e) o corpo do peixe entra automaticamente em equilíbrio com a água circundante, evitando a entrada ou a saída de água. 7) (CESGRANRIO-83) Certos tipos de moléculas atravessam isoladamente a membrana plasmática e penetram no citoplasma. Também existem processos nos quais grande quantidade de material passa para o interior da célula. Sobre estes últimos, assinale a opção correta. a) A transferência de partículas visíveis, tanto ao microscópio óptico quanto ao eletrônico, para o interior da célula é conhecida pela denominação de micropinocitose. b) Fagocitose é o termo utilizado para definir o englobamento de pequenas quantidades de líquidos pela superfície da célula. c) Na micropinocitose, para o englobamento de partículas ocorrem depressões na membrana plasmática que se transformam em vesículas muito pequenas, visíveis somente ao microscópio eletrônico. d) O englobamento de partículas sólidas visíveis, tanto ao microscópio óptico quanto ao eletrônico, recebe a denominação de pinocitose. e) Em cultura de tecidos, as células demonstram uma intensa atividade de englobamento de partículas sólidas, observáveis somente ao microscópio eletrônico e denominada de fagocitose. 8) (PUC-RJ-95) Três funis, contendo substâncias diferentes, porém em mesmas quantidades, foram colocados em um recipiente com uma determinada solução. Após algum tempo, o nível das substâncias no interior dos funis mostrava-se como no esquema abaixo:

Com base nestes dados, podemos afirmar que a concentração da solução no recipiente é: a) 0,5 % b) 1,0 % c) 1,5 % d) 2,0 % e) 2,5 % 9) (Un. Guarulhos-95) Batatas, antes de serem fritas, são imersas em água com sal durante alguns minutos e depois escorridas em papel absorvente. Além de realçar o sabor, qual o efeito biológico acarretado por essa providência? a) As batatas amolecem tornando-se mais fáceis de mastigar. b) A água com sal hidrata o alimento tornando-o mais volumoso. c) A água lava o alimento e elimina as bactérias alojadas nas células. d) As batatas perdem água, fritam melhor e tornam-se mais crocantes. e) A água acelera os processos mitóticos, aumentando a massa das batatas. 10) (UFRuRJ-95) Células vegetais plasmolisaram-se ao entrar em contato com uma determinada solução. Sobre tal fenômeno pode-se dizer que: a) na plasmólise o soluto move-se do meio hipotônico para o hipertônico. b) células túrgidas plasmolisam-se quando entram em contato com uma solução hipotônica. c) a solução era hipertônica em relação à concentração do suco celular. d) plasmólise é a perda de água pela célula para uma solução hipotônica. e) para ocorrer a deplasmólise é necessário submeter as células a uma solução hipertônica. 11) (FESP-PE) É prática comum temperarmos a salada com sal, pimenta-do-reino, vinagre e azeite. Porém, depois de algum
¡

Comparando as concentrações do interior da célula na situação inicial ( I ), da solução externa ( II ) e do interior da célula na situação final ( III ), podemos dizer que: a) I é maior que II. b) I é maior que III. c) I é menor que II. d) I é igual a III. e) III é maior que II. 5) (UERJ-95) Quando ganhamos flores, se quisermos que elas durem mais tempo, devemos mergulhá-las dentro d’água e cortarmos, em seguida, a ponta da sua haste. Este procedimento é feito com o objetivo de garantir a continuidade da condução da seiva bruta. Tal fenômeno ocorre graças à diferença de osmolaridade entre a planta e o meio onde ela está, que são respectivamente: a) hipotônica e isotônico. b) isotônica e hipotônico. c) hipertônica e isotônico. d) hipotônica e isotônico. e) hipertônica e hipotônico. 6) (Un-BA-90) Um peixe tipicamente marinho é introduzido em um tanque contendo água doce. Analisando o balanço osmótico, podemos dizer que: a) o corpo do peixe perde água para o meio externo.

tempo, observamos que as folhas vão murchando. Isto se explica porque: a) o meio é mais concentrado que as células. b) o meio é menos concentrado que as células. c) o meio apresenta concentração igual à das células do vegetal. d) as células do vegetal ficam túrgidas quando colocadas em meio hipertônico. e) por uma razão diferente das citadas acima. 12) (UFMG-MG) O esquema abaixo representa a concentração + de íons dentro e fora dos glóbulos vermelhos. A entrada de K e + a saída de Na dos glóbulos vermelhos pode ocorrer por:

32. Não apresenta microtúbulos em seu interior. Assinale a opção que contem a soma das afirmações corretas: a) 22 b) 18 c) 15 d) 61 e) 16 2) (PUC-SP) O termo ciclose é empregado para designar: a) movimentos citoplasmáticos que não acarretam alterações da forma celular e que podem arrastar determinadas estruturas e inclusões. b) uma estrutura circular dos cromossomos das bactérias. c) uma série de movimentos circulares de hemáceas em torno de coágulos. d) a formação de anéis nos cromossomos de certas moscas. e) a propriedade dos leucócitos de atravessar paredes de vasos sangüíneos e assim circular por entre os tecidos.

Parte IV: Sistema Reticular
a) transporte passivo. d) difusão. b) plasmólise. e) transporte ativo. c) osmose. 13) (FGV-SP) Fagocitose é: a) englobamento de partículas sólidas grandes pela célula. b) englobamento de partículas líquidas pela célula. c) processo de formação de membranas. d) um tipo de exocitose. e) um mecanismo de difusão por membranas. 14) (UFGO-GO) A incorporação de gotículas no citoplasma, por invaginação da membrana plasmática, formando vesículas, denomina-se: a) fagocitose. b) clasmocitose. c) endocitose. d) pinocitose. e) plasmólise. 1) (UF-SE) Considere as seguintes estruturas celulares: I- retículo endoplasmático. II- complexo de Golgi. III- grânulos de secreção. A seqüência de estruturas em que seria encontrado um aminoácido radioativo, desde a entrada até sua saída da célula, é, respectivamente: a) III, II, I b) II, I , III c) III, I, II d) I, II, III e) II, III, I 2) (PUC-RJ) Um material sintetizado por uma célula é "empacotado" para ser secretado para o meio externo no: a) retículo endoplasmático d) nucléolo b) complexo de Golgi e)vacúolo secretor c) lisossomo 3) (UFRS) Além de armazenar secreções, como o suco pancreático, essa organela pode sintetizar polissacarídios, como os que compoõem o muco intestinal, no homem. A organela a que se refere o texto acima é o: a) ribossomo b) ergastoplasma c) retículo endoplasmático d) condrioma e) complexo de Golgi 4) (UNESP-91) A célula é um estrutura que realiza suas várias funções de uma maneira dinâmica. a) Em 1 a solução é isotônica em relação à hemácia; em 2 a solucão é hipertônica em relação à hemácia e em 3 a solução é hipotônica à hemácia. b) As hemácias em 1 sofreram alteração de volume, porém em 2 ocorreu plasmólise e em 3 turgência. c) Considerando a concentração isotônica de NaCl = 0,9 %, a solução 2 certamente possui uma concentração de NaCl inferior a 0,9 % e a solução 3, uma concentraçõ de NaCl superior a 0,9 %. d) As hemácias do tubo 2 sofreram perda de água para a solução, enquanto as do tubo 3 aumentaram seu volume, depositando-se no fundo. e) A plasmólise sofrida pelas hemácias do tubo 2 ocorreu em razão da perda de NaCl para o meio.

15) (CESGRANRIO-RJ) No desenho abaixo, observamos três tubos de ensaio contendo soluções de diferentes concentrações de NaCl e as modificações sofridas pelas hemácias presentes em seu interior. Em relação a este desenho, assinale a alternativa correta:

Parte III: Citoplasma
1) (USC-94) O citoplasma de uma célula eucariótica está compreendido no espaço entre as membranas nuclear e citoplasmática. Sobre esse componente celular, é CORRETO afirmar: 01. É uma mistura complexa de substâncias orgânicas e inorgânicas. 02. Ao microscópio eletrônico, apresenta-se heterogêneo. 04. Existem, em seu interior, várias organelas que desempenham funções definidas. 08. Pode-se observar facilmente o seu movimento de ciclose em células vegetais. 16. Todas as organelas citoplasmáticas são comuns a todas as células de todos os grupos de seres vivos.
¢

O esquema acima, de uma célula em atividade, só NÃO mostra a: a) correlação funcional existente entre organelas celulares. b) captura de substâncias pela célula num processo denominado endocitose. c) circulação de substâncias por vesículas membranosas da célula. d) liberação de excreção lipídica para o meio extracelular onde vão atuar. e) produção, armazenagem e atuação de enzimas digestivas. 5) (UGF-93) O aspecto comum do Complexo de Golgi em células animais, deduzido através de observações ao microscópio eletrônico, é de:

a) vesículas formadas por membrana dupla, a interna sem granulações e com dobras voltadas para o interior. b) vesículas formadas por membrana dupla em que a membrana interna, granulosa, emite prolongamentos em forma de dobras para o interior. c) membranas formando tubos anastomosados com dilatações em forma de discos. d) membranas lisas delimitando vesículas e sacos achatados que se dispõem paralelamente. e) membranas granulosas delimitando vesículas e sacos achatados que se dispõem paralelamente. 6) (U. LONDRINA) Os grânulos que, ao microscópio eletrônico, são vistos sobre o retículo endoplasmático são os: a) ribossomos. b) mitocôndrios. c) citocromos. d) corpúsculos de Golgi. e) vacúolos de pinocitose. 7) (UECE) O ergastoplasma é a região formada por cavidades tubulares, em cuja periferia situam-se numerosos ribossomos, constituindo local de: a) circulação celular b) digestão proteica c) síntese proteica d) respiração celular e) sintese de lipídios

a) do conjunto de lisossomos, acrossoma. b) da membrana nuclear, peroxissomo. c) do complexo de Golgi, acrossomo. d) das mitocôndrias, condrioma. e) do complexo de Golgi, ergastoplasma.

Parte V: Lissosomos e Peroxissomos
1) (UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA-90) Para que ocorra a digestão no interior de uma ameba, é necessário que os fagossomos fundam-se a: a) lisossomos. b) mitocôndrias. c) ribossomos. d) cinetossomos. e) desmossomos. 2) (UNI-RIO-92) A utilização racional da radioatividade em vários campos da pesquisa tem permitido a compreensão de fenômenos importantes. Por exemplo, é possível fornecer a uma cultura de células aminoácidos marcados com isótopos radioativos e, através de técnicas especiais, acompanhar seu trajeto na célula. Se isto for feito com um aminoácido que entra na composição das enzimas digestivas de um macrófago, em que organela citoplasmática haverá maior concentração deste aminoácido? a) Mitocôndria. b) Ribossoma. c) Retículo endoplasmático liso. d) Lisossoma. e) Aparelho de Golgi. 3) (ASSOCIADO-91) Durante a metamorfose dos anfíbios, a cauda desaparece ao mesmo tempo em que os seus constituintes celulares são digeridos e seus produtos são utilizados no desenvolvimento do animal. A organela que participa ativamente deste processo é: a) o lisossoma. b) o peroxissoma. c) a mitocôndria. d) o plasto. e) o centríolo. 4) (PUC-RS) A inativação de todos os lisossomos de uma célula afetaria diretamente a: a) síntese proteica. b) digestão intracelular. c) síntese de aminoácidos. d) circulação celular. e) secreção celular. 5) (UFSE) Qual a alternativa da tabela abaixo cujos termos preenchem corretamente a frase seguinte? “Os lisossomos têm como função I e são produzidos na organela chamada II .” I síntese de proteínas síntese de açúcares digestão intracelular síntese de proteínas digestão intracelular II cloroplasto cloroplasto retículo endoplasmático retículo endoplasmático complexo de Golgi

8) (UFRN) Uma célula animal que sintetiza, armazena e secreta enzimas, deverá ter bastante desenvolvidos o: a) retículo endoplasmático granular e o complexo de Golgi. b) retículo endoplasmático agranular e o complexo de Golgi. c) retículo endoplasmático granular e os lisossomos. d) complexo de Golgi e os lisossomos. e) complexo de Golgi e o condrioma. 9) (PUC-SP) A estrutura representada no desenho abaixo é:

a) o complexo de Golgi, corpúsculo rico em ácidos nucleicos, presente no núcleo de células secretoras. b) o complexo de Golgi, responsável pela síntese de enzimas da cadeia respiratória, presente no citoplasma de vegetais inferiores. c) a mitocôndria, orgânulo responsável pela respiração celular. d) o complexo de Golgi, que tem por função armazenar substâncias a serem secretadas pela célula. e) a mitocôndria, orgânulo rico em DNA, RNA e enzimas, preente tanto no núcleo como no citoplasma das células secretoras. 10) (UFCE) A síntese de lipídios ocorre no: a) nucléolo. d) retículo endoplasmático liso. b) citosol. e) retículo endoplasmáico rugoso. c) citoesqueleto. 11) (PUC-RJ) A síntese de proteínas para exportação em eucariontes acontece principalmente ao nível de: a) envoltório nuclear. b) ribossomos nucleares. c) membranas do complexo de Golgi. d) membranas do retículo endoplasmático rugoso. e) membranas do retículo endoplasmático liso. 12) (PUC-RS) “Na célula nervosa, ao contrário do corpo celular, o axônio não apresenta substância de Golgi nem retículo endoplasmático rugoso. Além disso há pouquíssimos ribossomos no axônio.” O texto acima permite deduzir que o axônio é uma região do neurônio que: a) apresenta intensa síntese de lipídios. b) dispõe de numerosos grânulos glicídicos. c) provavelmente é inativa para síntese proteica. d) apresenta uma intensa síntese de hormônios. e) provavelmente é muito ativa para síntese proteica. 13) (PUC-SP) A estrutura apontada pela seta 1 é derivada do(da) e chama-se, respectivamente:

a) b) c) d) e)

6) (PUC-SP) Considere os seguintes eventos: I- Fusão do fagossomo com lisossomo. II- Atuação das enzimas digestivas. III- Clasmocitose. IV- Formação do fagossomo. A seqüência correta em que esses eventos ocorrem no processo de englobamento e digestão intracelular de partículas em uma célula é: a) I - II - III - IV b) II - I - III - IV c) III - I - IV - II d) IV - I - II - III e) II - III - I - IV

7) (FATEC-SP) O esquema a seguir representa basicamente o processo da digestão intracelular. As estruturas numeradas 1, 2,
£

e 3 representam, respectivamente:

b) destruição da membrana do número 1. c) não formação do número 2. d) fusão dos números 4 e 5. e) rompimento da membrana do número 4. 15) (Mackenzie-SP) Considere as seguintes funções atribuídas a uma organela celular: I- Armazenamento de substâncias. II- Secreção celular. III- Formação de lisossomas. Esta organela é: a) plasto. b) mitocôndria. c) complexo golgiense. d) retículo endoplasmático. e) vacúolo.

a) ergastoplasma, fagossomo e vacúolo digestivo. b) retículo endoplasmático liso, complexo de Golgi e vacúolo digestivo. c) retículo endoplasmático liso, ergastoplasma e complexo de Golgi. d) ribossomos, ergastoplasma e fagossomo. e) ergastoplasma, complexo de Golgi e vacúolo digestivo.

Parte VI: Cloroplastos e Mitocôndrias
1) (CESGRANRIO-91) Assinale a afirmativa correta sobre a maneira como os seres vivos retiram a energia da glicose. a) O organismo, como precisa de energia rapidamente e a todo tempo, faz a combustão da glicose em contato direto com o oxigênio. b) Como a obtenção de energia não é sempre imediata, ela só é obtida quando a glicose reage com o oxigênio nas mitocôndrias. c) A energia, por ser vital para a célula, é obtida antes mesmo de a glicose entrar nas mitocôndrias usando o oxigênio no citoplasma, com liberação de duas (02) moléculas de ATP (glicólise). d) A energia da molécula de glicose é obtida através da oxidação dessa substância pela retirada de hidrogênios presos ao carbono (desidrogenações), que ocorre a nível de citoplasma e mitocôndrias. e) A obtenção de moléculas de ATP é feita por enzimas chamadas desidrogenases (NAD) depois que a molécula de oxigênio quebra a glicose parcialmente no hialoplasma (glicólise). 2) (PUCCAMP) As mitocôndrias se originam a partir a) dos centríolos. b) do retículo endoplasmático rugoso. c) do retículo endoplasmático liso d) do complexo de Golgi. e) de mitocôndrias pré-existentes. 3) (PUC-RJ-95) Células do fígado possuem até duas mil mitocôndrias, ocupando cerca de 1/5 do seu volume. O número alto de mitocôndrias nestas células pode ser explicado porque as células hepáticas: a) são maiores que as demais células do corpo. b) apresentam respiração aeróbica. c) têm grande atividade metabólica. d) têm volume citoplasmático maior que o nuclear. e) produzem enzimas digestivas em grande quantidade. 4) (PUC-RS) “O microscópio eletrônico permite constatar a presença de duas membranas, a externa que é lisa e a interna com invaginações que se apresentam sob a forma de cristas ou de túbulos. No interior, formando uma espécie de recheio, encontrase uma substância chamada matriz, muito rica em proteínas”. O texto acima descreva a estrutura típica de: a) ribossomo b) mitocôndria c) peroxissomo d) lisossomo e) vacúolo

8) (UFRS) A organela celular que atua na regressão da cauda dos girinos, durante a sua metamorfose, denomina-se: a) complexo de Golgi d) lisossomo b) condrioma e) flagelo c) ergastoplasma 9) O processo de regressão da cauda dos girinos, durante sua metamorfose denomina-se: a) autofagia b) autólise c) autotrofia d) hidrólise e) citose

10) (FCMSC-SP) Nas células, a destruição de organelas é função das organelas chamadas: a) lisossomos. b) mitocôndrias. c) centro celular d) complexo de Golgi e) retículo endoplasmático

11) O processo de destruição de organelas no interior das células é um processo chamado: a) autofagia b) autólise c) autotrofia d) hidrólise e) citose

12) (PUC-RS) Certos tipos de leucócitos são atraídos pelas bactérias invasoras, sofrem mudançãs em sua forma e englobam essas bactérias as quais destroem por ação degradativa de enzimas. Esse fenômeno, chamado fagocitose, somente se completará permitindo a digestão do material englobado, desde que o vacúolo formado se una à organela celular denominada: a) ribossomo b) microtúbulo c) lisossomo d) microfilamento e) peroxissomo

13) (Mackenzie -SP) Considere as seguintes funções atribuídas a uma organela celular: I- Vesícula com enzimas. II- Realiza digestão de materiais endógenos e exógenos III- Forma-se a partir do complexo de Golgi. Esta organela é designada: a) lisossomo b) mitocôndria c) dictiossomo d) plasto e) ribossomo

14) (U.C.MG) De acordo com o esquema a seguir, na autólise ocorre:

5) (U.VAle dos Sinos-RS) Ao analisar os tecidos conjuntivo e muscular, nota-se que esta organela celular existe em maior número nas células musculares; isto é devido à maior necessidade de que estas células apresentam para manter seu metabolismo que é mais acelerado. A lacuna é corretamente preenchida por: a) síntese proteica d) síntese glicídica b) síntese de enzimas e) síntese de ATP c) síntese lipídica 6) (MOJI-SP) A liberação de O2 e a fixação de CO2 realizadas pelas plantas verdes representam as trocas gasosas da: a) respiração aeróbica d) transpiração b) respiração anaeróbica e) fermentação alcoólica c) fotossíntese

a) danificação da membrana do número 5.
¤

7) (UNIFOR-CE) Os tilacóides fazem parte dos:

a) cloroplastos b) ribossomos c) lisossomos

d) desmossomos e) nucléolos

8) (UFRN) No interior de cloropastos e mitocôndrias são encontradas pequenas quantidades de DNA, RNA e ribossomos. Tais componentes permitem que os cloroplastos sejam capazes de realizar: a) fluorescência e síntese lipídica. b) fotossíntese e secreção celular. c) autoduplicação e síntese proteica. d) ciclo de Krebs e síntese de ATP. e) fermentação anaeróbica e síntese de clorofila. 9) (PUCCAMP-SP) Observe o esquema e na tabela a seguir, assinale a alternativa que identifica corretamente as organelas e os processos celulares representados em I e II:

seres unicelulares. c) Ambos são estruturas de função idêntica que se distinguem por diferenças quanto ao tamanho e ao número por célula. d) Os cílios determinam a movimentação de fluidos extracelulares, o que não pode ser realizado pelos flagelos. e) O movimento flagelar é ativo e consome energia, em oposição ao movimento ciliar, que é passivo e provocado pelas correntes líquidas intracitoplasmáticas. 4) Um cílio cortado transversalmente e examinado ao microscópio eletrônico revela em seu interior: a) uma fibra central b) duas microfibrilas centrais e dezoito periféricas c) cinco microfibrilas centrais d) onze microfibrilas centrais e outras periféricas e) nove trios de microtúbulos periféricos 5) )PUC) Os orgânulos celulares em questão podem ser encontrados, ao mesmo tempo, em uma: a) hemácia humana. b) célula bacteriana. c) célula meristemática de uma angiosperma. d) célula embrionária de um mamífero. e) célula de cianofícea.

I II a) ribossomo - síntese de mitocôndria - respiraaçúcares ção b) cloroplasto - fotossíntese ribossomo - respiração c) cloroplasto - fotossíntese mitocôndria - respiração d) mitocôndria - respiração cloroplasto - fotossíntese e) mitocôndria - síntese de ribossomo - respiraaçúcares ção 10) (UNI-RIO) Cientistas propõem a hipótese de que certas organelas originaram-se de organismos que há mais de um bilhão de anos passaram a viver simbionticamente com eucariotos antigos. Apóiam-se no fato de que essas organelas possuem DNA próprio, semelhante ao das bactérias, podendo-se autoreplicar. Essas organelas são: a) mitocôndrias e ribossomos. b) mitocôndrias e cloroplastos. c) mitocôndrias e dictiossomos. d) dictiossomos e cloroplastos. e) dictiossomos e cloroplastos.

Parte VIII: Núcleo e cromossomos
1) (UFRN-90) A carioteca é formada por: a) duas membranas proteicas com poros. b) uma membrana proteica sem poros. c) uma membrana lipoproteica com poros. d) duas membranas lipoproteicas com poros. e) duas membranas lipoproteicas sem poros. 2) Acerca do núcleo interfásico, assinale a alternativa incorreta: a) A cromatina que se encontra desespiralizada é denominada eucromatina. b) O nucléolo verdadeiro ou plasmossomo representa um local de síntese de RNA ribossômico. c) O nucléolo falso representa um acúmulo de heterocromatina, pois é um novelo de cromonemas. d) Os cromossomos são visíveis como longos filamentos espiralizados e corados por corantes ácidos. e) A carioteca é uma grande bolsa achatada que delimita o nucleossomo. 3) (UFES-94) Uma célula humana, com cariótipo de 46 cromossomas e quantidade de DNA equivalente a 5.6 picogramas (pg), apresentará na fase inicial da metáfase da mitose, respectivamente, um cariótipo e uma quantidade de DNA correspondente a: a) 23 e 5.6 pg. b) 23 e 11.2 pg. c) 46 e 11.2 pg. d) 92 e 5.6 pg. e) 92 e 11.2 pg. 4) A cromatina, presente no núcleo interfásico, aparece durante a divisão celular com uma organização diferente, transformandose nos: a) cromômeros b) cromossomos c) centrômeros d) cromocentros e) cromonemas

Parte VII: Organelas não-membranosas
1) (CESGRANRIO-RJ) O desenho abaixo corresponde a um corte transversal da ultra-estrutura de:

a) microvilosidade. b) cílio ou flagelo. c) axônio.

d) estereocílio e) pseudópodo

2) (UFAC) A movimentação em meio líquido, captura de alimento ou limpeza de superfície são problemas que podem ser resolvidos por células dotadas de flagelos (espermatozóides humanos) ou de cílios (Paramecium, protozoário de água doce). A organela capaz de originar os cílios e os flagelos é denominada: a) microfilamento. d) núcleo. b) centríolo. e) cromossomo. c) nucléolo. 3) (CESGRANRIO-RJ) A propósito de cílios e flagelos é correto afirmar: a) Os cílios são responsáveis pela locomoção de procariontes e os flagelos, de eucariontes. b) Só se encontram os cílios em relação com o movimento vibrátil de células fixas e os flagelos em relação com a locomoção de
¥

5) Na aula de Biologia o grande Prof. Ricardo fez a seguinte afirmação: “A produção de ribossomos depende, indiretamente, da atividade dos cromossomos”. Em seguida pediu a seus alunos que analisassem a afirmação e a explicassem. Foram obtidas cinco explicações diferentes, que se encontram abaixo citadas Assinale a única explicação correta: a) Os cromossomos são constituídos essencialmente por RNA ribossômico e proteínas, material utilizado na produção de ribossomos. b) Os cromossomos são constituídos essencialmente por RNA mensageiro e proteínas, material utilizado na produção de ribossomos.

c) Os cromossomos contêm DNA; este controla a síntese de ribonucleoproteínas que formarão o nucléolo e que, posteriormente, farão parte dos ribossomos. d) Os cromossomos são constituídos essencialmente por RNA transportador e proteínas, material utilizado na produção de ribossomos. e) Os cromossomos, produzidos a partir do nucléolo, fornecem material para a organização dos ribossomos. 6) (CESGRANRIO-RJ) Dos constituintes celulares abaixo relacionados, qual está presente somente nos eucariontes e representa um dos critérios utilizados para distingui-los dos procariontes? a) DNA. d) Envoltório nuclear. b) Membrana celular. e) RNA. c) Ribossomo. 7) (UFRO) Qual das seguintes estruturas celulares é responsável pela formação dos ribossomos? a) Retículo endoplasmático b) Complexo de Golgi c) Centríolo d) Nucléolo e) Lisossomo 8) (CESCEM-SP) Os nucléolos originam-se: a) de invaginações da membrana celular b) da divisão de outros nucléolos c) da solidificação do suco nuclear d) da concentração de ribossomos e) de cromossomos especiais 9) (F.C.CHAGAS-BA) Nas células em intérfase, o material genético aparece na forma de: a) carioteca d) cromatina b) fuso acromático e) cariolinfa c) nucléolo 10) (FCC-SP) Observe o esquema abaixo:

e) Os cromossomos I, II e III são, respectivamente, metacêntrico, submetacêntrico e acrocêntrico. 13) (UFPA) Célula diplóide é aquela em que: a) existem dois cromossomos não-homólogos. b) o cariótipo é formado por dois conjuntos haplóides. c) o cariótipo é formado por dois conjuntos diplóides. d) cada cromossomo apresenta dois centrômeros. e) Não existe tal célula. 14) (FUVEST-SP) Em determinada espécie animal, o número diplóide de cromossomos é 22. Nos espermatozóides, nos óvulos e nas células epidérmicas dessa espécie serão encontrados, respectivamente: a) 22, 22 e 44 cromossomos. b) 22, 22 e 22 cromossomos. c) 11, 11 e 22 cromossomos. d) 44, 44 e 22 cromossomos. e) 11, 22 e 22 cromossomos. 15) (UFES) A pironina cora especificamente o RNA. Se corarmos células com esse corante, aparecem como estruturas pironinofílicas: a) cromatina e retículo endoplasmático liso. b) retículo endoplasmático granuloso e retículo liso. c) nucléolo e cromatina. d) nucléolo e retículo endoplasmático granuloso. e) lisossomos e retículo endoplasmático rugoso.

Parte IX: Divisão celular
1) (UF-GO)

Relacione as fases da mitose: anáfase, telófase, metáfase e prófase, com os respectivos números das figuras acima: a) 4 - 3 - 2 - 1 b) 3 - 4 - 2 - 1 c) 1 - 2 - 3 - 4 d) 2 - 3 - 4 - 1 e) 3 - 1 - 2 - 4

I e II indicam: a) cromátides-irmãs b) cromátides homólogas c) cromossomos homólogos d) cromossomos-não-homólogos e) cromossomos-filhos 11) (U.F.UBERLÂNDIA-MG) Com respeito ao cromossomo abaixo esquematizado, sabemos que:

2) (UF-PA) Qual é o constituinte cromossômico diretamente relacionado com seu movimento durante a divisão celular? a) telômero b) cromômero c) centrômero d) cromátide e) intérfase 3) (UF-RN) A conseqüência mais importante da mitose é: a) determinar a diferenciação celular. b) a produção de gametas e esporos haplóides. c) a produção de células iguais à célula mãe. d) aumentar a variabilidade genética dos seres vivos. e) aumentar a taxa de mutação. 4) (CAC/FETA) Espiralização da cromatina, duplicação dos centríolos e formação do fuso são ocorrências mitóticas. Assinale a fase em que isto ocorre. a) metáfase b) anáfase c) telófase d) prófase e) intérfase 5) (UFRO-RO) Os ítens abaixo se referem à mitose e todos eles estão corretos, exceto: a) É um processo de divisão celular importante para o crescimento dos organismos. b) Ocorre nas células somáticas de animais e vegetais. c) Uma célula-mãe origina duas células-filhas com o mesmo número de cromossomos. d) A duplicação do DNA ocorre na fase da metáfase. e) Na fase da telófase, forma-se uma nova membrana nuclear em torno dos cromossomos e o citoplasma se divide.

a) o número 1 indica a constrição secundária. b) ele é do tipo metacêntrico. c) o nucleotídio está indicado pelo número 2. d) o número 3 indica o telômero. e) o centrômero está indicado pelo número 4. 12) (FUC-MT) Dados os esquemas de cromossomos, podemos classificá-los, conforme a posição do centrômero:

a) Os cromossomos I e II são metacêntricos e o III é submetacêntrico. b) Os cromossomos I e III são metacêntricos e o II é acrocêntrico. c) Os cromossomos I, II e III são metacêntricos. d) Apenas o cromossomo III é metacêntrico.
¦

6) (F.Itaquerense-SP) O gráfico abaixo revela a variação de DNA durante as diversas fases da vida celular. Com relação ao gráfico, é correto afirmar que: (Quantidade de DNA por núcleo)

a) anáfase I da meiose. b) metáfase I da meiose. c) metáfase II da meiose. d) anáfase II da meiose. e) anáfase mitótica.

2C

C G1 S Intérfase G2 M Mitose G1 S 12) (INST. TOLEDO) A ordem correta das subfases da prófase é: a) leptóteno - paquíteno - zigóteno - diplóteno - diacinese. b) leptóteno - diplóteno - zigóteno - paquíteno - diacinese. c) leptóteno - diplóteno - paquíteno - zigóteno - diacinese. d) leptóteno - paquíteno - diplóteno - zigóteno - diacinese. e) leptóteno - zigóteno - paquíteno - diplóteno - diacinese. 13) (CESGRANRIO) Durante a prófase da primeira divisão meiótica, ocorre a troca de fragmentos entre cromossomas homólogos, possibilitando uma maior variabilidade genética. A esse evento dá-se o nome de: a) formação de bivalentes. b) formação de tétrades. c) citocinese. d) intercinese. e) "crossing-over" 14) (UFPE) Uma evidente diferença existente entre a anáfase da mitose e as anáfases I e II da meiose é que os cromossomos em migração para os pólos celulares são: a) irmãos nas anáfases I e II e homólogos na anáfase da mitose. b) homólogos nas anáfases I e II e irmãos na anáfase da mitose. c) homólogos na anáfase I e irmãos na anáfase II e na anáfase da mitose. d) irmãos na anáfase I e anáfase da mitose e homólogos na anáfase II. e) irmãos nas anáfases I e II e anáfase da mitose. 15) (U.TAUBATÉ-SP) Assinale a frase errada, em relação à meiose: a) Os cromossomos já entram duplicados na prófase I. b) A formação das tétrades ocorre no paquíteno. c) A permutação nada mais é do que a troca de segmentos entre cromátides-irmãs d) O quiasma, figura observada no diplóteno, é conseqüência da permutação. e) Na metáfase I, a placa equatorial está formada por pares de cromossomos. 16) (UC-PR) Quando uma célula conclui a sua primeira divisão meiótica, resultam: a) duas células diplóides. b) quatro células diplóides. c) quatro células haplóides. d) duas células haplóides. e) duas células somáticas.
¨ ¨ ¨ ¨ ¨ ¨ ¨ ¨ ¨ ¨

Intérfase

a) durante o período G1, a célula realiza uma intensa síntese de DNA. b) no decorrer do período S, a quantidade de DNA aumenta progressivamente e ocorre a duplicação do DNA. c) no fim da Intérfase, a célula tem uma quantidade de DNA menor que no seu início. d) no período de mitose propriamente dito, a quantidade de DNA mantêm-se constante. e) nos períodos de G1 e S, a quantidade de DNA mantêm-se constante. 7) (FUVEST) Uma célula somática que tem 4 cromossomos, ao se dividir, apresenta na metáfase: a) 4 cromossomos distintos, cada um com uma cromátide. b) 4 cromossomos distintos, cada um com duas cromátides. c) 4 cromossomos, pareados 2 a 2, cada um com duas cromátides. d) 4 cromossomos, pareados 2 a 2, cada um com uma cromátide. e) 2 cromossomos, cada um com duas cromátides. 8) (PUC-SP) A maioria das reaçðes químicas da célula, incluindo a duplicação de DNA, a síntese de RNA e a produção de proteínas celulares, ocorre, principalmente, durante a: a) prófase. b) metáfase. c) anáfase. d) telófase. e) intérfase.

9) (FUVEST) A figura a seguir representa o tecido meristemático de uma planta, onde podem ser observadas células em diferentes fases de divisão. Qual das alternativas corresponde à seqüência do processo mitótico?

10) (STA.CASA) A colchicina é uma substância que despolimeriza as fibras do fuso de divisão, impedindo que este se forme. Em um meio de cultura foram colocadas 5 células, em diferentes estágios do ciclo celular: duas estavam em intérfase, duas estavam em prófase e a última estava em telófase. Imediatamente depois colocou-se colchicina. Após um certo tempo, contando-se as células presentes em tal meio, espera-se encontrar um total de quantas células? a) seis. b) sete. c) oito d) nove. e) dez.

