resumo avalia��o by p3wKw8g

VIEWS: 52 PAGES: 5

									                                                                                                                             1
CONTEXTO HISTÓRICO DA AVALIAÇÃO: IMPLICAÇÕES                    “TUDO QUE EXISTE, DESDE QUE EXISTE, EXISTE NUMA
             E SUAS DIMENSÕES                                   CERTA QUANTIDADE E COMO TAL PODE SER MEDIDO”
                                                                (ESTEVES, 1973, p. 41 e POPHAM, 1983).
O QUE É AVALIAÇÃO?                                              Pode-se afirmar até o momento que esta geração foi
                                                                abundante na elaboração de testes, por isso denominada a
Está diretamente ligada ao processo de ensino                   “geração da mensuração”
aprendizagem, apresentando características de
intencionalidade consciente.                                    A TRADIÇÃO DA MENSURAÇÃO NO MUNDO
                                                                OCIDENTAL
QUAL A SUA ORIGEM?
                                                                Se deve principalmente ao fato de que, durante a 1ª guerra
Nasceu da compreensão progressiva que estudiosos foram          mundial, os EUA necessitava tomar decisões sobre quais os
tendo sobre o comportamento humano em seus aspectos de          indivíduos que deveriam fazer parte das forças armadas.
normalidade/anormalidade.                                       Tal processo de seleção permitiu que a avaliação fosse
                                                                entendida apenas como medida, pois só a partir dela poderia
A AVALIAÇÃO NASCE COM A CIVILIZAÇÃO HUMANA                      tomar decisões sensatas.

Antes da existência da escola o sujeito já era avaliado pelos   DIANTE DESTA QUESTÃO HOUVE UM EMPENHO...
os anciões, sacerdotes, pajés, ou seja, pelas pessoas que
detinham de certa forma maiores conhecimentos.                  Mundial em torno da tecnologia aplicada à medida. Assim
                                                                foi desenvolvido através de pesquisadores tais como: Tyler
TRANSIÇÃO DO PRIMITIVO PARA O ORIENTAL                          (pai da avaliação)...

Neste contexto a avaliação começa a se tornar                   ESTES TEÓRICOS FORAM CHAMADOS DE 2ª GERAÇÃO
sistematizada, ou seja, surge a escrita e esta começa a
privilegiar a memorização e transmissão dos conhecimentos.      Buscavam-se dados sobre o alcance dos objetivos por parte
                                                                dos alunos, em que seria necessário descrever o que seria
PARA TAL, ERA NECESSÁRIO AVALIAR....                            sucesso ou dificuldade com relação aos objetivos
                                                                estabelecidos
O comportamento padrão/diferenciado, apresentado pelo
indivíduo, o que conseqüentemente favoreceu estudos sobre       TYLER FOI O AUTOR DO MODELO DE AVALIAÇÃO
avaliação.
                                                                Por objetivos, ele afirmava que a avaliação consistiria numa
O INTERESSE POR TESTES DE ESCOLARIDADE                          constante comparação dos resultados da aprendizagem dos
                                                                alunos com os objetivos previamente determinados na
Horace Mann em 1845 introduziu o sistema de exames              programação do ensino
escritos nas escolas americanas como forma de substituir a
prática ordinária dos exames orais.                             A 3ª GERAÇÃO (DÉCADAS DE 60 E 70)

FRANCIS GALTON EM 1882 FUNDOU O LABORATÓRIO                     Bloom, Hasting e Madaus (1983) tiveram maior expressão
                                                                no Brasil. Tendo como pressuposto a concepção tecnicista
De testes em Londres com o objetivo de estudar as               de educação.
diferenças individuais, o que favoreceu a utilização de
medidas padronizadas e tratamento estatístico para os           BLOOM, 1983 : A AVALIAÇÃO É
dados de avaliação.
                                                                Uma coleta sistemática de dados a fim de verificar se de fato
EM 1890, ALFREDO BINET E THEOPHILE SIMON                        certas mudanças estão ocorrendo no aprendiz, bem como
                                                                verificar a quantidade ou grau de mudança ocorrido em cada
Prepararam uma série de perguntas para diagnosticar             aluno, a partir da taxionomia dos objetivos educacionais
debilidade mental nas crianças das escolas de paris e assim
organizaram uma escala de idade mental.                         LDB 4024/61

