As duas naturezas de Jesus Cristo by Qtp0ku7

VIEWS: 13 PAGES: 8

									                 IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                 Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo




                         CURSO
 AS DUAS NATUREZAS
         DE
    JESUS CRISTO

                                     da
             IGREJA DE NOVA VIDA
                                      de
                     VILA VELHA -ES
                                   Endereço:

                             Rua Miracema, 59
                     Bairro: Divino Espírito Santo - ES
                              CEP: 29107-350
                         Telefone: (27) 3289-8842

     SITE:   WWW.INOVES.COM.BR
Pastor dirigente: Marcelo Ferreira             Colaborador: Diácono Paulo Cesar




                                                                                  1
                                   IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                   Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo




                                             APRESENTAÇÃO
Este curso tem como objetivo dar conhecimento aos irmãos em Cristo, torná-los discípulos conscientes dos
preceitos e ensinamentos deixados por Cristo, a fim de evangelizar vidas que estão nas trevas, ou seja, fora do
reino de Deus.

Falaremos sobre Jesus Cristo, através da Bíblia, mostraremos a atuação e seu propósito, que tem o objetivo de
salvar a humanidade e afastá-la das falsas doutrinas que inclusive, irmãos em Cristo, que por falta de
conhecimento nesta área se deixa atrair pela conversa alheias a Bíblia.

Baseado no texto de Oséias 4:6, que diz: “O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porque
tu, sacerdote, rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que
te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.”

Este estudo deve ser realizado com o coração aberto, pois as verdades nele apresentadas são de acordo com a
Palavra de Deus.

O que desejamos deixar bem claro, jamais iremos esgotar este assunto somente nesta apostila e também não
temos a intensão de provocar ou criticar denominações que pensam sobre este assunto, talvez de uma forma
diferente

Que Deus lhe abençoe abundantemente através deste trabalho.

Lembrando da ordenança deixada pelo nosso Senhor Jesus Cristo, em:

MATEUS 28. 19 e 20:
 “ Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito
Santo, ensinando-os a guardar todas as cousas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias
até a consumação do século. ”




                                                                                                                      2
                                    IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                    Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo



                       “AS DUAS NATUREZAS DE JESUS CRISTO”

                                                 Sumário remissivo

1-      Que naturezas aparecem unidas em Jesus Cristo?
2-      Era necessário que o Salvador (Jesus) fosse um homem?
3-      Por que foi necessário que o Salvador (Jesus) fosse também Deus?
4-      Que desejamos exprimir quando dizemos Jesus “O Cristo”?
5-      Para que finalidade foi ungido o Cristo?
6-      Sob que condições realizou-se a obra de redenção na vida de Jesus?
7-      Que ensinam as escrituras sobre a concepção de Cristo?
8-      Aplicação prática



                         “AS DUAS NATUREZAS DE JESUS CRISTO”
1-      Que naturezas aparecem unidas em Jesus Cristo?

Na Bíblia vemos claramente que Jesus Cristo tinha duas naturezas e elas andam juntas, ou seja, a natureza
divina e a humana.
O texto de Isaías 9:6, diz:” Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros;
e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz; “

Foi este menino que nasceu da virgem Maria era o Deus Forte; o carpinteiro de Nazaré era o Filho de Deus, o
próprio Jesus Cristo.

Em Colossenses 2:9, diz: “porquanto, nele, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade.”.
Nesta passagem temos a confirmação que em Jesus habitava corporalmente toda a plenitude da Divindade.

As duas naturezas, elas subsistem numa só pessoa, o Senhor Jesus Cristo.
Veja os textos abaixo:
a)      Mateus 28:18, diz:
        “ Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no seu céu e na terra ”

b)      I Timóteo 3:16, diz:
        “ Evidentemente, grande é o mistério da piedade: Aquele que foi manifestado na carne, foi justificado em espírito,
        contemplado por anjos, pregado entre os gentios, crido no mundo, recebido na glória.”

                                      <><><><><><><><><><><><><

2-      Era necessário que o Salvador (Jesus) fosse um homem?

Foi necessário sim, pois Ele teria que cumprir a lei, sofrer e morrer em nosso lugar.
Vejamos os textos:
    a) Gálatas 4:4 e 5, diz:
            “vindo, porém, a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para
            resgatar os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos.”
     b) Hebreus 2:14, diz:
           “Visto, pois, que os filhos têm participação comum de carne e sangue, destes também ele, igualmente,
            participou, para que, por sua morte, destruísse aquele que tem o poder da morte, a saber, o diabo.”