11) (PUC-SP) Considerando uma célula com 6 cromossomas (2n=6) que esteja em divisão, o esquema ao lado representaria uma:

¨

¨

¨

¨

§

¨ ¨ ¨

¨ ¨ ¨

¨ ¨ ¨

¨

¨

¨

¨

¨

¨

a) a b) c c) f d) e e) f

b f b f e

c e a c c

d a e a b

e b d b d

f d c d a

17) (UFGO) Relacione as fases meióticas (coluna I) com os respectivos fenômenos (coluna II): Coluna I Coluna II 1) zigóteno ( ) Migração dos cromossomos homólogos para os pólos 2) paquíteno ( ) pareamento dos homólogos 3) diplóteno ( 4) anáfase I ( 5) anáfase II ( ) migração dos cromossomos irmãos para os pólos. ) visualização dos quiasmas. ) ocorrência do crossing-over

A seqüência correta, de cima para baixo, na coluna II é a) 4, 1, 2, 3, 5 b) 4, 1, 5, 2, 3 c) 4, 1, 5, 3, 2 d) 4, 1, 3, 2, 5 e) 4, 2, 5, 1, 3

18) (CESGRANRIO) Sabe-se que a seqüência da espermatogênese é a seguinte: espermatogônia espermatócito I espermatócito II espermátide espermatozóide. Pergunta-se quantos espermatozóides serão produzidos, respectivamente, a partir de 100 espermátides e 100 espermatócitos I.

a) 400 e 400 b) 400 e 100 c) 100 e 800

d) 200 e 400 e) 100 e 400

d) pareamento dos cromossomos homólogos. e) duplicação das cromátides. 21) (INTEGRADO-97) Considerando que uma espécie possua nº de cromossomas nas células somáticas 2n=6, a célula apresentada na figura abaixo evidencia esses cromossomas em:

19) Assinale a alternativa correta: a) No período de diferenciação da ovogênese ocorrem transformações maiores do que no mesmo período, na espermatogênese. b) Os ovócitos primários são bem maiores do que os espermatócitos primários. c) O período germinativo na mulher dura quase toda a vida. d) No período de diferenciação da espermatogênese o complexo de Golgi modifica-se, originando a cauda do espermatozóide. e) As divisões celulares que ocorrem nas gametogêneses são todas meióticas. 20) (UNIFICADO-94) A figura abaixo é característica da Meiose porque só nesse tipo de divisão celular acontece:

a) metáfase mitótica. b) metáfase I. c) metáfase II. d) anáfase mitótica. e) anáfase II.

22) (FATEC-SP) Das afirmativas abaixo: I- O crossing-over permite a recombinação dos genes localizados em cromossomos homólogos. II- Meiose é um tipo de divisão celular na qual uma célula diplóide dá origem a quatro células haplóides. III- A intérfase é um período de grande atividade metabólica no núcleo. É nessa fase que o DNA se duplica e o RNA é sintetizado. a) apenas a afirmativa I é correta. b) apenas a afirmativa II é correta. c) apenas a afirmativa III é correta. d) apenas duas afirmativas são corretas. e) todas as afirmativas são corretas.

a) separação dos centríolos. b) formação do fuso acromático. c) manutenção da carioteca.

GABARITO
Parte I – Estrutura da membrana

1- D 11- E 1- A 11- A 1C

2- C 12- C 2- B 12- E 2A

3- A 13- C 3- B 13- A

4-

D

5-

C

6-

B

7-

E

8-

B

9-

E

10- D

Parte II – Fisiologia da membrana

4- C 14- D

5- E 15- C

6-

C

7-

C

8-

B

9-

D

10- C

Parte III – Citoplasma

Parte IV – Sistema Reticular

1- D 11- D 1- A 11- A 11D B

2- B 12- C 2- D 12- C 22E B

3- E 13- C 3- A 13- A 33C C

4-

D

5-

D

6-

A

7-

C

8-

A

9-

D

10- D

Parte V – Lisossomas e peroxissomas

4- B 14- E 44B B

5- E 15- C 55E D

6-

D

7-

E

8-

D

9-

B

10- A

Parte VI – Cloroplastos e mitocôndrias

6-

C

7-

A

8-

C

9-

C

10- B

Parte VII – Organelas não-membranosas

Parte VIII – Núcelo e cromossomas

1- D 11- A

2- D 12- E

3- C 13- B

4- B 14- C 4- D 14- C

5- C 15- D 5- E 15- C

6-

D

7-

D

8-

D

9-

D

10- A

Parte IX – Divisão celular

1- B 2- C 3- C 11- A 12- E 13- E 21- D 22- E

6- B 16- D

7- B 17- C

8- E 18- E

9- B 19- B

10- A 20- D

©

INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia - Ecologia
Parte I: Introdução à Ecologia
1) (PUC-SP) O conjunto do ambiente físico e dos organismos que nele vivem é conhecido como: a) biótopo b) ecossistema c) biomassa d) bioma e) comunidade 2) (MOGI) Ao conjunto de indivíduos de diferentes espécies habitando determinada área dá-se o nome de: a) ecossistema b) comunidade c) população d) bioma e) biosfera 3) Com relação aos conceitos de HABITAT e NICHO ECOLÓGICO, marque a opção correta relacionada abaixo: a) cobra e gavião ocupam o mesmo habitat. b) preá e cobra estão no mesmo nicho ecológico. c) gavião, cobra e preá estão no mesmo nicho ecológico. d) cobras neste mesmo local ocupam o mesmo nicho ecológico. e) preás podem ocupar o mesmo habitat, mas têm nichos ecológicos diferentes. 4) O ambiente descrito, com inúmeros animais e vegetais, à beira de um charco de água doce que, durante o dia, sofre flutuações de temperatura, luminosidade, maior ou menor pH e até alterações de salinidade, poderá ser classificado como um exemplo de: a) biosfera b) biótipo c) biomassa d) ecótone e) ecossistema 5) Suponha que em um terreno coberto de capim gordura vivem saúvas, gafanhotos, pardais, preás e ratos-do-campo. Nesta região estão presentes: a) cinco populações. b) seis populações. c) duas comunidades. d) seis comunidades. e) dois ecossistemas. 6) Indivíduos de diversas espécies, que habitam determinada região, constituem: a) um bioma. b) uma sociedade. c) uma população. d) uma comunidade. e) um ecossistema. 7) (UA-AM) A posição de uma espécie num ecossistema ao nível de desempenho funcional chama-se: a) nicho ecológico b) habitat preferencial c) plasticidade ecológica d) produtividade primária e) territorialidade social 9) (CESCEM) São ecossistemas todos os exemplos abaixo, EXCETO: a) uma astronave. b) uma lagoa. c) um pasto. d) uma colônia de corais. e) o solo. 10) (MED. ABC) Suponha duas plantas pertencentes ao mesmo gênero e vivendo juntas na mesma área. A espécie A tem raízes que se desenvolvem logo abaixo da superfície e a espécie B tem raízes profundas. Sobre as duas plantas fazemos as seguintes afirmações: I - A e B vivem no mesmo nicho ecológico. II - A e B competem pela água. III - A e B formam uma população. Assinale: a) Apenas I é correta. b) Apenas II é correta. c) Apenas III é correta. d) I, II e III são corretas. e) Nenhuma é correta. 11) (UERJ) Mergulhando em águas costeiras, encontramos em uma rocha algas, cracas, anêmonas, estrelas-do-mar e ouriços-do-mar. As algas produzem seu próprio alimento. As cracas ingerem, com água, seres microscópios que nela vivem. As anêmonas comem pequenos peixes que ficam presos entre seus tentáculos. As estrelas-do-mar prendem seus “braços” os moluscos contra a rocha e sugam o animal de dentro da rocha. Os ouriços do mar raspam a rocha com seus “dentes”, alimentando-se de detritos. Em função do que foi descrito, pode-se afirmar que as algas e os animais citados apresentam diferentes a) nichos. b) habitats. c) mimetismos. d) competições. e) biomas. 12) (SANTA CASA) Os animais marinhos: -que flutuam e são movidos passivamente pelos ventos, ondas e correntes; -que nadam livremente por atividade própria; -que são restritos ao fundo. a) planctônicos, nectônicos e bentônicos. b) planctônicos, bentônicos e nectônicos. c) nectônicos, bentônicos e planctônicos. d) nectônicos, planctônicos e bentônicos. e) bentônicos, planctônicos e nectônicos.

Parte II: Cadeias alimentares
1) (UFF) Os principais produtores da cadeia biológica marinha são: a) protozoários e copépodes; b) medusas e corais; c) diatomáceas e dinoflagelados; d) organismos da fauna planctônica; e) organismos da fauna bentônica. 2) (UFRJ) As espécies de capim que crescem nos campos da Austrália podem ser diferentes das que existem na América ou na África, mas todas têm a mesma função: são produtores dos ecossistemas de campo. Nos campos da Austrália vivem cangurus, nos da África há zebras e na América do Norte há bisões. Todos esses animais exercem em seus ecossistemas a função de: a) consumidores primários b) consumidores secundários c) consumidores terciários d) decompositores e) parasitas 3) (CESGRANRIO) No ecossistema a seguir esquematizado, estão representados, de 1 a 8, os componentes de uma comunidade biótica.
 

8) ( MED. SANTOS) Assinale a alternativa CORRETA: a) Em Ecologia, a COMUNIDADE inclui grupos de indivíduos de uma mesma espécie de organismos. b) Em Ecologia, a POPULAÇÃO inclui todos os indivíduos de uma mesma área, pertencentes ou não a várias espécies. c) Em Ecologia, o ECOSSISTEMA é a porção da terra biologicamente habitada. d) Em Ecologia, a BIOSFERA é o conjunto formado pela comunidade de indivíduos vivos e o meio ambiente inerente. e) Nenhuma das anteriores.

Entre eles encontram-se: produtores, consumidores primários, secundários e consumidores terciários.

c) d) e)

Produtor Decompositor Decompositor

Consumidor primário Consumidor primário Produtor

Consumidor secundário Consumidor secundário Consumidor primário

Decompositor Produtor Consumidor secundário

8) (UBERLÂNDIA) O aproveitamento das algas pelo homem torna-se cada vez mais acentuado. Em certos países asiáticos, as algas já fazem parte da dieta humana. Neste caso o homem comporta-se como: No quadro abaixo, assinale a opção que classifica corretamente os componentes do ecossistema:
Consumidores primários Consumidores secundários Consumidores terciários

Produtores

a) consumidor primário. b) consumidor secundário. c) consumidor terciário. d) produtor. e) decompositor.

4) Tendo em vista os conceitos de CADEIA e TEIA alimentar, bem como de POPULAÇÃO e COMUNIDADE, podemos afirmar que: a) A preá, a cobra e o gavião representam uma população e um exemplo de uma cadeia alimentar. b) O conjunto de preás da região formam uma população e os consumidores, entredevorando-se, formam uma teia alimentar. c) Preás e cobras do charco formam uma população e, para as cobras, as preás são produtoras de alimento. d) Preás, cobras e gaviões formam uma comunidade; as cobras são consumidores primários e os gaviões consumidores secundários. e) O conceito de produtor está associado ao fornecimento de alimento e, de consumidor, àqueles que o utilizam.

a)

b)

d)

2) Com relação ao fluxo de energia em um ecossistema é correto dizer que: a) a quantidade de energia que um nível trófico recebe é superior à que será transferida para o nível seguinte. b) o fluxo de energia na cadeia alimentar é unidirecional. c) a energia luminosa é captada pelos organismos heterótrofos. d) em uma pirâmide de energia, a base é sempre ocupada pelos consumidores primários. e) no ápice de uma pirâmide de energia estão colocados os produtores. 3) (S. CARLOS) Em um ecossistema, com a passagem de energia de um nível trófico para outro, ela: a) permanece igual. b) aumenta sempre. c) diminui sempre. d) é totalmente perdida. e) é totalmente aproveitada. 4) (MED - MOGI) A rede alimentar numa comunidade foi caracterizada com a "pirâmide de números", onde os animais: a) na base são pequenos e abundantes e no topo são grandes e pouco numerosos. b) na base são pequenos e pouco numerosos e no topo são grandes e abundantes. c) na base são grandes e pouco numerosos e no topo são pequenos e abundantes. d) na base são pequenos e abundantes e no topo são pequenos e pouco numerosos. e) na base são pequenos e pouco numerosos e no topo são pequenos e abundantes. 5) (FUVEST) Um dos perigos da utilização de inseticidas clorados é que eles são muito estáveis e permanecem longo tempo nos ecossistemas. Em vista disso, dada a cadeia alimentar capim inseto pássaro cobra gavião é de esperar que a maior concentração de DDT por quilo de organismo seja encontrada em: a) cobra b) gavião c) pássaro d) inseto e) capim

5) Com referência à cadeia alimentar, marque a alternativa correta: a) a energia contida no produtor diminui gradualmente, ao passar de consumidor a consumidor. b) a energia do produtor aumenta gradualmente nos diferentes elementos da cadeia alimentar. c) o potencial energético do produtor não sofre nenhuma alteração nos diferentes segmentos da cadeia alimentar. d) na cadeia alimentar, como os animais são de tamanho diferentes , a quantidade energética do produtor sofre oscilações. e) a complexidade da teia alimentar não interfere com a quantidade de energia transferida, que permanece inalterada. 6) (CESGRANRIO) Qual das alternativas a seguir responde corretamente a seguinte questão: “Que resultaria se desaparecesse do mar o fitoplâncton ?” a) o equilíbrio ecológico desse ecossistema não sofreria alteração, visto que o fitoplâncton é constituído por seres apenas microscópios. b) o zooplâncton ocuparia o seu lugar na cadeia alimentar, mantendo assim o equilíbrio ecológico do ecossistema. c) a cadeia alimentar do ecossistema perderia o elo principal, pois do fitoplâncton depende praticamente toda a matéria orgânica necessária aos demais componentes bióticos. d) o ecossistema não seria afetado visto que o plâncton é apenas um consumidor na cadeia alimentar. e) o equilíbrio ecológico não seria alterado visto que nem todos os organismos marinhos se alimentam do fitoplâncton. 7) Com os elementos preá, capim, cobra, fungos e bactérias do solo, observe com atenção o diagrama a seguir. Não descuidando da direção das setas e a seqüência numérica, indique a alternativa correta na sucessão de eventos.

I

V

II

III a) b)
¡

I Produtor Produtor

II Decompositor Consumidor secundário

III Consumidor primário Decompositor

IV Consumidor secundário Consumidor primário

6) (FCC) Em uma lagoa são lançados inseticidas organoclorados. Dos organismos abaixo, os que irão apresentar, após algum tempo, maior concentração desses inseticidas são:

¢

¢

a) b) c) d) e)

1e5 3e5 4e5 1e3 1e5

2e8 4e6 1e6 2e7 4e6

3e4 1e8 3e7 6e8 3e7

6e7 2e7 2e8 4e5 2e8

Parte III: Pirâmides Ecológicas
1) Considere a seguinte cadeia alimentar: Herbívoros Parasitas dos herbívoros Árvore Qual das seguintes pirâmides de números correspondente à cadeia considerada? c)

e)

a) os caramujos b) as garças c) os peixes d) os fitoplanctontes e) os microcrustáceos 7) (PUC-RS) Sabe-se que a maioria dos tubarões são animais carnívoros e predadores. No entanto, há espécies de tubarões que se alimentam do plâncton, como, por exemplo, o chamado tubarão-baleia. A principal vantagem dessas espécies planctófagas sobre as outras é que para elas houve um: a) alongamento da cadeia alimentar. b) maior desenvolvimento do aparelho mastigador. c) menor desenvolvimento do aparelho branquial. d) encurtamento da cadeia alimentar. e) processo mais lento de evolução. 8) (Cesgranrio-RJ) 0 equilíbrio biológico de uma comunidade depende da proporção existente entre produtores, consumidores e predadores. Assim, se: a) o número de produtores e consumidores aumentar, o de predadores diminuirá, b) o número de produtores diminuir, o de consumidores e predadores aumentará. c) o número de consumidores diminuir, o de produtores aumentará e o de predadores diminuirá. d) o número de predadores aumentar, o de produtores e consumidores aumentará. e) o número de predadores aumentar, o de produtores e consumidores diminuirá. 9) (UFMT) Leia as afirmativas abaixo: I. A energia introduzida no ecossistema sob a forma de luz é transformada, passando de organismo para organismo sob a forma de energia química, lI. No fluxo energético, há perda de energia em cada elo da cadeia alimentar. III. A transferência de energia na cadeia alimentar é unidirecional, tendo início pela ação dos decompositores. IV. A energia química armazenada nos compostos orgânicos dos seus produtores é transferida para os demais componentes da cadeia e permanece estável. Estão corretas as afirmativas: a) I e II. b) II e III. c) III e IV. d) I e III, e) II e IV. 10) (UFSC) A pirâmide de números abaixo representada diz respeito à estrutura trófica de um determinado ecossisterna:

b) consumidores primários. c) consumidores secundários. d) consumidores terciários, e) decompositores.

Parte IV: Dinâmica de Populações
1) (CESCEM) “Em dois hectares de terra, foram plantadas 3.600 mudas de eucalipto.” Qual das expressões abaixo apresenta um conceito relacionado com essa afirmação? a) Sucessão ecológica. b) Competição intra-específica. c) Densidade de população. d) Nicho ecológico. e) Homeostase de populações. 2) (PUC-SP) O tucunaré, peixe trazido da Amazônia para as lagoas de captação das usinas estabelecidas ou em construção nos rios Paraná, Tietê e Grande, adaptou-se às condições locais e serviu como elemento de controle das populações de piranhas que ameaçavam proliferar nos reservatórios das usinas hidrelétricas de Minas Gerais e São Paulo. O mesmo tucunaré terá sua criação incrementada na barragem de Itaipu, afastando o perigo do domínio das águas do Rio Paraná por cardumes de piranhas. A relação tucunaré-piranha pode ser considerada como um método de controle utilizado pelo homem para: a) aumento de taxa de mortalidade b) competição intra-específica. c) variação de nicho ecológico. d) alteração cíclica da população. e) controle biológico por predatismo. 3) (CESGRANRIO) O desaparecimento dos morcegos certamente levaria ao desestabelecimento de um número considerável de ecossistemas, já que esses animais apresentam comportamentos importantes para a garantia desses sistemas ecológicos. Como exemplo desse tipo de comportamento dos morcegos só NÃO se pode citar: a) dispersão de sementes b) dispersão de pólens c) predação de fungos d) predação de insetos e) disseminação de frutas 4) (CESGRANRIO) “O aumento populacional e a taxa com que ele está ocorrendo fazem temer que, cedo ou tarde, haverá falta de alimento”. a) primário b) secundário c) onívoro d) terciário e) carnívoro 5) (FMU) Em uma comunidade biológica, consideremos: I – PRODUTORES É correto afirmar que: a) se I e II aumentarem, III diminuirá. b) se III aumentar, I e II diminuirão. c) se II diminuir, I aumentará e III diminuirá. d) se I diminuir, II e III aumentarão. e) se III aumentar, I e II aumentarão. II – HERBÍVOROS III - CARNÍVOROS

Assinale a seqüência correta de organismos que corresponde à seqüência crescente de algarismos romanos da pirâmide: a) gramíneas, sapos, gafanhotos, gaviões, cobras. b) gaviões, cobras, sapos, gafanhotos, gramíneas. c) gaviões, gafanhotos, gramíneas, sapos, cobras. d) gramíneas, gafanhotos, sapos, cobras, gaviões. e) gramíneas, gafanhotos, gaviões, cobras, sapos. 11) (UA-AM) Na base das chamadas pirâmides de energia estão os: a) decompositores. b) produtores c) consumidores primários. d) consumidores secundários. e) consumidores terciários.

6) (FCC) Considere uma cadeia alimentar constituída por fitoplâncton, peixes herbívoros e peixes carnívoros. Qual das alternativas indica corretamente o que acontece com as outras populações imediatamente após redução drástica dos peixes carnívoros? FITOPLÂNCTON crescimento diminuição crescimento diminuição nenhuma alteração PEIXES HERBÍVOROS crescimento nenhuma alteração diminuição crescimento diminuição

a) b) c) d) e)

7) (UFRN) Entre os fatores que determinam a diminuição da densidade de uma população, podemos citar: a) mortalidade e longevidade. b) imigração e emigração. c) mortalidade e imigração. d) imigração e natalidade.
£

12) (Fuvest-SP) Cobras que se alimentam exclusivamente de roedores são consideradas: a) produtores.

e) emigração e mortalidade. 8) (FCC-BA) Para calcular a densidade de uma população é necessário conhecer o número de indivíduos que a compõem e: a) o espaço que ocupa. b) a taxa de mortalidade. c) a taxa de natalidade. d) o número de indivíduos que migram. e) o número de indivíduos de outras populações da mesma região. 9) (UC-BA) Considere o gráfico abaixo, que representa o crescimento de uma população. Em qual dos períodos considerados a resistência do meio torna-se igual ao potencial biótico da população?

Com base nela, fizeram-se as seguintes afirmações: I . Em A a natalidade e a imigração superam a mortalidade e a emigração. lI. Em B a mortalidade e a emigração superam a natalidade e a imigração. lIl. Em C a natalidade e a imigração equilibram a mortalidade e a emigração. Dessas afirmações: a) apenas I está correta. b) apenas II está correta. c) apenas III está correta. d) apenas I e II estão corretas. e) I, II e III estão corretas.

a) A. b) B. c) C. d) D. e) E. 10) (FGV-SP) A tabela abaixo indica o que aconteceu com uma população cinco anos seguidos: Ano 1 2 3 4 5 Nº de Nº de nascimentos imigrações 200 – 160 10 150 20 140 10 130 10 Nº de mortes 150 130 100 80 70 Nº de emigrações 80 60 50 30 40

13) (Cesgranrio-RJ) O gráfico representa as densidades, ao longo do tempo, de duas populações que vivem em determinada área: uma população de coelhos e outra de gatos-do-mato. Os coelhos servem de alimento para os gatos–do-mato.

0 gráfico que representa a variação do número de indivíduos dessa população é:

O exame desse gráfico proporcionou três interpretações: I. A semelhança entre os ciclos das duas populações indica que ambos ocupam o mesmo nicho ecológico. lI. A não-coincidência dos ciclos das duas populações mostra que a densidade da população de coelhos não influencia a densidade da população de gatos-do-mato. III. Oscilações de populações do tipo representado no gráfico são comuns na natureza, quando se trata de espécies em que uma serve de presa e a outra é a predadora. Assinale: a) se somente I for correta; b) se somente III for correta; c) se somente I e III forem corretas; d) se I, II e III forem corretas; e) se somente II e III forem corretas.

11) (Cesesp-PE) Leia com atenção as proposições abaixo: I. Potencial biótico é a capacidade potencial que tem uma população de aumentar numericamente em condições ambientais favoráveis. II. Os fatores que chamamos de resistência do ambiente impedem as populações de crescerem de acordo com seu potencial biótico. III. A densidade de uma população independe das taxas de nascimento e mortes, assim como das taxas de emigração e imigração. Marque: a) se todas forem corretas; b) se nenhuma for correta; c) se apenas as proposições I e II forem corretas; d) se apenas as proposições II e III forem corretas; e) se apenas as proposições I e III forem corretas. 12) (Univ. Fortaleza-CE) A figura seguinte mostra a curva de crescimento de uma população:

Parte V: Ciclos Biogeoquímicos
1) Nos ambientes aquáticos o ciclo do carbono pode ser esquematizado, simplificadamente, conforme mostra o esquema abaixo. Estude-o com atenção e assinale a opção que descreve a participação do plâncton na(s) etapa(s) A e B: CO2 Dissolvido
HCO3–

H2 O
¦

H2 O decompositores
¥

O2 Compostos orgânicos a) o zooplâncton participa das etapas A e B. b) o fitoplâncton participa das etapas A e B.

O2

¤

c) o zooplâncton só participa da etapa B. d) o fitoplâncton só participa da etapa B. e) o fitoplâncton só participa da etapa A. 2) (CESGRANRIO) Apesar de quase 4/5 da atmosfera serem constituídos de nitrogênio, apenas alguns seres têm a capacidade de aproveitar o nitrogênio em forma elementar para o seu metabolismo. Os seres com essa capacidade são classificados entre: a) bactérias e algas cianofíceas; b) bactérias e plantas verdes; c) cianofíceas e protozoários; d) fungos e protozoários e) plantas verdes e fungos.

nitrogênio atmosférico IV V nitratos III nitritos II amônia A importância das bactérias denitrificantes decorre principalmente de sua ação em: I

3) (CESGRANRIO) O diagrama a seguir representa etapas do ciclo do carbono num sistema terrestre. H2 O CO2 H2O

a) I b) II c) III d) IV e) V 8) (SÃO CARLOS) O plantio de leguminosas entre outras plantas de cultura e sua posterior incorporação ao solo é importante porque: I - diminui a erosão do solo. II- permite a fixação do nitrogênio do ar. III- contribui com nutrientes para o solo. Pode-se afirmar quanto às alternativas acima que: a) II e III são corretas, mas I é incorreta. b) I é correta, mas II e III incorretas. c) As três são corretas. d) As três são incorretas. e) II é correta, mas I e III incorretas. 9) (PUCC-SP) Observe o esquema abaixo e as afirmativas que se seguem:

I

Ecossistemas terrestres

II

O2

Compostos orgânicos

O2

Examinando-o, pode-se dizer que: a) os vegetais participam apenas da etapa II; b) os animais participam apenas da etapa I; c) os vegetais participam apenas da etapa I; d) os animais participam das etapas I e II; e) os vegetais participam das etapas I e II. 4) (UFRJ) Uma forma natural de aumentar a quantidade de nitrogênio, disponível no solo sob a forma de nitratos, é alterar o cultivo de plantas não leguminosas com leguminosas, pois as últimas apresentam, nas suas raízes, módulos com bactérias capazes de fixar o nitrogênio atmosférico. Estas bactérias são pertencentes ao grupo: a) Rhizobium b) Nitrosomonas c) Nitrobacter d) Nitrosococcus e) Anabaena 5) Os agricultores costumam fazer rodízio de culturas, plantando durante certo tempo apenas leguminosas que enriquecem o solo com produtos nitrogenados. Feita a colheita, o agricultor passa plantar cereais (arroz, trigo, milho) que se beneficiam destes produtos nitrogenados. Quando estes começam a se esgotar, o agricultor volta a plantar leguminosas. Este procedimento é justificado porque as leguminosas: a) transformam o nitrogênio do ar em nitratos. b) fixam o nitrogênio do ar, utilizando-o para a síntese de aminoácidos. c) são parasitadas por bactérias capazes de converter o nitrogênio do ar em amônia. d) possuem, em suas raízes, fungos capazes de converter o nitrogênio do ar em amônia. e) possuem, em suas raízes, nódulos formados por bactérias nitrificantes.

I. Os elementos químicos, ao contrário da energia, não se perdem e são constantemente reciclados. lI. Toda a energia captada pelos produtores volta para o meio físico sob a forma de calor, e como este não pode ser usado na fotossíntese, a energia segue em sentido único. III. A biosfera é um sistema de relações entre os seres vivos e entre a matéria e a energia que os circundam. Assinale a alternativa correta: a) todas estão erradas. b) I e II estão corretas. c) II e III estão corretas. d) I e III estão corretas. e) todas estão corretas. 10) (Unirio-RJ) As chamadas bactérias fixadoras das raízes de certas leguminosas são úteis à agricultura porque atuam sobre o solo, contribuindo para: a) aumentar a acidez. b) facilitar o arejamento. c) revolver a terra. d) enriquecê-lo com sais nitrogenados. e) eliminar o humo. 11) (Fuvest-SP) A associação de bactérias do gênero Rhizobium com raízes de plantas leguminosas possibilita a: a) fixação de nitrogênio. b) transformação de amônia em nitritos. c) eliminação de gás carbônico. d) eliminação de nitrogênio.
§

6) (PUC-SP) No ciclo do carbono, quais os processos metabólicos que ocorrem em 1 e 2 ? Dióxidos de carbono na atmosfera 1 animais matéria orgânica 2 vegetais

a) respiração em 1 e fotossíntese em 2 b) respiração em 1 e decomposição em 2 c) decomposição em 1 e respiração em 2 d) decomposição em 1 e fotossíntese em 2 e) fotossíntese em 1 e decomposição em 2 7) (FCC) Considere o seguinte diagrama:

e) decomposição de tecidos mortos. 12) (FCC) Geralmente, os fazendeiros não usam adubos nitrogenados nos campos em que cultivam leguminosas porque estas: a) não necessitam de nitrogênio para crescer. b) associam-se a bactérias nitrificantes. c) fixam amônia do ar. d) fixam nitratos do solo. e) transformam nitritos em nitratos. 13) (FCMSC-SP) Bactérias fixadoras de nitrogênio são encontradas em: a) raizes de milho. b) folhas de milho. c) frutos de milho. d) raízes de feijão. e) folhas de feijão. 14) (Fuvest-SP) A figura abaixo é um esquema simplificado do ciclo do carbono na natureza: a) respiração, respiração e fotossíntese. b) respiração, fotossíntese e respiração. c) fotossíntese, respiração e respiração. d) respiração, fotossíntese e fotossíntese. e) respiração, fotossíntese e transpiração. 18) (UFRS) 0 processo vital presente nos ciclos do oxigênio, do carbono e da água é o de: a) respiração. b) transpiração. c) excreção. d) digestão. e) sudação.

Parte VI: Sucessão Ecológica
1) Suponhamos que o charco onde viva a preá e os outros seres vivos de nossa história, com o decorrer dos tempos, vá lentamente se modificando. O espelho d’água diminua, pela progressiva invasão de novas plantas, assoreamento e a instalação de plantas mais duradouras; pelo surgimento de novos animais e desaparecimento de outros. O cenário se modifica. Esse fenômeno denomina-se: a) comunidade clímax. b) comunidade em equilíbrio dinâmico. c) comunidade em equilíbrio estático. d) sucessão ecótona. e) sucessão ecológica. 2) (CESGRANRIO) “Existiu, em uma determinada região, uma lagoa com água límpida contendo apenas plâncton. O acúmulo de matéria fornecida pelo plâncton permitiu que se formasse um fundo capaz de sustentar plantas imersas. Surgiram depois, alguns animais que começaram a povoar a lagoa, e o fundo acumulou detritos e nele se desenvolveram plantas emergentes. A lagoa ficou cada vez mais rasa. Surgiram os juncos nas margens, que foram “fechando” a lagoa. Ela se transformou num brejo, e a comunidade que o habitava já era bem diferente. Posteriormente, o terreno secou e surgiu um pasto que poderá ser substituído, no futuro, por uma floresta”. Este texto apresenta um exemplo de: a) irradiação adaptativa b) dispersão de espécies c) sucessão ecológica d) pioneirismo e) domínio ecológico 3) (PUC-SP) Numa sucessão de comunidade ocorre: As bactérias dos gêneros Nitrosomonas e Nitrobacter agem, respectivamente, em: a) I e II. b) II e III. c) IV e III. d) V e IV. e) VI e VIl. a) constância de biomassa e de espécie. b) diminuição de biomassa e menor diversificação de espécies. c) diminuição de biomassa e maior diversificação de espécies. d) aumento de biomassa e menor diversificação de espécies. e) aumento de biomassa e maior diversificação de espécies. 4) (UFPA) Quando uma comunidade passa por mudanças gradativas, dando origem a outras mais complexas, tem-se: a) um sucessão. b) um ecótono. c) uma comunidade clímax. d) um nicho ecológico. e) um bioma. 5) (FCMSC-SP) Considere o seguinte processo: numa infusão, predominam primeiramente algas, em seguida ciliados e finalmente rotíferos. O processo considerado é um caso de: a) cadeia alimentar. b) teia alimentar. c) sucessão. d) metamorfose. e). pirâmide de números. 6) (Cesesp-PE) A zona limite entre duas comunidades é designada:
¨

Nesse esquema: a) I representa os seres vivos em geral e II, somente os produtores. b) I representa os consumidores e lI, os decompositores. c) I representa os seres vivos em geral e II, apenas os consumidores. d) I representa os produtores e lI, os decompositores. e) I representa os consumidores e lI, os seres vivos em geral. 15) (F. Objetivo-SP) O desenho anexo representa, de maneira simplificada, o ciclo do nitirogênio:

16) (UFES) É preocupação dos ecólogos o fato de que as calotas polares podem vir a sofrer um processo de descongelamento, em virtude de um aquecimento da atmosfera terrestre. Esse aquecimento, conseqüência de um desequilíbrio ecológico, decorre de: a) depósitos de lixo atômico. b) aumento da taxa de monóxido de carbono na atmosfera. c) emanações de dióxido de enxofre para a atmosfera. d) redução da taxa de oxigênio na atmosfera. e) aumento da taxa de gás carbônico na atmosfera. 17) (UFMT) Baseando-se no esquema a seguir, que é uma simplificação do ciclo do carbono, pode-se afirmar que A, B e C representam, respectivamente:

a) nicho ecológico. b) comunidade clímax. c) ecese. d) potencial biótico. e) ecótono. 7) (UFCE) Observe as frases abaixo, relativas às características de um ecossistema, à medida que a sucessão caminha para o clímax: (1) A diversidade em espécies vai aumentando. (2) Há um aumento nos nichos ecológicos, tornando a teia alimentar mais complexa. (4) Há um aumento na biomassa total do ecossistema. (8) O ecossistema tende a uma maior estabilidade ao se aproximar do clímax. (16) Não há modificação do meio físico do ecossistema nos diferentes estágios da sucessão. Dê, como resposta, a soma dos números das alternativas corretas. a) 3 b) 4 c) 8 d) 12 e) 15

I- a rêmora acompanha o tubarão de perto e fica presa a ele por uma ventosa. Ela aproveita os alimentos do tubarão e também a sua locomoção, mas não prejudica e nem beneficia o seu hospedeiro. II- a alimentação predominante do cupim é a madeira, que lhe fornece grande quantidade de celulose. Entretanto, ele não possui capacidade digeri-la. Quem se responsabiliza pela degradação da celulose é um protozoário que vive em seu intestino, de onde não precisa sair para procurar alimento. III- as ervas-de-passarinho instalam-se sobre outras plantas, retirando delas a seiva, que será utilizada para a fotossíntese. IV- nas caravelas existe uma união estreitas de indivíduo, cada um deles especializados em determinadas funções como digestão, reprodução e defesa. V- as orquídeas, vivendo sobre outras plantas, conseguem melhores condições luminosas, mas nada retiram dos tecidos internos destas plantas. Essas relações referem-se, respectivamente, a: a) mutualismo, comensalismo, hemiparasitismo, colônia, parasitismo. b) comensalismo, mutualismo, hemiparasitismo, colônia, epifitismo. c) comensalismo, mutualismo, epifitismo, colônia, hemiparasitismo. d) mutualismo, comensalismo, parasitismo, sociedade, epifitismo. e) hemiparasitismo, mutualismo, parasitismo, colônia, epifitismo. 3) O quadro a seguir representa cinco casos de interação entre duas espécies diferentes, A e B: Tipos de interação I II III IV V Espécies reunidas A B 0 0 – – + 0 – 0 Espécies separadas A B 0 0 0 0 0 0 0 0 – –

8) (UC-MG) A sucessão, num ecossistema, pode ser descrita como uma evolução em direção: a) ao aumento da produtividade líquida. b) à diminuição da competição. c) ao grande número de nichos ecológicos. d) à redução do número de espécies. e) à simplificação da teia alimentar. 9) (UMA) 0 gráfico abaixo registra as freqüências de populações de protozoários cultivados numa infusão de feno.