BINET, NA FRANÇA                                                Art. 39. A apuração do rendimento escolar ficará a cargo dos
                                                                estabelecimentos de ensino, aos quais caberá expedir
Criou um instrumento de medida, aperfeiçoado,                   certificados de conclusão de séries e ciclos e diplomas de
posteriormente, por Galton na Inglaterra e nos EUA, para dar    conclusão de cursos.
origem ao Q.I (quociente intelectual).                          § 1º Na avaliação do aproveitamento do aluno
                                                                preponderarão os resultados alcançados, durante o ano
POR VOLTA DE 1895, JOSEPH MAYER RICE                            letivo, nas atividades escolares, asseguradas ao professor,
Insistiu na necessidade de adotar medidas mais objetivas        nos exames e provas, liberdade de formulação de questões
tanto para o ensino quanto para a avaliação da                  e autoridade de julgamento.
aprendizagem.                                                   § 2º Os exames serão prestados perante comissão
                                                                examinadora, formada de professôres do próprio
EDWARD LEE THORNDIKE SE CONSAGROU COM A                         estabelecimento, e, se êste fôr particular, sob fiscalização da
SEGUINTE AFIRMAÇÃO:                                             autoridade competente.




CEWK – OTP/ 1º Ano Integrado - 2009
Prof. Rosângela Menta Mello e Josiane Celusniak
                                                                                                                                  2
MANUAIS DIDÁTICOS (Década de 70e 80)                              Emerge um novo conceito de avaliação em que a
                                                                  característica principal é a negociação, o equilíbrio é
  É a descrição dos elementos do planejamento de ensino          buscado entre pessoas de valores diferentes...
   como essenciais à organização e exercício do ensinar.
  A avaliação não poderia ser separada de julgamento, o          RESPEITANDO AS DIVERGÊNCIAS, DE QUE
   avaliador assumiria o papel de juiz.
Segundo Luckesi (2002)                                            Quanto maior a participação das questões avaliativas, dos
                                                                  métodos, e da interpretação dos resultados; maior é o nível
    A nossa prática educativa se pauta por uma Pedagogia         de negociação.
     do Exame, ou seja, uso da avaliação da aprendizagem          É UMA GERAÇÃO QUE CARACTERIZA A AVALIAÇÃO
     como disciplinamento social dos alunos. A utilização das
     provas como ameaça aos alunos, sob a égide do medo.          Como um processo interativo, negociado, fundamentado
                                                                  num paradigma crítico e transformador
Para Comenius                                                     Trata-se de uma abordagem madura, que vai além da
                                                                  ciência porque capta também os aspectos humanos,
    O medo é excelente fator para manter a atenção dos           políticos sociais, culturais e éticos envolvidos no processo.
     alunos. O professor pode e deve usar esse excelente
     meio para manter os alunos atentos as atividades                                    LDB 9394/96
     escolares (Séc. XVII)                                                                TÍTULO III
                                                                         Do Direito à Educação e do Dever de Educar
Medo e Avaliação: Qual a relação???
                                                                  Art. 7º O ensino é livre à iniciativa privada, atendidas as
    O medo é um fator importante no processo de controle         seguintes condições:
     social. Internalizado, é um excelente freio as ações que          ...
     são supostamente indesejáveis. Este produz não só                 II - autorização de funcionamento e avaliação de
     uma personalidade submissa como também hábitos de            qualidade pelo Poder Público;
     comportamento físico tenso que conduzem as doenças
     respiratórias, gástricas, sexuais, etc...
                                                                                         TÍTULO IV
5692/71                                                                     Da Organização da Educação Nacional

Art. 14. A verificação do rendimento escolar ficará, na forma     Art. 9º A União incumbir-se-á de: (Regulamento)
regimental, a cargo dos estabelecimentos, compreendendo a
avaliação do aproveitamento e a apuração da assiduidade.          VI - assegurar processo nacional de avaliação do
                                                                  rendimento escolar no ensino fundamental, médio e
§ 1º Na avaliação do aproveitamento, a ser expressa em            superior, em colaboração com os sistemas de ensino,
notas ou menções, preponderarão os aspectos qualitativos          objetivando a definição de prioridades e a melhoria da
sôbre os quantitativos e os resultados obtidos durante o          qualidade do ensino;
período letivo sôbre os da prova final, caso esta seja exigida.
                                                                  VIII - assegurar processo nacional de avaliação das
§ 2º O aluno de aproveitamento insuficiente poderá obter          instituições de educação superior, com a cooperação dos
aprovação mediante estudos de recuperação                         sistemas que tiverem responsabilidade sobre este nível de
proporcionados obrigatòriamente pelo estabelecimento.             ensino;

