hidrografia brasileira apost 31

Document Sample
hidrografia brasileira apost 31 Powered By Docstoc
					Hidrografia Brasileira

                Aula 10
              pág. 16 e 17
               Apostila 3
Características Gerais

   Grande quantidade de rios caudalosos.
   Predomínio de rios planálticos – hidrelétricas.
   Rios perenes, exceto sertão nordestino.
   Drenagem exorréica em direção ao Atlântico.
   Foz do tipo estuário em maior parte dos rios.
   Pequena quantidade de lagos, geralmente
    formado por cordões arenosos litorâneos.
Bacia Amazônica

   Maior bacia hidrográfica da Terra, 6,5 milhões
    km² banhando 7 países sul-americanos.
   Rio principal: Amazonas, maior volume lançado
    em um oceano e maior extensão da Terra.
   Rio com regime complexo e foz mista
    dominando uma extensa área de terras baixas.
   O potencial hidrelétrico está nos afluentes da
    margem direita no planalto brasileiro.
Bacia Amazônica
Bacia do Tocantins-Araguaia

   Com 814 mil km² é a maior bacia fluvial
    exclusivamente brasileira; nasce em Goiás.
   Compartilha sua foz com a do rio Amazonas,
    não sendo mais seu afluente.
   No rio Tocantins está localizada a usina de
    Tucuruí, 2ª maior hidrelétrica do Brasil.
   Em seu maior afluente, o Araguaia, está a ilha
    do Bananal, maior ilha fluvial da Terra.
Bacia do Tocantins-Araguaia
Bacia do São Francisco

   Nasce na Sa. da Canastra – MG e atravessa
    a depressão sertaneja (semi-árido).
   Conhecido como: Nilo Brasileiro, Rio da
    Unidade Nacional e Rio dos Currais.
   Possui as principais hidrelétricas do nordeste
    administradas pela Chesf:
    Paulo Afonso, Sobradinho, Três Marias e
    Xingó.
Bacia do São Francisco
Transposição do São Francisco
Teste UFPR 2006
     Aziz Ab’Saber, considerado um dos geógrafos mais importantes do mundo, falando de
     suas angústias de brasileiro para o caderno Aliás, declarou que “os governantes e os
     políticos não têm noção de escala e sabem que o povo também não tem”. Segundo ele, o
     semi-árido tem 750 mil quilômetros quadrados, no mínimo, e a transposição das águas do
     São Francisco não vai resolver o problema dessa região. Para Aziz, é preciso também
     saber a quem irá servir a transposição: se aos capitalistas, que têm fazendas e moram em
     apartamentos chiques em Fortaleza ou Recife, ou aos pobres da região, “pessoas que
     passaram a vida resistindo à seca”.

     Com base no texto acima e nos conhecimentos de Geografia, assinale a alternativa
     correta.
a)    O aumento da oferta de água em algumas áreas do semi-árido não garante a distribuição
     eqüitativa desse recurso.
b)   Segundo Ab’Saber, um planejamento adequado para a região teria de ser elaborado com
     base em mapas de escala cartográfica pequena, que apresentam informações mais
     detalhadas.
Teste UFPR 2006
c)   Aziz Ab’Saber defende que a transposição deve beneficiar preferencialmente os grandes
     produtores da região, pois os pobres já se acostumaram às restrições impostas pela seca.
d)   O semi-árido corresponde ao domínio da vegetação de cerrado, condicionando, em
     conjunto com o clima, a baixa fertilidade dos solos.
e)   Ab’Saber sustenta que a principal causa da miséria no semi-árido resume-se a causas
     naturais.
Bacia Platina

   Formada pela bacia dos rios Paraguai,
    Paraná e Uruguai que formam o rio da Prata.
   É a 2ª maior bacia hidrográfica da Terra.
   Estende-se por 4 países da América do Sul.
   Possui alto potencial hidrelétrico (rio Paraná)
    e de navegação (rio Paraguai).
   Está localizada em uma área densamente
    povoada do continente.
Bacia Platina
Teste UFPR 2005
     Um dos fatores de integração territorial dos países pertencentes ao MERCOSUL é a
     Bacia do Prata, formada pelos rios Paraná, Paraguai e Uruguai. Sobre o tema, é
     INCORRETO afirmar:
a)   O rio Paraguai é utilizado para a navegação nacional e internacional no Paraguai e na
     Argentina.
b)   O rio Uruguai, no seu trecho internacional entre a Argentina e o Paraguai, fornece energia
     a esses países, oriunda das grandes hidrelétricas localizadas no seu curso inferior.
c)   O rio Paraná, além de permitir o fornecimento de energia elétrica ao centro-sul do Brasil e
     ao Paraguai, integra estados brasileiros através da implantação da hidrovia Tietê-Paraná.
d)   O aproveitamento econômico dos rios da Bacia do Prata está relacionado às suas
     características físicas, marcadas ora por relevos aplanados, ora por relevos mais
     acidentados.
e)   Alguns afluentes do rio Paraná, como o rio Iguaçu, caracterizam-se pelo potencial
     hidrelétrico instalado, marcadamente no trecho compreendido no Terceiro Planalto
     Paranaense.

				
DOCUMENT INFO
Shared By:
Categories:
Tags:
Stats:
views:150
posted:2/18/2012
language:Portuguese
pages:16