Prefeitura Municipal de An�polis � GO by 2Y3w2q

VIEWS: 110 PAGES: 31

									    Data
 02/05/2011
  Assessor
Prof. Márcio
               Assessoria Pedagógica de Matemática




      Prefeitura Municipal de Anápolis – GO          1

   Secretaria Municipal de Educação – SEMED
        Assessoria Pedagógica de Matemática
                   Prof. Márcio
                    Anos Finais




                       Maio – 2011
    Data
 02/05/2011
  Assessor
Prof. Márcio
                    Assessoria Pedagógica de Matemática

                   Encontro Pedagógico: Professores

                              Cronograma

  Horário                              Atividade Proposta
7 h. 30 min.    Boas Vindas – Mensagem: A arte de não adoecer
7 h. 40 min.    Reflexão Inicial: Perguntas de Criança
7 h. 50 min.    Participações Especiais – Secretaria de Educação         2
8 h. 00 min.    Compreendendo Nossa Educação: Que resultados queremos?
 8h. 40 min.    Avaliação Institucional
9 h. 30 min.    Café da Manhã Comunitário
9 h. 50 min.    Como trabalhar questões para a Avaliação Institucional
11 h. 00 min.   Socialização – Mudança de Paradigma
11 h. 20 min.   Recomendações pedagógicas
11 h. 30 min.   Avaliação e encerramento




  “Uma criança de dez anos que lê como quem respira, que
 gosta de ler, que lê como quem está usando mais um, além
dos seus cinco sentidos, estará preparada pra receber toda a
    informação de que vai necessitar para enfrentar a vida”
                               (Ziraldo.)
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                         Assessoria Pedagógica de Matemática

                                   Reflexão Inicial

                               Perguntas de criança...
                                   (Rubem Alves)
          Há muita sabedoria pedagógica nos ditos populares. Como naquele que
diz: “É fácil levar a égua até o meio do ribeirão. O difícil é convencer ela a beber a
                                                                                         3
água...”. De fato: se a égua não estiver com sede, ela não beberá água por mais que
o seu dono a surre... Mas, se estiver com sede, ela, por vontade própria, tomará a
iniciativa de ir até o ribeirão. Aplicado à educação: “É fácil obrigar o aluno a ir à
escola. O difícil é convencê-lo a aprender aquilo que ele não quer aprender...”
          Às vezes eu penso que o que as escolas fazem com as crianças é tentar
forçá-las a beber a água que elas não querem beber. Brunno Bettelheim, um dos
maiores educadores do século passado, dizia que na escola os professores
tentaram ensinar-lhe coisas que eles queriam ensinar mas que ele não queria
aprender. Não aprendeu e, ainda por cima, ficou com raiva. Que as crianças querem
aprender, disso não tenho a menor dúvida.
          Mas, o que é que as crianças querem aprender? Pois, faz uns dias, recebi
de uma professora, Edith Chacon Theodoro, uma carta digna de uma educadora e,
anexada a ela, uma lista de perguntas que seus alunos haviam feito,
espontaneamente. “Por que o mundo gira em torno dele e do sol? Por que a vida é
justa com poucos e tão injusta com muitos? Por que o céu é azul? Quem foi que
inventou o Português? Como foi que os homens e as mulheres chegaram a
descobrir as letras e as sílabas? Como a explosão do Big Bang foi originada? Será
que existe inferno? Como pode ter alguém que não goste de planta? Quem nasceu
primeiro, o ovo ou a galinha? Um cego sabe o que é uma cor? Se na Arca de Noé
havia muitos animais selvagens, por que um não comeu o outro? Para onde vou
depois de morrer? Por que eu adoro música e instrumentos musicais se ninguém na
minha família toca nada? Por que sou nervoso? Por que há vento? Por que as
pessoas boas morrem mais cedo? Por que a chuva cai em gotas e não tudo de uma
vez?”
          José Pacheco é um educador português. Ele é o diretor (embora não
aceite ser chamado de diretor, por razões que um dia vou explicar...) da Escola da
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                          Assessoria Pedagógica de Matemática

Ponte, localizada na pequena cidade de Vila das Aves, ao norte de Portugal. É uma
das escolas mais inteligentes que já visitei. Ela é inteligente porque leva mais a sério
as perguntas que as crianças fazem do que as respostas que os programas querem
fazê- las aprender. Pois ele me contou que, em tempos idos, quando ainda trabalhava
numa outra escola, provocou os alunos a que escrevessem numa folha de papel as             4
perguntas que provocavam a sua curiosidade e ficavam rolando dentro das suas
cabeças, sem resposta. O resultado foi parecido com o que transcrevi acima.
Entusiasmado com a inteligência das crianças –– pois é nas perguntas que a
inteligência se revela –– resolveu fazer experiência parecida com os professores.
Pediu-lhes que colocassem numa folha de papel as perguntas que gostariam de fazer.
O resultado foi surpreendente: os professores só fizeram perguntas relativas aos
conteúdos dos seus programas. Os professores de geografia fizeram perguntas sobre
acidentes geográficos, os professores de português fizeram perguntas sobre
gramática, os professores de história fizeram perguntas sobre fatos históricos, os
professores de matemática propuseram problemas de matemática a serem
resolvidos, e assim por diante.
          O filósofo Ludwig Wittgenstein afirmou: “os limites da minha linguagem
denotam os limites do meu mundo”. Minha versão popular: “as perguntas que fazemos
revelam o ribeirão onde quero beber...”. Leia de novo e vagarosamente as perguntas
feitas pelos alunos. Você verá que elas revelam uma sede imensa de conhecimento!
Os mundos das crianças são imensos! Sua sede não se mata bebendo a água de um
mesmo ribeirão! Querem águas de rios, lagos, lagoas, fontes, minas, chuva, poças
d’água... Já as perguntas dos professores revelam (Perdão pela palavra que vou usar!
É só uma metáfora, para fazer ligação com o ditado popular!) éguas que perderam a
curiosidade, felizes com as águas do ribeirão conhecido... Ribeirões diferentes as
assustam, por medo de se afogarem... Perguntas falsas: os professores sabiam as
respostas... Assim, elas nada revelavam do espanto que se tem quando se olha para
o mundo com atenção. Era apenas a repetição da mesma trilha batida que leva ao
mesmo ribeirão...
          Eu sempre me preocupei muito com aquilo que as escolas fazem com as
crianças. Agora estou me preocupando com aquilo que as escolas fazem com os
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