§ 3º Ter-se-á como aprovado quanto à assiduidade:                           CAPÍTULO II - DA EDUCAÇÃO BÁSICA
                                                                              Seção I - Das Disposições Gerais
a)   o aluno de freqüência igual ou superior a 75% na
     respectiva disciplina, área de estudo ou atividade;          Art. 24. A educação básica, nos níveis fundamental e médio,
b)   o aluno de freqüência inferior a 75% que tenha tido          será organizada de acordo com as seguintes regras comuns:
     aproveitamento superior a 80% da escala de notas ou          ...
     menções adotadas pelo estabelecimento;
c)   o aluno que não se encontre na hipótese da alínea            II - a classificação em qualquer série ou etapa, exceto a
     anterior, mas com freqüência igual ou superior, ao           primeira do ensino fundamental, pode ser feita:
     mínimo estabelecido em cada sistema de ensino pelo                  a) por promoção, para alunos que cursaram, com
     respectivo Conselho de Educação, e que demonstre             aproveitamento, a série ou fase anterior, na própria escola;
     melhoria de aproveitamento após estudos a título de                 b) por transferência, para candidatos procedentes de
     recuperação.                                                 outras escolas;
                                                                         c) independentemente de escolarização anterior,
§ 4º Verificadas as necessárias condições, os sistemas de         mediante avaliação feita pela escola, que defina o grau de
ensino poderão admitir a adoção de critérios que permitam         desenvolvimento e experiência do candidato e permita sua
avanços progressivos dos alunos pela conjugação dos               inscrição na série ou etapa adequada, conforme
elementos de idade e aproveitamento.                              regulamentação do respectivo sistema de ensino;

A QUARTA GERAÇÃO QUE INICIA NA DÉCADA DE 80-                      III - nos estabelecimentos que adotam a progressão regular
90                                                                por série, o regimento escolar pode admitir formas de
                                                                  progressão parcial, desde que preservada a seqüência do
                                                                  currículo, observadas as normas do respectivo sistema de
                                                                  ensino;
CEWK – OTP/ 1º Ano Integrado - 2009
Prof. Rosângela Menta Mello e Josiane Celusniak
                                                                                                                             3
                                                               II - conhecimento das formas contemporâneas de
IV - poderão organizar-se classes, ou turmas, com alunos de    linguagem;
séries distintas, com níveis equivalentes de adiantamento na
matéria, para o ensino de línguas estrangeiras, artes, ou      Art. 41. O conhecimento adquirido na educação profissional
outros componentes curriculares;                               e tecnológica, inclusive no trabalho, poderá ser objeto de
                                                               avaliação, reconhecimento e certificação para
V - a verificação do rendimento escolar observará os           prosseguimento ou conclusão de estudos.(Redação dada
seguintes critérios:                                           pela Lei nº 11.741, de 2008)