+

+

Legendas 0 = a espécie não é afetada em seu desenvolvimento + = o desenvolvimento da espécie é melhorado – = o desenvolvimento da espécie é reduzido ou torna-se impossível. Os tipos de relação apresentados são respectivamente: a) competição, mutualismo, neutralismo, parasitismo, comensalismo b) neutralismo, competição, comensalismo, amensalismo, mutualismo c) mutualismo, cooperação, neutralismo, comensalismo, predação d) neutralismo, competição, cooperação, comensalismo, comensalismo e) predação, mutualismo, neutralismo, simbiose, competição 4) (CESGRANRIO) Se duas espécies diferentes ocuparem num mesmo ecossistema o mesmo nicho ecológico, é provável que: a) se estabeleça entre elas uma relação harmônica. b) se estabeleça uma competição interespecífica. c) se estabeleça uma competição intra-específica. d) uma das espécies seja produtora e a outra, consumidora. e) uma das espécies ocupe um nível trófico elevado. 5) A associação existente entre os ruminantes e as bactérias que vivem em seu estômago é um caso de : a) mutualismo. b) parasitismo. c) comensalismo. d) competição interespecífica. e) competição intraespecífica. 6) Podem organizar-se em sociedades: a) aranhas. b) besouros. c) gafanhotos. d) traças. e) vespas. 7) (UFRGS-RS) Enquanto as onças devoram a sua presa, os urubus esperam. Quais as relações ecológicas envolvidas nesta situação? a) predador e parasita. b) comensal e parasita. c) parasita e sapróvoro. d) predador e decompositor e) predador e sapróvoro

Esse gráfico exemplifica: a) uma colônia. b) uma associação. c) uma sucessão. d) uma migração. e) um ecótone.

Parte VII: Simbioses
1) (PUC-SP) O tucunaré, peixe trazido da Amazônia para as lagoas de captação das usinas estabelecidas ou em construção nos rios Paraná, Tietê e Grande, adaptou-se às condições locais e serviu como elemento de controle das populações de piranhas que ameaçavam proliferar nos reservatórios das usinas hidrelétricas de Minas Gerais e São Paulo. O mesmo tucunaré terá sua criação incrementada na barragem de Itaipu, afastando o perigo do domínio das águas do Rio Paraná por cardumes de piranhas. A relação tucunaré-piranha pode ser considerada como um método de controle utilizado pelo homem para: a) aumento de taxa de mortalidade b) competição intra-específica. c) variação de nicho ecológico. d) alteração cíclica da população. e) controle biológico por predatismo. 2) (UFSCAR-SP) A seguir estão descritas algumas relações entre seres vivos:

8) (PUC) Quando o relacionamento entre dois seres vivos resulta em benefício para ambos os associados, dizemos que ocorre: a) mutualismo. b) comensalismo.
©

c) hiperparasitismo. d) parasitismo. e) inquilinismo. 9) (CESGRANRIO) No combate às larvas dos anofelinos ( mosquitos transmissores da malária), foi utilizado, com eficiência, um pequeno peixe larvófago (Gambusia affinis). A utilização deste animal, na área de saneamento para o controle dessa parasitose, foi bem sucedida em regiões infestadas pelo Anopheles, e onde era grande a incidência da malária. O método citado, não poluente, substitui o clássico processo de deposição de óleo em superfície da água, que mata as larvas por asfixia. A ação do peixe Gambusia affinis em relação aos anofelinos é um exemplo de: a) predatismo. b) parasitismo. c) comensalismo. d) simbiose. e) amensalismo.

10) (SANTA CASA) Observando-se cuidadosamente o trecho abaixo: "I é um celenterado (hidra) que vive sobre a concha vazia do molusco II, agora ocupada por um crustáceo III ( sem carapaça) e IV é um peixe carnívoro. I consegue alimento mais facilmente que quando fixado sobre uma rocha; por sua vez, III lucra, podendo alimentar-se dos restos de I além de defender-se de IV que se alimenta de III mas evita aproximar-se devido à presença de I, que ele teme". Está certo dizer que há uma relação ecológica de : a) Comensalismo entre I e III. b) Protocooperação entre I e III. c) Predação entre I e IV. d) Mutualismo entre II e III. e) Há duas respostas corretas.

GABARITO
Parte I – Introdução à Ecologia

1- B 11- A 1C

2- B 12- A 2A

3-

A

4-

E

5-

B

6-

D

7-

A

8-

E

9-

D

10- B

Parte II – Cadeias Alimentares

33-

E C

44-

E A

55-

A B

66-

C B

77-

E D

88-

A C 9A 10- D

Parte III – Pirâmides Ecológicas

1- B 11- B 1- C 11- C 1- B 11- A 11E E

2- B 12- C 2- E 12- E 2- A 12- B 22C B

Parte IV – Dinâmica de Populações

3- C 13- B 3- E 13- D 33E B

4-

A

5-

C

6-

D

7-

E

8-

A

9-

E

10- E

Parte V – Ciclos Biogeoquímicos

4- A 14- A 44A B

5- C 15- C 55C A

6- A 16- E 66E E

7- D 17- B 77E E

8- C 18- A 88C A

9-

D

10- D

Parte VI – Sucessão Ecológica

99-

C A 10- B

Parte VII – Simbioses



INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia - Embriologia
Parte I: Tipos de ovos e Segmentação
1) (F. M. Catanduva-SP) Assinale a afirmativa incorreta. a) A notocorda está ausente no embrião dos crustáceos. b) Ovos pobres em vitelo são característicos exclusivamente de animais pequenos e marinhos. c) Os rins de mamíferos são de origem mesodérmica d) O epitélio do sistema respiratório dos mamíferos tem origem endodérmica e) Os receptores sensitivos dos mamíferos são de origem ectodérmica 2) (Fuvest-SP) Qual a diferença, no desenvolvimento embrionário, entre animais com ovos oligolécitos e animais com ovos telolécitos? a) Número de folhetos embrionários formados. b) Presença ou ausência de celoma. c) Presença ou ausência de notocorda. d) Tipo de segmentação do ovo. e) Formação do tubo neural. 3) (Vunesp) Com relação ao processo de clivagem ou segmentação do ovo, seria correto afirmar: 1. A orientação do plano de clivagem depende da orientação do fuso mitótico. 2. Quanto maior a quantidade de vitelo no ovo, mais restrita é a área de clivagem. 3. As diferenças entre os padrões iniciais de clivagem são determinadas pela distribuição de vitelo no ovo. Nessa questão, responda: a) se todas as proposições estiverem incorretas. b) se as proposições 1 e 2 estiverem corretas, c) se todas as proposições estiverem corretas. d) se as proposições 1 e 3 estiverem corretas. e) se as proposições 2 e 3 estiverem corretas. 4) (U. F. Uberlândia-MG) Os tipos de segmentação: I. holoblástica igual; lI. holoblástica desigual; III. meroblástica ocorrem com as seguintes classes de animais, respectivamente: a) anfíbio, réptil e ave. b) anfíbio, réptil e mamífero. c) ave, réptil e mamífero. d) mamífero, anfíbio e ave. e) réptil, ave e mamífero. 5) (U. F. Viçosa-MG) O esquema representa a vista superior de um tipo de segmentação classificada como parcial e discoidal. 7) (Santa Casa-SP) Os termos: segmentação parcial e discoidal, linha primitiva e blastodisco pertencem, todos, à embriologia: a) dos peixes teleósteos. b) dos anfíbios. c) dos cordados invertebrados. d) das aves. e) dos mamíferos. 8) Santa Casa-SP) Quando se escreve o seguinte, sobre a evolução dos processos embrionários dos vertebrados: Segmentação total e igual Segmentação total e desigual Segmentação parcial

À medida que se caminha para a direita: a) estamos descendo na escala animal. b) vai diminuindo a quantidade de anexos embrionários. c) aumenta a quantidade de vitelo no ovo. d) diminui o tempo do período embrionário. e) o número de gametas formados pelos adultos aumenta. 9) (PUC) A análise de três grupos de ovos em desenvolvimento apresentou as seguintes características: Grupo I: ovos com distribuição razoável de vitelo, com segmentação holoblástica. Grupo II: ovos ricos em vitelo, com segmentação meroblástica. Grupo III: ovos pobres em vitelo, com segmentação holoblástica. Os ovos desses grupos poderiam ser, respectivamente: a) sapo, galinha e ouriço do mar. b) galinha, sapo e macaco. c) cachorro, galinha e sapo. d) galinha, ouriço do mar e homem e) ouriço do mar, macaco e sapo. 10) (UCSal-BA) Considerando o processo evolutivo no sentido águaterra, é errado afirmar que: a) Os ovos com mais vitelo se adaptaram melhor ao desenvolvimento dos animais de vida terrestre. b) O ovo que se desenvolve em ambiente terrestre é resultante de uma fecundação interna. c) O ovo colocado em meio terrestre necessita de um revestimento, ou casca, resistente à evaporação. d) A postura e o desenvolvimento dos ovos dos anfíbios e dos répteis se processam em ambiente aquático. e) Foram necessárias transformações para que o ovo se desenvolvesse em ambiente terrestre. 11) (CESGRANRIO-RJ) As figuras ao lado simbolizam os estágios iniciais de segmentação de zigotos. Uma delas representa o caso da segmentação total e igual; outra, o da Segmentação total e desigual; outra, o da Segmentação superficial e ainda outra, o da segmentação parcial discoidal. Assinale a relação abaixo que indica corretamente, na seqüência numérica, os zigotos representados nas figuras:

Observando-se o esquema proposto, pode-se concluir que esse tipo de segmentação: a) é certamente o que ocorre nas aves. b) ocorre em anfíbios e répteis. c) é exclusivo dos peixes. d) ocorre em todos os animais que põem ovos. e) é restrito aos cordados primitivos. 6) (CESCEM) Um óvulo com quantidade média de vitelo distribuída irregularmente, ficando o núcleo deslocado para um dos pólos da célula, pode ser de: a) anfíbio e sofreria clivagem meroblástica. b) anfíbio e sofreria clivagem holoblástica desigual. c) ave e sofreria clivagem holoblástica desigual. d) anfioxo e sofreria clivagem holoblástica igual. e) equinodermo e sofreria clivagem holoblástica igual .

a) ( 1 ) ave, ( 2 ) invertebrado, ( 3 ) réptil, ( 4 ) peixe. b) ( 1 ) anfíbio, ( 2 ) réptil, ( 3 ) mamífero, ( 4 ) invertebrado. c) ( 1 ) ave, ( 2 ) anfíbio, ( 3 ) peixe, ( 4 ) mamífero. d) ( 1 ) anfíbio, ( 2 ) ave, ( 3 ) invertebrado, ( 4 ) mamífero. e) ( 1 ) mamífero, ( 2 ) ave, ( 3 ) invertebrado, ( 4 ) anfíbio.

1

Parte II: Embriogênese
1) (U. São Francisco-SP) A figura representa um corte através de uma blástula. Pela disposição dos blastômeros e do vitelo, pode-se afirmar que essa blástula se originou a partir de um ovo: a) telolécito. b) centrolécito. c) heterolécito. d) oligolécito. e) alécito.

2) (UFMT) A notocorda é uma estrutura embrionária que: a) dá origem aos somitos. b) persiste no adulto de todos os vertebrados. c) desaparece no anfioxo adulto. d) é substituída pela coluna vertebral nos vertebrados. e) dá origem à coluna vertebral dos mamíferos. 3) (U. F. Ouro Preto-MG) No desenvolvimento embrionário dos animais, existem etapas características nas quais ocorrem processos mais ou menos semelhantes. Observe que há uma seqüência cronológica igual para todos os grupos zoológicos, traduzindo a "origem comum" dos metazoários. Os principais "momentos" pelos quais passam os embriões de diferentes grupos são: 1. segmentação; 2. mórula; 3. blástula; 4. gástrula; 5. nêurula. Para você visualizar o que ocorre em cada uma dessas fases, basta relacioná-las corretamente com os eventos abaixo. A. Formação de tubo neural. B. Proliferação do ovo originando os blastômeros. C. Micrômeros e macrômeros envolvendo pequena cavidade central. D. Intensas modificações dos blastômeros originando três folhetos embrionários. E. Formação de uma estrutura esférica e maciça. Assinale a alternativa que contém a seqüência correta dos "momentos" do desenvolvimento embrionário. a) 1E, 2B, 3A, 4D, 5C b) 1B, 2E, 3C, 4D, 5A c) 1A, 2C, 3E, 4B, 5D d) 1C, 2D, 3A, 4E, 5B e) 1D, 2A, 3E, 4B, 5C 4) (UF-MG) Estágio do desenvolvimento embrionário de anfioxo:

a) mórula, tubo digestivo b) blástula, sistema nervoso central c) gástrula, tubo digestivo d) blástula, tubo digestivo e) gástrula, sistema nervoso central 6) O esquema abaixo representa uma gástrula jovem.

Se a região indicada pela seta se diferenciar em boca, pode-se afirmar que o embrião em desenvolvimento não pertence ao grupo dos: a) platelmintos. b) anelídeos. c) moluscos. d) artrópodos . e) cordados . 7) (PUC) O esquema a seguir representa o corte transversal de um protocordado (Anfioxo), onde são indicadas quatro estruturas. Pode-se afirmar que apresentam a mesma origem embrionária as estruturas.

a) 1 e 2 b) 1 e 3 c) 1 e 4 d) 2 e 4 e) 3 e 4 Instruções: Os esquemas abaixo devem ser utilizados para responder às questões de números 8 e 9.

Qual a alternativa errada? a) Este esquema representa uma gástrula, que foi precedida pela blástula. b) 1 representa o ectoderma e 2 o endoderma. c) 3 representa o intestino primitivo e 4 dará origem ao ânus. d) O mesoderma será formado a partir de 1. e) 1 originará a epiderme e o sistema nervoso 5) O esquema representa um corte transversal do corpo de um embrião de cordado em estágio de nêurula. Assinale a alternativa que indica a fase da embriogênese imediatamente anterior à nêurula e a estrutura que se originará da porção embrionária apontada pela seta. 8) (PUC) Assinale a alternativa correta: a) I representa o padrão de organização de um animal acelomado e II, dos animais celomados. b) I e II representam padrões diferentes de organização dos animais celomados. c) I e II representam padrões diferentes de organização dos animais pseudocelomados. d) I e II representam padrões diferentes de organização dos animais acelomados. e) I representa o padrão de organização dos animais pseudocelomados e, II, dos animais celomados.

2

9) (PUC) Entre os animais, os padrões de organização I e II podem ser observados, respectivamente, em uma: a) planária e uma tênia. b) lombriga e uma tênia. c) planária e uma minhoca. d) hidra e uma minhoca. e) água viva e uma planária. 10) (MACK-SP) Durante o desenvolvimento embrionário de vários vertebrados, observamos nitidamente algumas fases, caracterizadas pelo aparecimento de determinadas estruturas. A seqúência correta dessas fases está representada na alternativa: a) mórula - blástula - gástrula - nêurula. b) mórula - blástula - nêurula - gástrula. c) blástula - mórula - gástrula - nêurula. d) mórula - gástrula - blástula - nêurula. e) blástula - mórula - nêurula - gástrula. 11) (Unirio-RJ) O esquema a seguir representa, em corte transversal, o embrião de um cordado. A notocorda, o tubo neural, o celoma e o arquêntero são representados, respectivamente, por:

3) (UFMG) "Vocês querem saber o que foi que os mamíferos inventaram, que é ainda melhor do que o ovo que se enterra no chão ou se bota no ninho? Pois os mamíferos [ ... ]. " (Ribeiro, J. U. O sorriso do lagarto.) A frase poderia ser completada com uma característica que diferenciasse os mamíferos dos outros vertebrados. Essa característica é: a) controle da reprodução através de hormônios. b) controle da temperatura corporal. c) estruturas adaptadas para fecundação interna. d) placenta como órgão de interface materno-fetal. e) presença de glândulas de secreção. 4) (Cesgranrio) Através da placenta, estrutura que contém tecidos da mãe e do embrião, o organismo materno fornece oxigênio e nutrientes, recolhendo também os resíduos do metabolismo do embrião. Em condições normais, o mecanismo de trocas materno-fetal ocorre: a) por uma circulação única materno-fetal, isto é, o sangue da mãe entra em contato direto com o do embrião. b) por livre difusão, em que a oxigenação, nutrição e remoção de excretas são feitas através de trocas entre a circulação fetal e materna. c) por transporte ativo, em que o sangue do embrião atrai os nutrientes e o oxigênio do sangue materno. d) pela ação de hormônios gonadotróficos, que fazem o transporte dos elementos do sangue materno para o fetal. e) pelo líquido da bolsa de água, que recebe os nutrientes e oxigênio do sangue materno, difundindo-os até o sangue do embrião. 5) (F. M. ABC-SP) Quais anexos embrionários das aves têm parte de suas funções exercidas pela placenta, nos embriões de mamíferos? a) Alantóide e âmnio. b) Saco vitelínico e casca. c) Alantóide e saco vitelínico. d) Casca e alantóide. e) Âmnio e saco vitelínico. 6) (Fuvest-SP) Em condições normais, a placenta humana tem por funções: a) proteger o feto contra traumatismos, permitir a troca de gases e sintetizar as hemácias do feto. b) proteger o feto contra traumatismos, permitir a troca de gases e sintetizar os leucócitos do feto. c) permitir o fluxo direto de sangue entre mãe e filho e a eliminação dos excretas fetais. d) permitir a troca de gases e nutrientes e a eliminação dos excretas fetais dissolvidos. e) permitir o fluxo direto de sangue do filho para a mãe, responsável pela eliminação de gás carbônico e de excretas fetais. 7) (F. M. Itajubá-MG) Escolha a alternativa que traz as palavras que completam corretamente o trecho a seguir. Fechados em suas cascas de ovo, os embriões de __________ e ____________ devem "viver" com seus produtos residuais até a época de sair da casca. O problema é resolvido pela conversão da amônia em ácido úrico, que é, então, armazenado no(a) _____________. a) répteis, aves, alantóide. b) répteis, aves, córion. c) anfíbios, répteis, alantóide. d) anfíbios, répteis, córion. e) aves, mamíferos, placenta. 8) (Vunesp) O alantóide é um anexo embrionário cujo desenvolvimento ocorre a partir do: a) aparelho respiratório. b) trato digestivo. c) sistema excretor. d) sistema nervoso. e) aparelho reprodutor. 9) (UFGO) Os anexos alantóide, âmnio e saco vitelínico ocorrem em: a) répteis, aves e mamíferos. b) anfíbios, répteis e aves. c) peixes, répteis e aves. d) anfíbios, aves e mamíferos. e) peixes, aves e mamíferos. 10) (PUC-SP) 0 esquema é referente ao desenvolvimento de um organismo que apresenta ovo telolécito. Os anexos embrionários representados por 1, 2 e 3 correspondem respectivamente a:

a) 1, 2, 3, 4 b) 2, 1, 3, 4 c) 4, 3, 2, 1 d) 1, 2, 4, 3 e) 2, 1, 4, 3 12) (UFMG) Observe a figura:

Essa figura representa uma das fases iniciais do desenvolvimento embrionário de um cordado. Todas as estruturas indicadas estão presentes nessa fase, exceto: a) arquêntero. b) blastocele. c) blastóporo. d) celoma. e) endoderme.

Parte III: Anexos embrionários
1) (Fuvest-SP) Qual das alternativas é a melhor explicação para a expansão e o domínio dos répteis durante a Era Mesozóica, incluindo o aparecimento dos dinossauros e sua ampla distribuição em diversos nichos do ambiente terrestre? a) Prolongado cuidado com a prole, garantindo proteção contra os predadores naturais, b) Aparecimento de ovo com casca, capaz de evitar o dessecamento. c) Vantagens sobre os anfíbios na competição pelo alimento. d) Extinção dos predadores naturais e conseqüente explosão populacional. e) Abundância de alimentos nos ambientes aquáticos abandonados pelos anfíbios. 2) (F. F. O. Diamantina-MG) Na figura, a e b representam, respectivamente: a) excretas e nutrientes. b) excretas e cálcio. c) O2 e nutrientes. d) CO2 e O2. e) uréia e hormônios.

3

a) córion, âmnio e saco vitelínico. b) saco vitelínico, alantóide e âmnio. c) alantóide, córion e saco vitelínico. d) córion, saco vitelínico e alantóide. e) âmnio, alantóide e saco vitelínico.

De posse destes dados ele concluiu que os ovos examinados: a) eram de répteis ou de anfíbios. b) eram de répteis ou de aves. c) eram de anfíbios ou de aves. d) não eram de répteis. e) não eram de aves. 17) (CESCEM) Considerando-se somente o alantóide e o âmnio dos embriões de galinha e humanos, a função de reter resíduos nitrogenados sólidos, não-difusíveis, é normalmente executada apenas pelo: a) alantóide do embrião de galinha. b) alantóide do embrião humano. c) âmnio do embrião humano. d) âmnio do embrião humano. e) âmnio do embrião de galinha e alantóide do embrião humano. 18) (PUC) Assinale a alternativa que apresente três vertebrados amniotas: a) sapo, tartaruga e galinha. b) tubarão, sapo e jacaré. c) corvina, salamandra e tartaruga. d) cobra, galinha e camundongo. e) tubarão, jacaré e camundongo. 19) (CESESP) Esta questão e a seguinte devem ser respondidas com base na figura I, que é uma estrutura embrionária.

11) (FCM-MG) Assinale a alternativa correta. São amniotas: a) aves, répteis e mamíferos b) anfíbios, répteis e aves. c) peixes, anfíbios e répteis. d) peixes, répteis e mamíferos e) anfíbios, répteis e mamíferos. 12) (UFRN) Nos peixes, o único anexo embrionário é: a) a placenta. b) o cório. c) o âmnio d) o alantóide. e) o saco vitelínico 13) (PUC) O esquema abaixo representa, de maneira simplificada, uma das fases do desenvolvimento embrionário de uma ave:

As setas A B C D E apontam, respectivamente, os anexos : Durante o desenvolvimento de um mamífero placentário, encontra-se (ou encontram-se) bem desenvolvido(s) a) apenas I. b) apenas II. c) apenas III. d) apenas I e lIl. e) I, II e III. 14) (CESCEM) Durante o desenvolvimento embrionário de vertebrados ovíparos terrestres, os excretas nitrogenados: a) ficam armazenados no ovo na forma de ácido úrico. b) ficam armazenados no ovo na forma de uréia. c) ficam dissolvidos no vitelo na forma de amônia ou uréia. d) difundem-se através da casca na forma de amônia. e) difundem-se através da casca na forma de ácido úrico. 15) (OSEC) Os esquemas a seguir apresentam o embrião humano e o de galinha, mostrando estruturas equivalentes, indicadas por setas. O alantóide, o embrião, o âmnion, o saco vitelino, a cavidade amniótica com o líquido amniótico, estão apontados, respectivamente, pelas setas: a) casca, córion, alantóide, saco vitelino e âmnio. b) córion, casca, alantóide, âmnio e saco vitelino. c) âmnio, córion, casca, alantóide e saco vitelino. d) córion, casca, saco vitelino, alantóide e âmnio. e) alantóide, casca, córion, âmnio e saco vitelino . 20) (CESESP) Ainda analisando a figura 1 podemos constatar que é um corte: a) transversal de um ovo terrestre. b) transversal de um ovo aquático. c) longitudinal de um ovo terrestre. d) longitudinal de um ovo aquático. e) longitudinal de um ovo uterino. 21) (PUCC-SP) Considere os seguintes anexos embrionários e algumas de suas funções: I. Âmnio - evitar ressecamento. II. Alantóide - armazenar substâncias tóxicas e realizar trocas gasosas com o meio. III. Saco vitelínico - garantir o suprimento alimentar. Embriões que apresentam os anexos I, II e III são de: a) vertebrados que efetuam a postura no ambiente terrestre. b) insetos com desenvolvimento direto. c) vertebrados exclusivamente aquáticos. d) insetos com desenvolvimento indireto. e) anfíbios com segmentação total.

a) 1, 2, 3, 4, 5 b) 1, 2, 4, 5, 3 c) 2, 3, 4, 1, 5 d) 1, 3, 4, 2, 5 e) 1, 4, 3, 5, 2

Parte IV: Organogênese
1) (PUC-MG) Numere a segunda coluna de acordo com a primeira: 1.endoderma 2. mesoderma 3. ectoderma ( ( ( ( ( ( ( ) tecido ósseo ) sistema nervoso ) rins ) fígado ) pâncreas ) glândulas mamárias ) tecido muscular cardíaco

16) (PUC-SP) Um pesquisador, ao examinar ovos não identificados de determinado animal, anotou as seguintes observações: 1. 2. 3. 4. 5. presença de âmnio e de alantóide. segmentação parcial. presença de placa neural . somitos de origem mesodérmica. grande quantidade de vitelo.

Feita a correlação, a seqüência numérica correta, de cima para baixo, é: a) 1, 1, 2, 1, 3, 3, 2 b) 1, 2, 3, 3, 3, 2, 1 c) 2, 3, 2, 1, 1, 3, 2

4

d) 3, 2, 2, 1, 3, 2, 3 e) 3, 3, 2, 2, 1, 1, 1 2) (Fuvest-SP) Nos vertebrados, derme, pulmão e cérebro são, respectivamente, de origem: a) mesodérmica, endodérmica e ectodérmica. b) ectodérmica, endodérmica e mesodérmica, c) mesodérmica, ectodérmica e endodérmica d) endodérmica ectodérmica e mesodérmica. e) ectodérmica, mesodérmica e endodérmica 3) (UFES) A estrutura tubular apontada tem origem a partir de um processo de invaginação de células ectodérmicas, que ocorre no dorso do embrião e tem por função originar o(a):

b) esqueleto, epitélio do tubo digestivo, glândulas da epiderme. c) esqueleto, musculatura, tecido conjuntivo. d) epiderme, tecido conjuntivo, musculatura . e) epitélio do tubo digestivo, sistema nervoso, tecido conjuntivo. 6) (OSEC) O celoma no homem é representado por: a) cavidade craniana e medular. b) cavidade pélvica. c) cavidade torácica e abdominal . d) vias respiratórias e digestivas . e) sistema cardiovascular. 7) (FATEC) Nos vertebrados os folhetos embrionários, ectoderme, mesoderme e endoderme, evoluem dando origem, respectivamente, a: ECTODERME epiderme pulmões miocárdio cérebro células germinativas MESODERME músculos estriados músculos lisos músculos estriados músculos estriados aparelho urogenital ENDODERME vesículas ópticas cérebro tubo digestivo pulmões hipófise

a) celoma b) placenta. c) notocorda. d) intestino primitivo. e) sistema nervoso. 4) (OSEC) No esquema ao lado, representativo do desenvolvimento de um cordado, o sistema nervoso, a notocorda e o trato digestivo são representados, respectivamente, por: a) 3 - 1 – 4 b) 1 - 3 – 4 c) 1 - 3 – 2 d) 3 - 1 – 2 e) 1 - 3 – 5

a) b) c) d) e)

8) (UEPG-PR) Coração, cérebro e glândulas anexas do tubo digestivo se originam, respectivamente, dos seguintes folhetos germinativos: a) mesoderme, ectoderme e endoderme. b) ectoderme, endoderme e mesoderme. c) endoderme, mesoderme e ectoderme. d) mesoderme, endoderme e ectoderme. e) endoderme, ectoderme e mesoderme. 9) (PUC-MG) Um feto de cão teve malformação da medula espinhal. É correto afirmar que houve problemas no desenvolvimento embrionário: a) do arquêntero. b) da mesoderme. c) da endoderme. d) da ectoderme e) do celoma

5) (FGV) Se houver problemas no desenvolvimento embrionário da mesoderme ou do mesênquima de um mamífero, este poderá apresentar posteriormente defeitos em quais dos seguintes três órgãos ou tecidos: a) tecido conjuntivo, sistema nervoso, esqueleto

GABARITO
Parte I – Tipos de ovos e segmentação

1- B 211- D 1- A 11- E

D

3-

C

4-

D

5-

A

6-

B

7-

D

8-

C

9-

A

10- D

Parte II – Embriogênese

2- D 12- D

3-

B

4-

D

5-

E

6-

E

7-

C

8-

A

9-

C

10- A

Parte III – Anexos embrionários

1- B 2- D 11- A 12- E 21- A 1C 2A

3- D 13- A

4- B 14- A

5- C 15- D

6- D 16- B

7- A 17- A

8- B 18- D

9- A 19- B

10- E 20- C

Parte IV - Organogênese

3-

E

4-

B

5-

C

6-

C

7-

D

8-

A

9-

D

5

INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia - Evolução e Origem Da Vida
Parte I: Lamarckismo e Darwinismo
1. (UFGO) Há alterações estruturais decorrentes da adaptação de uma espécie, em resposta a novas necessidades impostas por mudanças ambientais, e essas alterações são transmitidas à prole. Esta idéia faz parte da teoria de: a) Lamarck. b) Darwin. c) Wallace. d) Lyell. e) Malthus. Esse texto se relaciona a) lei do uso e desuso. b) herança dos caracteres adquiridos. c) hipótese do aumento da população em progressão geométrica. d) hipótese do aumento de alimento em progressão aritmética. e) seleção natural. 7. (UFMG-MG) "De tanto comer vegetais, o intestino dos herbívoros aos poucos foi ficando longo." Essa frase está de acordo com qual destas teorias? a) Darwinismo b) Mutacionismo c) Lamarckismo d) Mendelismo e) Neodarwinismo

2. (UFRN) A característica - musculatura desenvolvida - adquirida por um halterofilista deverá ser transmitida a seus descendentes. Esta afirmação se baseia na teoria evolucionista enunciada por: a) Lineu. b) Darwin c) Malthus. d) Lamarck. e) Mendel.

3. (UFRS) Os princípios a seguir relacionados referem-se à teoria da evolução das espécies. I. Adaptação ao meio. II . Seleção natural . III. Mutação. IV. Lei do uso e desuso. V. Herança dos caracteres adquiridos Lamarck, em sua teoria, considerou a) I, II e III. b) II, III e IV. c) I, IV e V. d) II, IV e V. e) II, III e V.

8. (PUC-SP) Na tentativa de explicar o mecanismo através do qual os organismos evoluem, salientaram-se os cientistas Jean Baptiste Lamarck e Charles Darwin. Para o primeiro, existe um fator que é a causa da variação e, para o segundo, esse mesmo fator é o que seleciona. O fator mencionado acima: a) é a grande capacidade de reprodução dos organismos vivos. b) são as variações hereditárias transmissíveis. c) é o uso e o desuso. d) é o ambiente. e) é a reprodução sexuada. 9. (UFRS) O gráfico abaixo descreve um fenômeno que deu a Darwin a idéia do mecanismo da seleção natural como determinante da evolução.