professores. Os professores que fizeram as perguntas já foram crianças; quando
crianças, suas perguntas eram outras, seu mundo era outro... Foi a instituição
“escola” que lhes ensinou a maneira certa de beber água: cada um no seu ribeirão...
Mas as instituições são criações humanas. Podem ser mudadas. E, se forem
mudadas, os professores aprenderão o prazer de beber águas de outros ribeirões e         5
voltarão a fazer as perguntas que faziam quando crianças.


Para Refletir:

           Como educar nossos jovens para que constituam indivíduos competentes,
criativos, com personalidade própria, com ética, que saibam se posicionar frente as
dificuldades, decidir o que é melhor para si e para outros, viver em coletividade,
bebendo água em rio, ribeirões, lagos e lagoas?

           Que conteúdo e que metodologias darão conta dessa tarefa?

           Sabe-se mundialmente que há um descompasso entre o conteúdo
ensinado e o conteúdo aprendido. Que a forma como ensinamos privilegia              a
memorização, o acúmulo da informação pela informação, sem dar a ela um sentido
e uma aplicabilidade real. O que fazer para amenizar?


   Compreendendo Nossa Educação: Que resultados queremos?

                    Compreensão do Novo Paradigma
**************        Paradigma Curricular  Paradigma Curricular
                          Fragmentado             Integrado
   Princípios                                           Direito de Aprender

                      Direito de Ensinar                A Estética da sensibilidade, a
  Filosóficos                                           Política da Igualdade e a
                                                        Ética da Identidade estarão
                                                        presentes em todos os
                                                        trabalhos.
    Conteúdo          Um fim em si mesmo                Um meio para desenvolver
                                                        competências
                      Fragmentado por disciplinas;      Globalizado pelo trabalho

                      Ensino    de   regras,   fatos, interdisciplinar     e     pela
    Data
 02/05/2011
  Assessor
Prof. Márcio
                  Assessoria Pedagógica de Matemática

                definições,    acúmulo       de contextualização;
                informações desvinculadas da
Conhecimento    vida dos alunos;                Privilegia a construção de
                                                conceitos e o entendimento;
                Caráter mais enciclopédico;
                                                Teoria e prática aplicadas ao
                Privilegia a memória e a cotidiano do aluno;
                padronização.                                                      6
                                                Ênfase está na produção e
                                                sistematização do sentido.
   Currículo                                    Integrado, vivo e em rede,
                Fracionado, estático e linear   proporcionando              a
                                                oportunidade de conhecer,
                                                fazer, relacionar, aplicar e
                                                transformar.
 Organização                                    Por áreas do conhecimento;
  Curricular
                                                 Por eixo organizador;
                Por disciplinas
                                                 Por tema gerador;

                                              Por          conjunto           de
                                              competências.
 Sala de aula   Espaço de transmissão e Espaço              privilegiado      de
                recepção do conhecimento.     reflexão, de situações de
                                              aprendizagem           vivas     e
                                              enriquecedoras.
  Atividades                                  Centradas em projetos de
                Rotineiras que favorecem a trabalho e na resolução de
                padronização da resolução.    problemas para desenvolver
                                              competências; Pesquisa =
                Pesquisa = cópia              buscar      informações        em
                                              várias     fontes       para     a
                                              resolução           de        uma
                                              determinada              situação-
                                              problema                      com
                                              espontaneidade                   e
                                              criatividade.
                Mero      transmissor      do Facilitador da aprendizagem
                conhecimento;                 do aluno;

                Determina o conteúdo a ser Facilitador da construção de
                trabalhado sem levar em sentidos;
                conta as necessidades que
                surgem em sala de aula.    Gerenciador da informação;
  Professor
    Data
 02/05/2011
  Assessor
Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

                                                               Reflexivo;

                                                               Avalia e ressignifica            sua
                                                               prática pedagógica.

                                                               Incentivador da estética da
                                                               sensibilidade,    zela  pela
                                                               política da igualdade e pela             7
                                                               ética da identidade.
                     Passivo,   receptáculo              do
                     conhecimento;                     Ativo e participativo na
     Aluno                                             construção       do      seu
                     Não sabe porquê e para quê conhecimento.
                     estuda            determinados
                     conteúdos.
                                                       Formativa e diagnóstica do
                                                       ensino e da aprendizagem;
   Avaliação         Classificatória e excludente;
                                                       Aponta     dificuldades    e
                     Gera dados que possibilitam possibilita a intervenção
                     apenas avaliar a capacidade pedagógica;
                     do      aluno      em       reter
                     informações.                      Gera dados que possibilitem
                                                       avaliar o desenvolvimento
                                                       das competências.
Livro Didático       Um fim em sim mesmo;              Um entre vários recursos
                                                       didáticos (jornais, revistas,
                     Atividades      previsíveis     e vídeos, computador, CD-
                     padronizadas.                     ROMS)
                   Numa sala de aula como o Paradigma Curricular Integrado, a autoridade é
                   conquistada, enquanto na outra é simplesmente outorgada. A obrigação é alternada
                   pela satisfação; a arrogância, pela humildade; a solidão, pela cooperação; a
                   especialização, pela generalidade; o grupo homogêneo, pelo heterogêneo; a
                   reprodução, pela produção do conhecimento. Todos se percebem e gradativamente
                   se tornam parceiros e, nela, a interdisciplinaridade pode ser aprendida e pode ser
                   ensinado, o que pressupõe um ato de perceber-se interdisciplinar.. (FAZENDA,
                   1994, p. 86-87).


