Biologia PPT - Aula 11 Sistema de Endomembranas - PowerPoint by fortis

VIEWS: 1,913 PAGES: 19

									Prof. Alencah



Rugoso (RER)







É formado por cavidades com vários ribossomos na parte externa do ribossomo. Isso lhe dá aspecto enrugado. As proteínas sintetizadas por estes ribossomos são lançadas nas cavidades do retículo e envolvidas em vesículas que serão então enviadas para o Complexo Golgiense. Produz então proteínas para serem exportadas e para atuar na membrana plasmática. Podem também produzir glicídios que serão acrescidos de proteínas.



Liso (REL):






Compõe cavidades em forma de tubos e não possui ribossomos aderidos às suas membranas. Não atua na síntese protéica. Em suas cavidades há enzimas que sintetizam diversos tipos de lipídios como os da membrana, hormônios, etc... Há enzimas responsáveis pela desintoxicação do organismo, transformam medicamentos, reservatório de cálcio nos músculos (retículo sarcoplasmático), etc...





Recebe proteínas e lipídios do RER e os concentra em pequenos sacos ou vesículas que podem ser levados para outras organelas ou para fora da célula. Desenvolvido em células glandulares.

1)

2)

3)

4)

Proteínas são sintetizadas pelos ribossomos e lançadas no RER. Vesículas brotam do RER e se dirigem para a face cis do complexo de golgi, depois migram para a face trans. Lá são modificadas e empacotadas em grânulos de secreção (vesículas). As vesículas de secreção se unem à membrana plasmática e a proteína é secretada por exocitose.



Nas células vegetais


Produz vesículas que se fundem e formam uma nova membrana plasmática entre as duas células filhas. O acrossoma, vesícula presente no espermatozóide, facilita a penetração desse gameta no óvulo. O acrossoma é formado a partir do Complexo golgiense da espermátide.



Na formação do espermatozóide






Guardam as enzimas da hidrólise ácida (que quebram partículas a serem digeridas dentro da célula). Por que essas enzimas precisam estar nos lisossomos?


Porque se não fosse assim, as enzimas digeririam a própria célula.



Fungos e células vegetais quase sempre não possuem lisossomos e seu trabalho é feito por vacúolos digestivos.





Durante a digestão, forma-se no interior da célula o fagossomo que se funde com o lisossomo, formando um vacúolo digestivo. Após a digestão, sobra um corpo residual que será eliminado por exocitose ou acumular-se no citoplasma (como ocorre nas células do tecido nervoso, fígado e glóbulos brancos)





A célula pode também digerir uma organela não funcional dela mesma, no processo de autofagia. O rompimento dos lisossomos e a liberação de suas enzimas (processo chamado de autólise) causa a morte programada da célula, processo chamado de apoptose.



 

Cavidades limitadas por membranas onde ocorre a digestão intracelular. União entre os fagossomos e os lisossomos. Mas há outros dois tipos:
 



Vacúolo contrátil: Eliminam o excesso de água dos protozoários de água doce Vacúolos vegetais: Ocupam às vezes 90% do volume da célula vegetal e armazenam diversas substâncias que podem dar cor às pétalas e o suco de laranja. Vacúolos de sementes: O vacúolo se fragmenta dando origem a vários grãos de aleuroma, ricos em proteínas necessárias ao crescimento do embrião.


								
To top