4. (UnB) Entre os princípios básicos abaixo, o único que não faz parte da teoria da evolução de Darwin é: a) O número de indivíduos de uma espécie mantêm-se mais ou menos constante no decorrer das gerações. b) A seleção dos indivíduos de uma espécie se faz ao acaso. c) Os indivíduos de uma espécie apresentam variações em suas características. d) No decorrer das gerações, aumenta a adaptação dos indivíduos ao meio ambiente. e) O meio ambiente é o responsável pelo processo de seleção. 5. (Vunesp-SP) Em relação à evolução biológica, observe as afirmativas abaixo: I. A girafa evoluiu de ancestrais de pescoço curto, o qual se desenvolveu gradativamente pelo esforço do animal para alcançar as folhas das árvores mais altas. II. Os ancestrais da girafa apresentavam pescoço de comprimentos variáveis. Após várias gerações, o grupo mostrou um aumento no número de indivíduos com pescoço mais comprido, devido à seleção natural. III. Os indivíduos mais adaptados deixam um número maior de descendentes em relação aos não-adaptados. IV. As características que se desenvolvem pelo uso são transmitidas de geração a geração. Assinale: a) se I, II e III estiverem de acordo com Lamarck e IV com Darwin; b) se I e III estiverem de acordo com Lamarck e II e IV com Darwin. c) se I e IV estiverem de acordo com Lamarck e II e III com Darwin; d) se I, II, III e IV estiverem de acordo com Lamarck; e) se I , II , I II e IV estiverem de acordo com Darwin. 6. (Cesgranrio-RJ) Em um ambiente qualquer, os indivíduos com características que tendem a aumentar sua capacidade de sobrevivência têm maior probabilidade de atingir a época de reprodução. Assim, em cada geração, podemos esperar um pequeno aumento na proporção de indivíduos de maior viabilidade, isto é, que possui maior número de características favoráveis à sobrevivência dos mais aptos. No gráfico, as linhas A e B descrevem, respectivamente, os aumentos: a) de uma população e de seus recursos alimentares. b) de duas espécies em competição. c) das espécies predadoras e das espécies parasitas. d) das espécies hospedeiras e das espécies parasitas. e) da poluição ambiental e de uma população causadora desta poluição. 10. (F. OBJETIVO-SP) O principal ponto positivo do Darwinismo foi: a) a descoberta das mutações. b) o estabelecimento da lei do uso e do desuso. c) a descoberta da origem das variações. d) o conceito de seleção natural. e) a determinação da imutabilidade das espécies. 11. Considere os seguintes fatos relacionados com a evolução das espécies: (I) lei do uso e do desuso; (II) seleção natural; (III) herança dos caracteres adquiridos; (IV) mutação; (V) isolamento de girafas. A hipótese de Lamarck era fundamentada em: a) I e III b) I, III e IV c) I, III, IV e V d) I, III e V e) I, II e V 12. (UFAC) A lei do uso e desuso e a transmissão das características adquiridas caracterizam o: a) lamarckismo. b) criacionismo. c) darwinismo. d) fixismo. e) mendelismo.

1

13. (UNEB-BA) "A formação de um novo órgão no corpo é o resultado de uma nova necessidade." Nesta afirmação, está implícita a teoria proposta por: a) Darwin. b) Oparin. c) Mendel. d) Pasteur. e) Lamarck. 14. (MACK-SP) As teorias da transmissão hereditária dos caracteres adquiridos e da seleção natural foram propostas, respectivamente por: a) Darwin e Lamarck. b) Lamarck e Darwin. c) Darwin e Weismann. d) Weismann e Darwin. e) Lamarck e Mendel. 15. (PUC-RJ) Lamarck (1744-1829) foi um dos únicos a propor, antes de Darwin, uma hipótese bem elaborada para explicar a evolução. Analise as três afirmações abaixo, verificando a(s) que poderia(m) ser atribuida(s) a Lamarck: I. A falta de uso de um órgão provoca a sua atrofia e, conseqúentemente, o seu desaparecimento. II. Na luta pela vida, os jovens menos adaptados são eliminados, perpetuando-se os mais fortes. III. Os caracteres adquiridos podem ser transmitidos de uma geração a outra. Marque a opção correta: a) somente I b) somente II c) somente III d) somente I e II e) somente I e III 16. (OSEC-SP) "Seus ancestrais eram animais de quatro patas como os demais répteis. Uma necessidade surgiu e esses animais passaram a se mover deslizando pelo solo e esticando o corpo para atravessar passagens estreitas. Nessas condições as patas deixaram de ter utilidade e passaram até a prejudicar o deslizamento. As patas, pela falta de uso, foram se atrofiando e, após um longo tempo, desapareceram por completo". Este texto exemplifica a teoria denominada: a) seleção natural. b) morganismo. c) darwinismo. d) lamarckismo. e) fixismo. 17. (UFRS) As afirmativas abaixo estão baseadas em teorias evolutivas. I. As características adquiridas ao longo da vida de um organismo são transmitidas aos seus descendentes. II. Uma ginasta que desenvolveu músculos fortes, através de intensos exercícios, terá filhos com a musculatura bem desenvolvida. III. 0 ambiente seleciona a variabilidade existente em uma população. IV Em uma ninhada de cães, o animal mais bem adaptado às condições de vida existentes sobreviverá por mais tempo e, portanto, terá oportunidade de gerar um número maior de cãezinhos semelhantes a ele. A alternativa que contém, respectivamente, idéias de Lamarck e de Darwvin é: a) I e II. b) I e IV. c) III e II. d) III e IV. e) IV e II. 18. (UFRN) August Weismann cortou a cauda de camundongos durante mais de cem gerações e verificou que as novas ninhadas continuavam a apresentar aquele órgão perfeitamente normal. Dessa experiência pode-se concluir que: a) as espécies são fixas e imutáveis. b) quanto mais se utiliza determinado órgão, mais ele se desenvolve. c) a evolução se processa dos seres vivos mais simples para os mais complexos. d) a seleção natural e as mutações são fatores que condicionam a evolução dos seres vivos. e) os caracteres adquiridos do meio ambiente não são transmitidos aos descendentes. 19. (Ceeteps-SP) "Existem os mais fortes e os mais fracos, os sexualmente mais atraentes e os menos atraentes, os mais adaptados às

condições ambientais e os menos adaptados; por isso, numa mesma espécie, os indivíduos não são exatamente iguais entre si. Sendo que os mais adaptados se perpetuam e os menos adaptados tendem a ser eliminados da população." Esse texto está de acordo com o conceito: a) fixista. b) da transmissão de caracteres adquiridos. c) da geração espontânea. d) naturalista. e) da seleção natural. 20. (PUC/Campinas-SP) Considere a seguinte afirmativa: "Entende-se por ____________ a maior sobrevivência dos indivíduos mais bem adaptados a um determinado ambiente que estão em competição com outros menos adaptados". Para completá-la corretamente, a lacuna deve ser preenchida por: a) mutação. b) migração. c) variabilidade. d) seleção natural. e) oscilação genética. 21. (U. Caxias de Sul-RS) "As populações crescem em progressão geométrica, enquanto as reservas alimentares crescem em progressão aritmética." Quem chegou a essa conclusão foi: a) Charles Darwin. b) Jean Lamarck. c) Thomas Malthus. d) Ernst Haeckel. e) Gregor Mendel. 22. (Unisinos-RS) Existem, pelo menos, dois gêneros de siris habitando o litoral gaúcho e um deles, o Arenaeus, se confunde facilmente com a areia do fundo do mar, já que a sua carapaça assume cor e desenho semelhante. Essa semelhança: a) é resultante do tipo de sua alimentação. b) é resultante da seleção natural. c) é absolutamente fortuita. d) lembra a origem evolutiva dos animais que foram originários do solo. e) é devida à forma que o animal passa a ter para poder se defender. 23. (F Dom Bosco-DF) Analise as proposições: I. As girafas ficaram com o pescoço comprido para comerem as folhas situadas em árvores altas. II. Algumas girafas, por terem pescoço comprido, podiam comer as folhas situadas em árvores altas. III. Um halterofilista, com a musculatura desenvolvida à custa de muito exercício, deverá ter filhos com grande desenvolvimento muscular. Essas proposições podem ser atribuídas respectivamente a: a) Lamarck, Lamarck, Darwin. b) Darwin, Lamarck, Lamarck. c) Lamarck, Darwin, Lamarck. d) Darwin, Darwin, Darwin. e) Lamarck, Lamarck, Lamarck. 24. (UEPA) Dos postulados abaixo, qual deles está mais diretamente relacionado a Charles Darwin? a) As características adquiridas pelo uso são transmitidas de geração em geração. b) Um órgão ou uma outra estrutura qualquer se desenvolve quando o meio externo impõe tal necessidade. c) A evolução resulta de modificações nos genes dos indivíduos, que por sua vez serão transmitidas aos seus descendentes. d) A mutação é uma alteração na seqüência de bases do DNA. e) Através da seleção natural, as espécies serão representadas por indivíduos cada vez mais adaptados. 25. (Unifor-CE) Considere os itens que seguem. I. Comprovação da transmissão das características adquiridas. II. Desenvolvimento do conceito de adaptação dos indivíduos ao meio ambiente. III. Descoberta dos mecanismos responsáveis pela variabilidade genética de uma população. A contribuição de Lamarck à teoria da evolução reside em: a) I apenas. b) II apenas. c) I e III apenas. d) II e III apenas. e) I, II e III.

2

26. (U. Católica de Salvador-BA) Considere as afirmações a seguir: I. As garças desenvolveram pernas longas esticando-se para manter o corpo fora da água. II. Os peixes de cavernas tornaram-se cegos por não precisarem mais da visão. III. As girafas aumentaram o comprimento dos pescoços esticando-se para atingir as folhas no topo das árvores. É possível considerar compatível com a teoria de Lamarck: a) apenas I. b) apenas II. c) apenas I e II. d) apenas I e III. e) I, II e III. 27. (Cesupa/Cesam-PA) Em Manchester, cidade inglesa, no século passado os troncos das árvores dos arredores da cidade eram cobertos por mariposas da espécie Biston betularia de cor clara. Com o decorrer dos anos veio a instalação de complexos industriais, e a poluição (fumaça e fuligem) enegreceu os troncos das árvores; atualmente os troncos das árvores apresentam um grande número de mariposas escuras, e as mariposas claras estão muito reduzidas. Analise abaixo duas explicações sobre a mudança das mariposas. Explicação I As mariposas de cor escura foram favorecidas porque não poderiam ser mais visualizadas facilmente e comidas pelos predadores, passando a reproduzir-se e a constituir a maior parte da população de mariposas. Explicação II As mariposas de cor clara necessitaram adquirir a cor escura para se confundir com os troncos e se proteger dos predadores, transmitindo aos descendentes esta característica, e desta maneira ocorreu a mudança de cor das mariposas. Após a análise podemos afirmar que: a) a explicação I é lamarckista e a II é darwinista. b) a explicação I é darwinista e a II é lamarckista. c) ambas são lamarckistas. d) ambas são darwinistas. e) as explicações não são nem lamarckistas e nem darwinistas. 28. (U. Gama Filho-RJ) Observe a explicação de um paleontólogo para o surgimento de carapaças em tartarugas. "Tudo começou há 245 milhões de anos com o Pareiassauro. Esse lagartão herbívoro tinha uma digestão muito lenta e precisava se entupir de comida. Então desenvolveu a carapaça para se proteger dos predadores enquanto fazia sua demorada digestão." A idéia de que os seres vivos desenvolvem características para se adaptar ao meio ambiente está ligada a: a) Darwin. b) Lamarck. c) Malthus. d) Mendel. e) Oparin. 29. (Osec-SP) O autor do livro Origem das espécies é: a) Lamarck. b) Mendel. c) Wallace. d) Lineu. e) Darwin. 30. (UEBA) A idéia de uma seleção natural, segundo a qual os organismos mais bem adaptados ao meio têm maiores chances de sobrevivência e produzem um número maior de descendentes, é a base: a) da teoria lamarckista, apenas. b) da teoria darwinista, apenas. c) da teoria neodarwinista, apenas. d) das teorias lamarckista e darwinista. e) das teorias darwinista e neodarwinista. 31. (CESGRANRIO-RJ) A seleção natural constituiu a base da teoria da evolução de Darwin. Existem vários requisitos para o processo da seleção natural: I. Existência de organismos capazes de se reproduzirem. II. Existência de diferenças hereditárias entre os organismos. III. Ausência da interação dos organismos com o ambiente. Assinale a) se somente a afirmativa I for correta;

b) se somente a afirmativa II for correta, c) se somente a afirmativa III for correta; d) se somente as afirmativas I e II forem corretas; e) se somente as afirmativas II e III forem corretas 32. (UFPB) Segundo a teoria darwinista, a afirmação que explica de maneira mais correta a resistência de bactérias aos antibióticos é: a) Os antibióticos levam à formação de bactérias resistentes. b) Todas as bactérias adaptam-se aos antibióticos. c) Os antibióticos selecionam as bactérias resistentes. d) 0 uso inadequado de antibióticos provoca mutações nas bactérias. e) As bactérias tornaram-se resistentes aos antibióticos devido ao contato com eles. 33. (UFRS) Sabe-se que, atualmente, mais de vinte espécies de insetos desenvolveram resistência aos inseticidas; metade destas espécies é constituída de parasitas de culturas agrícolas e a outra metade por vetores de doenças. Em vertebrados, a resistência surge mais lentamente que nos insetos. 0 aparecimento de populações resistentes aos inseticidas pode ser explicado: a) pela herança dos caracteres adquiridos b) pelo aparecimento de mutações induzidas c) pelo isolamento reprodutivo entre as populações. d) pela lei do uso e desuso. e) pela seleção natural.

Parte II: Mutações
1. Analise as seguintes afirmativas: I - A seleção natural tende a limitar a variabilidade da espécie pela eliminação dos caracteres não adaptativos. II - Um animal qualquer é bem-sucedido na luta pela existência se sobreviver até a reprodução. III - As recombinações cromossômicas e as mutações resultam em populações com menor variabilidade genética. IV - A variabilidade genética é função direta das mutações cromossômicas e independe das recombinações cromossômicas. Estão CORRETAS: a) I e III b) II e III c) Ill e IV d) I e II e) II e IV 2. Com relação às mutações, qual a alternativa correta? a) reduzem a variabilidade genética. b) surgem para adaptar os seres. c) agem da mesma forma que a seleção natural, isto é, são de efeito muito rápido. d) são ao acaso sempre produzindo genes deletérios. e) podem aumentar a sua taxa devido a agentes do meio ambiente como o calor e a radiação. 3. Considere a seguinte frase a ser completada: “Sem ( I ) não há variabilidade; sem variabilidade não há ( II ) e, conseqüentemente, não há ( III )”. Os termos que substituindo os números tornam essa frase logicamente correta são: a) b) c) d) e) (I) = evolução (I) = evolução (I) = mutação (I) = mutação (I) = seleção (II) = seleção (II) = mutação (II) = evolução (II) = seleção (II) = mutação (III) (III) (III) (III) (III) = mutação = seleção = seleção = evolução = evolução

4. (COVESP) As mutações genéticas desempenham grande papel na evolução. Assinale a alternativa que não explica corretamente o papel das mutações. a) A mutação é a fonte primária da variabilidade do mundo vivo. b) Se não ocorressem mutações, a evolução orgânica não teria acontecido. c) A mutação não ocorre ao acaso, isto é, novas formas de genes só aparecem de acordo com as necessidades dos organismos. d) A evolução é uma prova de que os genes sofrem mutação pois só a variabilidade trazida por elas torna possível a seleção natural. e) 0 resultado de uma mutação é a origem de uma molécula de DNA com uma nova seqüência de bases. 5. (Fuvest-SP) Nas cianofíceas não se conhece nenhum processo de reprodução sexuada. Nesse grupo a variabilidade genética é causada especialmente por.

3

a) recombinação genética. b) mutação. c) permutação. d) conjugação. e) cruzamentos seletivos. 6. (CESESP-PE) A mutação é um fator de evolução que a) reduz a variedade genética. b) aumenta e reduz a variedade genética. c) aumenta a variedade genética. d) ocorre na natureza. sempre produzindo genes prejudiciais. e) age da mesma maneira que a seleção natural, Isto é, tem efeito rápido. 7. (UFRS) Contaminações ambientais com material radiativo, como aconteceu em Chernobyl (Ucrânla), em 1986, são perigosas para os seres vivos porque: a) provocam mutações. b) causam diminuição da oxigenação das células. c) Impedem o envelhecimento celular. d) aceleram muito o metabolismo da síntese protéica. e) estimulam muito o crescimento celular. Em que parte da curva é evidenciada a seleção dos indivíduos resistentes ao DDT ? a) I b) II c) III d) IV e) V 7. Assinale a alternativa correta: a) A idéia de que os seres vivos sofreriam mudanças com o decorrer do tempo estava presente na hipótese de Lamarck e de Darwin. b) A descoberta de fósseis de animais, durante a viagem de Darwin no navio Beagle, quase arruinou a teoria evolutiva desse cientista. c) A moderna teoria da evolução, ao aceitar como fatores evolutivos a mutação e a recombinação gênica, descarta o papel da seleção natural. d) As diferenças fenotípicas entre indivíduos de uma mesma população refletem apenas as diferenças genotípicas pois não sofrem a ação do meio ambiente. e) O fenômeno de oscilação genética, que afeta a freqüência gênica de uma população, independe da seleção natural. 8. (UFSC) A respeito da evolução dos seres vivos, é incorreto afirmar: a) A seleção natural atua selecionando os caracteres determinados por genes dominantes. b) Segundo Lamarck, os caracteres adquiridos por influência do meio podem ser herdados. c) Seleção natural, mutações, imigrações, emigrações e oscilação genética são mecanismos que conduzem à evolução. d) Entre as evidências que comprovam a evolução dos seres vivos, podemos citar os fósseis, os órgãos vestigiais e as estruturas homólogas. e) Indivíduos da mesma espécie são aqueles capazes de se intercruzarem produzindo descendentes férteis. 9. (UFMG) Famoso exemplo de evolução é o dos tentilhões, tipo de ave encontrado nas Ilhas Galápagos por Darwin. Diferentes espécies de tentilhões habitam as diversas ilhas do arquipélago. A principal diferença entre as espécies refere-se à forma do bico. Verificou-se que essa forma variou conforme o tipo de alimento disponível em cada ilha. Acredita-se que todas as espécies de tentilhões de Galápagos possuam um mesmo ancestral. Todas as afirmações seguintes constituem explicações certas das etapas da evolução dos tentilhões, exceto uma: a) A migração para ilhas diferentes determinou um isolamento geográfico. b) Mutações diferentes ocorreram em cada ilha, determinadas pelo alimento disponível. c) Em cada ilha, a seleção natural eliminou os mutantes nãoadaptados. d) Novas mutações foram se acumulando nas populações de cada ilha. e) Os tentilhões de cada ilha tornaram-se tão diferentes que se estabeleceu isolamento reprodutivo. 10. (Acafe-SC) A teoria evolucionista, proposta por Darwin, foi enriquecida a partir de novos conhecimentos científicos, dando origem à Teoria Sintética da Evolução. Segundo essa teoria, os principais fatores evolucionistas são: a) seleção natural, divisão celular e lei do uso e do desuso. b) mutação genética, recombinação genética e seleção natural. c) respiração celular divisão mitótica e recombinação gênica. d) seleção artificial, divisão mitótica e crossing over. e) transmissão das características adquiridas mutação gênica e divisão celular. 11. (Fuvest-SP) São mecanismos responsáveis pelo aumento da variabilidade genética dos organismos: a) a mutação, a seleção natural e a partenogênese. b) a mutação, a autogamia e a recombinação gênica.

Parte III: Neo-Darwinismo
1. Uma explosão populacional de gafanhotos tem como conseqüência imediata: a) o aumento de variabilidade genética. b) a redução de pressão seletiva. c) a especiação. d) a formação de barreiras ecológicas. e) a formação de barreiras reprodutivas. 2. (CESGRANRIO-RJ) A teoria sintética ou moderna para explicar o mecanismo da evolução considera como fatores principais: a) mutação, recombinação gênica e seleção natural. b) mutação, oscilação gênica e adaptação. c) segregação cromossômica, recombinação e especiação. d) migração, seleção natural e adaptação. e) segregação cromossômica, especiação e oscilação gênica.

3. Duas raças, X e Y, isoladas geograficamente, depois de determinado tempo passaram a viver numa mesma área e houve cruzamentos inter-raciais. Constatou-se que o híbrido do cruzamento X e Y tinha viabilidade baixa. Este fato pode levar: a) à extinção das raças b) à fusão das duas raças, com o aparecimento de uma terceira. c) ao acentuamento da diferença entre X e Y, com uma conseqüente especiação. d) ao aumento numérico dos indivíduos da raça X e diminuição dos indivíduos da raça Y. e) ao aumento numérico dos indivíduos da raça Y e diminuição dos indivíduos da raça X. 4. As fêmeas das araras são fortemente atraídas pela cor vermelha dos machos. Essa coloração é dada pelo pigmento lipocroma. Este seria um exemplo de: a) isolamento mecânico b) seleção natural c) isolamento temporal d) deriva genética e) balanceamento gênico 5. Durante um tratamento com antibiótico, o médico observou que seu paciente apresentou sensível melhora até o 7° dia . A partir daí, a infecção começou a aumentar e aos 12 dias o antibiótico não era mais eficaz. Qual das alternativas melhor explica o fato? a) Bactérias submetidas a antibióticos tornaram-se dependentes deles para seu crescimento. b) Pequenas doses de antibiótico desenvolvem resistência em bactérias. c) Bactérias resistentes foram selecionadas pelo uso de antibiótico. d) O antibiótico modificou o ambiente e provocou mutação nas bactérias. e) As bactérias adaptaram-se ao meio com antibiótico. 6. Em uma localidade infestada por mosquitos, aplicou-se DDT durante vários meses seguidos. Contagens periódicas da população desses insetos deram o seguinte gráfico:

4

c) a mutação, a segregação independente dos cromossomos e a recombinação gênica. d) a seleção natural, a segregação independente dos cromossomos e a autogamia. e) a seleção natural, a recombinação gênica e a partenogênese. 12. (E Anhembi Morumbi-SP) A teoria sintética da evolução ou neodarwinismo: a) foi formulada por Darwin. b) foi formulada por Mendel. c) foi formulada por Lamarck. d) incorpora a idéia de seleção natural à luz da Genética. e) interpreta a evolução à luz da teoria de herança dos caracteres adquiridos, de Lamarck. 13. (U. Gama Filho-RJ) Doenças "antigas", como a tuberculose e a pneumonia, estão em franco ressurgimento. Segundo dados da OMS (Organização Mundial de Saúde), três milhões de pessoas morrem a cada ano de tuberculose. (Revista Veja, 21/9/1994.) A resistência de bactérias a antibióticos é justificada em uma das opções abaixo. Indique-a. a) O uso indiscriminado de antibióticos provoca mutações nas bactérias. b) Os antibióticos selecionam as bactérias resistentes. c) Os antibióticos levam à formação de bactérias resistentes. d) As bactérias se acostumam aos antibióticos. e) As bactérias desenvolvem substâncias específicas contra os antibióticos. 14. (E E C. L. Belo Horizonte-MG) Um dos fatores evolutivos que tendem a aumentar a variabilidade genética da população é a: a) migração. b) oscilação genética. c) seleção natural. d) mutação gênica. e) adaptação darwiniana 15. (U. Ribeirão Preto-SP) Como resultado da evolução, as espécies tendem a ficar cada vez mais bem adaptadas ao ambiente onde vivem. Essas adaptações constituem uma conseqüência automática de: a) intensas mutações, rápidas e bruscas. b) mutações no nível do material genético, acumuladas lenta e progressivamente. c) influências estritas do ambiente, sem alteração do patrimônio genético da espécie. d) maior intensidade do ritmo reprodutivo das espécies. e) tipos diversos de alimentos. 16. (UEPA) "A ciência admite como verdadeiro o processo de evolução e considera responsáveis pela mesma as mutações e a seleção natural". O texto refere-se à teoria denominada: a) mutacionismo. b) darwinismo. c) lamarckismo. d) neodarwinismo. e) fixismo. 17. (Fuvest-SP) Um estudante levantou algumas hipóteses para explicar por que em alguns rios de caverna os peixes são cegos. Qual delas está de acordo com a teoria sintética da evolução? a) No ambiente escuro das cavernas, os olhos se atrofiaram como conseqüência da falta de uso. b) Os olhos, sem utilidade na escuridão das cavernas, se transformaram ao longo do tempo em órgãos táteis. c) No ambiente escuro das cavernas, os peixes cegos apresentaram vantagens adaptativas em relação aos não cegos. d) A falta de luz nas cavernas induziu mutação deletéria drástica, que levou à regressão dos olhos num curto espaço de tempo. e) A falta de luz nas cavernas induziu mutações sucessivas que ao longo de muitas gerações levaram à regressão dos olhos. 18. (PUC-MG) "Quanto maior for a variabilidade genética de uma população, maior será a capacidade dela se adaptar às adversidades do meio." Essa afirmação e: a) falsa, porque a variabilidade tem valor individual e não populacional. b) verdadeira, pois maior variabilidade genética indica maior capacidade de resposta às mudanças ambientais

c) falsa, porque é o meio que determinará no indivíduo as mudanças genéticas necessárias e apropriadas ao momento. d) verdadeira, porque corresponde aos preceitos elaborados por Lamarck na teoria de uso e desuso. e) questionável, pois não há evidências seguras do real valor da variabilidade genética. 19. (U. Católica de Salvador-BA) Considere as afirmações: I. O ambiente seleciona os organismos mais adaptados às suas condições. II. As modificações sofridas pelos órgãos durante a vida do organismo são transmitidas aos descendentes. III. As fontes responsáveis pela grande variabilidade entre os indivíduos da mesma espécie são: mutação e recombinação. IV. Quanto mais um órgão é usado, mais ele se desenvolve. O neodarwinismo aceita apenas: a) I. b) l e II c) I e III. d) II e IV. e) III e IV. 20. (PUC-MG) Considere os seguintes itens: I. Reprodução panmítica. II. População pequena. III. Ocorrência de seleção natural. IV. Ausência de mutações. São condições para que uma população não evolua: a) I, II, III e IV. b) I e IV apenas. c) II e III apenas. d) I e II apenas. e) III e IV apenas. 21. (Unirio) O neodarwinismo admite como principais fatores evolutivos de uma espécie: a) imutabilidade e herança dos caracteres adquiridos. b) uso e desuso dos órgãos, seleção natural e herança dos caracteres adquiridos. c) seleção natural, conservação da espécie e reprodução. d) mutação, recombinação gênica e seleção natural. e) adaptação, eliminação dos menos aptos, e uso e desuso dos órgãos. 22. (UFES) Um pesquisador, submetendo uma população de moscas a diferentes doses de raios X, observou o seguinte resultado em relação ao número de mutações: Dose de raios X 0 20 40 60 80 100 Número de mutações 3 25 38 51 74 82

Qual dos gráficos abaixo representa melhor os resultados observados?

5

23. (UFF-RJ) Sabe-se que antibióticos muito úteis por ocasião de seu aparecimento perderam a eficácia no tratamento das infecções. Também no laboratório linhagens de microorganismos sensíveis a determinados antibióticos passam a se desenvolver, apesar da ação destes. Assinale a interpretação correta para o aparecimento da resistência dos microorganismos aos antibióticos: a) 0 excesso de antibiótico causa quebras cromossômicas no organismo doente, diminuindo sua resistência natural. b) Os microorganismos sofrem mutações por ação do antibiótico e passam a se multiplicar mais rapidamente. c) Há seleção dos microorganismos resistentes ao antibiótico, que se multiplicam, enquanto os suscetíveis morrem. d) 0 excesso de antibiótico induz mutações no organismo doente, que se torna suscetível aos microorganismos. e) Os microorganismos vão se habituando à presença do antibiótico, à medida que entram em contato com ele. 24. (FMU-SP) A teoria sintética (ou atual) da evolução admite que: I. as alterações provocadas pelo ambiente nas características físicas de um organismo adulto são transmitidas aos seus descendentes: II. os indivíduos de uma mesma espécie são diferentes entre si. III. a mutação é um fator evolutivo. Observando as afirmativas acima, assinale: a) se apenas I e II estiverem corretas b) se apenas I e III estiverem corretas c) se apenas II e III estiverem d) se apenas I estiver correta e) se apenas II estiver correta 25. (UnB) Todas as opções abaixo são pertinentes à moderna teoria da evolução, exceto: a) Os organismos que se reproduzem assexuadamente são os que têm maior probabilidade de evoluir. b) Em qualquer ambiente, os indivíduos com características para aumentar sua capacidade de sobrevivência têm mais probabilidade de atingir a época de reprodução. c) A adaptação uma característica ecológica, pois consiste na interação de um determinado organismo a um determinado ambiente. d) A evolução resulta de modificações numa população e não em apenas um indivíduo. 26. (Fuvest-SP) Observe as frases abaixo: I. Os membros de uma população natural de uma mesma espécie se cruzam livremente. II. Subespécies de uma mesma espécie são separadas por mecanismos de isolamento reprodutivo. III. 0 isolamento geográfico de populações de uma mesma espécie pode levar à formação de novas espécies. Quais dessas afirmações estão corretas? a) Apenas I. b) Apenas II. c) Apenas I e III. d) Apenas I e II. e) Apenas II e III.

3. (F. de Ciências Agrárias do Pará-PA) Sobre a especiação, podemos afirmar que: a) é o fenômeno pelo qual espécies distintas originam-se de uma única espécie ancestral. b) é um tipo de adaptação convergente. c) são diferenças entre populações chamadas de variação em grupo. d) são diferenças entre indivíduos de uma única população chamadas de variação individual. e) é um tipo de variação estacional em animais. 4. (PUC-MG) Considere a seqüência abaixo: População original → separação → duas populações evoluindo independentemente → populações morfologicamente distintas → populações voltando a viver juntas → populações se cruzando e originando descendentes férteis É correto concluir que as duas populações, formadas a partir de um único estoque, são: a) espécies distintas, porém ainda se cruzam. b) da mesma espécie, possuindo idêntico conjunto genotípico. c) espécies distintas, mas com o mesmo tipo de genes sexuais. d) exemplo típico de um processo evolutivo de convergência adaptativa. e) exemplo de um processo inicial de especiação, mas que não ocorreu. 5. (Cesgranrio) Encontram-se abaixo etapas de um processo de especiação. I. Quando a temperatura da região se eleva, duas populações se isolam nas encostas de montanhas diferentes. II. Uma espécie de pássaro, adaptada ao frio, habita todo um vale. III. As diferenças genéticas acumuladas durante o período de isolamento não permitem que os membros das duas populações se cruzem. IV. Após milhares de anos, a temperatura volta a baixar e as duas populações espalham-se pelo vale. A seqüência lógica dessas etapas é: a) I, II, III, IV. b) II, I, III, IV c) II, I, IV, III d) II, III, IV, I e) IV, III, II, I. 6. (U. Caxias do Sul-RS) Ao fenômeno de formação de espécies novas, a partir de uma população ancestral, originadas pelo estabelecimento de um isolamento geográfico que permitiu a ocorrência de mutações dando lugar a raças geográficas distintas, dá-se o nome de: a) adaptação. b) seleção natural. c) especiação. d) isolamento reprodutivo. e) recombinação gênica. 7. (Cesgranrio) Analise as afirmativas a seguir, a respeito das mutações. I. Sempre que o ambiente se torna desfavorável, o ser vivo reage sofrendo uma mutação gênica. II. As mutações transmitidas às gerações futuras são aquelas que ocorrem em células germinativas. III. As mutações ocorridas em células somáticas são de grande valor adaptativo para a perpetuação da espécie. Está(ão) correta(s): a) I apenas. b) II apenas. c) III apenas. d) I e II apenas. e) II e III apenas. 8. (Unifor-CE) Considere a seguinte situação: "Os indivíduos de uma população foram isolados, por uma barreira geográfica, em dois grupos (A e B); após um longo espaço de tempo, a barreira desaparece e os dois grupos voltam a viver numa área comum, porém os cruzamentos entre eles não são mais possíveis". Com base nesses dados, é possível inferir que: a) haverá extinção de A e B. b) ocorrerá aumento de A e diminuição de B. c) haverá aumento de B e diminuição de A. d) as diferenças acumuladas em A e B desaparecerão. e) A e B poderão ser consideradas espécies diferentes.

Parte IV: Especiação
1. Numa região, modificações ambientais podem criar barreiras biogeográficas que isolam, por exemplo, dois grupos de uma determinada população. Seria mesmo possível que, após algum tempo, esses dois grupos originassem espécies diferentes, para cuja sobrevivência e especiação concorreriam: a) variabilidade genética e diferentes pressões ambientais. b) capacidade de sofrer mutações para ajustamento às novas condições ambientais. c) modificações do metabolismo e escolha do novo ambiente. d) adaptações individuais ao novo ambiente e sua transmissão hereditária. e) balanço gênico e convergência adaptativa. 2. (Vunesp) Especiação é um processo de formação de novas espécies. O mecanismo diretamente responsável pela especiação é chamado: a) hibridação. b) isolamento reprodutivo. c) esterilização. d) recombinação gênica. e) multiplicação celular.

6

9. (Unifor-CE) Considere o seguinte relato: Uma população do continente coloniza duas ilhas.

d) espécies - isolamento geográfico e) raças - diferenças morfológicas.

Parte V: Evidências da Evolução
1. (UECE) Constitui-se de fatos que, biologicamente, são conhecidos como evidências da evolução: a) a segunda lei de Mendel. b) a embriologia comparada. c) a lei do uso e do desuso de Lamarck. d) a primeira lei de Mendel. 2. (UC-PR) A mão humana e a pata anterior do cavalo, do ponto de vista embriológico e funcional, são estruturas anatômicas: A adaptação aos diferentes ambientes das ilhas leva à diferenciação das populações A e B. a) filogeneticamente distintas. b) homoplásticas. c) convergentes. d) análogas. e) homólogas. 3. (FATEC-SP) Os estudos de processos de evolução dos seres vivos revelaram a existência de estruturas homólogas e análogas. Assinale a alternativa correta sobre essas estruturas: a) Duas ou mais estruturas são consideradas homólogas quando apresentam funções diferentes, mas as mesmas origens. b) Duas ou mais estruturas são consideradas análogas quando apresentam origens e funções diferentes. c) Duas ou mais estruturas são consideradas homólogas quando apresentam funções íguais, mas origens diferentes. d) Duas ou mais estruturas são consideradas análogas quando apresentam funções e origens iguais. e) Duas ou mais estruturas são consideradas homólogas quando apresentam funções e origens iguais. 4. (UFES) Com relação à evolução, observe as afirmativas abaixo: I- Fósseis são restos ou impressões deixadas por seres que habitaram a Terra no passado e constituem provas de que nosso planeta foi habitado por seres diferentes dos que existem atualmente. II- A explicação mais lógica para as semelhanças estruturais entre seres vivos com aspectos e modos de vida diferentes é que eles descendem de um mesmo ancestral. III- A semelhança entre as proteínas de diferentes seres vivos pode ser explicada admitindo-se que esses seres tenham tido um ancestral comum. IV- A teoria que admite que as espécies não se alteram no decorrer dos tempos denomina-se fixismo. Assinale: a) se apenas I, II e III estiverem corretas. b) se apenas II, III e IV estiverem corretas. c) se apenas I, IIl e IV estiverem corretas. d) se todas estiverem corretas; e) se todas estiverem incorretas. 5. (UFGO) Comparando as figuras abaixo podemos afirmar que são órgãos análogos:

Se as populações entrarem em contato, elas não poderão mais intercruzar.