Princípios            Nas Diretrizes                                 Na Escola
                Criatividade;                            Aprender a Fazer;

  Estética      Curiosidade;                             Atitude frente a todas as formas
                                                         de expressão;
     da         Afetividade;
                                                       Acolher         a    diversidade        dos
Sensibilidade   Reconhecimento                      da alunos;
                Diversidade;
                                                         Oportunizar          a      troca      de
    Data
 02/05/2011
  Assessor
Prof. Márcio
                     Assessoria Pedagógica de Matemática

               Valorização da Qualidade;       significados;

               Busca de Aprimoramento;         Crítica às formas estereotipadas
                                               e reducionista de expressar a
                                               realidade;

                                           Crítica às manifestações que
                                           banalizam      os  afetos    e          8
                                           brutalizam      as    relações
                                           interpessoais.
               Reconhecimento dos direitos Aprender a conhecer e a
               humanos;                    conviver;

               Exercício dos direitos        e Ensino através de conteúdos e
               deveres de cidadania;           temas como: direitos das
                                               pessoas, responsabilidade e
  Política     Equidade     no     acesso    à solidariedade, relações pessoais
               educação, ao emprego, à e práticas sociais;
     Da        saúde, ao meio ambiente
               saudável;                       Responsabilidade da liderança
 Igualdade                                     dos adultos responsáveis pela
               Combate a todas as formas de coesão da escola;
               preconceito e discriminação;
                                               Igualdade de oportunidades e
               Respeito pelo Estado de de diversidade de tratamento
               Direito mas a igualdade é um dos alunos e professores;
               valor público por ser interesse
               de todos e não exclusivamente Toda decisão administrativa e
               do governo.                     pedagógica         deve      se
                                               comprometer          com       a
                                               aprendizagem dos alunos.
    Ética      Buscar reconciliar no coração Aprender a ser;
               humano o mundo da moral e o
     Da        mundo da matéria, o privado e o Educação é um processo de
               público;                        construção de identidades;
 Identidade
               Humanismo;                     As identidades se constituem pelo
                                              desenvolvimento da sensibilidade
               Responsabilidade             e e pelo reconhecimento do direito à
               solidariedade;                 igualdade;

               Reconhecimento da identidade Escola é lugar de conviver e de
               própria e do outro;          educar para a construção da
                                            identidade dos alunos;
               Autonomia;
                                            O fim mais importante da
               Convivência e mediação de educação para a identidade è a
               todas as linguagens.         autonomia.
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                         Assessoria Pedagógica de Matemática

Note:

                    “O professor, como qualquer outro profissional, lida com situações que não
                    se repetem nem podem ser cristalizadas no tempo. Portanto, precisa
                    permanentemente fazer ajustes entre o que planeja ou prevê e aquilo que
                    acontece na interação com os alunos. Boa parte dos ajustes tem que ser
                    feitos em tempo real ou em intervalos relativamente curtos, minutos e horas
                    na maioria dos casos – dias ou semanas, na hipótese mais otimista – sob o
                    risco de passar a oportunidade de intervenção no processo de ensino-          9
                    aprendizagem. Além disso, os resultados do ensino são previsíveis apenas
                    em parte. O contexto no qual se efetuam é complexo e indeterminado,
                    dificultando uma antecipação dos resultados do trabalho pedagógico”.
                    (BRASIL, 2002, p. 35).



                              Avaliação Institucional

Data: 13 e 14 de Junho de 2011
Local: Nas unidades escolares
Clientela: Todos os alunos matriculados nos anos finais do Ensino Fundamental.
Disciplinas:
Dia 13/06/2011 – Segunda-Feira
Língua Portuguesa – Ciências – Artes e História;
Dia 14/06/2011 – Terça-Feira
Matemática – Geografia – Educação Física e Língua Inglesa;
Valor: 4,0 pts (2,0 pontos cada dia)
Quantidade de Questões:
Matemática e Língua Portuguesa – 8 (oito) questões cada disciplina
Ciências, Artes, História, Educação Física, Geografia e Língua Inglesa – 4 (quatro)
questões cada disciplina.
Temática da Avaliação: Cidadania

O que será avaliado em Matemática?
          O aluno dos anos finais do Ensino Fundamental será avaliado quanto a
sua capacidade de leitura, de interpretação, de raciocínio e de cálculo.
          As questões serão elaboradas com base na matriz curricular aprovada. O
aluno será avaliado com 6 (seis) questões dos conteúdos determinados para o ano
em que ele está matriculado e com 2 (duas) questões abordando conteúdos do ano
anterior.

                                        6º Ano
Matemática Básica - Instrumental
    Sistema de numeração;
    Números naturais;
   Operações com números naturais: adição, subtração, multiplicação e divisão;
    Potenciação e radiciação;
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                          Assessoria Pedagógica de Matemática

    Múltiplos e divisores;
    Noção de divisibilidade;
    Critérios de divisibilidade;
    Números primos;
    Decomposição em fatores primos;
    Dados, tabelas e gráficos;                                                      10

    Raciocínio Lógico;
    Leitura e Interpretação.