a) avaliação contínua e cumulativa do desempenho do
aluno, com prevalência dos aspectos qualitativos sobre os                             TÍTULO VI
quantitativos e dos resultados ao longo do período sobre os                 Dos Profissionais da Educação
de eventuais provas finais;
b) possibilidade de aceleração de estudos para alunos com      Art. 67. Os sistemas de ensino promoverão a valorização
atraso escolar;                                                dos profissionais da educação, assegurando-lhes, inclusive
c) possibilidade de avanço nos cursos e nas séries mediante    nos termos dos estatutos e dos planos de carreira do
verificação do aprendizado;                                    magistério público:
d) aproveitamento de estudos concluídos com êxito;
e) obrigatoriedade de estudos de recuperação, de               ...
preferência paralelos ao período letivo, para os casos de      IV - progressão funcional baseada na titulação ou
baixo rendimento escolar, a serem disciplinados pelas          habilitação, e na avaliação do desempenho;
instituições de ensino em seus regimentos;
                                                               V - período reservado a estudos, planejamento e avaliação,
                        Seção II                               incluído na carga de trabalho;
                   Da Educação Infantil
...                                                                                   TÍTULO VIII
Art. 31. Na educação infantil a avaliação far-se-á mediante                     Das Disposições Gerais
acompanhamento e registro do seu desenvolvimento, sem o
objetivo de promoção, mesmo para o acesso ao ensino            Art. 80. O Poder Público incentivará o desenvolvimento e a
fundamental.                                                   veiculação de programas de ensino a distância, em todos os
...                                                            níveis e modalidades de ensino, e de educação continuada.
Art. 32. O ensino fundamental obrigatório, com duração de 9    (Regulamento)
(nove) anos, gratuito na escola pública, iniciando-se aos 6    ...
(seis) anos de idade, terá por objetivo a formação básica do   § 3º As normas para produção, controle e avaliação de
cidadão, mediante: (Redação dada pela Lei nº 11.274, de        programas de educação a distância e a autorização para sua
2006)                                                          implementação, caberão aos respectivos sistemas de
                                                               ensino, podendo haver cooperação e integração entre os
IV - o fortalecimento dos vínculos de família, dos laços de    diferentes sistemas. (Regulamento)
solidariedade humana e de tolerância recíproca em que se
assenta a vida social.                                                               TÍTULO IX
                                                                             Das Disposições Transitórias
§ 1º É facultado aos sistemas de ensino desdobrar o ensino
fundamental em ciclos.                                         Art. 87. É instituída a Década da Educação, a iniciar-se um
§ 2º Os estabelecimentos que utilizam progressão regular       ano a partir da publicação desta Lei.
por série podem adotar no ensino fundamental o regime de       ...
progressão continuada, sem prejuízo da avaliação do            IV - integrar todos os estabelecimentos de ensino
processo de ensino-aprendizagem,                               fundamental do seu território ao sistema nacional de
                                                               avaliação do rendimento escolar
                    CAPÍTULO III
            DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL                           DIMENSÕES DA AÇÃO AVALIATIVA
        Da Educação Profissional e Tecnológica
                                                               Técnica ou burocrática:
Art. 36. O currículo do ensino médio observará o disposto na      classificatória, somativa, controladora
Seção I deste Capítulo e as seguintes diretrizes:                 objetiva certificação ou registro formal
...                                                            Formativa ou continuada
II - adotará metodologias de ensino e de avaliação que            diagnóstica, processual, descritiva e qualitativa
estimulem a iniciativa dos estudantes;                            indicativa de aprendizagens consolidadas, dificuldades
...                                                                e possibilidades
IV – serão incluídas a Filosofia e a Sociologia como
disciplinas obrigatórias em todas as séries do ensino médio.
(Incluído pela Lei nº 11.684, de 2008)

§ 1º Os conteúdos, as metodologias e as formas de
avaliação serão organizados de tal forma que ao final do
ensino médio o educando demonstre:
I - domínio dos princípios científicos e tecnológicos que
presidem a produção moderna;

CEWK – OTP/ 1º Ano Integrado - 2009
Prof. Rosângela Menta Mello e Josiane Celusniak
                                                                                                              4




                                                          Exigências na redação do ENEM

                                                          I. Demonstrar domínio da norma culta da língua
                                                          escrita.
                                                          II. Compreender a proposta de redação e aplicar
                                                          conceitos das várias áreas de conhecimento para
                                                          desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do
                                                          texto dissertativo-argumentativo.
                                                          III. Selecionar, relacionar, organizar e interpretar
                                                          informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa
                                                          de um ponto de vista.
                                                          IV. Demonstrar conhecimento dos mecanismos
                                                          lingüísticos necessários para a construção da
                                                          argumentação.
REFERÊNCIA:                                               V. Elaborar proposta de solução para o problema
                                                          abordado, mostrando respeito aos valores humanos e
Apresentações do Curso Estágio e Avaliação. Professoras   considerando a diversidade sociocultural.
Ângela Maria de Souza Lima e Adriana Regina de Jesus.
Curitiba. 2007.
                                                          ENTÃO, O QUE FAZER...

