PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DO TIGRE - DOC - DOC by qha3fS

VIEWS: 62 PAGES: 20

									                                                    1




PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DO TIGRE
ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL




CONCURSO PÚBLICO

EDITAL N º 01 /2006.




MANUAL        DO   CANDIDATO




Inscrições:

De 06 de outubro de 2006 a 20 de outubro de 2006.




REALIZAÇÃO:


ASCON – ASSESSORIA, PLANEJAMENTO E CONCURSOS LTDA
                                                                                                             2




                         PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DO TIGRE
                               ESTADO DO R IO GRANDE DO SUL

                                       EDITAL N.º 01 /2006
                           O Prefeito Municipal de Arroio do Tigre, Sr.Gilberto Rathke, através da Secretaria de
          Administração, no uso de suas atribuições e nos termos do Art. 37, da Constituição Federal e Lei
          Orgânica Municipal e suas alterações, torna público que realizará Concurso Público sob regime
          estatutário, para provimento dos cargos abaixo relacionados, do Quadro Geral da Prefeitura Municipal de
          Arroio do Tigre, o qual se regerá pelas Instruções Especiais contidas neste Edital, pelas disposições do
          Regulamento dos Concursos Públicos, e demais leis vigentes.

          1 – DOS CARGOS
          1.1 - O concurso destina-se ao provimento de vagas nos cargos descritos no quadro abaixo:

                                      Taxa     Carga Vencimento
        Cargo              Vagas       de     Horária     em     Padrão                     Escolaridade
                                     Inscri   Semanal outubro de
                                      ção                2006
                                       R$                 R$.
Almoxarife                   01      40,00      44 h.   546,58     13           Ensino Fundamental. Completo
Farmacêutico                 01      60,00      20 h.  1.386,12    18           Curso Específico -Reg.Conselho
Inspetor Tributário          01      40,00      38h.    852,66     15           Ensino médio completo
Médico                       01      60,00      20 h.  2.754,74    19           Curso Específico – Reg. Conselho
Monitor de Escola            01      40,00      44h.    437,26     12           Ens.Médio Completo ou Cursando
Músico                       01      60,00      30h.    852,66     15           Curso Superior de Música
Secretário de Escola         01      40,00      44h.    437,26     12           Ens. Médio Completo
Servente                     01      20,00      44 h.   218,63     01           Alfabetizado
Técnico em Enfermagem        01      40,00      40h.    437,26     12           Curso Específico- Reg. no Coren
Vigilante                    01      20,00      44h.    290,50     03           3ª série do Ens. Fundamental

          2 – DAS NORMAS
          O presente concurso, em todas as suas fases, reger-se-á pelo presente Edital e pelo Decreto n°
          2.060/2006de 04 de outubro de 2006 e pelas demais leis vigentes.

          3 – DAS VAGAS

          3.1 - O Concurso destina-se ao provimento de vagas existentes de acordo com o item 1.1 constante
          neste Edital e ainda das que vierem a existir no prazo de validade deste concurso público.

          3.2 - A classificação no processo seletivo não assegura ao candidato o direito à nomeação automática
          no cargo municipal, mas apenas a expectativa de ser nele nomeado, seguindo a rigorosa ordem de
          classificação, ficando a concretização do ato condicionada à observância das disposições legais e,
          sobretudo, ao interesse e necessidade do serviço público municipal.

          4 – DA DIVULGAÇÃO
          4.1 - A divulgação oficial do inteiro teor deste Edital e de todos os demais atos provenientes a
          todas as etapas deste Concurso Público, dar-se-ão através de afixação no painel de publicações
          no mural da Prefeitura. O Extrato do Edital de abertura será publicado junto a um Jornal de
          Grande Circulação e no Jornal Local.

          5 – DAS ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

          5. 1. A síntese das atribuições dos cargos e condições de trabalho estão definidas no ANEXO I do
          presente Edital.
                                                                                                    3


5.2. Os conteúdos Programáticos e as Sugestões Bibliográficas, estão definidas no ANEXO II do
presente Edital.

6 – DAS INSCRIÇÕES

6.1 – Período de inscrições: De 06/10/2006 a 20/10/2006 - De segunda-feira a sexta-feira, das 8h30 ás
11:30 e das 13h30 ás 17,00 horas.

6.2 - Local: Sala de Reuniões da Prefeitura Municipal.

6.3 – A inscrição no Concurso implica, desde logo, no conhecimento e tácita aceitação pelo candidato,
das condições estabelecidas neste Edital.

