Inteligencias MultiplAS GARDNER versao wal

Document Sample
Inteligencias MultiplAS GARDNER versao wal Powered By Docstoc
					INTELIGÊNCIAS
  MÚLTIPLAS
   Howard Gardner
• Howard Gardner (Pennsylvania, 1943) é um psicólo
  go cognitivo e educacional, ligado à Universidade de
  Harvard e conhecido, em especial, pela sua teoria
  das inteligências múltiplas.

• Os testes tradicionais de inteligência só levam em
  consideração as inteligências verbal e lógica /
  matemática.

• Howard Gardner crê que todos temos tendências in-
  dividuais (áreas de que gostamos e em que somos
  competentes) e que estas tendências podem ser en
  globadas numa das inteligências listadas adiante.
• Depois de quase duas décadas de tentativas dos es-
  tudiosos de explicar a inteligência, Howard Gardner
  conceituou-a de modo mais refinado como "um poten
  cial biopsicológico para processar informações e que
  pode ser ativado num cenário cultural, para solucio-
  nar problemas ou criar produtos que sejam valoriza-
  dos numa cultura".

• Gardner explica que as inteligências não são objetos
  que podem ser contados, e sim, potenciais que pode
  rão ser ou não ativados, dependendo dos valores de
  uma cultura específica, das oportunidades disponí-
  veis nessa cultura e das decisões pessoais tomadas
  por indivíduos e/ou suas famílias, seus professores e
  outros.
O seu livro mais famoso é provavelmente Frames of
Mind, onde ele delineou sete dimensões da inteligên-
cia.

Desde a publicação de Frames of Mind, Gardner pro
pôs duas novas dimensões de inteligência: a inteligên
cia naturalista e a inteligência existencialista.
           NOVE* TIPOS DE
      INTELIGÊNCIAS MÚLTIPLAS
1.   Inteligencia   interpessoal.
2.   Inteligencia   introspectiva / intrapessoal.
3.   Inteligencia   espacial / visual.
4.   Inteligencia   corporal / cinestésica.
5.   Inteligencia   musical.
6.   Inteligencia   verbal.
7.   Inteligencia   matemática ou lógica.
8.   Inteligencia   ecológica / naturalista.
9.   Inteligencia   existencialista.
             Em seu processo de revisão de sua teoria, Gard
             ner acrescentou a "Inteligência Natural" à lista
             das inteligências originais, que refere-se à habili
             dade de reconhecer e classificar plantas, anima
             is, minerais, incluindo rochas e gramíneas e to-
             da a variedade de fauna e flora e devido às suas
             contribuições para uma maior compreensão do
             meio ambiente e de seus componentes.


Porém, o mesmo não ocorre com a chamada "Inteligência Exis
tencial" ou "Inteligência Espiritual". Embora o autor se sinta in
teressado por este nono tipo, conclui que "o fenômeno é sufi-
cientemente desconcertante e a distância das outras inteligênc
ias, suficientemente grande para ditar prudência - pelo menos
por ora" – conclui em seu recente livro intitulado “Inteligência:
um conceito reformulado" (2001).
Inteligencia Interpessoal:
   É a capacidade de relacionar-se com as
   pessoas, de aceitar (compreender as
   pessoas: suas intenções, suas motiva-
   ções, seus humores, seus temperamen-
   tos, seus desejos) e conviver com o ou-
   tro (para um relacionamento eficiente
   com respostas adequadas). (Ex. Admi-
   nistradores, gerentes, negociantes, pro-
   fessores, vendedores, relações públicas
   psicoterapeutas...)
        Inteligencia Intrapessoal:

• É a capacidade de relacionamento consigo
  mesmo, autoconhecimento (reconhecer um
  sentimento enquanto ele ocorre, para uso
  preciso das idéias, das habilidades, das ne-
  cessidades, dos sonhos, dos desejos). Habili
  dade de administrar (gerenciar) seus senti-
  mentos e emoções a favor de seus projetos. É
  essencial para manter-se caminhando sempre
  em busca. É a inteligência da auto estima.
                 Inteligencia Espacial:

• É a capacidade de lidar com espaços abertos (percep-
  ção de formas espaciais, das relações e padrões visu
  ais) e raciocinar com essa visão (visualização em 3D:
  composição, transformação, equilíbrio, orientação, ten
  são) – noção de espaço e direção. (Ex. engenheiros, es
  cultores, cirurgiões plásticos, arquitetos, pilotos, navega
  dores)
         Inteligência cinestésica:


• Ou corporal - é a capacidade de usar o próprio
  corpo de maneiras diferentes e hábeis, com auto
  controle corporal e com coordenação motora.
  (Ex. atores, atletas, bailarinos, cirurgiões, mecâ-
  nicos...)
               Inteligencia musical:




• É a capacidade de lidar com sons (com a percep
  ção dos tons, timbres, ritmos, temas), aprender
  música, tocar instrumentos (reprodução), compor
  (produção)... (Ex. músicos, cantores, composito
  res, maestros...)
         Inteligência lingüística:


Ou verbal - é a habilidade para
lidar criativamente com as
palavras sejam verbais ou
escritas, com o objetivo de
convencer, agradar, estimular
ou transmitir idéias. (Ex.
oradores, escritores, políticos,
advogados, vendedores...)
                 Inteligencia lógica e
                     matemática:

É, dentre todas, a mais pesquisada e a mais avaliada nos
testes de QI.
É a capacidade para solucionar problemas envolvendo
números e demais elementos matemáticos, habilidades
para o raciocínio dedutivo. (Ex. matemáticos, cientistas,
engenheiros, físicos, contadores...)
 Inteligencia ecológica

• Ou Naturalista: é a capacidade de uma
  pessoa em sentir-se um componente natu
  ral com sensibilidade ao meio-ambiente.
• Ergonomia.

  (Ex. paisagistas, jardineiros, veterinários)
         Inteligência Existencial

• Capacidade de se situar em relação aos limites
  extremos do universo, de se situar em relação a
  elementos da condição humana como o significa
  do da vida, o sentido da morte, o destino final do
  mundo físico e psicológico e experiências profun
  das como o amor de outra pessoa ou a total
  imersão numa obra de arte. Enfim, habilidade
  em formular questionamentos filosóficos acerca
  do ser e do existir.
                                   GENIAL !!!



A pergunta que se faz não é mais se a pessoa é ou não
      inteligente, mas sim COMO ela é inteligente.

              INTELIGÊNCIAS MÚLTIPLAS
            (Luiz Carlos Panisset Travassos)
 "As inteligências dormem. Inúteis são todas as tentativas de
   acordá-las por meio da força e das ameaças. As inteligên-
   cias só entendem os argumentos do desejo: elas são ferra
                mentas e brinquedos do desejo".
                Rubens Alves, em Cenas da Vida
                BIBLIOGRAFIA

    • GARDNER, H. (1994) Estruturas
      da mente - a teoria das inteligências
      múltiplas. Porto Alegre: Artmed



I           Gardner’s Theory !!!

				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Categories:
Tags:
Stats:
views:218
posted:6/23/2012
language:Portuguese
pages:18