                                      <><><><><><><><><><><><><

                                                                                                                        3
                                    IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                    Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo



3-       Por que foi necessário que o Salvador (Jesus) fosse também Deus?

Podemos citar três motivos:

1) Para que pudesse cumprir a lei de maneira suficiente para todos os homens.
    Veja os seguintes textos, abaixo:
    a) Salmos 49:7 e 8, diz:
        “Ao irmão, verdadeiramente, ninguém o pode remir, nem pagar por ele a Deus o seu resgate (Pois a redenção da
         alma deles é caríssima, e cessará a tentativa para sempre.),”

     b) Romanos 5:19, diz:
        “Porque, como, pela desobediência de um só homem, muitos se tornaram pecadores, assim também, por meio da
         obediência de um só, muitos se tornarão justos. “

2) Para que Sua vida e Sua morte pudessem obter o resgate suficiente para nossa redenção.
   Veja o texto de Marcos 10:45, diz:
                “Pois o próprio Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate
                 por muitos.”

     3) Para que pudesse vencer a morte e o diabo por nós e para nós.
        Veja os textos abaixo:
        a) I Coríntios 15:57, diz:
            “Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo.”

         b) II Timóteo 1:10, diz:
            “e manifestada, agora, pelo aparecimento de nosso Salvador Cristo Jesus, o qual não só destruiu a morte,
             como trouxe à luz a vida e a imortalidade, mediante o evangelho,”

         c) Hebreus 2:14, diz:
            “Visto, pois, que os filhos têm participação comum de carne e sangue, destes também ele, igualmente,
             participou, para que, por sua morte, destruísse aquele que tem o poder da morte, a saber, o diabo, “


                                       <><><><><><><><><><><><><


4-       Que desejamos exprimir quando dizemos Jesus “O Cristo”?

Ao falarmos Jesus “o Cristo”, estamos dizendo que Ele é o ungido.
A palavra “Cristo” em hebraico significa: “Messias”, que dizer “Ungido”.
Era muito comum no Velho Testamento os profetas, sacerdotes e reis serem ungidos com óleo para ministrarem.
O próprio Jesus, o Cristo, foi ungido, não com óleo, mas com o Espírito Santo, isto quer dizer que foi uma unção
sem medida.
                                       <><><><><><><><><><><><><

5-       Para que finalidade foi ungido o Cristo?

Baseado na própria Bíblia, temos o conhecimento que Jesus era: profeta, sacerdote e rei.

1) Para ser “PROFETA”:
    a) Jesus revelou perfeitamente a vontade de Deus para a redenção da humanidade e proclamou esta
        mensagem. Ele era a voz de Deus.
    Veja os textos, abaixo:
        a) Mateus 17:5, diz:
            “Falava ele ainda, quando uma nuvem luminosa os envolveu; e eis, vindo da nuvem, uma voz que dizia: Este
            é o meu Filho amado, em quem me comprazo; a ele ouvi.”

                                                                                                                    4
                                    IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                    Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo

        b) Lucas 10:16, diz:
           “Quem vos der ouvidos ouve-me a mim; e quem vos rejeitar a mim me rejeita; quem, porém, me rejeitar
            rejeita aquele que me enviou.”
        c) João 1:17 e 18, diz:
           “Porque a lei foi dada por intermédio de Moisés; a graça e a verdade vieram por meio de Jesus Cristo.
            Ninguém jamais viu a Deus; o Deus unigênito, que está no seio do Pai, é quem o revelou.”

2) Para ser “SACERDOTE”:
    1) Cristo cumpriu a lei integralmente.
        Veja os textos abaixo:
   a) I Coríntios 15:3, diz:
         “Antes de tudo, vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as
         Escrituras, “

     b) Gálatas 4:4 e 5, diz:
        “vindo, porém, a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para resgatar
         os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos. “

2) Ele a si mesmo sacrificou por nós e ainda hoje intercede perante o Pai no céu.
   Veja os textos abaixo:
    a) Hebreus 7:26 e 27, diz:
         “Com efeito, nos convinha um sumo sacerdote como este, santo, inculpável, sem mácula, separado dos pecadores
         e feito mais alto do que os céus, que não tem necessidade, como os sumos sacerdotes, de oferecer todos os dias
         sacrifícios, primeiro, por seus próprios pecados, depois, pelos do povo; porque fez isto uma vez por todas, quando
         a si mesmo se ofereceu. “

     b) I João 2:1 e 2, diz:
        “Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado
         junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo; e ele é a propiciação pelos nossos pecados e não somente pelos nossos
         próprios, mas ainda pelos do mundo inteiro. “

