DECRETANDO LIBRAS NO BRASIL by 2icPT9d

VIEWS: 18 PAGES: 2

									DECRETANDO LIBRAS NO BRASIL

                               Autoria:Cida Miranda – RJ
Na   personalidade a comunicação
No   comando a legitimidade
Na   abstração o sentimento
No   pensamento a dignidade.

O decidir de uma autoridade
É ordem, vontade ou decisão
Poder na hierarquia executiva
Em obediência a um coração.

Coração então representado
Pelos sinais que vem da mão
Estrutura de linguagem humana
Facilitando a conscientização.

A Língua Brasileira de Sinais
Está disposta por considerações
Apoiando à comunidade surda
Que se espalha pelas nações.

Multiplicando os Educadores
Atendendo à pequena criança
A integração é facilitada
Na cultura de uma esperança.

Oralizado ou sinalizado
O que importa é o desenvolvimento
Até ouvintes em seus discursos
Usam as mãos por um momento...

Se comunicar não é concordância
O compreender é comunicação
No respeitar das diferenças
É que ocorre transformação...

Até animais e vegetais
De geração a geração
Sofrem suas modificações
Na progressiva evolução...
Se Surdos têm suas diferenças
Numa real superficialidade
Busca a Língua de Sinais
O entendimento da humanidade.

Se LIBRAS chegou ao poder
Pela força da legalidade
A obediência dos brasileiros
Expressará sua integridade.

Através deste sistema educacional
Estados, municípios e Distrito Federal
Garantirão os cursos de formação
Dando aos Surdos a inclusão total.

Ao Presidente Fernando Henrique
Esta Língua foi ressonante
Mas a cargo do Presidente Lula
É que a marcha se faz gigante!

Nesta seqüência harmoniosa
O Ministério da Educação
Junta-se à Casa Civil
No Decreto de Regulamentação.

De tambor surdo à frente
Vibrando numa só cadência
Os Surdos e os Ouvintes
Rendem o Espírito à Ciência!

Neste mundo que é compacto
Onde o etéreo é tão sutil
Os sons ressoam no espaço
Decretando LIBRAS no Brasil!

								
To top