Geometria
    Formas reais e formas geométricas;
    Sólidos geométricos;
    Ponto, reta e plano;
    Segmentos de reta e semi-retas;
    Curvas abertas;
    Curvas fechadas.
    O conceito de ângulos.


      Leia atentamente o texto e em seguida responda os itens propostos
Demissões em março batem recorde e derrubam taxa de geração de empregos
           O mês de março registrou a menor taxa de crescimento do nível de
emprego no ano, com um saldo de 92.675 empregos. Os dados fazem parte do
Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do
Trabalho. Em março, foram contratadas 1.765.922 pessoas, o terceiro maior número
de admissões da série histórica iniciada em 1992. Por outro lado, as demissões
atingiram 1.673.247 trabalhadores, também recorde da série histórica.
           Segundo o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, o carnaval e a antecipação
de contratações foram as principais explicações para essa queda em relação aos
meses anteriores. No primeiro trimestre do ano, o saldo é de 583.886 empregos
criados. O número inclui contratações declaradas com atraso pelas empresas. In: O
Popular, 19/04/2011

01) “Em março, foram contratadas 1.765.922 pessoas, o terceiro maior número de
admissões da série histórica iniciada em 1992. Por outro lado, as demissões
atingiram 1.673.247 trabalhadores, também recorde da série histórica”. Qual foi a
diferença entre o número de admissões e o número de demissões?
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

a) (   )   94.765
b) (   )   92.675
c) (   )   93.845
d) (   )   96.275


02) Em relação aos números 1.765.922 e 1.673.247. Assinale a única alternativa
correta:                                                                         11
a) ( ) O primeiro número é divisível por 2 e o segundo por 3.
b) ( ) Os dois números são divisíveis por 2 e 3 ao mesmo tempo.
c) ( ) Os dois números são divisíveis por 6.
d) ( ) Apenas um dos números é divisível por 7.


03) Em relação ao número que representa as demissões do país 1.673.247. A soma
dos valores absolutos dos algarismos que forma esse número é:
a) ( ) 28
b) ( ) 32
c) ( ) 34
d) ( ) 30


04) Qual o número que multiplicado por 3 resulta em 1.673.247?
a) ( ) 575.497
b) ( ) 575.794
c) ( ) 557.749
d) ( ) 547.749
Para responder as questões 05 e 06, leia atentamente a frase “As demissões
atingiram 1.673.247 trabalhadores”.
05) O número em destaque apresenta:
a) ( ) Duas classes e sete ordens
b) ( ) Três classes e seis ordens
c) ( ) Sete classes e três ordens
d) ( ) Três Classes e sete ordens


06) A ordem da centena de milhar é representado por qual algarismo?
a) ( ) 1
b) ( ) 6
c) ( ) 7
d) ( ) 2
Observe o mapa do emprego em 2010 do Estado do Rio de Janeiro para responder
as questões de 07 a 11.
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                       Assessoria Pedagógica de Matemática




                                                                                 12




07) O emprego que teve maior colocação de trabalhadores no mercado de trabalho
foi o de:
a) ( ) Atendente de lanchonete
b) ( ) Vendedor de comércio varejista
c) ( ) Repositor de mercadoria
d) ( ) Atendente de linha de produção


08) De acordo com os números que aparecem na pesquisa, assinale a alternativa
incorreta:
a) ( ) Não há números divisíveis por dois e três ao mesmo tempo
b) ( ) Há apenas três números divisíveis por cinco
c) ( ) Há apenas um número divisível por sete
d) ( ) Há apenas um número divisível por 6
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                       Assessoria Pedagógica de Matemática

09) O gráfico que representa a colocação no mercado de trabalho de cinco funções
apresentadas na tabela é:




                                                                                   13




a) (   )




b) (   )




c) (   )




d) (   )
10) O CATRJ foi responsável pela colocação de 1250 operador de telemarketing no
mercado de trabalho. A decomposição em fatores primos desse número é
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

representada em qual alternativa?
a) ( ) 24 x 5
b) ( ) 24 x 53
c) ( ) 2 x 53
d) ( ) 2 x 54


11) A média aritmética de empregos gerados pelo CATRJ, foi de:                    14
a) ( ) 2.360,8
b) ( ) 2.460,8
c) ( ) 4.260,8
d) ( ) 3.260,8


Observe os ângulos formados no círculo seguinte para responder as questões 12 e
13




12) Cada ângulo formado no círculo vale exatamente:
a) ( ) 90º
b) ( ) 50 º
c) ( ) 60º
d) ( ) 70º


13) Qual é a fração do total que cada ângulo representa?
       1
a) ( )
       5
       1
b) ( )
       6
       2
c) ( )
       5
       1
d) ( )
       8
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                          Assessoria Pedagógica de Matemática

14) Os ângulos formados no círculo são classificados como:
a) ( ) Agudo
b) ( ) Obtuso
c) ( ) Reto
d) ( ) Raso
                                     Respostas:
01) B 02) A 03) D 04) C 05) D 06) B 07) B 08) C 09) A 10) D 11) B 12) C            15
13) B 14) A
                                       7º Ano
Matemática Básica – Instrumental
   Operações com frações e números decimais;
   Noções de equações;
   Os conjuntos dos números inteiros;
   Operações com números inteiros: adição, subtração, divisão e multiplicação;
   Potenciação de números inteiros;
   Propriedades da potência de números inteiros;
    Números racionais;
    A reta numérica;
   Operações com números racionais: adição, subtração, multiplicação e divisão;
    Dados, tabelas e gráficos;
    Raciocínio Lógico;
    Leitura e Interpretação.