3) Para ser “REI”:
    a) Cristo, com o seu poder divino, reina sobre todas as criaturas.
    b) Ele governa e protege Sua igreja e finalmente a levará até a glória.
       Veja os textos, abaixo:
   a) Mateus 28:18, diz:
        “Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. “

     b) João 18:36 e 37, diz:
        “Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo. Se o meu reino fosse deste mundo, os meus ministros se
         empenhariam por mim, para que não fosse eu entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui. Então,
         lhe disse Pilatos: Logo, tu és rei? Respondeu Jesus: Tu dizes que sou rei. Eu para isso nasci e para isso vim ao
         mundo, a fim de dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade ouve a minha voz. “

     c) II Timóteo 4:18, diz:
        “O Senhor me livrará também de toda obra maligna e me levará salvo para o seu reino celestial. A ele, glória
         pelos séculos dos séculos. Amém! “


                                       <><><><><><><><><><><><><


6-       Sob que condições realizou-se a obra de redenção na vida de Jesus?

A obra de redenção feita por Jesus Cristo, foi realizada sob duas condições: a humilhação e a exaltação.
Observação:
Sobre “HUMILHAÇÃO e EXALTAÇÃO DE CRISTO”, neste site WWW.inoves.com.br, você leitor encontrará um
estudo completo sobre estes assuntos.

                                       <><><><><><><><><><><><><
                                                                                                                         5
                                 IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                 Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo



7-     Que ensinam as escrituras sobre a concepção de Cristo?

A Bíblia declara claramente que o nascimento de Jesus foi através da virgem Maria. O nascimento Dele, ou seja,
a Sua (de Jesus) entrada neste mundo foi diferente da dos demais homens.
Veja os textos, abaixo:
    a) Mateus 1:18 a 25, diz: “
Mateus 1:18              Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: estando Maria, sua mãe, desposada com José,
                         sem que tivessem antes coabitado, achou-se grávida pelo Espírito Santo.
Mateus 1:19              Mas José, seu esposo, sendo justo e não a querendo infamar, resolveu deixá-la secretamente.
Mateus 1:20              Enquanto ponderava nestas coisas, eis que lhe apareceu, em sonho, um anjo do Senhor,
                         dizendo: José, filho de Davi, não temas receber Maria, tua mulher, porque o que nela foi
                         gerado é do Espírito Santo.
Mateus 1:21              Ela dará à luz um filho e lhe porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo dos
                         pecados deles.
Mateus 1:22              Ora, tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que fora dito pelo Senhor por intermédio do
                         profeta:
Mateus 1:23              Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome de Emanuel
                         (que quer dizer: Deus conosco).
Mateus 1:24              Despertado José do sono, fez como lhe ordenara o anjo do Senhor e recebeu sua mulher.
Mateus 1:25              Contudo, não a conheceu, enquanto ela não deu à luz um filho, a quem pôs o nome de Jesus.



b)     Lucas 1:26 a 38, diz: “
Lucas 1:26               No sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado, da parte de Deus, para uma cidade da Galiléia,
                         chamada Nazaré,
Lucas 1:27               a uma virgem desposada com certo homem da casa de Davi, cujo nome era José; a virgem
                         chamava-se Maria.
Lucas 1:28               E, entrando o anjo aonde ela estava, disse: Alegra-te, muito favorecida! O Senhor é contigo.
Lucas 1:29               Ela, porém, ao ouvir esta palavra, perturbou-se muito e pôs-se a pensar no que significaria
                         esta saudação.
Lucas 1:30               Mas o anjo lhe disse: Maria, não temas; porque achaste graça diante de Deus.
Lucas 1:31               Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem chamarás pelo nome de Jesus.
Lucas 1:32               Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; Deus, o Senhor, lhe dará o trono de Davi,
                         seu pai;
Lucas 1:33               ele reinará para sempre sobre a casa de Jacó, e o seu reinado não terá fim.
Lucas 1:34               Então, disse Maria ao anjo: Como será isto, pois não tenho relação com homem algum?
Lucas 1:35               Respondeu-lhe o anjo: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e o poder do Altíssimo te envolverá
                         com a sua sombra; por isso, também o ente santo que há de nascer será chamado Filho de
                         Deus.
Lucas 1:36               E Isabel, tua parenta, igualmente concebeu um filho na sua velhice, sendo este já o sexto mês
                         para aquela que diziam ser estéril.