Esse relato descreve uma situação de: a) heterose. b) especiação. c) competição. d) convergência adaptativa. e) recombinação genética. 10. (U. Estácio de Sá-RJ) O isolamento reprodutivo entre duas populações vizinhas da mesma espécie pode provocar a especiação, uma vez que: a) as populações possuem habitats distintos, sem haver, porém, isolamento geográfico. b) a taxa de mutações adaptativas se altera. c) interrompe o intercâmbio genético entre elas. d) estimula o surgimento de novas subespécies nessas populações. e) há um decréscimo na taxa de mutações em cada população. 11. (Unifor-CE) Um modelo de especiação pressupõe a ocorrência de: I. diversificação gênica; II. isolamento reprodutivo; III. isolamento geográfico. Até surgir uma nova espécie, a seqüência mais provável dessas etapas é: a) I–II–III. b) I–III–II c) II–I–III d) III–I–II e) III–II–I 12. (UFPR) Segundo a moderna genética de populações humanas, qual é a mais realista das definições de raças? a) São populações caracterizadas por marcantes diferenças fenotípicas. b) São populações que diferem entre si relativamente às freqüências de traços hereditários. c) São conjuntos de indivíduos homozigotos relativamente a alelos condicionadores de características fenotípicas marcantes. d) São populações que ocupam diferentes áreas geográficas. e) São agrupamentos geneticamente diferentes e que se encontram isolados de outros agrupamentos pertencentes à mesma espécie. 13. (UFPA) Na borda norte e na borda sul do Grand Canyon habitam duas populações de esquilos com diferenças morfológicas marcantes que, em condições naturais, sem as barreiras geográficas, não são capazes de se intercruzarem. As duas populações constituem ______________ diferentes, devido principalmente a (ao) _________________ a) raças - isolamento reprodutivo b) espécies - isolamento reprodutivo c) raças - isolamento geográfico

a) 3 e 4. b) 2 e 3. c) 2 e 4.

d) 1 e 2. e) 1 e 4.

6. (UNICAMP) Com respeito aos termos homologia e analogia não podemos afirmar que: a) as asas da aves são análogas e homólogas às asas dos morcegos. b) chamam-se órgãos análogos aqueles que, nos diferentes grupos animais, desempenham a mesma função. c) chamam-se órgãos homólogos aqueles que, nos diferentes grupos animais, têm a mesma origem embrionária. d) as nadadeiras das baleias, as asas dos morcegos, as patas dos vertebrados quadrúpedes e os membros superiores do homem são órgãos homólogos. e) as asas dos morcegos, as asas das aves e as asas dos insetos são órgãos homólogos.

7

7. (UFU-MG) Quando a semelhança entre estruturas animais não é sinal de parentesco, mas conseguida pela ação da seleção natural sobre espécies de origens diferentes, fala-se em: a) convergência adaptativa. b) isolamento reprodutivo. c) irradiação adaptativa. d) isolamento geográfco. e) alopatria. 8. (CESGRANRIO-RJ) Os esquemas abaixo representam três animais pertencentes a Classes diferentes, que sofreram transformações semelhantes para se adaptarem à vida aquática. Este é um ótimo exemplo de:

a) podem ser exemplificados pelas nadadeiras peitorais da baleia e pelo braço humano, apesar do seu aspecto diverso. b) são perfeitamente exemplificados pelas asas da borboleta e pelas do passarinho. c) são uma prova bioquímica da evolução. d) são uma prova embriológica da evolução. e) possuem a mesma formação embriológica. 13. (Unirio) O braço humano, a asa de uma ave, a nadadeira de uma baleia são estruturas encontradas em animais de espécies diferentes, mostrando aspectos diversos e funções distintas. Podemos afirmar que os órgãos em questão: a) são homólogos, possuem a mesma origem embrionária e encerram a mesma anatomia interna. b) são homólogos, possuem a mesma origem embrionária e encerram anatomia interna distinta. c) são homólogos, possuem origem embrionária distinta e encerram a mesma anatomia interna. d) são análogos, possuem a mesma origem embrionária e encerram anatomia interna distinta. e) são análogos, possuem origem embrionária distinta e encerram a mesma anatomia interna.

a) irradiação adaptativa. b) especiação. c) evolução convergente. d) raciação. e) isoIamento reprodutivo. 9. (FATEC-SP) Observe o esquema: Podemos afirmar que:

Parte VI: Genética de Populações
1. (FCMSC-SP) Em certo tipo de inseto, o gene que determina a cor escura é dominante em relação ao que determina cor clara. Cinqüenta casais de animais heterozigotos para esse gene foram libertados num deserto. Depois de alguns anos, encontrou-se uma população na qual a proporção de indivíduos era de 3 claros para 1 escuro. Pelos resultados, é possível concluir que houve: a) mutação. b) imigração. c) dominância. d) seleção natural. e) transmissão de caracteres adquiridos. 2. (Fuvest-SP) A freqüência de indivíduos afetados por uma anomalia genética autossômica recessiva, em uma dada população, era 0,16. Constatou-se a diminuição dessa freqüência após: a) a morte de 5% da população total por falta de alimento. b) a imigração de muitos indivíduos homozigóticos dominantes. c) o nascimento de 48 indivíduos afetados entre 300 nascidos. d) o casamento preferencial de indivíduos heterozigóticos. e) o crescimento da população devido à diminuição da predação. 3. (U. Católica de Pelotas-RS) Numa população de 3 mil pessoas, onde o gene para o albinismo está presente numa freqüência de 0,2, espera-se que haja: a) 40 indivíduos albinos. b) 120 indivíduos albinos. c) 960 indivíduos normais. d) 1.200 indivíduos albinos. e) 1.920 indivíduos normais. 4. (Cesgranrio) Sabendo-se que a freqüência de um gene recessivo a, numa população, é 0,1, as freqüências genotípicas esperadas para essa população, se estiver em equilíbrio, serão: AA 0,9 0,81 0,81 0,72 0,25 Aa 0,09 0,18 0,09 0,18 0,50 aa 0,01 0,01 0,1 0,1 0,25

a) I e II são órgãos homólogos. b) II e III são órgãos análogos. c) I e III são órgãos homólogos. d) II e III são órgãos homólogos. e) I, II e III apresentam a mesma origem embrionária 10. Os geneticistas conseguiram extrair o DNA de partes de osso que não estavam fossilizadas de um homem de Neanderthal, morto há mais de 30 mil anos. Comparando este DNA com o de um homem moderno eles concluiram que nós não somos descendentes do Neanderthal e sim que ele é um parente próximo; ou seja, temos um ascendente em comum. Isso é um tipo de prova a) anatômica b) comparativa c) paleontológica d) embriológica e) bioquímica 11. Com referência à analogia que se verifica entre certas estruturas orgânicas, como, por exemplo, a asa de um inseto e a de uma ave, podemos afirmar que essa analogia: a) indica claramente relações evolutivas entre os dois seres, conseqüentes de adaptações às mesmas condições ambientais. b) indica relações evolutivas, porém não resultantes de influência ambiental c) não indica relações evolutivas entre dois seres, nem é resultante de condições ambientais semelhantes. d) não indica relações evolutivas; são estruturas que evoluíram independentemente e resultaram de adaptações funcionais às mesmas condições ambientais. e) indica relações evolutivas, conseqüentes de um mesmo conteúdo gênico. 12. (Cesgranrio) Quanto aos órgãos análogos, podemos afirmar que:

a) b) c) d) e)

5. (UFSE) Em uma população em equilíbrio de Hardy-Weinberg, 64% dos indivíduos são AA, 32% são Aa e 4% são aa. Qual é a freqüência do gene A, nessa população? a) 0,04 b) 0,20 c) 0,32 d) 0,64 e) 0,80 6. (PUC-SP) A anemia falciforme é uma doença hereditária. As vítimas dessa doença em heterozigose são mais resistentes à malária do que as pessoas normais. Face a esta situação nas regiões onde a malária é endêmica a freqüência do gene responsável por este tipo de anemia: a) oscila muito de uma geração para outra.

8

b) é igual a 1 (100%). c) permanece inalterada nas populações. d) tende a diminuir de uma geração para outra. e) é maior do que nas regiões onde não há malária. 7. (PUC-SP) Uma população que está em equilíbrio de HardyWeinberg é constituída por 2 000 indivíduos. Sabe-se que 320 deles têm uma certa anomalia, determinada por um gene autossômico recessivo Entre os indivíduos normais dessa população, qual o número esperado de Portadores do gene recessivo? a) 960. b) 480. c) 420. d) 320 e) 240.

a) Geração espontânea b) heterotrófica c) autotrófica d) epigênese e) pangênese 4. (UFRS) O desenho a seguir representa, de forma esquemática, o aparelho que Miller usou em suas experiências, em 1953, para testar a produção de aminoácidos a partir de uma mistura de metano, hidrogênio, amônia e água, submetida a descargas elétricas.

8. (CESESP-PE) A freqüência de um gene para um dado caráter dominante numa população em equilíbrio é 0,20. A freqüência de heterozigotos será:' a) 0,04. b) 0.20. c) 0,32. d) 0,64. e) 0,80.

9. (UFMG) A condição correta para que o equilíbrio de HardyWeinberg se verifique é: Abaixo são feitas quatro afirmações: a) A população considerada deve ser bastante pequena. b) As migrações devem estar ocorrendo na população. c) As mutações devem estar ocorrendo na população. d) Os genes alelos devem estar sujeitos a seleção natural. e) Os cruzamentos devem ocorrer de maneira casual. 10. (UFCE-modificada) Assinale as alternativas corretas para que o equilíbrio de Hardy-Weinberg se verifique' I- É necessário que ocorram migrações na população. II- A população deve ser bastante grande para que se verifiquem as proporções estatísticas. III- Os portadores de genes dominantes ou recessivos devem ter as mesmas chances de sobrevivência. IV- É necessário que ocorram mutações na população. V- A população deve apresentar reprodução sexuada e não deve haver preferências por Indivíduos nos cruzamentos sexuais. As corretas são: a) I, II, III b) I, III, IV c) II, III, IV d) II, III, V e) I, II, IV I — Com essa experiência, Miller demonstrou que havia produção de aminoácidos em condições semelhantes às que havia na atmosfera primitiva da Terra. II — Como a circulação do material por dentro do aparelho está completamente isolada do meio externo, não houve possibilidade alguma de contaminação com outras substâncias. III — As substâncias resultantes das reações químicas acumularamse em C e D. IV — Com essa experiência, Miller também descobriu a composição química da atmosfera primitiva da Terra. São corretas as afirmações: a) I e II. b) II e IV. c) III e IV. d) I e III. e) II e III.

11. (UECE) A freqüência de um gene recessivo a, numa população panmítica. é 0,30 e a freqüência de seu alelo dominante A é 0,70. A freqüência de indivíduos heterozigotos nesta população, de acordo com o equilíbrio de Hardy-Weinberg é: a) 0,49 b) 0,09 c) 0,42 d) 0,50 e) 0,25

5. Há pouco mais de vinte anos, Miller e Urey demonstraram ser possível obter-se aminoácido a partir de amônia, metano, hidrogênio e vapor-d'água expostos a descargas elétricas, como supunha Oparin. Considerando-se amônia = A e aminoácido = B, qual dos gráficos representa melhor a variação na concentração de ambos em função do tempo?

Parte VII: Origem da Vida
1. Os primeiros seres surgidos na Terra, pela Teoria de Oparin, teriam sido: a) Heterótrofos e anaeróbios b) Heterótrofos e aeróbios c) Autótrofos e anaeróbios d) Autótrofos e aeróbios e) Autótrofos quimiossintetizantes e anaeróbios 2. (CESGRANRIO-RJ) Em 1953, com um aparelho bem engenhoso, o pesquisador Stanley Miller acrescentou um elemento a mais para a compreensão da origem da vida. Reproduzindo as condições ambientais primitivas no seu aparelho, conseguiu obter aminoácidos sem a participação de seres vivos, tendo usado para isso apenas: a) ADN, ATP, acetil-coenzima A e metano. b) ADN, ATP, oxigênio, luz e calor. c) água, nitrogênio, carbono e faíscas elétricas. d) metano, água, NH3, H2 e descargas elétricas. e) água, glicose, amônia e radiação luminosa. 3. (CESGRANRIO-RJ) Uma das hipóteses sobre a origem da vida na Terra presume que a forma mais primitiva de vida se desenvolveu lentamente, a partir de substância inanimada, em um ambiente complexo, originando um ser extremamente simples, incapaz de fabricar seu alimento. Esta hipótese é modernamente conhecida como: 6. Segundo a mais aceita hipótese sobre a origem da vida, a seguinte seqüência de acontecimentos pode ter levado à formação de coacervados e material protenóide: a) Formação de compostos orgânicos, formação de coacervado, simples fermentações, atmosfera primitiva, fotossíntese e respiração, controle pelo ácido nucleico. b) Atmosfera primitiva, formação de compostos orgânicos, formação de coacervado, controle pelo ácido nucleico, simples fermentação, fotossíntese e respiração. c) Controle pelo ácido nucleico; fotossíntese e respiração, atmosfera primitiva, simples fermentação, formação de coacervado, formação de compostos orgânicos. d) Fotossíntese e respiração, controle pelo ácido nucleico, simples fermentações, formação de coacervado, formação de compostos orgânicos, atmosfera primitiva. e) Atmosfera primitiva, formação de compostos orgânicos, controle pelo ácido nucleico, formação de coacervado, simples fermentação, respiração e fotossíntese.

9

GABARITO
Parte I – Lamarckismo e Darwinismo

11121311111211111111111-

A A C D D

21222322-

D A B C E

31323333-

C 4E 14C 24E D 4-

B 5B 15E 25-

C 6E 16B 26-

E 7D 17E 27-

C 8B 18B 28-

D 9E 19B 29-

A 10E 20E 30-

D D B

Parte II - Mutações

C

5-

B

6-

C

7-

A A 8C 18A 9B 19B 10C 20B B

Parte III – Neo-Darwinismo

A 2C 12D 22A 2B 12B 2D 12D 2C A 2-

A 3D 13C 23D 3E 13E 3B 13C 3-

C 4B 14C 24A 4B A 4B B 4-

B 5D 15C 25E 5-

C 6B 16A 26C 6-

B 7D 17C C 7-

Parte IV – Especiação

E 8-

E 9-

B 10-

C

Parte V – Evidências da Evolução

D 5-

D 6-

C 7-

A 8-

C 9-

E 10-

E

Parte VI – Genética de Populações

B 5-

E 6-

E 7-

A 8-

C 9-

E 10-

D

Parte VII – Origem da Vida

D 3-

B 4-

E 5-

D 6-

B

10

INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia - Fisiologia
Parte I: Digestão
1) (FUVEST-SP) Qual dos órgãos humanos abaixo citados não produz enzimas digestivas? a) glândulas salivares b) estômago c) vesícula biliar d) jejuno-íleo e) pâncreas 2) (CESESP-PE) A pepsina é uma importante enzima digestiva cujos substratos são: a) proteínas b) glicídios c) lipídios d) ácidos graxos e) monossacarídeos 3) (EPFESP-PE) Em indivíduos humanos normais, o canal colédoco estabelece uma comunicação anatômica entre: a) b) c) d) e) o fígado e a vesícula biliar a vesícula biliar e o jejuno a vesícula biliar e o íleo a vesícula biliar e o duodeno a vesícula biliar e o ceco d) 1 - 2 - 2 - 3 - 3 e) 2 - 3 - 3 - 1 - 1 8) (UFJF-MG). Qual dos animais a seguir enumerados pode ter uma fórmula dentária compatível com a que se segue? 0 0 3 3 3 0 3 3 a) lobo b) gorila c) homem d) boi e) tigre 9) (UFRGS-RS). A bile produzida pelo fígado tem como função: a) b) c) d) e) lubrificar a mucosa intestinal emulsionar as gorduras estimular a secreção gástrica provocar a contração da vesícula digerir as proteínas

10) (CESGRANRIO-RJ). 0 homem nutre-se essencialmente pela absorção de produtos assimiláveis derivados da hidrólise dos alimentos pela ação das enzimas do trato gastrointestinal. Em decorrência desta afirmativa, este processo particulariza um exemplo de: a) b) c) d) e) endocitose pinocitose reversa ingestão digestão intracelular digestão extracelular

4) (UFRGS-RS). Heterótrofa é a nutrição de organismos incapazes de sintetizar compostos orgânicos a partir de inorgânicos. São heterótrofos: a) b) c) d) e) os animais, os fungos e a maioria das bactérias os vegetais, os líquens e a minoria das bactérias os vegetais, os fungos e a minoria das bactérias os animais, os líquens e a minoria das bactérias os animais, as algas e a maioria das bactérias

11) (UCPR-PR) Um corte transversal da raiz dentária humana apresenta sucessivamente: a) b) c) d) e) esmalte, dentina e polpa esmalte, polpa e dentina esmalte, cimento, polpa e dentina cimento, esmalte, polpa e dentina cimento, dentina e polpa

5) (FUVEST-SP). As enzimas digestivas que agem sobre os carboidratos atuam: a) b) c) d) e) somente na boca somente no intestino somente no estômago na boca e no intestino no intestino e no estômago

12) (F. Objetivo-SP). Na digestão humana, das três enzimas abaixo citadas, os alimentos entram em contato, sucessivamente, com: a) b) c) d) e) ptialina, tripsina e pepsina ptialina, pepsina e tripsina tripsina, ptialina e pepsina tripsina, pepsina e ptialina pepsina, tripsina e ptialina

6) (UFMG-MG). Uma mistura de suco pancreático, proteína, gordura e celulose foi repartida por dois tubos de ensaio. Ao Tubo 1 acrescentouse uma base e ao Tubo 2, um ácido. Que letra da tabela seguinte indica corretamente os resultados esperados nessa experiência? (O sinal significa ausência de digestão.)
Tubo 1 (pH 8) digestão de Tubo 2 (pH 3) digestão de

13) (EFOA-MG) A opção que não equivale ao nome correto do órgão e da substância por ele produzida é: a) b) c) d) e) glândulas salivares e ptialina estômago e ácido clorídrico fígado e bile pâncreas e tripsina duodeno e pepsina

a) b) c) d) e)

proteína, gordura e celulose --------------------proteína e gordura proteína e gordura

-------------proteína, gordura e celulose proteína e gordura proteína e gordura -----------

14) (CESGRANRIO-RJ) 0 principal local de absorção de nutrientes no tubo digestivo humano é: a) b) c) d) e) estômago jejuno-íleo colo transverso colo descendente sigmóide

7) (CESGRANRIO-RJ). Numere as enzimas responsáveis pela digestão de proteínas no homem, relacionadas abaixo, na segunda coluna, de acordo com as suas origens, citadas na primeira coluna: (1) (2) (3) (4) glândulas salivares estômago pâncreas glândulas da parede intestinal ( ( ( ( ( ) ) ) ) ) pepsina tripsina quimotripsina carboxipeptidases aminopeptidases

15) (OSEC-SP) 0 esquema a seguir apresenta um conjunto de órgãos, numerados, do aparelho digestivo. As funções de absorção de água e produção da bile são realizadas, respectivamente, por:

Assinale a seqüência correta: a) 1 - 2 - 2 - 4 – 4 b) 2 - 3 - 3 - 3 – 4 c) 1 - 3 - 3 - 3 - 4
 

a) b) c) d) e)

Vel IV e I II e III V e II I e II

21) (F. C. Chagas-BA) Enzimas do suco gástrico são ativas apenas em pH: a) b) c) d) e) ácido aIcaIino neutro neutro e alcalino ácido e alcalino

22) (UFES-ES). Nas vilosidades intestinais, os aminoácidos e os ácidos graxos são absorvidos, respectivamente: a) b) c) d) e) pelos capilares sangüíneos e vasos linfáticos pelos vasos linfáticos e capilares sangüíneos pelos capilares sangüíneos venosos e pelos capilares arteriais pelos capilares sangüíneos arteriais e pelos capilares venosos pelos vasos linfáticos somente

16) (UFPA-PA). 0 material retirado de um determinado órgão de um macaco foi repartido em seis tubos de ensaio. Aos tubos I e II acrescentou-se um pedaço de carne; aos tubos III e IV, um pedaço de batata; e aos tubos V e VI, um pouco de manteiga. Aos tubos I, III e VI acrescentou-se um pouco de ácido clorídrico. Após 12 horas, a 38° C, verificouse que apenas no tubo I houve digestão. 0 material usado neste experimento foi retirado: a) do estômago b) do intestino c) da vesícula d) do pâncreas e) das glândulas salivares

23) (UNIB-SP) Se um indivíduo apresentar uma doença que impeça a produção de bile pelo fígado, passará a ter problemas com a digestão de: a) amido b) proteínas c) açúcares d) gorduras e) vegetais.

17) (UFJF-MG) Os ítens relacionam-se com o estômago de um ruminante. Verifique qual das ordenações corresponde à seqüência correta do processo digestivo: ( 1 ) pança ou rúmen ( 2 ) intestino ( 3 ) abomasum ou coagulador ( 4 ) esôfago ( 5 ) boca ( 6 ) folhoso ou psaltério (omasum) ( 7 ) retículo ou barrete a) 5 - 4 - 1 - 7 - 5 - 4 - 6 - 3 - 2 b) 5 - 4 - 3 - 2 - 1 - 6 - 7 - 4 - 2 c) 5 - 4 - 7 - 1 - 5 - 1 - 3 - 6 - 2 d) 5 - 4 - 1 - 7 - 1 - 5 - 6 - 2 - 3 e) 5 - 4 - 1 - 6 - 7 - 1 - 5 - 3 - 2 18) (PUC-RJ) A diferença fundamental nos processos digestivos entre animais carnívoros e animais ruminantes é a existência, nesses últimos, de recurso específico de digestão para: a) gordura b) proteína c) celulose d) amido e) glicose

24) (PUC-SP) Os ruminantes, grupo que inclui vacas, carneiros, cabras, camelos e girafas, são capazes de utilizar celulose como fonte de energia, devido: a) às enzimas secretadas pelos microrganismos do rúmen e do retículo. b) ao fato de possuírem uma série de quatro estômagos, que, em conjunto, secretam enzimas e ácidos para essa digestão. c) às enzimas secretadas pelo rúmen e retículo. d) às concentrações altamente ácidas secretadas apenas pelo rúmen. e) Nenhuma das explicações acima está correta. 25) (UFBA) Na digestão, a redução dos alimentos a partículas através de processos mecânicos tem por finalidade: a) facilitar a eliminação de substâncias inúteis. b) possibilitar a passagem do alimento para o sangue. c) transformar os complexos alimentares em substâncias mais simples. d) aumentar a superfície de exposição dos alimentos à ação das enzimas. e) reduzir grandes moléculas orgânicas a moléculas pequenas com maior valor nutritivo. 26) (UECE-CE) Assinale a afirmação correta relativa à digestão e absorção de substâncias nutritivas no homem: a) O amido é digerido pela ptialina existente na saliva e o produto da digestão é absorvido principalmente na boca e no esôfago. b) As proteínas são digeridas pela pepsina produzida nas glândulas gástricas e sua absorção ocorre principalmente no estômago. c) Os lipídios são digeridos pela lipase produzida na vesícula biliar e sua absorção ocorre principalmente no intestino grosso. d) A celulose é absorvida integralmente no intestino grosso, sem necessidade de sofrer ação de enzimas digestivas. e) A glicose não necessita de desdobramento por enzimas.

19) (CESGRANRIO-RJ). A digestão da celulose nos ruminantes ocorre graças a condições especiais existentes no trato digestivo desses animais. Da ação ordenada de seus quatro estômagos, os ruminantes obtêm substâncias de alto valor energético e aminoácidos que são absorvidos. Com relação aos mecanismos de digestão nesses animais, são feitas abaixo três afirmativas: I - A celulose é degradada por ação direta de enzimas secretadas por glândulas presentes na mucosa dos dois primeiros estômagos (rúmen e retículo). II - Bactérias e protozoários são digeridos nos dois primeiros estômagos (rúmen e retículo) e seus produtos absorvidos nos dois últimos (omaso e abomaso). III - Microrganismos que proliferam nos dois primeiros estômagos (rúmen e retículo) aí degradam gorduras e celulose em ácidos graxos, sacarídeos simples e gases como gás carbônico e metano. Assinale: a) se somente I for correta b) se somente II for correta c) se somente III for correta d) se somente I e II forem corretas e) se somente II e III forem corretas 20) (UCSal-BA) Para estudar experimentalmente a digestão da proteína do leite, o procedimento mais adequado seria usar: a) b) c) d) e)
¡

Parte II: Respiração
1) (FUVEST-SP/. Existem animais que não possuem órgão ou sistema especializado em realizar trocas gasosas. Na respiracão, a absorção do oxigênio e a eliminação do gás carbônico ocorrem por difusão, através da superfícíe epidérmica. É o caso da: a) planária b) ostra c) drosófila d) barata e) aranha 2) (CESGRANRIO-RJ). Nas plantas, as estruturas especializadas para as trocas de gases entre a planta e o exterior são: a) os estômatos e as lenticelas b) o floema e os estômatos c) as lenticelas e o colênquima d) o esclerênquima e o xilema e) o súber e o câmbio 3) (UFRN-RN). 0 diafragma e os músculos intercostais tem participação ativa:

pepsina em meio ácido pepsina em meio básico tripsina em meio ácido lipase em meio ácido lipase em meio básico

a) nos movimentos peristálticos b) na deglutição c) na diurese d) na mastigação e) na respiração 4) (CESGRANRIO-RJ).

Recipiente I - 100% de 02 Recipiente II - 80% de N2 e 20% de 02 Recipiente III - 95% de O2 e 5% de CO2 0 seu procedimento mais correto seria utilizar: a) a mistura do recipiente II, uma vez que o N2 estimula o processo respiratório, atuando sobre o cerebelo b) a mistura do recipiente III, uma vez que o C02 estimula o bulbo a restaurar os movimentos respiratórios c) o gás do recipiente I, porque somente o oxigênio puro pode satisfazer às exigências respiratórias dos tecidos celulares d) a mistura do recipiente II, porque a porcentagem de oxigênio é aproximadamente a mesma que a do ar que respiramos e) o gás do recipiente I, porque o oxigênio puro estimula a medula óssea a produzir maior número de hemácias 11) (UFBA-BA). Qual das reações abaixo ocorre nos capilares dos pulmões?
££ ££ £ £

No desenho ao lado é mostrado um animal que apresenta o sistema respiratório típico do grupo a que pertence. Nesse grupo, a respiração é do tipo: a) traqueal e cutânea b) somente traqueal c) somente cutânea d) somente branquial e) pela hipófise 5) (UFPR-PR). 0 transporte de oxigênio no organismo humano se faz principalmente: a) através dos leucócitos. b) através do plasma sangüíneo c) tanto pela hemoglobina plasmática como pela existente no interior das hemácias, quando a taxa de hemoglobina é normal d) através da hemoglobina existente nas hemácias e) na dependência de boa função plaquetária 6) (FCMSCSP). Qual das alternativas abaixo completa corretamente a frase seguinte? "A formação de H2C03 ocorre (I); a enzima anidrase carbônica existe (II); o transporte de íons bicarbonato ocorre principaimente (III)." a) I = nas hemácias; II = apenas nas hemácias; III = no plasma b) I = no plasma e nas hemácias; II = apenas nas hemácias; III = nas hemácias c) I = no plasma e nas hemácias; II = apenas no plasma; III = no plasma d) I = apenas no plasma; II = no plasma e nas hemácias; III = nas hemácias e) I = apenas no plasma; II = apenas no plasma; III = no plasma 7) (EPFESP-PE). É fato conhecido que alguns peixes (dipnóicos) são capazes de sobreviver em águas cuja concentração de oxigênio é bastante baixa. Tal fato se deve a que? a) Apresentam respiração cutðnea. b) Por não possuirem opérculo, deslocam-se com maior velocidade, aumentando o fluxo d'água através da boca e, conseqüentemente, garantem uma maior oxigenação nas suas brânquias. c) Possuem uma respiração celular muito menos intensa que os demais peixes. d) Suas brânquias apresentam uma vascularização muito maior que os demais peixes, bem como um número muito grande de lamelas. e) São capazes de respirar o ar atmosférico por meio da bexiga natatória. 8) (UFES-ES) No homem, o controle dos movimentos respiratóriós é exercido: a) pelo cérebro b) pelo cerebelo c) pelo bulbo d) pela medula e) pela hipófise 9) (UnB/ICSA-DF). A seqüência das estruturas do sistema respiratório pulmonar é: a) fossas nasais - laringe - esôfago - brônquios - traquéia b) fossas nasais - faringe - laringe - traquéia - brônquios c) fossas nasais - laringe - faringe - traquéia - brônquios d) fossas nasais - faringe - esôfago - traquéia - brônquios e) fossas nasais - faringe - traquéia - laringe - brônquios 10) (OSEC-SP). Um médico, ao ser chamado para atender uma vítima de afogamento, tinha a sua disposição três recipientes numerados cujos componentes e respectivas proporções eram as seguintes:

a) CO2 + H20
££

H2C03

b) H2C03

H+ + HC03£ £

c) HCO3 + H+ d) H20 + CO2

H2C03 H2CO3

H20 + CO2 H+ + HC03-

e) H2C03 + CO2

H2O + 2 C02

12) (UFJF-MG). Os esquemas abaixo representam sistemas respiratórios.

Os insetos terrestres apresentam sistemas respiratórios apenas: a) dos tipos I e Il b) dos tipos II e III c) dos tipos III e I d) do tipo I e) do tipo II 13) (UFRGS-RS). Qual a alternativa que relaciona os mecanismos de trocas gasosas com os respectivos animais. bagre tegumentar tegumentar branquial filotraqueal branquial tartaruga branquial filotraqueal pulmonar branquial pulmonar pingüim traqueal pulmonar pulmonar pulmonar branquial abelha traqueal filotraqueal traqueal filotraqueal traqueal

a) b) c) d) e)

14) (UFBA-BA) Nas ilustrações que se seguem, as hachuras representam o revestimento do corpo animal em contato direto com o ambiente.

As ilustrações indicam, respectivamente, os tipos de sistemas respiratórios: a) traqueal, pulmonar e cutãneo b) cutâneo, branquial e traqueal c) pulmonar, traqueal e cutâneo d) cutâneo, traqueal e branquial e) traqueal, cutâneo e pulmonar 15) (UFMG-MG) Observe os esquemas a seguir.