Geometria
    Medidas de ângulos;
    O grau, o minuto e o segundo;
    Bissetriz de um ângulo;
    Retas perpendiculares;
    Ângulos reto, agudo, obtuso;
    Ângulos complementares e suplementares;
    Ângulos opostos pelo vértice;
    Propriedade dos ângulos opostos pelo vértice.
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

       Leia atentamente o texto e em seguida, responda os itens propostos

                        Goiás é 5º em geração de emprego

           O Estado abriu mais de 38 mil postos de trabalho no primeiro trimestre do
ano. Alta é de 3,79% em relação ao mesmo período de 2010. Em março, oferta local
foi de 8,3 mil oportunidades. Os três primeiros meses do ano, Goiás gerou 38.052
empregos, aumento de 3,79% superior ao mesmo período do ano passado. Em                16
março, o número de trabalhos gerados com carteira assinada foi de 8.399, expansão
de 0,81% em relação ao estoque de assalariados no mês anterior.      No acumulado
dos 12 meses também foi verificado aumento de 8,00% no nível de contratações,
correspondendo a 77.052 empregos. Este é o melhor resultado da região Centro-
Oeste.
           O mesmo comportamento também foi observado em nível nacional.
Foram gerados em março 92.675 postos de trabalho, número bem inferior em
relação a março de 2010 (266,4mil). No mês de referência, o setor que mais
cresceu foi o de Extrativa Mineral, com variação de 1,26%, gerando 100 novas
vagas. Mas em número absoluto, o ramo que apresentou resultado mais significativo
foi o de serviços, com 3.030 postos de trabalhos criados, seguido pela Indústria de
Transformação (2.514) e Comércio (1.748). Os dados foram divulgados ontem pelo
Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do
Trabalho e Emprego (MTE). In: Diário da Manhã, 19/04/2011.

01) “Estado abriu mais de 38 mil postos de trabalho no primeiro trimestre do ano”. O
número em destaque escrito em base 10, é:
a) ( ) 38 x 102
b) ( ) 38 x 103
c) ( ) 38 x 104
d) ( ) 38 x 105

Com base na afirmação seguinte, resolva as questões de 02 a 05

“No acumulado dos 12 meses também foi verificado aumento de 8,00% no nível de
contratações, correspondendo a 77.052 empregos”.

                                       1
02) Quantas contratações equivalem a     dessa quantia?
                                       3
a) (   )   25.684
b) (   )   26.574
c) (   )   28.564
d) (   )   38.526

03) Qual foi a média de contratações em cada mês?
a) ( ) 7.421
b) ( ) 5.421
c) ( ) 6.321
d) ( ) 6.421
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

04) 8,00 é representado por qual sentença matemática?
         1
a) ( )      x 100
        25
         2
b) ( )      x 100
        25
         8
c) ( )      x 100
        50                                                                          17
         2
d) ( )      x 10
        25

05) Na decomposição do número 77.052, o algarismo que ocupa a ordem “unidade
de milhar” é:
a) ( ) 5
b) ( ) 0
c) ( ) 7
d) ( ) 2

06) “Alta é de 3,79% em relação ao mesmo período de 2010”. Qual é a expressão
que tem como resultado 3,79?
a) ( ) (2,2)² - 1,05
b) ( ) (1,5)³ - 2,45
c) ( ) (1,8)² + 1,76
d) ( ) (1,2)4 – 1,76

07) A reportagem apresentou quatro números em porcentagens 3,79%; 0,81%;
1,26%; 8,00%. A soma dessas quatro porcentagens é um número compreendido
entre:
a) ( ) Entre 16 e 17
b) ( ) Entre 14 e 15
c) ( ) Entre 15 e 16
d) ( ) Entre 13 e 14



Para responder as questões de 08 a 10, leia a informação seguinte

“Mas em número absoluto, o ramo que apresentou resultado mais significativo foi o
de serviços, com (3.030) postos de trabalhos criados, seguido pela Indústria de
Transformação (2.514) e Comércio (1.748)”.

08) Esse resultado está representado em qual demonstração gráfica?
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                Assessoria Pedagógica de Matemática




                                                      18

a) (   )




b) (   )




c) (   )




d) (   )
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                         Assessoria Pedagógica de Matemática

09) Dos três números apresentados, quais deles é múltiplo de 2 e de 3 ao mesmo
tempo?
a) ( ) 3.030 e 1.748
b) ( ) 3.030 e 2.514
c) ( ) 1.748 e 2.514
d) ( ) Nenhum dos números é múltiplo de 2 e 3 ao mesmo tempo.

10) A multiplicação do maior número (3.030) pelo menor número (1.748) na geração       19
de empregos é:
a) ( ) 5.356.890
b) ( ) 5.340.450
c) ( ) 5.296.440
d) ( ) 5.386.340

Para responder as questões de 11 a 13, leia a informação seguinte:

Uma indústria de transformação calcula o lucro da empresa usando a expressão
L = 5x – 4.500, onde “L” é Lucro, “x” a quantidade de produtos vendidos e “4.500” é
o valor das despesas fixas mensais.

11) Quantos produtos essa empresa precisa vender para ter lucro nulo, ou seja, Zero?
a) ( ) 900
b) ( ) 1.000
c) ( ) 800
d) ( ) 950

12) Quantos produtos a empresa precisa vender para ter um lucro de R$ 5.000,00?
a) ( ) 2.000
b) ( ) 1.950
c) ( ) 1.800
d) ( ) 1.900

13) A empresa no mês anterior teve um lucro negativo de - R$ 2.000,00. Quantos
produtos foram vendidos?
a) ( ) 600
b) ( ) 500
c) ( ) 800
d) ( ) 700

Observe a figuras dos dois relógios para responder as questões 14 e 15




                            1º Relógio         2º Relógio
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                          Assessoria Pedagógica de Matemática