Estes textos supracitados esclarecem a maneira miraculosa do nascimento de Jesus, a qual se harmoniza
perfeitamente contudo o mais que sabemos de Sua pessoa e natureza.

Sabemos através da Bíblia a virgem Maria recebeu a concepção imaculada (pura).
Maria, representando toda a humanidade, forneceu a semente para o corpo físico da criança que ia nascer; em
contraposição, o Pai celestial supriu a semente que ia produzir o sangue incorruptível (puro) que daria vida ao
Cristo.




                                                                                                                         6
                                  IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                  Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo



A Bíblia também nos relata que Jesus, nasceu em Belém da Judéia, a cidade de Davi .
Veja os textos, abaixo:
    a) Isaías 7:14, diz:
        “Portanto, o Senhor mesmo vos dará um sinal: eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho e lhe chamará
        Emanuel. “

     b) Lucas 2:4 a 7, diz: “
Lucas 2:4                 José também subiu da Galiléia, da cidade de Nazaré, para a Judéia, à cidade de Davi, chamada
                          Belém, por ser ele da casa e família de Davi,
Lucas 2:5                 a fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.
Lucas 2:6                 Estando eles ali, aconteceu completarem-se-lhe os dias,
Lucas 2:7                 e ela deu à luz o seu filho primogênito, enfaixou-o e o deitou numa manjedoura, porque não
                          havia lugar para eles na hospedaria.



                                    <><><><><><><><><><><><><




8-      Aplicação prática

Veja se sua fé continua a crescer ou se você tem vacilado. Não permita ser vencido. Estude a Palavra de Deus
e ponha nela a sua fé ( Romanos 10:17, diz: “E, assim, a fé vem pela pregação, e a pregação, pela palavra de
Cristo.” ).
Procure recordar a sua experiência de salvação e agradeça ao Senhor Jesus pela libertação do pecado.
Se tiver pessoas com quem resolver problemas de ofensa do pecado, faça uma lista e procure entrar em
contato com elas e resolver o problema logo.
Anote o pecado que você esteja cometendo no presente. Talvez algum vício. Peça a Jesus para libertá-lo.
Se preciso, busque ajuda de seu líder na igreja ( pastor, diácono, professor da EBD, etc..).
Decore os versículos indicado nos textos e depois coloque-os em prática no seu dia-a-dia;
O que a Bíblia tem representado na sua vida. O que você precisa corrigir para servir a Deus ?
Faça o propósito de tirar pelo menos 15 minutos diários para ler e meditar na Bíblia
Leia a Bíblia e descubra uma promessa de Deus para você. Depois, medite nela, decore o versículo. Após isso,
observe como sua fé irá crescer a respeito de tal promessa.




                          ><><><><><><><>< FIM ><><><<><><><><><




                                                                                                                       7
                                  IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA - ES
                                  Estudo Bíblico: As Duas Naturezas de Jesus Cristo




BIBLIOGRAFIA:

1-       A Bíblia Vida Nova;
2-       Apostila “discipulado” da Igreja de Nova Vida;
3-       Revistas e artigos religiosos diversos;


                                       ><><><><><><><><><><><

CONSIDERAÇÕES FINAIS

        Esperamos que com este trabalho a sua vida possa ter sido abençoada por Deus;
        Ao término deste trabalho, queremos nos colocar a sua disposição para qualquer esclarecimento que se
         faça necessário ao bom entendimento do mesmo;
        Louvamos ao Senhor, e tributamos a Ele toda a Glória, pois sem o Seu Espírito nada poderíamos ter
         feito;
        Esperamos que Deus tenha movido dentro de você uma sede pelo evangelismo e que a partir de hoje
         você se torne mais um discípulo do Senhor Jesus.



                                       ><><><><><><><><><><><


Esta apostila pertence a:


Nome:______________________________________________________

Data: __________/_____________/ ______________



                                        COM O AMOR DE CRISTO

                                                          da

                           IGREJA DE NOVA VIDA DE VILA VELHA – ES

                Pastor dirigente: Marcelo Ferreira             Colaborador: Diácono Paulo Cesar




                                                                                                            8

								
To top