¢

COLUNA 1 1 - Planária 2 - Gafanhoto 3 - Camarão 4 - Caramujo-de-jardim

( ( ( (

COLUNA 2 ) Brânquias ) Traquéias ) Pulmão ) Epiderme

Relacione os animais às estruturas assinalando a alternativa correta: a) se a ordem correta for 3, 2, 4, 1. b) se a ordem correta for 3, 2, 1, 4. c) se a ordem correta for 2, 3, 4, 1. d) se a ordem correta for 3, 4, 2, 1. e) se a ordem correta for 4, 3, 1, 2. 21) a) minhoca e planária b) planária e mosca c) medusa e sardinha d) lombriga e sapo e) gafanhoto e homem 16) (UFCE-CE). A reação: Hb + 4O2 hemoglobina, ocorre: a) nos pulmões b) no coração c) no fígado d) no baço e) nos tecidos orgânicos em geral 17) (CESGRANRIO-RJ) Hb(O2)4, onde Hb representa a A longo prazo o fumo pode levar o indivíduo à morte. Além disso, a cada cigarro, o fumante absorve uma substância , o monóxido de carbono, que tem efeito nocivo imediato no organismo, já que: a) desnatura a hemoglobina, impossibilitando o transporte de oxigênio e gás carbônico. b) reage com a água, no plasma sangüíneo, produzindo ácido carbônico capaz de diminuir o pH do meio celular. c) ao associar-se com a hemoglobina, impede-a de realizar o transporte de oxigênio. d) ao combinar-se com a hemoglobina, impossibilita o transporte e a liberação do gás carbônico pelo organismo. e) ao combinar-se com o ácido carbônico no plasma, impede a liberação do oxigênio. 22) (FUVEST-SP) Alguns vertebrados não possuem estruturas que funcionalmente facilitem a entrada do ar nos pulmões, por isso, “engolem” o ar. Outros já possuem pulmões elásticos, parenquimatosos, porém não protegidos por pleuras. Finalmente há aqueles que possuem pulmões parenquimatosos, protegidos por pleura e cuja ação é coadjuvada pelo diafragma e músculos intercostais. Na ordem em que tais fatos se observam, distinguem-se: Nos esquemas anteriores o aparelho respiratório humano está sendo representado e neles são localizadas suas principais estruturas, tais como: vias aéreas superiores, traquéia, brônquios, bronquíolos,bronquíolos terminais e sacos alveolares, que se encontram numerados. Sobre este desenho são feitas três afirmativas: I - Em 4, o ar passa em direção aos pulmões após ter sido aquecido em 1. II - Em 6, o oxigênio do ar penetra nos vasos sangüíneos, sendo o fenômeno conhecido como hematose. Ill - Em 8, o gás carbônico proveniente do sangue passa para o ar. Assinale: a) se somente I for correta b) se somente II for correta c) se somente I e II forem corretas d) se somente I e III forem corretas e) se I, II e III forem corretas 18) (UA-AM). Na expiração não ocorre: a) relaxamento do diafragma b) diminuição do volume pulmonar c) contração da musculatura intercostal d) aumento da pressão intratorácica em relação à pressão atmosférica e) eliminação de dióxido de carbono 19) (FUVEST-SP) A obstrução dos bronquíolos impede que o oxigênio atinja: a) a faringe. b) o esôfago. c) a laringe. d) a traquéia. e) os alvéolos. 20) (VUNESP) As trocas gasosas durante a respiração dos invertebrados (COLUNA 1) ocorrem ou não através de estruturas especializadas (COLUNA 2).
¤ ¦

Os esquemas 2 e 4 representam, respectivamente, formas de respiração de:

FUMO MATA 3 MILHÕES POR ANO DIZ A OMS “O maior estudo já realizado sobre os efeitos do fumo nos últimos 50 anos concluiu que o tabagismo se tornou a maior causa de morte entre os adultos do primeiro mundo”. (Folha de São Paulo - 20/09/94)
¥¥

a) b) c) d) e)

réptil anfíbio ave réptil anfíbio

II ave ave réptil anfíbio ave

III mamífero mamífero mamífero mamífero réptil

23) Muitos animais aquáticos respiram por meio de brânquias que permitem a respiração mesmo quando os animais permanecem submersos. A respeito deste tipo de respiração foram feitas as seguintes afirmativas: 1- Estes animais são aeróbios facultativos, pois podem permanecer muito tempo sem contato com o ar atmosférico e quando estão submersos não recebem oxigênio livre. 2- A hematose ocorre nestes animais ao nível das brânquias com utilização do oxigênio dissolvido na água. 3- Quando submersos, utilizam para sua respiração oxigênio resultante do desdobramento de moléculas de água e o oxigênio resultante da respiração das plantas aquáticas. 4- As brânquias são reservatórios de ar que permitem aos animais manter, durante o período em que estão submersos, reservas do oxigênio obtido na atmosfera. Assinale a opção correta: a) Somente 1 está correta b) Somente 2 está correta c) Somente 3 está correta d) Estão corretas 1 e 3 e) Somente 4 está correta

Parte III: Circulação
1) (FUCMT-MS). Considere os seguintes tecidos vegetais: I - xilema III - floema II - colênquima IV - esclerênquima Sâo tecidos condutores apenas: a) I e II b) I e III

c) I e IV d) I e III e) III e IV 2) (UFJF-MG). Com referência ao número de cavidades do coração, as quais sâo aurículas (A) e ventrículos (V) nos vertebrados, marque o item correto, de acordo com a seguinte ordem: Peixes - Anfíbios - Répteis - Aves - Mamíferos. a) b) c) d) e) 2A-1V, IA-1V, 2A-2V, 2A-1V, 2A-2V 1A-1V, 1A-1V, lA-1V, 2A-2V, 2A-2V 1A-1V, 2A-1V, 2A-1V, 2A-2V, 2A-2V 2A-1V, 2A-2V, lA-2V, 2A-1V, lA-1V lA-1V, lA-1V, lA-1V, 2A-2V, 2A-2V

7) (UFBA-BA). Válvulas que impedem o refluxo da circulação podem existir: a) apenas em artérias b) apenas em veias c) em artérias e vasos linfáticos d) em veias e artérias e) em veias e vasos linfáticos 8) (UFMG-MG). Qual dos animais incluídos na tabela abaixo tem respiração e sistema circulatório dos tipos a ele atribuídos? RESPIRAÇÃO a) b) c) d) e) Mosca Esponja Sapo Caramujo Peixe Traqueal Branquial Cutânea Pulmonar Branquial SISTEMA CIRCULATÓRIO Fechado Lacunoso Fechado Fechado Lacunoso

3) (PUC-RJ).

9) (UCSal-BA). 0 esquema abaixo mostra a ligação entre capilares venosos e arteriais.

No esquema acima é correto dizer que: a) a estrutura 1 é a artéria aorta e conduz sangue arterial a partir do ventrículo direito. b) ao nível da estrutura 9, o sangue perde CO2 e recebe O2, no fenômeno da hematose. c) a estrutura 2 é a artéria pulmonar e traz sangue arterial dos pulmões para o coração. d) a estrutura 4 faz parte da pequena circulação. e) na estrutura 5 comeca a grande circulação. 4) (CESGRANRIO-RJ) Assinale a opção que encerra o dado correto em relação ao coracâo dos mamíferos. a) 0 átrio esquerdo recebe sangue oxigenado vindo do organismo através das veias cavas. b) 0 átrio direito recebe sangue não oxigenado pelas veias pulmonares. c) 0 ventrículo esquerdo envia sangue oxigenado para os vários setores do organismo. d) A artéria pulmonar leva sangue oxigenado para os pulmões. e) 0 ventriculo direito envia sangue oxigenado para o átrio esquerdo. 5) (UECE-CE). Relacione as colunas: (1) irrigação do miocárdio (2) conduz sangue arterial (3) conduz sangue venoso (4) leva O2 para os tecidos (5) retira CO2 da circulação ( ( ( ( ( ) artéria pulmonar ) grande circulação ) pequena circulação ) coronárias ) veia pulmonar

Esses capilares localizam-se: a) no cérebro b) nos pulmões c) no coração d) no fígado e) no intestino 10) (UFPA-PA). 0 coração funciona como uma bomba. Nos mamíferos, o sangue com baixo teor de oxigênio é enviado aos pulmões. Por outro lado, o sangue oxigenado nos pulmões é mandado para os vários setores do organismo. Assinale a opção correta entre as abaixo apresentadas. a) 0 sangue que sai do ventrículo esquerdo é enviado aos pulmões para a oxigenação. b) 0 átrio direito recebe sangue das veias cavas e o envia para o organismo. c) As veias pulmonares levam o sangue oxigenado para o átrio esquerdo. d) 0 ventrÍculo direito recebe o sangue oxigenado e o envia para o organismo. e) A aorta sai do ventrÍculo direito e transporta sangue oxigenado. 11) (CESGRANRIO-RJ) Em relação ao sistema circulatório nos diversos grupos de animais, são feitas as seguintes afirmativas: I - 0 sistema circulatório, no qual o coração envia sangue para os tecidos e órgãos através de vasos e o recebe de novo parcial ou totalmente através de lacunas do corpo, pode ser denominado de circulação aberta e está presente na maioria dos invertebrados. II - 0 sistema circulatório, no qual o coração funciona como uma bomba central, tanto enviando como recebendo o sangue dos tecidos e órgãos através de vasos, pode ser denominado de circulação fechada e está presente nos vertebrados. III - A presença do coração é obrigatória em todos os sistemas circuiatórios existentes desde os invertebrados. A localização do coração bem como a constituição e número de suas cavidades dependem de a circulação ser aberta ou fechada. Assinale: se I, II e III estiverem corretas se somente I e II estiverem corretas se somente II e III estiverem corretas se somente II estiver correta se somente III estiver correta

A seqüência numérica da segunda coluna é: a) 2 - 5 - 4 - 1 - 3 b) 2 - 4 - 5 - 1 - 3 c) 3 - 4 - 5 - 1 - 2 d) 3 - 5 - 4 - 1 - 2 e) 2 - 3 - 4 - 5 - 1 6) (UFMG-MG). Em relação ao homem, que alternativa está errada? a) O sangue venoso, que contém o CO2 excretado pelas diversas células do organismo, passa pelo coracâo e, circulando por veias, vai até os pulmões. b) Ao nível dos alvéolos pulmonares, o CO2 é liberado e o O2, ,absorvido pelo sangue. Este sangue arterial volta ao coração, circulando por veias, e é bombeado para todo o corpo, passando pelas artérias. c) O alimento, reduzido a subunidades em grande parte pela ação das enzimas digestivas, passa para os líquidos circulantes, principalmente ao nível do intestino delgado, e é então levado até às células. d) Nas células, a energia contida nos alimentos é liberada na presença de 02, com desprendimento de CO2 e água. e) Substâncias não utilizadas pelas células, que podem prejudicar o organismo, quando acumuladas, passam para o sangue, de onde sâo eliminadas pelos rins e pelos pulmões.

a) b) c) d) e)

12. (PUCSP). Um pesquisador, introduzindo catéteres plásticos através de veias e artérias periféricas de um cachorro, colheu amostras de sangue nos locais apontados na figura abaixo. Em cada amostra, dosou a saturação de O2 do sangue. 0 resultado mais provável encontrado em relação à saturação (SAT) foi:

§

a) SAT6 = SAT5 > SAT4 = SAT3 b) SAT3 = SAT4 > SAT1 = SAT2 c) SAT4 > SAT3 = SAT5 d) SAT6 > SAT5 e) SAT7 = SAT4 13. (FM de JundiaÍ-SP). O esquema representa a circulação no homem, vista de frente. A propósito deste esquema, sâo feitas três afirmações. a) 1 - réptil; 2 - anfíbio; 3 - peixe; 4 - mamífero b) 1 - réptil; 2 - mamífero; 3 - peixe; 4 - anfibio c) 1 - peixe; 2 - anfíbio; 3 - mamífero; 4 - réptil d) 1 - peixe; 2 - anfíbio; 3 - réptil; 4 - mamífero e) 1 - mamífero; 2 - peixe; 3 - anfíbio; 4 - réptil 17) (FMltajubá-MG). Homeotermia e coração completamente dividido em quatro câmaras são aquisições importantes de: a) peixes em relação a protocordados b) anfíbios em relação a peixes c) répteis em relação a anfíbios d) aves em relação a répteis e) mamíferos em relação a aves 18) (UFRGS-RS) Através de métodos engenhosos, um fisiologista conseguiu bloquear vários capilares sanguíneos em diferentes locais e observou que, em cada caso, não obstante o bloqueio, as hemácias continuavam o seu trajeto em direção ao ponto bloqueado. Essa experiência admite a interpretação: a) A pressão osmótica diminui ao longo do capilar em direção ao ponto bloqueado. b) Os capilares são integrantes de um sistema de circulação aberta. c) Na extremidade arterial do capilar entra mais fluido. d) 0 fluido extravascular, devido ao bloqueio, penetra e dilata o capilar. e) 0 fluido do capilar sai para o espaço extravascular. 19) (UFMA-MA) No coração humano, as válvulas tricúspide e mitral estão localizadas, respectivamente: a) entre o átrio esquerdo e o ventrÍculo esquerdo e entre o átrio direito e o ventrÍculo direito b) entre o átrio direito e o átrio esquerdo e entre o ventrÍculo direito e o ventrÍculo esquerdo c) entre a artéria aorta e o ventrÍculo esquerdo e entre a artéria pulmonar e o ventrÍculo direito d) entre o átrio direito e o ventrÍculo direito e entre o átrio esquerdo e o ventrÍculo esquerdo e) entre o átrio direito e a veia cava superior e entre o átrio direito e a veia cava inferior. 20) (UA-AM). A aurícula esquerda recebe o sangue proveniente diretamente do(a): a) ventrÍculo direito b) pulmão c) fígado d) aurÍcula direita e) ventrÍculo esquerdo A substância X é: a) o gás carbônico b) o monóxido de carbono c) o oxigênio d) o carbonato e) o açúcar 16) (CESGRANRIO-RJ). As figuras abaixo representam, tipicamente, os corações de: 21) (UFRN-RN). Os corações de tubarão, de jacaré e de salamandra possuem, respectivamente: a) 2, 3 e 4 cavidades b) 3, 3 e 3 cavidades c) 2, 4 e 3 cavidades d) 3, 2 e 4 cavidades e) 2, 3 e 3 cavidades 22) (UFJP-PB). Assinale a resposta correta usando a seguinte chave: a) Somente 1 está correta. b) Somente 2 está correta. c) Somente 3 está correta. d) Estão corretas 1 e 3. e) Estão corretas 2 e 3. Com relação ao coração e à circulação foram feitas as seguintes afirmativas:
¨

I - No esquema, o número 1 indica o ventrículo esquerdo e o número 9, as veias pulmonares. II - O número 4 indica as veias cavas e o número 7, a artéria pulmonar. III - O número 2 indica a artéria aorta e o número 5, a aurícula direita. Assinale a opção correta: a) as opções I e II estão corretas. b) as opções II e III estão corretas. c) as opções I e III estão corretas. d) todas as opções estão corretas. e) nenhuma das opções está correta. 14) (UFPR-PR). Não apresentam mistura de sangues arterial e venoso: a) aves e mamíferos b) somente os mamíferos c) aves e répteis d) somente as aves e) todos os vertebrados 15 (UFBA-BA) 0 gräfico abaixo representa a saturação de hemoglobina em relação à substäncia X, em diferentes regiões do sistema circulatório.

31) (FUVEST-GV) Nos mamíferos, pode-se encontrar sangue venoso... 1. No sistema circulatório dos vertebrados, as artérias são os principais sítios de troca entre sangue e tecidos. 2. A artéria pulmonar conduz sangue arterial para os pulmões. 3. No indivíduo, após o nascimento, as veias pulmonares são as únicas veias que conduzem o sangue arterial 23) (OSEC-SP). Mistura de sangues arterial e venoso ocorre, como regra geral, no coração de: a) peixes e anfíbios b) anfÍbios e répteis c) répteis e aves d) aves e mamÍferos e) mamÍferos e peixes 24) (CESGRANRIO-RJ). Nas opções abaixo, estão relacionadas cavidades cardíacas e vasos sangüíneos. Assinale aquela que reúne cavidades e vasos nos quais, no homem adulto, o sangue encontrado é sempre sangue arterial. a) ventrÍculo esquerdo, aorta e artéria pulmonar b) aurÍcula esquerda, veia pulmonar e aorta c) ventrÍculo direito, artéria pulmonar e aorta d) aurÍcula direita, veia cava e veia pulmonar e) ventrÍculo direito, veia pulmonar e artéria pulmonar 25) (F.Objetivo-SP). Existem nos mamÍferos 2 circuitos completos de circulação sanguínea, com saída e chegada no coração; são as chamadas grande circulação e pequena circulação. Chamando o ventrÍculo direito de VD, o ventrÍculo esquerdo de VE, a aurÍcula direita de AD e a aurÍcula esquerda de AE, escolha a alternativa correta: CIRCULAÇÃO SaÍda VD VE VE VD AD GRANDE chegada VE VD AD AE VE saÍda AD AE VD VE AE PEQUENA chegada AE AD AE AD VD a) b) c) d) e) na aurícula direita, na artéria pulmonar e na veia cava. no ventrículo direito, na veia pulmonar e na veia cava. na aurícula direita, na veia pulmonar e na artéria aorta. na aurícula esquerda, na artéria pulmonar e na veia cava. no ventrículo esquerdo, na veia pulmonar e na artéria aorta.

32) Observe a figura abaixo:

A respeito dela podemos concluir que: a) o açúcar é transportado pelos vasos do xilema às folhas e às raízes. b) a seiva ascendente é transportada pelo xilema, e a descendente, pelo floema. c) a translocação só ocorre da folha para a raiz. d) sendo a raiz uma região com baixa pressão de turgor, consome o açúcar transportado. e) sendo o ramo terminal em crescimento uma região com baixa pressão de turgor, não consome o açúcar transportado. 33) Relacione as descrições dos Sistemas Circulatórios com seus respectivos Filos animais: I - Ausente. O alimento é distribuído diretamente da cavidade gastrovascular. II - Ausente. O alimento é distribuído pelo intestino muito ramificado. III - Ausente. O alimento é distribuído pelo fluido da cavidade pseudocelômica. IV - Presente. Do tipo fechado, com vasos pulsáteis e sangue dotado de pigmentos respiratórios. V - Presente. Do tipo aberto, com coração e vasos sangüíneos, onde circula o fluido celômico. P - Artrópodes T - Platelmintos S - Nematelmintos R - Moluscos Q - Anelídeos U - Cnidários

a) b) c) d) e)

26) (CESGRANRIO-RJ) Quantas cavidades existem, respectivamente, no coração de uma tartaruga, de um cação, de um golfinho e de uma baleia? a) 2, 3, 3 e 4 cavidades. b) 2, 2, 2 e 2 cavidades. c) 3, 2, 3 e 3 cavidades. d) 3, 3, 4 e 4 cavidades. e) 3, 2, 4 e 4 cavidades. 27) A trajetória coração → pulmão →coração é chamada: a) circulação fechada. b) circulação aberta. c) grande circulação. d) pequena circulação. e) circulação linfática. 28) O coração dos mamíferos possui: a) 2 aurículas e 2 ventrículos. b) 2 aurículas e 1 ventrículo. c) 1 aurícula e 1 ventrículo. d) 1 aurícula e 2 ventrículos. e) 2 aurículas e 1 ventrículo subdividido. 29) (SANTA CASA - SP) O sangue sofre menor transformação ao passar: a) pelos pulmões. b) pelos rins. c) pelo coração. d) pelo intestino delgado. e) pelo pâncreas. 30) (UFPR) O transporte de oxigênio no organismo humano se faz: a) através dos leucócitos b) através do plasma sangüíneo. c) tanto pela hemoglobina plasmática como pela existente no interior das hemácias, quando taxa de hemoglobina é normal. d) através da hemoglobina existente nas hemácias. e) na dependência de boa função plaquetária.

Assinale a opção que contém as associações corretas. a) I - P; II - Q; III - R; IV - S; V - T b) I - P; II - Q; III - R; IV - T; V - U c) I - P; II - Q; III - R; IV - U; V - T d) I - U; II - T; III - S; IV - Q; V - P e) I - U; II - T; III - R; IV - Q; V - S 34) A irrigação do músculo cardíaco, propiciando sua nutrição e sua oxigenação, ocorre atavés das: a) artérias aorta e pulmonar b) veias pulmonares c) veias cavas anterior e posterior d) artérias coronárias e) artérias pulmonar e carótidas

Parte IV: Excreção
1) (Cesgranrio-R)) Em alta madrugada, quando o ar está muito úmido, é comum observar-se que as pontas e as bordas das folhas de muitas plantas ficam cobertas de gotículas de água. A explicação para esse fenômeno é: a) As gotículas de água observadas de madrugada nos órgãos foliares de certas plantas significam que, durante a noite, a transpiração é reduzida e o excesso de água absorvida pelo vegetal é eliminado pelos hidatódios. b) As gotículas de água referidas são explicadas pela botânica como um caso de excreção da água, sob forma líquida, através do aparelho estomático e da cutícula foliar, visto que os hidatódios se fecham à noite. c) As gotículas de água verificadas de madrugada, nas pontas e nas bordas das folhas de muitas Plantas, são produzidas simplesmente pelo sereno, nada tendo a ver com a sua atividade vital. d) As gotículas de água observadas de madrugada, nas pontas e bordas das folhas de muitas plantas, significam que houve, durante a noite, intensa atividade clorofiliana.
©

e) As gotículas de água referidas significam que a transpiração das plantas foi muito intensa durante a noite, ocorrendo a excreção da água pelo aparelho estomático, pelos hidatódios e pela cutícula foliar. 2) (OMEC-SP) Há plantas que, embora saturadas de água, continuam a absorvê-la, eliminando o excesso através de poros especiais e sob forma líquida. Estes poros e o fenômeno envolvido recebem, respectivamente, os nomes de: a) hidatódios e gutação. b) hidatódios e transpiração. c) estômatos e transpiração. d) estômatos e exsudação. e) pontuações e gutação. 3) (OMEC-SP) Os rins, além de importante função excretora contribuem de maneira eficiente: a) na manutenção do equilíbrio endócrino. b) no metabolismo dos açúcares c) na manutenção da composição sanguínea. d. na manutenção da temperatura e. no metabolismo dos lipídios. 4) (UC-MG) O filtrado glomerular percorrerá, seqüencialmente, no néfron, os seguintes componentes: a) cápsula de Bowman - túbulo contorcido proximal - alça de Henle túbulo contorcido distal b) cápsula de Bowman - túbulo contorcido proximal - alça de Henle túbulo coletor. c) glomérulo - alça de Henle - túbulo contorcido proximal - túbulo coletor. d) glomérulo - túbulo coletor - alça de Henle - túbulo contorcido proximal. e) túbulo contorcido proximal - cápsula de Bowman - alça de Henle túbulo contorcido distal. 5) Correlacione no quadro de opções abaixo as formas de excreção com os respectivos organismos abaixo desenhados e numerados.

c) da bexiga ao rim. d) do bacinete aos cálices. e) dos cálices aos bacinetes. 10) (Med. Santos-SP) Homeostase é: a) a tendência que os organismos apresentam para regular seu meio interno, mantendo-o em equilíbrio dinâmico quanto à sua composição. b) a tendência que certos organismos apresentam de manter inalterado o nível de certas substâncias químicas, essenciais ao desenvolvimento. c) a capacidade de regulação do conteúdo de água no meio interno que banha as células. d) uma parada da circulação do sangue, em uma área determinada de um organismo, frequentemente em decorrência de choque traumático. e) a capacidade que uma célula de permitir ou não a passagem de água através da membrana plasmática. 11) (MACK SP) 0 sangue deve passar por um processo de filtração, na cápsula de Bowman. Logo após, esse líquido circula através de estruturas, em que ocorrem outros processos de reabsorção e secreção de substâncias, modificando muito a composição final do filtrado. Esses ocorrem, particularmente: a) nas células hepáticas. b) nas ilhotas de Langerhans. c) nos néfrons. d) nas microvilosidades intestinais. e) na medula óssea. 12) (FCC - Jundiaí - Rio Preto) Qual das alternativas permite completar, corretamente a frase seguinte: '" As células dos mamíferos eliminam ( I ) para o sangue e, no fígado, essa substância converte-se em ( II ) a) I = amônia; II = ácido úrico b) I = amônia; II = uréia. c) I = uréia; II = amônia. d) I = uréia; II = ácido úrico e) I = ácido úrico; II = uréia. 13) (Unifor-CE) No aproveitamento dos ácidos aminados como fonte de energia, os animais removem seus grupos amina pela "deaminação", do que resulta a amônia, altamente tóxica; que deve, pois, ser eliminada do organismo e rapidamente. Sobre isso, apontar a alternativa correta: a) Nos animais aquáticos, a amônia é transformada em ácido úrico (muito solúvel), o qual é eliminado através da pele. b). Os mamíferos eliminam os radicais nitrogenados na forma de uréia, a qual, insolúvel na urina, perde totalmente a ação tóxica. c). Os insetos e répteis, por exemplo, eliminam os radicais nitrogenados na forma de produtos de baixa solubilidade, já que seu suprimento de água é limitado. d). Os embriões de aves, fechados na casca do ovo, excretam uréia, o que não os prejudica por esta se acumular no alantóide, onde deixa de ser perigosa e). Animais que apresentam tubos de Malpighi (barata, por exemplo) polimerizam a amônia em tais estruturas e enviam os polimerizados (os poliuretanos) para os intestinos, onde são eliminados juntamente com as fezes. 14) (FM U/FIAM-SP) Assinale a alternativa incorreta relacionada com a excreção no rim humano. a) A substância que passa em maior abundância do sangue para a cápsula de Bowman é a água. b) A maior parte do líquido filtrado é absorvida nos túbulos renais. c) Em condições normais, substâncias como vitaminas, hormônios e glicose, filtradas na cápsula de Bowman, são reabsorvidas nos túbulos renais. d) Os túbulos renais podem absorver ou deixar passar cloreto de sódio, dependendo da concentração dessa substância no sangue. e) 0 principal produto da excreção eliminado pe!os rins é a amônia, que provém das proteínas ingeridas. 15) (UFSC) Os tubos de Malpighi promovem a excreção por osmose a partir da hemolinfa. Eles formam o aparelho excretor nos a) crustáceos b) insetos c) nematelmintos d) anelídeos e) platelmintos

Rins metanéfricos

Nefrídias

Vacúolo pulsátil

Tubos de Malpighi

Células flama

a) b) c) d) e)

5 4 3 4 5

3 3 4 5 4

2 1 2 2 1

4 5 5 3 3

1 2 1 1 2

6. (PUC-SP) Em decorrência da baixa ingestão de água pelo organismo, pode-se prever que: a) diminua a pressão osmótica do sangue. b) os túbulos renais fiquem mais permeáveis à água. c) diminua a taxa de hormônio antidiurético liberado na circulação. d) aumente a secreção de aldosterona e diminua a de hormônio antidiurético. 7) (FMCSC-SP) Os animais têm adaptações para: I. remover produtos finais do metabolismo. II. manter diferentes íons em concentrações adequadas. III. manter a água do organismo em quantidade adequada. 0 sistema excretor está relacionado: a) apenas com I. b) apenas com I e II. c) apenas com I e III. d) apenas com II e III. e) com I, II e III. 8 (FCC) Os sistemas excretores dos animais têm em comum a). a estrutura e a função, que é manter constante o teor de certas substâncias no interior do organismo. b) apenas a função, que é eliminar do organismo os alimentos não digeridos. c) a estrutura e a função, que é manter o equilíbrio hídrico do organismo. d) apenas a função, que é manter o equilíbrio total do meio interno. e) apenas a função, que é manter o equilíbrio hídrico do organismo. 9) (UFSC) Cada ureter conduz a urina: a) do rim à bexiga. b) da bexiga ao meio externo.


16) (PUC-SP) (A) são células especializadas em (B) e encontradas nos (C). A frase acima tornar-se-á correta se os espaços em forem substituídos, respectivamente, por:

a) células-flama - excreção - platelmintos b) células-flama - defesa - celenterados c) coanócitos - captação de alimentos - celenterados d) cnidoblastos - defesa - poríferos e) cnidoblastos - excreção - celenterados 17) (UFPA) Nos mamíferos, a comparação do conteúdo de glicose, sais minerais e proteínas do sangue com o conteúdo da cápsula de Bowman em seus rins mostraria, no fluido da cápsula a) somente sais minerais. b) somente proteínas. c) somente glicose. d) sais minerais. e) sais minerais e glicose. 18) (PUC-SP) Os túbulos renais têm a capacidade de reabsorver toda a glicose filtrada a partir do plasma, desde que a glicemia (taxa de glicose no plasma) não ultrapasse determinado valor (ao redor de 180 mg%). A partir desse valor, o excesso de glicose filtrado é totalmente excretado na urina. Indique o gráfico que melhor representa esta condição:

c) tubo coletor. d) bacinete. e) cápsula de Bowman. 24. A unidade funcional do rim é chamada de : a) néfron. b) glomérulo. c) tubo coletor. d) bacinete. e) cápsula de Bowman. 25. (UFPE) No homem, aproximadamente, 99% da água do filtrado glomerular são reabsorvidos, principalmente ao nível da (o): a) cápsula de Bowman b) ureter c) glomérulo de Malpighi d) túbulo contornado proximal. e) bexiga

26. (FUND. C. CHAGAS-SP) Qual das alternativa permite completar, corretamente, a frase seguinte: "As células dos mamíferos eliminam_______(1)_______ para o sangue e, no fígado, essa substância converte-se em ________(2)___________". a) 1 = amônia; b) 1 = amônia: c) 1 = uréia; d) 1 = uréia; e) 1 = ácido úrico; 2 = ácido úrico 2 = uréia 2 = amônia 2 = ácido úrico 2 = uréia

27. (VUNESP) Na formação da urina em mamíferos, a filtração do sangue ocorre: a) nos corpúsculos renais. b) no túbulo contorcido proximal c) no túbulo contorcido distal d) na alça de Henle e) na bexiga urinária

28) Quando se bebe cerveja, observa-se que há aumento do volume de urina. A provável causa desse fato é: a) a diminuição da produção de adrenalina. b) o aumento da pressão osmótica do plasma sangüíneo. c) o aumento de concentração da urina na bexiga. d) a inibição da produção do hormônio antidiurético. e) a estimulação da produção do hormônio responsável pelo controle da diurese. 29) A água do mar contem, aproximadamente, três vezes mais sais que o nosso sangue. Nossos rins podem excretar uma solução salina de concentração intermediária entre a água do mar e a do nosso sangue. A ingestão de água do mar por um náufrago acarreta, entre outras coisas: a) apenas desidrataçaõ dos tecidos. b) apenas diminuição do volume sanguíneo. c) apenas aumento do volume sanguíneo. d) desidratação dos tecidos e diminuição do volume sanguíneo. e) desidratação dos tecidos e aumento do volume sanguíneo.

19) (E Objetivo-SP) A função dos rins nos mamíferos é: a). armazenar urina. b). produzir uréia e ácido úrico. c). realizar reações de desaminação. d). regular a composição química do meio interno e). libertar o sangue de substâncias não digeridas. 20. (FCC) 0 hormônio antidiurético (ADH) regula o teor de água do corpo humano, determinando aumento de reabsorção de água nos túbulos renais. Assim, quando o suprimento de água do corpo for excessivo, espera-se encontrar no sangue: a) pouco ADH, o que reduz a reabsorção de água. b) pouco ADH, o que aumenta a reabsorção de água. c) nenhum ADH, o que eleva, no máximo, a reabsorção de água. d) muito ADH, o que reduz a reabsorção de água. e) muito ADH, o que aumenta a reabsorção de água. 21. (PUCC-SP) Os seguintes animais: rato, pombo, crocodilo, sapo e piranha, quando adultos possuem, respectivamente, rins do tipo: a) metanefro - metanefro - metanefro - metanefro - mesonefro b) metanefro - metanefro - mesonefro - mesonefro - pronefro c) metanefro - metanefro - metanefro - mesonefro - mesonefro d) metanefro - metanefro - mesonefro - mesonefro - mesonefro e) metanefro - mesonefro - mesonefro - mesonefro - pronefro 22. (OSEC-SP) A composição química da urina excretada pelos rins humanos é: a) exatamente igual à do filtrado glomerular. b) filtrado glomerular menos água reabsorvida no túbulo. c) filtrado glomerular menos substâncias reabsorvidas no túbulo. d) filtrado glomerular mais substâncias secretadas no túbulo. e) filtrado glomerular adicionado de substâncias secretadas e diminuído de água e outras substâncias reabsorvidas no túbulo. 23. Dá origem ao ureter: a) néfron. b) glomérulo.

Parte V: Coordenação Hormonal
1) (FUVEST) Considere as seguintes funções do sistema endócrino: 1- controle do metabolismo do açúcar. 2- preparação do corpo para situações de emergência. 3- controle de outras glândulas endócrinas. As glândulas que correspondem a essas funções são, respectivamente: a) salivar, tireóide, hipófise. b) pâncreas, hipófise, tireóide. c) tireóide, salivar, adrenal. d) salivar, pâncreas, adrenal. e) pâncreas, adrenal, hipófise. 2) (FUVEST) O hormônio folículo-estimulante induz as células foliculares a liberar estrógeno, responsável pelo crescimento do endométrio. As estruturas relacionadas com a descrição acima são: a) hipófise, tireóide e testículo. b) hipófise, ovário e útero. c) tireóide, supra-renal e útero. d) pâncreas, ovário e supra-renal. e) pâncreas, tireóide e testículo. 3) (FUVEST) Num ciclo menstrual de 28 dias, a ovulação normalmente ocorre: a) no primeiro dia da menstruação.


b) ao redor do 14º dia após o início da menstruação. c) no último dia da menstruação. d) ao redor do 7º dia após o início da menstruação. e) ao redor do 28º dia após o início da menstruação. 4) (FCMSCSP) A deficiência de auxinas na raiz de uma planta resulta, em última análise, na inibição: a) da elongação celular. b) da formação de tecidos. c) da divisão celular. d) do crescimento em espessura. e) da formação de raízes secundárias. 5) (FEEQ-CE) A liberação dos hormônios vasopressina, adrenalina e insulina é efetuada, respectivamente, pelas glêndulas endócrinas: a) hipófise, pâncreas e supra-renais. b) pâncreas, supra-renais e hipófise. c) pâncreas, hipófise e supra-renais. d) hipófise, supra-renais e pâncreas. e) supra-renais, hipófise e pâncreas. 6) (UFPA-PA) A concentração de glicose é mantida praticamente constante no sangue devido à ação de três hormônios. a) insulina, adrenalina e glucagon. b) insulina,triiodotironina e tiroxina. c) insulina,adrenalina e tiroxina. d) insulina, tiroxina e glucagon. e) insulina, glucagon e triiodotironina. 7) (UFRGS-RS) Os hormônios gonadotróficos ou sexuais, que entram em atividade no período da pré-adolescência para regerem a vida sexual, agem especificamente sobre as glândulas sexuais, determinando seu crescimento e maturação normal. Indiretamente, são responsáveis pelos caracteres sexuais secundários. A glândula que produz estes hormônios chama-se: a) pâncreas. b) supra-renal. c) timo. d) tireóide. e) hipófise. 8) (ACAFE-SC) As auxinas são hormônios relacionados com o crescimento dos vegetais.

e) pela distribuição desigual de auxina nas faces iluminada e escura do vegetal, ocorrendo maior concentração hormonal na face escura. 10) (UFPR-PR) Sabemos que no ciclo ovulatório da mulher há uma interação entre hormônios da hipófise e hormônios do próprio folículo ovariano. A hipófise inicialmente produz o hormônio A que estimula a produção do hormônio B pelo folículo. Após a ovulação, forma-se o corpo lúteo por estímulo do hormônio C da hipófise. O corpo lúteo secreta, então, o hormônio D. Os hormônios A, B, C e D são respectivamente: a) progesterona — hormônio folículo-estimulante — hormônio luteinizante — estrógeno. b) hormônio folículo-estimulante — progesterona — estrógeno — hormônio luteinizante. c) estrógeno — progesterona — hormônio folículo-estimulante — hormônio luteinizante. d) hormônio folículo-estimulante — estrógeno — progesterona — hormônio luteinizante. e) hormônio folículo-estimulante — estrógeno — hormônio luteinizante — progesterona. 11) (UFPA-PA) Há um hormônio que atua na reabsorção tubular da água e de certos eletrólitos cuja liberação deficiente pela hipófise acarreta aumento da diurese, com hemoconcentração e sede intensa. Esse hormônio é conhecido como hormônio antidiabetogênico, pois o quadro clínico que a sua deficiência acarreta é chamado diabete insípida. Trata-se de: a) ocitocina. b) insulina. c) cortisona. d) adrenalina. e) ADH. 12) (FAAP-SP) Associe as colunas: Hormônios ( Ocitocina Tiroxina Insulina Adrenalina Progesterona (1) (2) (3) (4) (5) ( ( ( ( Ação principal ) Desenvolve a parede uterina para implantação do ovo e mantém a gravidez. ) Contrai a musculatura uterina ) Eleva a pressão arterial ) Controla a glicose no sangue ) Eleva o metabolismo basal

A seqüência correta de cima para baixo é: a) 5, 4, 1, 2, 3 b) 5, 1, 4, 3, 2 c) 1, 5, 4, 2, 3 d) 4, 3, 2, 1, 5 e) 1, 2, 3, 4, 5 13) Uma mulher normal, entre os 12 e os 50 anos, apresenta fenômenos ciclícos mensais que culminam, com a menstruação. O fenômeno cíclico da menstruação se dá, especificamente, devido à:

O gráfico acima demonstra que: I - A auxina nem sempre estimula o crescimento, podendo também inibi-lo, dependendo da sua concentração e do órgão que atua. II - Concentrações maiores de auxina estimulam o crescimento do caule e passam a inibir o da raiz. III - O ótimo de concentração de auxina não varia para as diferentes partes de uma mesma planta. Estão corretas: a) I e II b) I, II e III c) I e III d) apenas I e) apenas II 9) (CESGRANRIO) Curvando-se uma plantinha em ambiente escuro provido de uma pequena abertura, de modo a permitir uma iluminação unilateral, verifica-se que o vegetal cresce inclinando-se em direçào à fonte lumnosa. Tal curvatura é explicada: a) pela maior concentração de clorofila na face iluminada. b) pela ausência de um tecido de sustentação, suficientemente desenvolvido, capaz de manter o vegetal em sua posição normal. c) pela maior concentração de auxina na face iluminada, provocando seu maior crescimento e conseqüente inclinação do vegetal. d) pela maior atividade meristemática na face iluminada resultante da presença de pigmentos.
 

a) ação dos hormônios da tireóide b) ação da testosterona c) ação da adrenalina e da prolactina d) ação dos estrógenos e progesterona ovarianos e) ação de todos os hormônios da hipófise 14) Indique a alternativa correta, relativa aos hormônios humanos, suas glândulas produtoras e funções respectivas. a) Insulina - pâncreas - regula o ciclo menstrual. b) Progesterona - ovários - regula a taxa de glicose no sangue. c) Glucagon - pâncreas - transforma glicogênio em glicose. d) Andrógenos - medula adrenal - caracteres sexuais secundários masculinos. e) Adrenalina - neuro-hipófise - regula o volume de urina excretada 15) (UFRN) O esquema abaixo representa as conversões de glicose em glicogênio, e vice-versa, promovidas pelos hormônios A e B. A e B são respectivamente: A Glicose B a) glucagon e insulina Glicogênio b) insulina e citocina c) insulina e glucagon d) glucagon e hormônio antidiurético e) ocitocina e hormônio antidiurético

16) (UFRS) Se analisarmos o sangue de uma pessoa em situação de perigo ou emergência, ou num momento de raiva ou susto, poderemos identificar o aumento do hormônio:

a) tiroxina. b) corticotrofina. c) gonadotrofina. d) ocitocina. e) adrenalina.