14) Em relação aos ângulos formados pelos dois ponteiros dos relógios, é correto
afirmar:
a) ( ) Os ângulos formados pelos ponteiros dos dois relógios são iguais.
b) ( ) Os ângulos formados pelos relógios são todos agudos.
c) ( ) Um dos ângulos do primeiro relógio vale 150º
d) ( ) O maior ângulo do segundo relógio vale 180º

15) Quando o primeiro relógio marcar 12 horas e 10 minutos, o ângulo formado será   20
de quantos graus?
a) ( ) 60º
b) ( ) 50º
c) ( ) 70º
d) ( ) 80º

Respostas
01) B    02) A 03) D 04) B 05) C 06) A 07) D 08) B 09) B 10) C 11) A 12) D
13) B    14) C 15) A

                                       8º Ano
Matemática Básica – Instrumental
   Os números Reais;
   Números Racionais e Irracionais;
    Potências;
    Raiz quadrada exata e aproximada de um número;
    Os números racionais e sua representação decimal;
    Monômios e Polinômios;
    Valor numérico de uma expressão algébrica;
    Cálculo do Mínimo Múltiplo Comum de polinômios;
    Produtos notáveis;
    Frações algébricas;
    Dados, tabelas e gráficos;
    Raciocínio Lógico;
    Leitura e Interpretação.

        Geometria

    A circunferência;
    O círculo
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                          Assessoria Pedagógica de Matemática

    Poliedros Regulares e suas planificações;
    Representação de formas geométricas espaciais no plano;
    Propriedades das figuras geométricas;
    Ângulos formados por retas paralelas cortadas por uma reta transversal.
    Soma das medidas dos ângulos internos de um triângulo;                              21
    Ângulos de um triângulo isósceles;
    Ângulos de um triângulo equilátero;
    Ângulos inscritos;
    Soma das medidas dos ângulos internos de um polígono convexo;
    Relação entre as medidas dos ângulos do triângulo.


      Leia atentamente o texto e em seguida, responda os itens propostos


          Brasil tem 48% da população acima do peso, mostra estudo
           Um levantamento divulgado hoje (18) pelo Ministério da Saúde mostra
que quase metade (48,0%) da população brasileira adulta está acima do peso e que
15% dos brasileiros são obesos. Há cinco anos, a proporção era de 42,7% para
excesso de peso e 11,4% para obesidade.
           A pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças
Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel Brasil 2010) indica que mais da metade
(52,1%) dos homens está acima do peso. Entre as mulheres, a taxa é de 44,3%. Em
2006, os índices eram de 47,2% e 38,5%, respectivamente.
           De acordo com a coordenadora de Vigilância de Agravos e Doenças Não
Transmissíveis, Deborah Malta, a grande preocupação da pasta é que o país tem
registrado um aumento de quase 1% na proporção de pessoas com excesso de
peso por ano, tanto entre homens quanto entre mulheres. No quesito obesidade, o
aumento anual é de 0,5%.
           Esta é a quinta edição da pesquisa, realizada desde 2006 por meio de
entrevistas telefônicas com adultos (maiores de 18 anos). Em 2010, 54.339 pessoas
foram ouvidas - cerca de 2 mil para cada capital brasileira. In: O Popular, 18/04/2011
Para as questões de 1 a 3, leia a seguinte informação
“Um levantamento divulgado hoje (18) pelo Ministério da Saúde mostra que quase
metade (48,0%) da população brasileira adulta está acima do peso e que 15,0% dos
brasileiros são obesos”.
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                           Assessoria Pedagógica de Matemática

01) De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em
Anápolis há 335.040 habitantes. Qual o total de obesos há na cidade de Anápolis,
sabendo que a estatística é aplicada na cidade?
a) ( ) 51.100
b) ( ) 54.100
c) ( ) 52.300
d) ( ) 50.256
                                                                                              22
02) Qual é a fração irredutível que representa 15%?
        15
a) ( )
       100
        3
b) ( )
       20
       3
c) ( )
       5
       1
d) ( )
       5

03) 48,0% é quantas vezes maior que 15,0%?
a) ( ) 3,2 vezes
b) ( ) 3,5 vezes
c) ( ) 3,8 vezes
d) ( ) 4,2 vezes

A professora do 8º ano observou a tabela seguinte e em seguida                 efetuou três
cálculos de seus alunos para ver qual a condição de cada um.

                                       Tabela IMC

                                                IMC em            IMC em
                     Condição
                                               Mulheres           Homens
         abaixo do peso                          < 19,1            < 20,7
         no peso normal                        19,1 - 25,8       20,7 - 26,4
         marginalmente acima do peso           25,8 - 27,3       26,4 - 27,8
         acima do peso ideal                   27,3 - 32,3       27,8 - 31,1
         obeso                                   > 32,3            > 31,1


           Peso
IMC =
        ( Altura)²


Para o caso 1, responda as questões 04 e 05


Caso 1:O aluno Thiago está com 13 anos, medindo 1 metro e 60 centímetros.Seu
peso é de 70,5 kg.
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                       Assessoria Pedagógica de Matemática

04) Seu IMC é:
a) ( ) 29,4
b) ( ) 25,4
c) ( ) 27,5
d) ( ) 28,3

05) Sua condição é:
a) ( ) Marginalmente acima do peso                                               23
b) ( ) No peso normal
c) ( ) Acima do peso ideal
d) ( ) Obeso

Para o caso 2, responda as questões 06 e 07

Caso 2: A aluna Fernanda está com 14 anos, medindo 1 metro e 60 centímetros.
Seu peso é de 70,5 kg.

06) Seu IMC é:
a) ( ) 28,4
b) ( ) 29,4
c) ( ) 26,1
d) ( ) 27,5

07) Sua condição é:
a) ( ) Marginalmente acima do peso
b) ( ) No peso normal
c) ( ) Acima do peso ideal
d) ( ) Obesa

Para o caso 3, responda as questões 08 e 09

Caso 3: A aluna Cleuza está com 15 anos, medindo 1 metro e 65 centímetros. Seu
peso é de 89 kg.

