cap05 tecido epitelial1 by eo0e167a

VIEWS: 0 PAGES: 6

									Capííttullo 5
Cap u o 5

                            TECIDO EPITELIAL


1) TIPOS DE EPITÉLIO

       Epitélio de revestimento
       Epitélio glandular
       Neuroepitélio


    1) Epitélio de revestimento


1.1) CARACTERÍSTICAS


1. As células formam uma camada contínua revestindo uma superfície interna ou
 externa;
2. As células são mantidas em suas ligações comuns por pouca substância
 intercelular;
3. Uma superfície de cada célula é livre e, com freqüência, altamente
 especializada;
4. A superfície oposta apóia-se em uma membrana basal derivada do tecido
 conjuntivo subjacente;
5. Vasos sangüíneos estão ausentes;
6. Os epitélios de revestimento estão expostos a agressões físicas e infecções e
 atuam como camadas protetoras;
7. Células danificadas são substituídas por novas e figuras mitóticas são comuns
8. Todos os transportes vitais dos corpos se dão através do epitélio (p.ex,
 alimento digerido, oxigênio, produtos de excreção e secreções);
9. Alguns epitélios são especializados no recebimento de estímulos.
10.Endotélio é o nome dado ao epitélio que reveste o sistema vascular. Mesotélio
 é o epitélio que reveste as paredes e recobre o conteúdo das cavidades torácica,
 pericárdica e abdominal.


1.2) FUNÇÕES
   Revestimento
   Absorção
   Secreção
   Sensorial


1.3) CLASSIFICAÇÃO DOS EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO


      Os epitélios de revestimento são classificados de acordo com o arranjo ou
 com a forma dos constituintes celulares.


   CLASSIFICAÇÃO BASEADA NO ARRANJO CELULAR:


a) Epitélio simples: há uma única camada celular
b) Epitélio pseudo-estratificado: parece haver mais de uma camada celular, mas
 todas as células apóiam-se na membrana basal
c) Epitélio estratificado: há várias camadas celulares




   CLASSIFICAÇÃO BASEADA NA FORMA DAS CÉLULAS:


1. Epitélio cúbico: formado por células com diâmetros iguais.
2. Epitélio cilíndrico: constituído por células que são mais altas que largas
3. Epitélio de transição: constituído por células que mudam seu formato quando
 o epitélio é tensionado



                                           Pavimentoso
                           Simples         Cúbico
                                           Cilíndrico

   Epitélio de
   Revestimento            Pseudoestratificado


                                               Pavimentoso
                           Estratificado       Pavimentoso queratinizado
                                               Polimorfo




   2) Epitélio Glandular


      As glândulas são formadas por um grupo especializado de células
 especializadas cuja a função é a secreção. Entende-se por secreção a produção e
 a liberação pelas células de um fluido contendo substâncias como muco,
 enzimas ou um hormônio. Existem dois tipos principais de glândulas:


  As glândulas exócrinas: possuem ductos que transportam a secreção glandular
 para a superfície do corpo ou para o interior (lúmen) de um órgão cavitário. Ex:
 glândulas sudoriparas, salivares e intestinais.


   As glândulas endócrinas não possuem ductos e sua secreção é liberada
 diretamente na corrente sangüínea, onde será distribuída para todo o corpo. A
 secreção das glândulas endócrinas contém hormônios.
      As glândulas exócrinas podem ser classificadas, de acordo com o modo de
 liberação de sua secreção, como merócrinas, apócrinas e holócrinas.


   Glândula simples é aquela cujo ducto não se ramifica ( ex: glândula
 sudorípara);
   Glândula composta é aquela na qual o ducto ramifica-se, em geral,
 repetidamente (ex.pâncreas);
   Se a unidade secretora da glândula for tubular, a glândula é chamada glândula
 tubulosa, e se ela for arredondada, é denominada de acinosa;
   Glândulas serosas são aquelas que secretam um fluído aquoso;
   Glândulas mucosas são aquelas que secretam um fluido espesso e viscoso,
 glicoproteico, denominado muco;
   Glândulas seromucosas são compostas por uma mistura de unidades secretoras
 serosas e mucosas.


      As glândulas endócrinas não possuem ductos e sua secreção é liberada
diretamente na corrente sangüínea, onde será distribuída para todo o corpo. A
secreção das glândulas endócrinas contém hormônios.São classificadas em:
- Glândula tipo cordonal: as células se dispõem em cordões maciços que se
anastomosam entre si;
- Glândula tipo vesicular: células se agrupam formando vesículas, constituídas
por uma só camada de células, limitando um espaço onde a secreção se acumula
temporariamente.
Classificação morfológica das glândulas:


                    DUCTO        SIMPLES
                                 RAMIFICADO
                                                                  SIMPLES
   EXÓCRINA                                         TUBULOSA
                                                                  RAMIFICADA
                                                                  COMPOSTA
                     PORÇÃO SECRETORA
                                                    ACINOSA
                                                                  SIMPLES
                                                                  COMPOSTA
                                                                  RAMIFICADA
                                                    TÚBULO-
                                                    ACINAR
   ENDÓCRINA                                                      COMPOSTO

                        CORDONAL

                        FOLICULAR

3) Neuroepitélio
      As células desse tipo de epitélio são altamente especializadas e estão
relacionadas com a percepção sensorial e a reprodução. Ex: cones e bastonetes da
retina, células do revestimento dos túbulos seminíferos do testículo


2) PATOLOGIAS ASSOCIADAS:


       Metaplasia: é a transformação patológica de um tecido em outro.
Exemplos:
- O epitélio pseudo-estratificado da traquéia e dos brônquios, em fumantes
crônicos sob a ação irritante do fumo, pode transformar-se em epitélio
estratificado pavimentoso.
- Na deficiência crônica de vitamina A, o epitélio dos brônquios, o epitélio de
transição da bexiga e outros são substituídos por epitélio estratificado
pavimentoso queratinizado.

								
To top