9) Dos sistemas abaixo relacionados, qual está subordinado ao sistema nervoso vegetativo ou autônomo? a) sistema muscular estriado. b) sistema ósseo. c) todo o sistema de revestimento. d) sistema ósteo-articular e) sistema glandular.

Parte VI: Coordenação Nervosa
1) (UNICAP-PE) O sistema nervoso periférico é constituído: a) da fração simpática, gânglios e nervos b) da fração parassimpática, gânglios e nervos c) do sistema autônomo, gânglios e nervos. d) dos nervos e gânglios espinais e simpáticos. e) dos nervos cranianos e dos nervos raquianos. 2) Os nervos raquianos possuem duas raízes - uma anterior e outra posterior. É correto afirmar que: a) as duas raízes são exclusivamente motoras. b) ambas são exclusivamente sensitivas. c) as anteriores são sensitivas e as posteriores são motoras. d) as posteriores são sensitivas e as anteriores são motoras. e) ambas são mistas, pois é variável o sentido em que ocorre o estímulo nervoso em cada uma delas. 3) (UFGO) Considere as afirmativas: I- As glândulas salivares têm sua ativação controlada por nervos do sistema autônomo ou neurovegetativo. II- Os movimentos dos olhos são condicionados por nervos que se originam diretamente no encéfalo. III- Os movimentos dos braços são controlados por nervos raquianos. Assinale: a) se apenas I estiver correta. b) se apenas II estiver correta. c) se apenas III estiver correta. d) se apenas duas afirmativas estiverem corretas e) se todas as três afirmativas estiverem corretas 4) (VUNESP) Quando uma pessoa encosta a mão em um ferro quente, ela reage imediatamente por meio de um reflexo. Neste reflexo o neurônio efetuador leva o impulso nervoso para: a) a medula espinhal. b) o encéfalo. c) os músculos flexores do braço d) as terminações sensoriais de calor na ponta dos dedos. e) as terminações sensoriais de dor na ponta dos dedos. 5) Assinale a alternativa que apresenta de forma correta, a condução do impulso nervoso nos neurônios sensorial e motor. a) O estímulo nervoso se propaga do dendrito para o corpo celular e deste para o axônio no neurônio sensorial, e o inverso no neurônio motor. b) O estímulo nervoso se propaga do axônio para o corpo celular e deste para o dendrito no neurônio sensorial, e o inverso no neurônio motor. c) O estímulo nervoso se propaga do dendrito para o corpo celular e deste para o axônio no neurônio sensorial e no neurônio motor. d) O estímulo nervoso se propaga do axônio para o corpo celular e deste para o dendrito, tanto no neurônio sensorial como no motor. e) O estímulo nervoso se propaga do dendrito para o corpo celular ou do corpo celular para o dendrito no neurônio sensorial e do corpo celular para o axônio no neurônio motor. 6) Se o cerebelo de um rato for destruído, ele perderá a capacidade de: a) digerir alimentos. b) respirar. c) andar. d) eliminar excretas e) produzir anticorpos.

10) Considere os seguintes elementos do sistema nervoso: I- encéfalo III- nervos cranianos II- medula IV- nervos raquidianos O sistema nervoso central é constituído por: a) II e III b) III e IV c) I e II d) I e III e) II e IV 11) Um arco reflexo simples exige, pelo menos: a) um neurônio motor, um gânglio e a medula. b) um neurônio sensorial, um gânglio e a medula. c) um neurônio sensorial, dois gânglios e a medula. d) um neurônio motor, um sensorial e um gânglio. e) dois neurônios ( um sensorial e um motor) e a medula. 12) Cérebro, cerebelo e bulbo são órgãos do: a) sistema nervoso periférico. b) sistema nervoso parassimpático. c) sistema nervoso autônomo. d) sistema nervoso central e) As respostas c e d estão corretas 13) Sobre o sistema nervoso dos vertebrados é correto afirmar: ( 01 ) É composto de encéfalo e medula raquiana ou espinhal. ( 02) Tem sempre localização dorsal. ( 04 ) O Sistema Nervoso Central (SNC) compõe-se dos nervos simpáticos e parassimpáticos. ( 08 ) O SNC é também conhecido como sistema neuro vegetativo. ( 16 ) Nos anfíbios e peixes o córtex cerebral é liso. Por isso, a sua superfície é menor, dispõe de menor número de neurônios. ( 32 ) Ação reflexa é toda resposta imediata do sistema nervoso à excitação de um nervo sem a intervenção da vontade do indivíduo. A opção que contém a soma das afirmativas corretas é: a) 14 b) 63 c) 22 d) 51 e) 06 14) Foi seccionada uma área do sistema nervoso de um mamífero. Em seguida, constatou-se que o referido animal não manteve seu equilíbrio corpóreo, permanecendo deitado no chão. A área seccionada em questão faz parte: a) do bulbo b) do cerebelo c) do hipotálamo d) das meninges e) do sistema nervoso autônomo 15) É´ comum nos animais a presença de receptores específicos ou órgãos dos sentidos capazes de obter informações ambientais ou corpóreas. Após a captação destas informações, impulsos são gerados e transportados para serem processados e interpretados. Por onde são transportados e onde ocorre a interpretação desse estímulos, respectivamente? a) SNC e SNA b) SNA e SNP c) SNP e SNA d) SNP e SNC e) Nenhuma das respostas anteriores

7) A unidade estrutural e fisiológica no sistema nervoso é denominada: a) bulbo. b) neurônio. c) néfron. d) axônio e) gânglio

8) Para se observar corpos de neurônios, o melhor seria fazer lâminas para o microscópio a partir de cortes histológicos de: a) nervos raquianos. b) nervos cranianos. c) cerebelo. d) "H" medular e) córtex medular

Parte VII: Reprodução
1) (FGV-SP) Associe as estruturas abaixo relacionadas com a função realizada por cada uma:

 

1- túbulos seminíferos 2- epidídimo 3- células intersticiais do testículo 4- próstata

( ) local de produção de espermatozóides ( ) local de armazenamento de espermatozóides ( ) local de produção do hormônio sexual masculino ( ) local de produção do esperma

b) espermatozóides e líquido seminal. c) espermatozóides, líquido seminal e líquido prostático. d) espermatozóides, líquido seminal, plasma e líquido prostático. e) espermatozóides, sangue, linfa, líquido seminal e líquido prostático. 7) (UFBA) A reprodução sexuada determina: a) a manutenção da condição haplóide. b) a especialização de gametas diplóides. c) a fertilização entre células indiferenciadas. d) a invariabilidade genética em cada geração. e) a variabilidade produzida pela recombinação gênica. 8) (F.OBJETIVO-SP) Em certos animais como, por exemplo, as abelhas, o óvulo pode se desenvolver, dividindo-se sucessivamente, dando origem a um novo ser. Trata-se de um fenômeno conhecido por: a) netotenia. b) pedogênese. c) partenogênese. d) poliembrionia. e) metagênese. 9) (FEOA-MG) Observe os desenhos a seguir:

a) 1, 2, 3, 4 b) 2, 3, 4, 1 c) 3, 4, 1, 2 d) 4, 3, 2, 1 e) 2, 1, 4, 3 2) O processo de união dos núcleos do óvulo e do espermatozóide é chamado de: a) segmentação b) estrobilização c) fecundação d) nidação e) permutação 3) (UFMG-MG). Desenhos representativos dos sistemas genitais masculino e feminino. A opção que contém erro é:

a) Em 2 há armazenamento de espermatozóides. b) 3 e 4 produzem secreções para o sêmen. c) 1 e 5 constituem as gônadas. d) Em 6 ocorre fecundação. e) 7 é constituinte do canal do parto.

Os desenhos representam processos de reprodução assexuada denominados, respectivamente de: a) estrobilização, brotamento e regeneração. b) gemulação, brotamento, e regeneração. c) brotamento, gemulação e bipartição. d) regeneração, brotamento e bipartição. e) estrobilização, gemulação e conjugação 10) (F.M.Santa Casa-SP) A abelha A encontra-se com a abelha B, da mesma espécie, mas de outra colméia. Diz A: — Olá, como vão seu pai e sua mãe? Responde B: —Bem, meu pai já morreu mas minha mãe está ótima. E seus quatro avós, como vão? Retruca A: — Como quatro, se eu só tenho dois? Por esse “diálogo” podemos concluir corretamente que: a) A pode ser uma rainha e B uma operária. b) A é uma rainha e B é uma operária. c) A pode ser uma operária e B é um zangão. d) A é um zangão e B pode ser uma rainha mas não uma operária. e) A é um zangão e B é uma operária ou rainha. 11) (UFMG-MG) Larvas brancas de moscas do gênero Myastor (semelhantes ao bicho da goiaba), são capazes de produzir óvulos que se desenvolvem sem sofrer fecundação, originando outras larvas. Este fenômeno reprodutivo recebe o nome de: a) neotenia. b) metagênese. c) embriogênese. d) pedogênese. e) poliembrionia. 12) (PUC-RS) “O chamado Ambystoma tigrinum é um anfíbio bastante conhecido em regiões pantanosas e lagos do México. Esta espécie apresenta um fenômeno interessante: sua larva, que é aquática, atinge a maturidade sexual sem perder suas características larvais, entre as quais vistosas brânquias externas. E nestas condições se reproduz normalmente.” O texto acima diz respeito ao fenômeno denominado: a) isogamia. b) monospermia. c) neotenia. d) oogamia. e) esporogamia. 13) (F.OBJETIVO) Os gêmeos monozigóticos ou idênticos originam-se: a) da divisão de um óvulo não fecundado.

4) (UFBA-BA). Com relaçäo à figura seguinte sao feitas quatro afirmativas. Assinale a opção correta seguindo o código abaixo:

I - A fecundação, na espécie humana, se dá mais comumente no terço externo de uma das trompas de Falópio. II - Quando ocorre a penetração do espermatozóide no gameta feminino, este ainda se encontra na fase de ovócito de 2ª ordem. III - Na polispermia verifica-se a entrada de vários espermatozóides no óvulo, justificando a formação de gêmeos. IV - A razão do grande número de espermatozóides eliminados numa ejaculação reside na dificuldade que eles devem enfrentar até atingir o óvulo. a) se apenas uma afirmativa está certa b) se nenhuma afirmativa está certa c) se todas as afirmativas estão certas d) se apenas uma afirmativa está errada e) se apenas duas afirmativas estão certas 5) (FUVEST-SP) Desde a sua origem até a fecundação do óvulo, o espermatozóide humano segue o seguinte trajeto: a) testículo, epidídimo, canal deferente, uretra, vagina, útero, trompa de Falópio. b) testículo, uretra, canal deferente, epidídimo, vagina, útero, trompa de Falópio. c) epidídimo, testículo, canal deferente, uretra, útero, vagina, trompa de Falópio. d) testículo, próstata, epidídimo, canal deferente, uretra, vagina, útero, trompa de Falópio, ovário. e) canal deferente, testículo, epidídimo, uretra, vagina, útero, ovário. 6) O esperma normal é composto de: a) espermatozóides unicamente.
 

b) da divisão de um zigoto originado da união de um óvulo com um espermatozóide. c) da fertilização de dois óvulos distintos por um só espermatozóide. d) da fertilização de dois óvulos por dois espermatozóides distintos. e) da fertilização de dois óvulos exatamente iguais por dois espermatozóides iguais ou diferentes. 14) (Fuvest-SP) A reprodução sexuada, do ponto de vista evolutivo, é mais importante do que a reprodução assexuada porque: a) assegura a perpetuação da espécie. b) promove maior variabilidade genética. c) processa-se após a meiose que produz gametas. d) permite produzir maior número de descendentes. e) ocorre somente nos animais e vegetais pluricelulares. 15) (Vunesp-SP) Em abelhas, o macho (zangão) desenvolve-se a partir de óvulos não fecundados (haplóides). As rainhas (fêmeas férteis) e operárias (fêmeas estéreis) desenvolvem-se a partir de ovos fecundados e diplóides. Conclui-se daí que: I. Os zangões não têm filhos do sexo masculino. II. As filhas de um zangão herdam todos os genes que seu pai possui. III. Os zangões não possuem avós paternos. Assinale a alternativa certa: a) As conclusões acima estão corretas. b) As conclusões acima estão incorretas. c) Apenas as conclusões I e II estão corretas. d) Apenas as conclusões I e III estão corretas. e) Apenas as conclusões II e III estão corretas. 16) (PUC-RJ) Animais ovulíparos apresentam seu desenvolvimento embrionário sujeito a pouca proteção, o que é compensado com uma grande produção de gametas. Assinale a opção que caracteriza corretamente a fecundação e o desenvolvimento de animal ovulíparo: a) Lagartos: a fecundação e o desenvolvimento são externos. b) Cobras: a fecundação é interna, porém o desenvolvimento embrionário é externo. c) Sapos: a fecundação é interna, porém o desenvolvimento embrionário é externo. d) Pererecas: a fecundação e o desenvolvimento embrionário são externos. e) Jacarés: a fecundação e o desenvolvimento são internos. 17) (UFMG) Os objetivos de alguns métodos anticoncepcionais são: I. Impedir que o óvulo alcance a porção superior das trompas. II. Impedir que os espermatozóides sejam depositados na vagina. III. Impedir que os espermatozóides depositados na vagina cheguem ao útero. O uso da camisinha, de diafragma e a ligadura de trompas atingem, respectivamente, os objetivos: a) I, II e III. b) I, III e II c) II, I e III d) II, III e I. e) III, II e I. 18) (UFSC) O uso de preservativo masculino ("camisinha") tem sido amplamente divulgado e estimulado nos dias de hoje. Várias são suas indicações, como: 01. evitar doenças como sífilis e gonorréia. 02. controle de natalidade. 04. bloqueio da produção de gametas masculinos. 08. prevenção da Aids. 16. controle da ovulação. Dê como resposta a soma dos números associados às alternativas corretas. a) 8 b) 11 c) 10 d) 14 e) 15 19) (Fuvest-SP) Qual a diferença, no desenvolvimento embrionário, entre animais com ovos oligolécitos e animais com ovos telolécitos? a) Número de folhetos embrionários formados. b) Presença ou ausência de celoma. c) Presença ou ausência de notocorda. d) Tipo de segmentação do ovo.

e) Modo de formação do tubo neural. 20) (PUCC-SP) Qual das afirmações abaixo, relativas a diferentes tipos de ovos, é verdadeira? a) Ovos com muito vitelo no pólo vegetativo têm segmentação total. b) Ovos com muito vitelo no centro têm segmentação discoidal. c) Ovos oligolécitos têm segmentação parcial. d) Os ovos da maioria dos artrópodos são oligolécitos. e) Os ovos da maioria dos mamíferos são pobres em vitelo.

21) (Vunesp-SP) Assinale, entre as alternativas abaixo, a afirmação correta. a) Tanto os animais ovíparos como os ovovivíparos põem ovos com o desenvolvimento embrionário apenas iniciado. b) Tanto os animais oviparos como os ovovivíparos põem ovos com o desenvolvimento embrionário já concluído. c) Tanto os animais ovíparos como os ovovivíparos apresentam fecundação externa. d) Tanto nos animais ovíparos como nos ovovivíparos, os embriões utilizam as reservas alimentares do ovo para seu desenvolvimento. e) Somente nos animais ovíparos o filhote eclode fora do corpo materno. 22) (Fuvest-SP) Uma senhora deu à luz dois gêmeos de sexos diferentes. O marido, muito curioso, deseja saber algumas informações sobre o desenvolvimento de seus filhos, a partir da fecundação. O médico respondeu-lhe, corretamente, que: a) dois óvulos foram fecundados por um único espermatozóide. b) um óvulo, fecundado por um espermatozóide, originou um zigoto, o qual dividiu-se em dois zigotos, formando dois embriões. c) um óvulo foi fecundado por dois espermatozóides, constituindo dois embriões. d) dois óvulos, isoladamente, foram fecundados, cada um por um espermatozóide, originando dois embriões. e) o uso de medicamentos durante a gestação causou alterações no zigoto, dividindo-o em dois. 23) (Cesesp-PE) Com relação a gêmeos univitelinos é correto afirmar que: a) são resultantes da bipartição de óvulos não fecundados e desenvolvidos partenogeneticamente. b) são resultantes da fecundação de dois óvulos e dois espermatozóides, podendo resultar indivíduos de ambos os sexos. c) são resultantes da bipartição de um só óvulo, fecundado por dois espermatozóides, dando individuos masculinos e femininos ao mesmo tempo. d) são resultantes da bipartição de um só óvulo, fecundado por um só espermatozóide, dando individuos masculinos e femininos ao mesmo tempo. e) são resultantes da bipartição de um só óvulo, fecundado por um só espermatozóide, resultando individuos do mesmo sexo. 24) Identifique as estruturas indicadas nas setas e assinale a alternativa correta:

a) I – membrana pelúcida; II – corona radiata; III – 1º glóbulo polar b) I – membrana pelúcida; II – corona radiata; III – 2º glóbulo polar c) I – corona radiata; II – membrana pelúcida ; III – 1º glóbulo polar d) I – corona radiata; II – membrana pelúcida; III – 2º glóbulo polar e) I – espermatozóides; II – membrana pelúcida; III – 2º glóbulo polar 25) (UFRN-RN) O processo de reprodução agâmica, que consiste na divisão sucessiva do núcleo seguida da fragmentação múltipla do citoplasma, chama-se: a) brotamento. b) cissiparidade. c) estrobilização. d) gemiparidade. e) esporulação. 26) Identifique as estruturas indicadas e assinale a alternativa correta:

! 

c) núcleo – cabeça – mitocôndrias – acrossoma – cauda d) acrossoma – núcleo – mitocôndrias – cabeça – cauda e) acrossoma – mitocôndrias – núcleo – cauda – cabeça

a) cabeça – acrossoma – cauda – núcleo – mitocôndrias b) cabeça – núcleo – cauda – acrossoma – mitocôndrias

GABARITO
Parte I - Digestão

1- C 11- A 21- A 1- A 11- C 21- C 1112131B B E A

2- A 12- B 22- A 2- A 12- D 22- B 2122232C A C B

3- D 13- E 23- D 3- E 13- C 23- B 3132333E D B D

4- A 14- B 24- A 4- B 14- D

5- D 15- A 25- D 5- D 15- E

6- E 16- A 26- E 6- E 16- A

7- B 17- A

8- D 18- C

9- B 19- C

10- E 20- A

Parte II - Respiração

7- E 17- D

8- C 18- C

9- C 19- E

10- D 20- A

Parte III - Circulação

4142434-

C A B D

5- C 15- A 25- C

6- A 16- A 26- E

7- E 17- D 27- D

8- C 18- E 28- A

9- B 19- D 29- C

10- C 20- B 30- D

Parte IV -Excreção

1- A 11- C 21- A 1- E 11- E 1- C 11- E 1- A 11- D 21- D

2- A 12- B 22- C 2- B 12- B 2- D 12- E 2- C 12- C 22- D

3- C 13- C 23- D 3- B 13- D 3- E 13- D 3- D 13- B 23- E

4- A 14- E 24- A 4- B 14- C 4- C 14- B 4- D 14- B 24- C

5- B 15- B 25- D 5- D 15- C 5- C 15- D 5- A 15- E 25- E

6- A 16- A 26- B 6- A 16- E 6C

7- E 17- E 27- A 7E

8- D 18- E 28- D 8A

9- A 19- D 29- E 9E

10- A 20- A

Parte V – Coordenação Hormonal

10- E

Parte VI – Coordenação Nervosa

7-

B

8-

D

9-

E

10- C

Parte VII – Reprodução

6- C 16- D 26- D

7- E 17- D

8- C 18- B

9- A 19- D

10- E 20- E

# "

INFO vestibular http://www.infovestibular.com

Biologia – Substâncias Biológicas
Parte I: Água e Sais Minerais
1) 0 constituinte inorgânico mais abundante na matéria viva é: a) a água . b) a proteína. c) o sal de sódio . d) o lipídio . e) o glucídio . 2) Os valores pH = 2, pH = 7 e pH = 9 são, respectivamente, de soluções: a) ácidas, básicas e neutras. b) básicas, ácidas e neutras. c) neutras, ácidas e básicas. d) ácidas, neutras e básicas. e) neutras, ácidas e ácidas. 3) 0 pH da água pura é: a) zero. b) 7 c) 14 d) 1 e) 10 4) Dentre as propriedades fisico-químicas da água, com grande importância sob o ponto de vista biológico, podem-se citar: a) o alto calor específico, o pequeno poder de dissolução e a grande tensão superficial. b) o baixo calor específico, o grande poder de dissolução e a pequena tensão superficial. c) o baixo calor específico, o pequeno poder de dissolução e a pequena tensão superficial. d) o alto calor específico, o alto poder de dissolução e a pequena tensão superficial. e) o alto calor específico, o alto poder de dissolução e a grande tensão superficial. 5) (CESESP-PE) São funções da água no protoplasma celular: I - atuar como dissolvente da maioria das substâncias II - não atuar na manutenção do equilíbrio osmótico dos organismos em relação ao meio ambiente III - constituir o meio dispersante dos colóides celulares IV - participar das reações de hidrólise V - agir como ativador enzimático A alternativa que contém as funções verdadeiras é: a) I, II, III b) III, IV, V c) I, III, IV d) V, II, III e) III, II, I 6) (EFOA-MG). "A taxa de água varia em função de três fatores básicos: atividade do tecido ou órgão (a quantidade de H2O é diretamente proporcional à atividade metabólica do órgão ou tecido em questão); idade (a taxa de água decresce com a idade) e a espécie em questão (homem 63%, fungos 83%, celenterados 96% etc.)". Baseado nestes dados,o item que representa um conjunto de maior taxa hídrica é: a) coração, ancião, cogumelo b) estômago, criança, abacateiro c) músculo da perna, recém-nascido, medusa d) ossos, adulto, "orelha-de-pau" e) pele, jovem adolescente, coral 7) (UFBA-BA). A quantidade de água nas células e nos tecidos: a) b) c) d) tende a diminuir com o aumento da idade tende a aumentar com o aumento da idade permanece constante com o aumento da idade não tem qualquer relação com a idade e) tem relação com a idade mas é a mesma em qualquer espécie 8) (UFPR-PR). Com relação ao papel desempenhado pela água nas estruturas celulares dos seres vivos, qual das afirmações não é correta? a) É o veículo de eliminação dos excretas provenientes do metabolismo celular. b) Age como catalisador enzimático de numerosas reações intracelulares. c) Oferece grandes condições de estabilidade aos colóides protoplasmáticos. d) Tem participação direta nos fenômenos osmóticos entre a célula e o meio extracelutar. e) Participa das reações de hidrólise. 9) (CESGRANRIO-RJ). A percentagem de água é progressivamente decrescente nos seguintes tecidos: a) b) c) d) e) adiposo, muscular, substância cinzenta do cérebro muscular, tecido nervoso de embrião, tecido nervoso de adulto muscular, ósseo e adiposo epitelial, ósseo e nervoso nervoso, adiposo e muscular

10) (UFES-80) Dos componentes da matéria viva, quais deles existem em maior proporção em qualquer célula? a) proteínas b) hidratos de carbono c) lipídios d) água e) eletrólitos 11) (UFCE-CE). Das alternativas abaixo, referentes à química da célula viva, escolha as que são corretas: (O1) Das substâncias orgânicas que constituem a célula, podemos citar: carboidratos, lipídios, aminoácidos, proteínas e ácidos nuclêicos. (02) Dos componentes inorgânicos presentes na célula, a água é o mais abundante, tendo como função, entre outras, a de solvente de íons minerais e de muitas substâncias orgânicas. (04) Além de favorecer a ocorrência de reações químicas, a água é indispensável no transporte de substâncias. (08) Os sais minerais existentes na célula estão sob duas formas: imobilizados como componentes de estruturas esqueléticas e dissolvidos na água na forma de íons. (16) Quanto ao íon Mg + + (magnésio) é certo que tem papel importante na coagulação do sangue. Dê como resposta a soma dos números das alternativas corretas. a) 3 b) 10 c) 12 d) 15 e) 47

12) (FCMSC-SP) Pode-se dizer corretamente que o teor de água nos tecidos animais superiores: a) é maior quanto maior o seu metabolismo e diminui com o aumento da idade: b) é maior quanto maior o seu metabolismo e aumenta com o aumento da idade. c) é maior quanto menor o seu metabolismo e diminui com o aumento da idade. d) é maior quanto menor o seu metabolismo e aumenta com o aumento da idade. e) apresenta variações diferentes das citadas nas alternativas anteriores. 13) (F.Lusíada-Santos) A taxa de água em um organismo pode variar de acordo com alguns fatores. São eles: a) espécie, enzimas e proteínas. b) idade, espécie e proteínas. c) atividade, idade e espécie. d) atividade, enzimas e proteínas. e) idade, enzimas e proteínas.
 

14) A respeito da água como constituinte celular, foram formuladas as seguintes afirmações: I- A água age como solvente natural dos íons e outras substâncias encontradas nas células. II- A água geralmente se encontra dissociada ionicamente mantendo o pH e a pressão osmótica das células. III- A água funciona como enzima em muitas reações intracelulares. IV- A água é indispensável para a atividade celular, visto que os processos fisiológicos só ocorrem em meio aquoso. Estão corretas as afirmações: a) I e II b) I e Ill c) lI e lIl d) I e IV e) III e IV

b) monossacarídeos c) esterídeos

e) polipeptídios

4) (CESCEM-SP-76) Qual é o tipo de substância que exerce fundamentalmente função energética no metabolismo energético da célula? a) proteína b) hidratos de carbono c) fosfolipídios d) enzimas e) vitaminas

5) (UCMG-78) São considerados polissacarídios: a) lactose e maltose b) amido e lactose c) glicogênio e glicose d) amido e glicogênio e) glicose e frutose

15) A água participa em todos os fenômenos abaixo, exceto: a) Manutenção da temperatura corpórea. b) Participação em reações metabólicas c) Transporte de substâncias d) Transporte de energia e) Manutenção da vida em regiões geladas 16) Não é correto afirmar que os sais minerais: a) estão, na maioria das vezes, no meio intracelular, dissociados em íons. b) na sua fórmula integral, participam com função estrutural da natureza de alguns tecidos, como por exemplo os sais de cálcio no tecido ósseo. c) têm papel importante no fenômeno da osmose. d) controlam a respiração celular. e) ajudam a manter constante o pH da célula. 17) O papel dos íons fosfato e carbonato no organismo é: a) facilitar a osmose através da membrana celular. b) quebrar as moléculas orgânicas maiores em moléculas orgânicas menores. c) atuar como componente de estruturas de sustentação. d) proceder como catalisadores em reações metabólicas intracelulares. e) regular a transmissão do impulso nervoso. 18) (PUC-SP) Dietas pobres em alimentos que são fontes de sais de ferro para o nosso organismo poderão ocasionar: a) anemia. b) dificuldade de coagulação do sangue. c) distúrbios nervosos. d) sangramento das mucosas. e) raquitismo. 19) (PUC-SP) 0 papel principal do íon P04- na célula é: a) manter o equilíbrio osmótico. b) formar ligações de alta energia. c) atuar como oxidante energético. d) regular o equilíbrio ácido-base. e) atuar como catalisador em reações metabólicas. 20) (PUCSP) 0 papel principal dos íons CO3 na célula é: a) manter o equilíbrio osmótico b) formar ligações de alta energia c) atuar como oxidante energético d) regular o equilíbrio ácido-básico mantendo o pH neutro da célula e) atuar como catalisador em reações metabólicas intracelulares 11) (ISE/Sta. Cecília-SP) São carboidratos muito importantes na síntese dos ácidos nucleicos: a) glicose e galactose b) glicose e monose c) ribose e glicose d) ribose e desoxiribose e) glicose e desoxiribose 7) A hidrólise de um polissacarídio (OSÍDEO) resulta em muitas moléculas de: a) oses b) água c) sais minerais d) água e sais minerais e) amido 6) (PUC-RS-84) O polissacarídio formado por unidades de glicose e que representa a principal forma de armazenamento intracelular de glicídios nos animais é denominado: a) amido b) colesterol c) ergosterol d) volutina e) glicogênio

8) Dentre as substâncias relacionadas, qual delas representa o principal suprimento energético de preferência das células? a) proteínas b) celulose c) glicose d) vitaminas e) água

9) São considerados oses ou monosacarídios: a) maltose e glicose b) sacarose e maltose c) amido e glicogênio d) glicose e frutose e) amido e sacarose

10) (F. Lusíada -Santos) Polissacarídio que participa da parede celular dos vegetais: a) celulose b) quitina c) amido d) glicogênio e) cerídio

12) A quitina, substância que forma o exoesqueleto dos artrópodes, é classificada quimicamente como: a) monossacarídio b) lipídio simples c) mucopolissacarídeo d) esteróide e) carotenóide

Parte II: Glicídios e Lipídios
1) Exemplos de polissacarídio, se,respectivamente: dissacarídio, hexose e pento-

13) Os ésteres de ácidos graxos com álcoois são quimicamente classificados como: a) glicídios ou carboidratos b) protídios ou proteínas c) enzimas ou fermentos d) lipídios e) ácidos nucleicos

a) celulose, sacarose, ribose e frutose. b) amido, maltose, glicose e desoxirribose. c) coniferina, lactose, maltose e desoxirribose. d) amido, celulose, glicogênio e frutose. e) ácido hialurônico, quitina, frutose e ribose. 2) (FGV-SP-78) Glicogênio e celulose têm em comum, na sua composição, moléculas de: a) aminoácidos b) ácidos graxos c) carboidratos e) glicerol d) proteínas

14) Não podemos considerar como lipídios simples: a) ésteres de ácidos graxos com glicerol apenas. b) compostos conhecidos como gorduras, óleos e ceras. c) lipídios formados por C, H e O apenas. d) ésteres de ácidos graxos com álcoois, acrescidos de radicais contendo N, P ou S. e) lipídios que contêm glicerol, colesterol ou outros álcoois, sem radicais nitrogenados, fosforados ou sulfatados. 15) Os lipídios são: a) os compostos energéticos consumidos preferencialmente pelo organismo. b) mais abundantes na composição química dos vegetais do que na dos animais.