08) Seu IMC é:
a) ( ) 32,4
b) ( ) 32,7
c) ( ) 31,8
d) ( ) 33,4

09) Sua condição é:
a) ( ) Marginalmente acima do peso
b) ( ) No peso normal
c) ( ) Acima do peso ideal
d) ( ) Obesa
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                         Assessoria Pedagógica de Matemática

10) Qual é a expressão algébrica que representa o perímetro do pentágono, cujas
dimensões estão indicadas na figura seguinte:




                                                                                       24




a) (   ) 4x + 6y – 5
b) (   ) 4x – 6y + 5
c) (   ) 2x + 3y – 5
d) (   ) 2x + 3y – 5

Para as questões 11 e 12, leia a seguinte informação:

A área de uma quitinete é formada por dois retângulos, cujas dimensões estão
indicadas abaixo:




11) Qual a expressão algébrica que indica a área total da quitinete?
a) ( ) 4xy + 6xy
b) ( ) 4xy + 3
c) ( ) 2xy + 3xy
d) ( ) 2xy + 3x

12) A quitinete foi pintada em duas cores, azul e amarelo. Para saber quanto gastou
na pintura, no lugar de x, coloque 5 e no lugar de y, coloque 6. Quanto foi gasto na
pintura?
a) ( ) R$ 140,00
b) ( ) R$ 150,00
c) ( ) R$ 160,00
d) ( ) R$ 170,00
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                         Assessoria Pedagógica de Matemática

Para as questões 13 e 14, leia as seguintes informações:

A planta de um pequeno apartamento, em que os cômodos têm a forma de
retângulos, está ilustrada na figura e as dimensões dos cômodos estão indicadas na
planta.


                                                                                          25




13) Qual a expressão algébrica que representa a área da sala?
a) ( ) 4x² + 6xy
b) ( ) 2x² + 3xy
c) ( ) 2x + 3xy
d) ( ) 2x² + 6xy

14) Para encontrar a área da sala substitua o “x” por 3 e o “y” por 2. Qual é a área da
sala?
a) ( ) 54 m²
b) ( ) 44 m²
c) ( ) 48 m²
d) ( ) 58 m²

Respostas

01) D 02) B 03) A 04) C 05) A 06) D 07) C 08) B 09) D 10) A 11) C 12) B 13) D
14) A



                                           9º Ano
      Matemática Básica – Instrumental
    Números reais;
    Potências e suas propriedades;
    Propriedades dos radicais;
    Calculando com radicais;
    Simplificando radicais;
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                            Assessoria Pedagógica de Matemática

    Operações básicas com radicais: adição, subtração, multiplicação e divisão;
    Equação do 2º grau;
    Equações do 2º grau incompletas;
   
    Dados, tabelas e gráficos;
    Raciocínio Lógico;                                                                   26

    Leitura e Interpretação.


          Geometria
    Teorema de Tales;
    Tales e a altura de uma pirâmide;
    Razão de segmentos;
    Semelhanças de triângulos;
    Casos de semelhanças.
    Teorema de Pitágoras;
        Relações métricas no triângulo retângulo.


          Leia atentamente o texto e em seguida, responda os itens propostos
                           Novo aumento dos combustíveis

            O consumidor goianiense foi tomado de surpresa na tarde de ontem ao ir
abastecer o veículo. O preço do combustível voltou a subir na Capital. Alguns postos
já vendiam o litro da gasolina a R$ 3,19, até semana passada era de R$ 2,99, o que
representa um aumento de mais de 6% em relação ao valor praticado na segunda-
feira, 18. O preço do etanol não sofreu alteração desta vez. O litro do etanol continua
variando entre R$ 2,39 e R$ 2,49. Nos últimos quatro meses, o litro do etanol teve
aumento de aproximadamente 60%, enquanto a gasolina subiu cerca de 20%. Com
a elevação de preço, o álcool deixou de ser vantajoso e fez crescer o consumo do
combustível fóssil. A alta demanda do produto chegou a provocar a falta do
combustível em Estados de Santa Catarina e Paraná e colocou os estoques goianos
em alerta. In: Diário da Manhã, 20/04/2011.

01) Qual foi o aumento, em reais, do preço da gasolina?
a) (     ) R$ 0,20
b) (     ) R$ 0,02
c) (     ) R$ 0,25
d) (     ) R$ 0,30
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

02) De acordo com a reportagem o aumento do combustível foi de quanto por cento,
aproximadamente?
a) (   ) 6,95%
b) (   ) 6,56%
c) (   ) 5,68%
d) (   ) 6,69%

03) De acordo com a reportagem, assinale a alternativa incorreta.                  27
a) ( ) O álcool não subiu nesse novo aumento.
b) ( ) A gasolina subiu mais que o álcool nos últimos quatro meses
c) ( ) O litro do etanol está variando entre R$ 2,39 e R$ 2,49.
d) ( ) A gasolina subiu cerca de 20% nos últimos 4 meses.

04) “Importação de 440 milhões de litros de combustíveis livra país de
desabastecimento”. O valor escrito em notação científica é:
a) ( ) 4,4 x 105
b) ( ) 4,4 x 106
c) ( ) 4,4 x 107
d) ( ) 4,4 x 108

Para responder as questões de 05 a 07, leia as seguintes informações:
Um cômodo comercial representando na figura abaixo é alugado por R$ 10 reais o
metro quadrado. Ele possui a medida de seu lado maior igual ao quádruplo do lado
menor.