      TRABALHO DESTE TEXTO:                               Um bom caminho é desenvolver um plano de texto. E,
   PRODUZIR INDIVIDUALMENTE UMA                           para aqueles que acham que não é possível estudar
 DISSERTAÇÃO SOBRE “AVALIAÇAO DA                          para a prova de redação, segue uma orientação que
  APRENDIZAGEM: TEORIA E PRÁTICA”                         demonstra o contrário.
             VALOR 2,0
CEWK – OTP/ 1º Ano Integrado - 2009
Prof. Rosângela Menta Mello e Josiane Celusniak
                                                                                                              5
                                                         Argumento 1
1. Leia a proposta feita pelo Enem com todo o cuidado    Argumento 2
possível;                                                Argumento 3
2. Destaque os elementos que compõem o tema
                                                         O que não se deve fazer no desenvolvimento:
proposto;
                                                         - Muitos detalhes;
3. Elabore um breve questionamento com base nos
                                                         - Divagações;
próprios dados apresentados pela prova. Isso vai
                                                         - Repetições;
ajudá-lo, mais tarde, a compor a apresentação do
                                                         - Exemplos excessivos;
tema proposto e a elaborar argumentos.
                                                         - Fugir do tema;
4. Lembre-se de que você não deve escrever apenas
                                                         - Não descrever o que foi proposto na introdução;
com reflexões pessoais. É muito importante estar bem
                                                         - Usar frases feitas;
acompanhado. Citações, ainda que parciais, trazem
respeitabilidade para o texto.                           Conclusão
5 Comece a arregimentar idéias que sustentem sua
                                                         Na conclusão, posicione-se a respeito e sugira uma
opinião sobre o tema. Filmes que você viu, livros que
                                                         solução para o tema proposto.
leu, conceitos, fatos que aprendeu em aulas de
geografia, de história, de química, de filosofia...      É aqui que você irá propor a solução. Seu ponto de
Relacione pensamentos, autores e obras artísticas de     vista, pois, apesar de ter colocado suas idéias no
amplo reconhecimento.                                    desenvolvimento, é aqui que ele terá mais destaque. É
                                                         extremamente importante que você conclua seu texto,
Plano e roteiro                                          faça o fechamento de sua idéia. Utilize apenas um
                                                         parágrafo.
E muitas disciplinas escolares, estudar bem é treinar    O que não se deve fazer na conclusão:
bem. Quem seguir as instruções anteriores, a partir de   - Deixar de concluir;
provas do Enem de anos anteriores, terá realizado um     - Usar expressões como: Em resumo; Concluindo,
bom treino para o exame que vem pela frente.             etc…
                                                         - Inserir novos argumentos ou informações;
 Dicas para fazer uma boa Dissertação no                 - Usar somente a última idéia apresentada no
             Enem – Redação                              desenvolvimento.

A Redação é uma das avaliações mais importantes no        Vale lembrar que uma boa dissertação é baseada em
Enem. Fazer uma boa Dissertação é fundamental            fatos e argumentos.
para conseguir uma boa média no exame.
A Dissertação é um tipo de texto opinativo aonde o       A introdução apesar de não ser essencial é
escritor defende um ponto de vista com o uso de          extremamente recomendada. Nela você deve
argumentos. A Redação do Enem avalia cinco               apresentar o tema em poucas frases, em torno de 3 ou
competências:                                            4 linhas.
1. Domínio da língua culta                               O título não é obrigatório no Enem, mas caso você
2. Compreensão da proposta de Redação e aplicação        faça outros exames em seja necessário, uma boa dica
de conceitos de várias áreas do conhecimento para        é não utilizar verbo no título.
desenvolver o tema.
3. Selecionar, relacionar, organizar e interpretar
informações em defesa de um ponto de vista.              Disponível em:
4. Demonstração de conhecimento dos mecanismos
lingüísticos necessários para construir a                   http://aprovadonovestibular.com/enem-como-
argumentação.                                                fazer-uma-boa-dissertacao-redacao.html
5. Elaborar proposta de ação para enfrentar o               http://professoredmundo.com.br/?p=327&lang=br
problema respeitando os direitos humanos.
Para elaborar uma boa dissertação, o estudante pode
seguir algumas dicas.
Transforme a proposta em pergunta, como por
exemplo: “As novelas brasileiras podem ser
consideradas educativas?”. Com base isso, tente
pensar em três argumentos que responderiam essa
pergunta. Desenvolva cada argumento seguindo a
seguinte estrutura.
Introdução

CEWK – OTP/ 1º Ano Integrado - 2009
Prof. Rosângela Menta Mello e Josiane Celusniak

								
To top