3) Os glicídios que podem ser hidrolisados dando outros glicídios de moléculas menores são chamados: a) oses
¡

d) osídeos

c) substâncias insolúveis na água mas solúveis nos chamados solventes orgânicos (álcool, éter, benzeno). d) presentes como fosfolipídios no interior da célula, mas nunca na estrutura da membrana plasmática. e) compostos orgânicos formados pela polimerização de ácidos carboxilícos de cadeias pequenas em meio alcalino. 16) Os lipídios mais comumente usados na nossa alimentação são integrantes do grupo dos: a) monoglicerídios b) triglicerídios c) cerídios d) esterídios e) lipídios complexos

7) (USU/RJ). 0 raquitismo é causado pela carência de vitamina: a) C. b) B12 c) A. d) D. e) B6. 8) (FUVEST/SP). Foi feita a análise da composição química do corpo inteiro de um pequeno animal, determinando-se as taxas percentuais das seguintes categorias de substâncias: água, proteínas e nucleoproteínas, lipídios e carboidratos, sais minerais (cinzas) e vitaminas. Assinale entre as taxas abaixo referidas a que deve corresponder às vitaminas, de acordo com o que se sabe sobre sua significação nutritiva e suas exigências na alimentação. a) > 60% b) <11% c) 5% d) 13% e) 16% 9) (CESESP/PE). 0 escorbuto, o raquitismo, a xeroftalmia e o beribéri são, respectivamente, alterações provocadas pela carência das seguintes vitaminas: a) C, D, A, B1 c) C, A, E, B2 e) K, C, B, A b) C, D, E, A d) C, A, E, B1 10) (UFMG/MG). Quanto às vitaminas, todas as afirmativas abaixo são corretas, exceto: a) A vitamina A, encontrada principalmente em ovos e leite, é protetora do epitélio e sua carência pode determinar a cegueira noturna. b) A vitamina D, encontrada principalmente nas frutas cítricas, age no metabolismo das gorduras e sua carência pode determinar o beribéri. c) A vitamina B12 pode ser sintetizada por bactérias intestinais e sua carência pode determinar a anemia perniciosa. d) A vitamina C, encontrada em vegetais, mantém normal o tecido conjuntivo e sua carência pode determinar o escorbuto. e) A vitamina K atua como um dos fatores indispensáveis à coagulação sangüínea.

17) A respeito do colesterol não é correto dizer: a) é um álcool de cadeia fechada de estrutura complexa. b) não participa da composição dos triglicerídios. c) é integrante da fórmula dos lipídios ditos esterídios ou esteróides. d) é encontrado na composição da cortisona e dos hormônios sexuais. e) é um lipídio que se acumula na parede das artérias, provocando estreitamento e obstrução desses vasos sangüíneos (aterosclerose).

Parte III: Vitaminas
1) (FAFI/BH) Afecção bucal, com irritação das gengivas, que se tornam vermelhas e facilmente sangrantes, enfraquecimento dos dentes, quadros hemorrágicos generalizados e principalmente articulares e digestivos são conseqüências da falta de vitamina: a) A b) B c) C d) D e) E 2) (PUC-RS) Existe uma vitamina muito importante para o bom funcionamento do nosso organismo, visto ser necessária à formação de uma série de substâncias indispensáveis à coagulação do sangue. Por isso, quando se verifica sua deficiência, a coagulação sangüínea fica prejudicada. 0 texto acima refere-se à vitamina: a) A c) D e) K. b) C d) E. 3) (UA-AM) A carência das vitaminas C, D e B12 produz, respectivamente: a) o raquitismo, o beribéri e o escorbuto. b) o beribéri, o raquitismo e a anemia. c) o escorbuto, o beribéri e o raquitismo. d) o beribéri, o escorbuto e o raquitismo e) o escorbuto, o raquitismo e a anemia. 4) (UFPI) "Vitamina que pode ser fabricada na pele, por estimulação da radiação ultravioleta e relacionada à fixação do cálcio nos ossos. Sua falta em crianças provoca o raquitismo." 0 texto refere-se à vitamina: a) A b) B c) C d) D e) E 5) (UGF/RJ). 0 escorbuto, uma doença comum nas longas viagens marítimas nos séculos passados, caracteriza-se por hemorragias nas mucosas, sob a pele e nas articulações. Seu aparecimento é decorrente da falta de vitamina: a) C. b) A. c) D. d) K. e) B6. 6) (UESPI/PI) A deficiência de vitamina K pode causar tendência hemorrágica porque: a) diminui a síntese hepática de protrombina. b) aumenta a fragilidade das hemácias. c) aumenta a fragilidade capilar. d) diminui o número de plaquetas. e) diminui a síntese de fibrinogênio.

Parte IV: Proteínas
1) (UFF-RJ) A transformação do leite em coalhada se deve: a) à desnaturação espontânea das proteínas do leite. b) à acidificação progressiva pelo envelhecimento da lactose. c) ao desdobramento das proteínas pela ação de microorganismos. d) à coagulação enzimática da lactose e das proteínas. e) à coagulação das proteínas (desnaturação) pelo ácido produzido na fermentação da lactose. 2) (Un.B-80) Obteve-se da hidrólise de uma substância de origem animal: glicina, serina, histidina, lisina, arginina e fenilalanina. A substância hidrolisada era: a) um polissacarídeo. b) um ácido nucleico. c) um lipídio. d) uma proteína. e) uma cetose.

3) (Universidade Estadual de Maringá-80) A ligação peptídica resulta da união entre o grupo: a) carboxila de um aminoácido e o grupo carboxila do outro. b) carboxila de um aminoácido e o grupo amina do outro. c) amina de um aminoácido e amina do outro. d) amina de um aminoácido e radical R do outro. e) carboxila de um aminoácido e radical R do outro. 4) (FGV) Para melhor suprir deficiência de proteína a dieta deve incluir; a) farinha de trigo b) banha c) ovo d) laranja e) chocolate

5) (FCMS-SP-77) O componente não-aquoso da célula é constituído na sua maior parte por: a) carboidratos b) lipídios c) ácido desoxirribonucleico d) ácido ribonucleico e) proteínas

¢

6) (UFPA-84) Nome da ligação que ocorre entre dois aminoácidos: a) aminoacética b) proteica c) lipídica d) peptídica e) glicosídica

ALAN, 14 TREON, 27 HISTID, 49 GLIC, 24 LIS. De células sangüíneas do mesmo individuo, foi extraída outra proteína, cuja hidrólise demonstrou ser formada de: 10 VAL, 32 ALAN , 14 TREON, 27 HISTID, 49 GLIC, 24 LIS. Em face de tais informações, é lícito concluir que: a) trata-se da mesma proteína, pois em ambos encontramos o mesmo número de aminoácidos. b) trata-se da mesma proteína, pois a quantidade de cada aminoácido é igual em ambas. c) trata-se da mesma proteína, pois ambas têm os mesmos aminoácidos d) trata-se de proteínas diferentes, pois foram obtidas de células estrutural, embrionária e funcionalmente diferentes e) pode-se tratar de proteínas iguais ou diferentes, pois só a análise da disposição dos aminoácidos poderá revelar a identidade ou a diferença entre elas 15) A síntese de aminoácidos diversos a partir do ácido glutâmico é realizada por meio de reações chamadas de: a) hidrólise b) oxidação c) desidrogenação d) transaminação e) polimerização 16) (PUCC-SP) As proteínas são compostos: a) formados por carboidratos e lipídios unidos por pontes de hidrogênio b) formados por aminoácidos unidos por ligações peptídicas c) de tamanho muito pequeno (micromoléculas) e que ocorrem em baixa concentração dentro da célula d) que não fazem parte da constituição química dos cromossomos e) responsáveis diretamente pela transmissão da informação genética 17) (FMlt-MG) A desoxirribonucleoproteína é uma heteroproteína que tem como grupo prostético: a) b) c) d) e) uma proteína simples os aminoácidos a desoxirribose uma molécula de DNA uma molécula de RNA

7) (PUC-82) Considere as seguintes afirmativas: I- As proteínas são substâncias de grande importância para os seres vivos: muitas participam da construção da matéria viva. II- As proteínas chamada enzimas facilitam reações químicas celulares. III- Os anticorpos, que também são proteínas, funcionam como substâncias de defesa. Assinale: a) se somente I estiver correta. b) se somente II estiver correta. c) se somente III estiver correta. d) se I e II estiverem corretas. e) se todas estiverem corretas. 8) Não é função básica das proteínas a) atuar no sistema imunológico b) participar da coagulação sangüínea c) catalisar reações metabólicas d) transportar energia através da célula e) transportar O2 pelo organismo 9) (UFBA-BA). As proteinas produzem aminoácidos através de uma reaçâo de: a) isomerização b) hidratação c) hidrólise d) oxidação e) descarboxilação

10) (UFBA-BA). 0 aminoácido mais simples é a: a) b) c) d) e) alanina lisina glicina cisteína triptofano

(FMit-MG) Use o seguinte esquema para responder as questões 55 e 56:

11) (UFBA-BA). Os aminoácidos sâo compostos que apresentam, em sua estrutura, os grupos funcionais:

18) No esquema anterior: I - As letras X e Z representam dois aminoácidos quaisquer. II - A letra Y representa uma ligação peptídica. III - A letra W representa uma proteína qualquer. Assinale: 12) Constituem exemplos de proteína globular e de proteína fibrosa respectivamente: a) b) c) d) e) celulose e fibrina hemoglobina e clorofila colágeno e fibrina fibrina e clorofila hemoglobina e colágeno a) b) c) d) e) se I, II e III forem verdadeiras se I, II e III forem falsas se apenas I e II forem verdadeiras se apenas I e IIl forem falsas se apenas II e III forem verdadeiras

13) (PUCCAMP-SP) O nitrogênio incorporado às plantas, principalmente sob a forma de nitratos, é por elas utilizado para a produção de: a) amônia b) nitritos c) glicose d) amido e) aminoácidos 14) Uma proteína retirada de célula epitelial humana possui: 10 VAL, 32
£

19) No esquema anterior: I - Se cinco aminoácidos se unirem como X e Z se uniram, teremos cinco ligações peptídicas. II - Considerando-se uma proteína qualquer, X e Z poderiam ser os monômeros dela. III - 0 esquema representa uma síntese por desidratação. a) b) c) d) e) se I, II e III forem verdadeiras se I, II e III forem falsas se apenas I e II forem verdadeiras se apenas I e Il forem falsas se apenas II e III forem verdadeiras

20) (EFOA-MG) . Num polipeptídio que possui 84 ligações peptídicas, os respectivos números de: Aminoácidos e de Grupamento(s) Aminoterminal e Grupamento(s) Ácido-terminal são: a) b) c) d) e) 84, 1, 1 85, 1, 1 85, 84, 84. 84, 85, 85 1, 85, 85

d) dois ácidos graxos. e) duas oses. 28) (UNIFICADO-95) Leia o texto a seguir: “Ceará joga fora opção alimentar” Segundo pesquisas da UFC, a cada ano 800 toneladas de carne de cabeça de lagosta não são aproveitadas sendo lançadas ao mar. “O estudo sobre hidrólise enzimática de desperdício de lagosta”, título do pesquisador Gustavo Vieira , objetiva o uso de material de baixo custo para enriquecer a alimentação de populações carentes. O processo consiste na degradação de moléculas orgânicas complexas em simples por meio de um catalizador e na posterior liofilização. O pó resultante é de alto teor nutritivo, com baixa umidade e resiste, em bom estado de conservação, por longos períodos. (Jornal do Brasil - 27/08/94) Com base nos processos descritos no artigo acima, assinale a opção correta: a) As moléculas orgânicas simples obtidas são glicerídios que são utilizados pelo organismo com função reguladora. b) As moléculas orgânicas complexas empregadas são proteínas que, ao serem digeridas em aminoácidos são utilizadas pelo organismo com função estrutural. c) O catalizador do processo é uma enzima capaz de degradar proteínas em monossacarídios essenciais à liberação de energia para as atividades orgânicas. d) A hidrólise enzimática de moléculas orgânicas complexas é realizada por catalizador inorgânico em presença de água. e) O alto teor nutritivo do produto é devido ao fato de as moléculas orgânicas simples obtidas serem sais minerais indispensáveis ao desenvolvimento orgânico.

21) (UFPI-PI). A hidrólise de uma proteína produz: a) b) c) d) e) aminas álcoois aminoácidos ácidos carboxílicos ésteres

22) (PUC-RJ). Chama-se aminoácido essencial ao aminoácido que: a) b) c) d) e) não é sintetizado no organismo humano. é sintetizado em qualquer organismo animal. só existe em determinados vegetais. tem função semelhante à das vitaminas. é indispensável ao metabolismo energético.

23) (UFES-ES). São alimentos ricos em proteínas: a) b) c) d) e) leite, carne e soja leite, carne e mandioca leite, ovo e farinha de milho leite, café e banana leite, batata e azeite

24) Os meios de comunicação, recentemente, divulgaram que a venda de carne para a população caiu em 60%, sem haver aumento no consumo de aves e peixes. Este fato é preocupante porque indica que foi reduzida a ingestão de nutrientes com função plástica, que são: a) glicídios b) vitaminas c) proteínas d) lipídios e) sais minerais 25) Os esquemas seguintes representam duas possibilidades de alterações das propriedades de uma proteína. ESQUEMA I

Parte V: Enzimas
1) (FUVEST) Um coelho recebeu, pela primeira vez, a injeçâo de uma toxina bacteriana e manifestou a resposta imunitária produzindo a antitoxina (anticorpo). Se após certo tempo for aplicada uma segunda injeção da toxina no animal, espera-se que ele: a) nâo resista a essa segunda dose. b) demore mais tempo para produzir a antitoxina. c) produza a antitoxina mais rapidamente. d) nâo produza mais a antitoxina por estar imunizado. e) produza menor quantidade de antitoxina. 2) (UF-OURO PRETO) Relacione a 2ª coluna de acordo com a 1ª: 1 . Vacina antitetânica 2. Soro antitetânico ( ( ( ( ( ) contém anticorpos ) contém antígenos ) produz imunidade passiva ) induz imunidade ativa ) é um toxóide

ESQUEMA II A resposta correta é: a) 1, 1, 2, 1, 2. b) 1, 2, 1, 1, 2. c) 1, 2, 2, 2, 1. d) 2, 1, 2, 1, 1. e) 2, 1, 2, 2, 1.

3) (PUC-SP) 0 gráfico seguinte relaciona a velocidade de uma reação química catalisada por enzimas com a temperatura na qual esta reação ocorre. Podemos afirmar que: Os esquemas I e II dizem respeito respectivamente a: a) alteração na estrutura primária da proteína e desnaturação. b) desnaturação e desligamento da estrutura terciária. c) alteração na estrutura terciária da proteína e solação. d) solação e desnaturação. e) nenhuma das respostas acima 26) (UF-BA) A ligação peptídica encontrada nas proteínas origina-se da reação entre o grupo NH2 e o grupo: a) OH b) CHO c) NH2 27) Chama-se peptídica a ligação entre: a) dois dissacarídios. b) um lpídio e um aminoácido. c) dois ácidos aminados. d) COOH e) CO a) a velocidade da reação independe da temperatura. b) existe uma temperatura ótima na qual a velocidade da reação é máxima. c) a velocidade aumenta proporcionalmente à temperatura. d) a velocidade diminui proporcionalmente à temperatura. e) a partir de uma certa temperatura, inverte-se o sentido da reação.

¤

4) (MACK) Considerando-se a definição de enzimas, assinale a alternativa correta: I - São catalisadores orgânicos, de natureza proteica, sensíveis às variações de temperatura. II - São substâncias químicas, de natureza lipídica, sendo consumidas durante o processo químico. IIl - Apresentam uma região chamada centro ativo, à qual se adapta a molécula do substrato. a) apenas a afirmativa I é correta. b) apenas as afirmativas II e III são corretas. c) apenas as afirmativas I e III são corretas. d) todas as afirmativas são corretas. e) nenhuma afirmativa é correta. 5) (UF-MG) Na página seguinte encontramos a curva de crescimento de um mutante de Neurospora em diferentes concentrações de vitamina B6. Esta curva foi obtida por Beadle e Tatum quando estudaram o crescimento de um mutante de Neurospora, incapaz de sintetizar a vitamina B6. Diferentes concentrações de vitamina foram adicionadas à cultura, e a taxa de crescimento foi avaliada.

b) lipídios. c) fosfolipídios. d) proteínas. e) ácidos graxos. 10) (UF-BA)

Uma propriedade das enzimas que se evidencia através do diagrama acima é: a) apresentar natureza proteica. b) acelerar a velocidade das reações. c) exigir pH apropriado para agir. d) participar em reações reversíveis. e) atuar sob determinadas temperaturas. 11) (FGV) Considere o seguinte esquema em que as letras representam substâncias químicas e os números representam enzimas que catalisam reações de transformações.

Sabendo-se que o teor de Vitamina B6 foi o único fator variável no experimento, a observação do gráfico nos permite fazer as afirmações seguintes, exceto uma: a) Há uma correlação positiva entre o crescimento do mutante e a concentração de vitamina B6 no meio de cultura b) A vitamina B6 é um componente essencial ao metabolismo da Neurospora. c) Nas concentrações de vitamina B6 de 0,015 a O,12 micrograma por 25 cm3 de nutriente, a cultura apresenta um índice de crescimento mais acelerado. d) 0 maior aumento da taxa de crescimento se verifica entre as concentrações de 0,25 e 1,0 micrograma por 25 cm3. e) Se for usada a concentração de 2,0 microgramas por 25 cm3, provavelmente não haverá um aumento significativo na taxa de crescimento. 6) Quanto às enzimas, pode-se dizer que: a) são proteínas com função de catalisadores químicos orgânicos que aumentam a velocidade das reações químicas viáveis. b) são substâncias altamente específicas que atuam sempre sobre um determinado substrato, como se fosse um sistema chave-fechadura. c) após a reaçâo continuam quimicamente intactas. d) sua atividade depende da temperatura e do pH do meio. e) todas as frases estão corretas. 7) (STA. CASA) Sobre as enzimas, está errado dizer que: a) são todas proteínas que podem ou não estar associadas a moléculas de outra natureza. b) agem acelerando reações químicas que normalmente se processariam muito lentamente. c) independentemente da temperatura ou do pH do meio, uma vez unidas ao substrato sobre o qual agem, as enzimas exercem sua função. d) há enzimas que agem mais rapidamente do que outras. e) é possível anular ou diminuir a atividade de uma enzima. 8) (UF-RJ) Assinalar o item que melhor se ajusta à conceituação das enzimas: a) Reagem irreversivelmente com o substrato. b) São consumidas no processo de aceleração de reações químicas entre outras substâncias. c) São catalisadores de natureza mineral. d) São catalisadores inespecíficos de natureza orgânica. e) São biocatalisadores específicos de natureza orgânica. 9) (PUC-SP) As enzimas são: a) carboidratos.
¥

Qual das seguintes afirmações é uma hipótese lógica derivada da análise do esquema? a) A enzima 4 é a mais importante da série . b) Se uma substância destruir a enzima 3 todas as reações cessarâo. c) Se a enzima 1 for removida B será formada a partir de A, mas a reação reversa não ocorre. d) Quando a substância A for sintetizada nâo há necessidade da formação de B. e) A substância C será acumulada após a remoção da enzima 3. 12) (UFES-84) As enzimas são: a) carboidratos que têm a função de regular o nível de açúcar (glicose) no sangue dos animais superiores. b) proteínas que têm a função de catalisar reações químicas nos seres vivos. c) proteínas com função estrutural que entram na constituição da parede celular dos vegetais. d) lipídios que têm a função de fornecer energia para as reações celulares. e) mucopolissacarídeos que têm a função estrutural nos exoesqueletos de artrópodes. 13) Assinale o gráfico que melhor representa o efeito da concentração do substrato na velocidade inicial de uma reação catalisada por uma enzima.

14) (UFES-84) A atividade enzimática é essencial para o funcionamento celular através do controle das reações orgânicas. Tendo em vista as funções enzimáticas, considere as seguintes afirmativas:

I- As enzimas tornam as moléculas reagentes mais lábeis, isto é, mais reativas com as outras moléculas do meio. II- A diminuição da energia de ativação é a característica mais importante da enzima na reação. III- O complexo enzima-substrato é altamente específico e somente moléculas especificamente configuradas podem ter acesso a grupos químicos particulares da enzima. Assinale: a) se apenas I e II forem corretas. b) se apenas I e III forem corretas. c) se apenas II e III forem corretas. d) se todas forem corretas. e) se todas forem incorretas. 15) (CESCEM-SP) Na coagulação do sangue, a protrombina do plasma transforma-se em trombina em presença de íons cálcio e de tromboplastina. A trombina age sobre o fibrinogênio, que se transforma em fibrina. Portanto, na coagulação do sangue, agem como enzimas: a) a tromboplastina e o fibrinogênio. b) a tromboplastina e a trombina c) a trombina e a fibrina d) o fibrinogênio e a trombina e) a protrombina e a tromboplastina

c) reproduz-se por processo semiconservativo. d) é integrante dos genes nos cromossomas. e) constitui-se de dupla cadeia de nucleotídeos. 8) (CESCEM-SP) Uma cadeia de RNA mensageiro é formada a partir de uma fita de DNA, que apresenta a seguinte seqüência de bases nitrogenadas: TAAATGGCG. Sendo A= adenina, C= citosina, G= guanina, T= timina e U= uracil, a seqüência das bases da cadeia do RNA mensageiro formada deve ser: a) CGGGCAAUA b) UTTTUCCGC c) UTAAUUUGU d) ACCCAUUGU e) AUUUACCGC 9) (USU-90) A modificação de uma seqüência nucleotídicade um trecho de uma molécula de DNA, transmitida pela reprodução, caracteriza o fenômeno da: a) duplicação b) permutação c) mutação d) ligação e) replicação

Parte VI: Ácidos Nucleicos
1) (Univ. Est. de Maringá-80) A diferença entre DNA e RNA, com relação às bases, é: a) DNA tem uracil e citosina. b) RNA tem timina e adenina. c) DNA tem guanina e uracil. d) DNA tem uracila e timina. e) RNA tem adenina e uracila. 2) (UFPA-PA) Considerando que, no DNA de uma determinada espécie, 35% do total de bases nitrogenadas é representado pela guanina, a proporção de adenina é: a) 15% b) 35% c) 45% d) 65% e) 70% 3) (FUVEST-SP) A seqüência de aminoácidos de uma proteína é determinada pela seqüência de: a) pentoses da molécula de DNA. b) pentoses da molécula de RNA mensageiro. c) bases da molécula de DNA. d) bases da molécula de RNA transportador. e) bases da molécula de RNA ribossômico. 4) (UFPA-PA) Fazendo-se uma análise, por hidrólise, de moléculas de ácidos nucleicos, verifica-se o aparecimento de: a) açúcar, fosfato e bases nitrogenadas b) proteínas, fosfato e bases nitrogenadas c) aminoácidos, açúcar e fosfato d) pentoses, bases nitrogenadas e aminoácidos e) pentoses, aminoácidos e fosfato 5) (PUCSP-SP) Duas cadeias polinucleotídicas, ligadas entre si por pontes de hidrogênio, são constituídas por fosfato, desoxirribose, citosina, guanina, adenina e timina. O enunciado anterior refere-se à molécula de: a) ATP b) FAD c) RNA d) DNA e) NAD

10) (FMSA-SP) Se fosse possível sintetizar in vitro uma molécula proteica, nas mesmas condições em que esta síntese ocorre nas células, utilizando-se: ribossomas obtidos de células de rato; RNA-mensageiro de célula de sapo; RNA-transportador de células de coelho e aminoácidos ativados de célula bacteriana, a proteína produzida teria a estrutura primária idêntica à: a) da bactéria b) do sapo c) do rato d) do coelho e) seria uma mistura de todas

Parte VII: Síntese Proteica
1) (FMSA-SP) Os fenômenos 1,2 e 3 no esquema ao lado são respectivamente: DNA 1 DNA 2 RNA 3 PROTEÍNA

a) tradução, transcrição, duplicação b) duplicação, transcrição, tradução c) duplicação, tradução, transcrição d) tradução, duplicação, transcrição e) transcrição, duplicação, tradução 2) (FUVEST-SP) Qual da seqüências abaixo corresponde ao produto de transcrição do segmento AATCACGAT de uma fita de DNA? a) b) c) d) e) TTACTCGTA TTAGTGCTA AAUCACGAU UUAGUGCUA UUACUCGUA

3) (UFPE) O códon corresponde à seqüência de três bases do: a) RNA-transportador b) RNA-ribossômico c) RNA-mensageiro d) RNA-solúvel e) ribossomo 4) (UFRS) Ao ser sintetizada uma proteína pela ação de um gene específico, cada aminoácido é incorporado numa seqüência predeterminada pela molécula de DNA. Qual o fator mais importante para que um aminoácido seja colocado na posição correta durante esta síntese? a) DNA-polimerase b) RNA-polimerase c) RNA-mensageiro d) ATP e) Concentração do aminoácido 5) (CESGRANRIO-RJ) O antibiótico estreptomicina é capaz de combinar-se com ácidos nucléicos. Em sua presença a célula produz enzimas e outras proteínas que não funcionam devido à introdução de erros de interpretação a partir dos códons do ARN mensageiro, ao nível dos
¦

6) (Fac. Engenharia de Sorocaba-80) Considerando-se o total de bases nitrogenadas do DNA de um mamífero qualquer, igual a 100, se nela existirem 20% de adenina, a porcentagem de guanina será: a) 20 % b) 40 % c) 30 % d) 60 % e) 10 %

7) Sobre o DNA é incorreto afirmar que: a) é encontrado em todos os pontos da célula. b) origina o RNAm.

ribossomos. O resultado pode interpretar-se dizendo que a estreptomicina determina erros: a) na estrutura do ARN ribossomal b) na reduplicação do ADN c) na transcrição do código genético d) na tradução do código genético e) tanto de transcrição como de tradução do código genético 6) (F. Objetivo-SP) A lisozima é uma proteína de massa molecular 12 000. Considerando a massa molecular média dos aminoácidos igual a 120, podemos concluir que o pedaço da hélice de DNA que codifica esta proteína deve ter: a) 100 nucleotídeos b) 1000 nucIeotídeos c) 12 000 nucleotídeos d) 106 nucleotídeos e) 300 nucleotídeos 7) (UFJF-MG). Basicamente, a informação genética expressa-se nas células pelos mecanismos denominados, respectivamente: a) transcrição - transporte ativo b) polialelia - epistasia c) transcrição - tradução d) epistasia - transcrição e) transporte ativo - conjugação 8) (CESGRANRIO-RJ) Assinale a opção que associa corretamente os ácidos nucléicos relacionados na coluna da direita, em algarismos arábicos, com as funções apresentadas na coluna da esquerda, em algarismos romanos. I) Transmite a informação genética para outras células II) Através da seqüência de suas bases determina a posição dos aminoácidos nas proteínas. III)Transporta os aminoácidos, unindo o seu anticódon ao códon do mensageiro. 1) RNA de transferência 2) RNA ribossômico 3) DNA 4) RNA mensageiro a) I-1, b) I-2, c) I-3, d) I-2, e) I-3, II-2, II-4, II-4, II-4, II-1, III-3 III-1 III-1 III-3 III-2

a) nucléolo b) complexo de Golgi c) inclusões citoplasmáticas d) microvilosidades e) retículo endoplasmático granular 13) (UFRGS-RS). 0 códon que corresponde ao aminoácido alanina é dado pela seguinte seqúência de bases: guanina, citosina, adenina. Isso permite dizer que o anticódon da alanina no RNAt é: a) GCA b) CGU c) UGC d) GTC e) CTG 14) (UA-AM) 0 elemento que identifica a posição de cada aminoácido indicado pelo ARN mensageiro na formação da cadeia polipeptídica é: a) a enzima b) o ARN transportador c) o polirribossomo d) o ADN e) o próprio ARN mensageiro. 15) (AEUDF-DF) Aderidos ao retículo endoplasmático rugoso encontram-se os orgânulos sobre os quais ocorre a síntese de proteinas. Esses orgânulos são: a) mitocôndrias b) lisossomos c) ribossomos d) nucléolos e) cloroplastos

16) (UCP-Pelotas/90) A síntese de proteínas é feita principalmente: a) na mitocôndria. b) no centro celular. c) no complexo de Golgi d) no ribossoma e) no lisossoma

17) (UFPI-PI) Com relação à sintese de proteínas em uma célula, foram feitas as seguintes afirmativas: I - Todas as células sintetizam sempre os mesmos tipos de proteínas, nas mesmas proporções. II - A seqüência de bases nitrogenadas ao longo da molécula de RNAm determina a seqüência dos aminoácidos incorporados na cadeia polipeptídica. III - Durante a sintese proteica, o RNAt tem por função levar os aminoácidos às mitocôndrias. IV - As mitocôndrias não têm relação direta com a síntese de proteinas, já que esta ocorre nos ribossomos. V - Um RNAm sintético, que contenha apenas um determinado tipo de códon em seqüência, condicionará a síntese de uma cadeia polipeptídica com um único tipo de aminoácido. As afirmativas corretas são:

9) (F.C. Chagas-BA). Considere um segmento de molécula de DNA com a seguinte seqüência de bases: AAT - CAA - AGA - TTT - CCG Quantos aminoácidos poderá ter, no máximo, uma molécula de proteína formada pelo segmento considerado? a) 15 b) 10 c) 5 d) 3 e) 1 10) (FCMSCSP) Quantos códons apresenta o RNA que codifica uma proteína com cinco ligações peptídicas? a) 15 b) 10 c) 5 d) 30 e) 6 11) (UFPA-PA). Uma proteína formada por 40 aminoácidos é codificada por uma molécula de RNA ( 1 ) de no mínimo ( 2 ) nucleotídeos. ( 1 ) e ( 2 ) correspondem respectivamente a: a) mensageiro, 40 b) mensageiro, 120 c) transportador, 60 d) transportador,120 e) ribossômico, 60 12) (UFPR-PRI) A que elemento de ultra-estrutura se referem os termos usados em microscopia óptica: substância basófila, substância cromidial e ergastoplasma?
§

a) I, II b) I, IV c) III, V

d) II, V e) II, III

18) (CESGRANRIO-RJ) . Os ribossomos, partículas citoplasmáticas de 15 a 25 nm de diâmetro, compostas de ARN e proteínas, estão envolvidos diretamente na síntese de proteínas citoplasmáticas e de proteínas para exportação pela célula. As três afirmativas abaixo referem-se à estrutura e à função dessas organelas. I - Os ribossomos são formados por três subunidades compostas por ARN e proteínas de diferentes pesos moleculares. II - No processo de síntese e transferência de proteínas para o retículo endoplasmático granular, o ribossomo se prende à membrana do mesmo através da subunidade menor. III - Os polissomas, formados por ribossomos e ARN mensageiro, representam formas ativas no processo de síntese protéica.

Assinale: a) se somente I for correta b) se somente II for correta c) se somente III for correta d) se somente Il e III forem corretas e) se I, II e III forem corretas 19) (FUVEST-SP)

e) 144 x 103 21) (FCMSC-SP). Ao se isolar uma molécula pura e completa de RNAm contaram-se nela 1600 nucleotídeos; destes, 300 eram ácidos ribouracílicos e não havia nenhum ácido ribo-adenílico. Por isso concluiu-se que o gene (ou a molécula de DNA) que organìzou tal RNAm apresenta um total de quantas citosinas? a) 600 b) 800 c) 900 d) 1200 e) 1300

O esquema apresenta a síntese de um polipeptideo a partir de uma molécula de DNA. É licito dizer que o diagrama mostra: a) a tradução do código genético b) a transcrição do código genético c) a transcrição e a tradução do código genético d) a replicação do DNA e) a replicação do DNA, a transcrição e a tradução do código genético 20) O bacteriófago t2 tem como material genético uma moIécula de DNA com cerca de 3600 nucleotideos, que compreendem três genes. Admitindo que esses três genes tenham aproximadamente as mesmas dimensões e que a massa molecular média dos aminoácidos seja igual a 120, cada uma das proteínas por eles codificada deve ter uma massa molecular aproximada de: a) 48000 b) 24 x 103 c) 4 x 102 d) 12 000

22) (UNIFICADO-91) Sobre a síntese das proteínas foram feitas as seguintes afirmações: I — Um RNAt (RNA transportador) transporta sempre um determinado aminoácido. Este aminoácido, porém, pode ser transportado por vários RNAt. II — A tradução do código químico do RNAm (RNA mensageiro) ocorre nos ribossomas localizados no retículo endoplasmático rugoso. III — As moléculas de RNAt apresentam numa determinada região da sua molécula uma trinca de bases denominada anticódon. Assinale a alternativa correta: a) Apenas II. b) Apenas III c) Apenas I e II. d) Apenas II e III. e) I, II e III.

GABARITO
Parte I – Água e sais minerais

1- A 11- D 1- B 11- D 1C

2- D 12- A 2- C 12- C 2C

3- B 13- C 3- D 13- D 3E

4- E 14- D 4- B 14- D 4D

5- C 15- D 5- D 15- C 5A

6- C 16- D 6- E 16- B 6A

7- A 17- C 7- A 17- E 7D

8- B 18- A 8C

9- B 19- B 9D

10- D 20- D 10- A

Parte II – Glicídios e Lipídios

Parte III – Vitaminas

8-

B

9-

A

10- B 10- C 20- B

Parte IV – Proteínas

1- E 11- E 21- C 1- C 11- E 1E

2- D 12- E 22- A 2- D 12- B 2A

3- B 13- E 23- A 3- B 13- D 3C

4- C 14- E 24- C 4- C 14- B 4A

5- E 15- D 25- A 5- D 15- B 5D

6- D 16- B 26- D 6E

7- E 17- D 27- C 7C

8- D 18- C 28- B 8E

9- C 19- D

Parte V – Enzimas

9-

D

10- D

Parte VI – Ácidos Nucleicos

6-

C

7-

A

8-

E

9-

C

10- B 10- C 20- B

Parte VII – Síntese Proteica

1- B 11- B 21- E

2- D 12- E 22- E

3- C 13- B

4- C 14- B

5- D 15- C

6- E 16- D

7- C 17- D

8- C 18- C

9- E 19- C

¨


								
To top