05) Quais são as medidas dos lados desse cômodo?
a) ( ) Lado maior: 32 m – Lado menor: 8 m
b) ( ) Lado maior: 64 m – Lado menor: 4 m
c) ( ) Lado maior: 16 m – Lado menor: 16 m
d) ( ) Lado maior: 12 m – Lado menor: 23 m

06) Qual é o valor pago pelo aluguel desse cômodo comercial?
a) ( ) R$ 256,00
b) ( ) R$ 25.600,00
c) ( ) R$ 2.560,00
d) ( ) R$ 2.460,00

07) Qual é o perímetro desse cômodo de aluguel?
a) ( ) 100 metros
b) ( ) 70 metros
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                          Assessoria Pedagógica de Matemática

c) (   ) 90 metros
d) (   ) 80 metros

08) Um trapézio possui área medindo 384 cm². Temos que a medida da altura é o
dobro da medida da base menor, e que a base maior possui a mesma medida da
altura. Qual é a altura desta figura?

                                                                                  28




ATrapézio =
              B  b.h
                 2

a) (   ) 8 √2 cm
b) (   ) 16 √2 cm
c) (   ) 12 √2 cm
d) (   ) 4 √2 cm

09) Uma escada com 6 metros de comprimento, está encostada a um muro com
4,47 metros de altura, de modo que uma das extremidades da escada encostada à
parte de cima do muro. Qual a distância da escada ao muro, medida sobre o chão?




a) (   ) 4 metros
b) (   ) 16 metros
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                           Assessoria Pedagógica de Matemática

c) (   ) 8 metros
d) (   ) 12 metros

10) Um navio partiu de um ponto A, percorreu 70 milhas para sul e atingiu o porto B.
Em seguida percorreu 30 milhas para leste e atingiu o ponto C. Finalmente, navegou
110 milhas para o norte e chegou ao porto D. Quantas milhas teria poupado se
fosse diretamente do porto A para o porto D?
                                                                                       29




a) (   ) 50 milhas
b) (   ) 180 milhas
c) (   ) 160 milhas
d) (   ) 210 milhas

11) Observe a reta numérica abaixo:


   A    B    C    D    E     F   G   H    I    J   L   M
                      -9    -7

Nessa reta, o ponto correspondente ao inteiro zero estará
a) ( ) Sobre o ponto M.
b) ( ) Entre os pontos L e M.
c) ( ) Entre os pontos I e J.
d) ( ) Sobre o ponto J.

12) Paulo é dono de uma fábrica de móveis. Para calcular o preço “V” de venda de
cada móvel que fabrica, ele usa a seguinte fórmula V =1,5C +10,00, sendo C o
preço de custo desse móvel, em reais. Considerando C =100, então, Paulo vende
esse móvel por:
a) ( ) R$ 110,00.
b) ( ) R$ 150,00.
c) ( ) R$ 210,00.
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                        Assessoria Pedagógica de Matemática

d) ( ) R$ 160,00.

Para responder as questões 13 e 14, leia as seguintes informações:

          A Mega-Sena pode pagar, nesta quarta-feira (20), o maior prêmio de
2011, no valor de R$ 70 milhões. Se for sorteada, a bolada, de acordo com a Caixa
Econômica Federal, será o sexto maior prêmio da história da Mega-Sena, que já
pagou R$ 194,4 milhões na Mega da Virada de 2010. O prêmio de R$ 70 milhões           30
pode render quase R$ 420 mil por mês, se for aplicado na poupança. In: O Popular,
19/04/2011

13) “O prêmio de R$ 70 milhões pode render quase R$ 420 mil por mês”. De acordo
com a reportagem, qual é o rendimento mensal da poupança?
a) ( ) 0,50%
b) ( ) 0,60%
c) ( ) 0,45%
d) ( ) 1,60%

14) O Prêmio da Mega da Virada de 2010 foi quantas vezes maior que o previsto na
quarta-feira, 20 de abril?
a) ( ) ≈ 2,78 vezes
b) ( ) ≈ 2,48 vezes
c) ( ) ≈ 2,58 vezes
d) ( ) ≈ 2,68 vezes

Respostas:

01) A 02) D 03) B 04) C 05) A 06) C 07) D 08) B 09) A 10) C 11) D 12) D 13) B 14) A
     Data
  02/05/2011
   Assessor
 Prof. Márcio
                         Assessoria Pedagógica de Matemática

                                   Referências

ALVES,      RUBEM.       Perguntas       de     Criança.       São   Paulo:   2002.
http://br.groups.yahoo.com/group/4pilares/message/836

ANAPOLIS. CME. Resolução 16/2007, fixa normas para o Ensino Fundamental do            31
Sistema Municipal de Educação e dá outras providências. Anápolis – GO, 2007.

BRASIL. MEC/CNE. Parecer 009/2002 e Resolução CNE/CP 01/2002, que institui
as Diretrizes Curriculares para a Formação Inicial de Professores da Educação
Básica, em cursos de nível superior. Brasília, 2002.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica.
Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Brasília: Ministério da
Educação, 2002a.


FAZENDA, Ivani C. A. Interdisciplinaridade: história, teoria e pesquisa. 4. ed.
Campinas: Papirus, 1994.


DELORS, Jacques. Educação: Um tesouro a descobrir. 2 ed. São Paulo: Cortez,
2000.


JAPIASSU, Hilton. Interdisciplinaridade e patologia do saber. Rio de Janeiro:
Imago, 1976. 220 p.


SEVERINO, Antônio Joaquim. O conhecimento pedagógico e a interdisciplinaridade:
o saber como intencionalização da prática. In: Fazenda, Ivani C. Arantes (org.).
Didática e interdisciplinaridade. Campinas – SP: Papirus, 1998. p. 31-44.

								
To top