6.4 – São condições para inscrição no Concurso:
a) Ser brasileiro nato ou naturalizado;
b) CPF;
c) Ter no mínimo 18 (dezoito) anos de idade completos;
d) Estar quite com as obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino;
e) Estar quite com obrigações eleitorais; ( 1º. Turno 2006);
f) Possuir, na ocasião da inscrição, habilitação para o cargo pretendido, conforme disposto no item
     1.1 deste Edital;
g) Apresentar, no caso de deficiente físico, atestado de deficiência de que é portador;
h) Comprovante de pagamento da taxa de inscrição junto a Tesouraria da Prefeitura.

6.5 – Documentos para inscrição
Para efetuar a inscrição, deverá o candidato, apresentar-se no local, horário e período estabelecidos nos
itens 6.1 e 6.2, munidos com os seguintes documentos originais e suas respectivas cópias. O candidato
poderá inscrever-se somente em um cargo.

a) Cópia da Carteira de Identidade;
b) Cópia do CPF;
c) Quitação Eleitoral ( 1º. Turno 2006)
d) Cópia do Certificado de Reservista, (para o sexo masculino); Ficam dispensados da apresentação
os candidatos com mais de 45 anos;
e) Cópia do Diploma ou Certificado referente ao Cargo Pretendido;
f) Duas fotos 3 x 4 recentes;
g) Comprovante de recolhimento do valor da inscrição.
h) Cópia do Registro no Conselho respectivo.
i) Os candidatos portadores de deficiência, deverão apresentar atestado médico que comprove a
deficiência alegada.

OBS: Para a inscrição por procuração, apresentar-se-á documento de identidade do procurador,
entregando-se o instrumento de mandado outorgado com firma reconhecida e demais documentos do
candidato.

6.6 – Somente serão aceitos como comprovantes de identidade, os seguintes documentos: carteiras
expedidas pela Secretaria da Justiça – SJS e/ou SSP, pelos Ministérios Militares; carteiras expedidas
pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (Ordens, Conselhos, etc.); .

6.7 – Não serão aceitas inscrições via postal, extemporâneas ou condicionais.

6.8 – As informações prestadas na Ficha de Inscrição, bem como o preenchimento dos requisitos
determinados no item 6.4 deste Edital, são de total responsabilidade do candidato.
Nota: Ficam advertidos os candidatos de que, em caso de nomeação, a posse no cargo só lhes será
deferida se exibirem provas de:

a) Haver cumprido as obrigações concernentes ao serviço militar;
b) Ter boa saúde, verificada segundo as normas adotadas pelo Município;
c) Não estar enquadrado em nenhum impedimento legal.
d) Outros documentos a critério da Administração Municipal.
                                                                                                     4



6.9 - Em nenhuma hipótese haverá devolução da importância paga no ato de inscrição.

6.10 - Após a efetivação da inscrição não serão aceitos pedidos de alterações das opções de
cargo/disciplina.

6.11 - Das inscrições dos candidatos Portadores de Deficiências Físicas:

6.11.1 - É assegurado às pessoas portadoras de deficiência, nos termos do Art. 37, VIll, da Constituição
Federal, o direito de se inscrever em concurso público para o provimento de cargos cujas atribuições
sejam compatíveis com a deficiência de que são portadores.

6.11.2 – Os candidatos portadores de deficiência, deverão apresentar laudo médico atestando a espécie
e o grau de deficiência, fazendo referência ao código correspondente da Classificação Internacional de
Doenças – CID, bem como da provável causa da deficiência de que são portadores. Ainda deverão
anexar requerimento solicitando vaga especial, colocando na Ficha de Inscrição a indicação DF. Caso
não o façam, perderão o direito a vaga e prova especial.
NOTA: Não serão consideradas como deficiência os distúrbios de acuidade visual passíveis de correção
simples do tipo miopia, astigmatismo, estrabismo, toxoplasmose e congêneres.

6.11.4 Se aprovados, os candidatos serão submetidos à Junta Médica designada pela Prefeitura, quando
do ato da posse.

6.11.5 - Quando houver inscritos nas condições do item 6.11.1, ficam-lhes asseguradas 10% (dez) por
cento) das vagas oferecidas em cada cargo, desde que após aplicação do percentual, resulte pelo
menos uma vaga. Na hipótese de não atingir o percentual mínimo, os portadores de deficiência poderão
inscrever-se, mas concorrerão em igualdade de condições com os demais candidatos.

6.11.5 - As nomeações obedecerão predominantemente à nota obtida na homologação final.

6.11.5 - Os demais critérios constantes do Edital público são de validade genérica para todos os
candidatos.

7 – DAS ETAPAS

7.1 – O processo seletivo deste Concurso constitui-se de uma única etapa;
              Cargo                             Etapa
Almoxarife                                 Prova Escrita
Farmacêutico                               Prova Escrita
Inspetor Tributário                        Prova Escrita
Médico                                     Prova Escrita
Monitor de Escola                          Prova Escrita
Musico                                     Prova Escrita
Secretário de Escola                       Prova Escrita
Servente                                   Prova Escrita
Técnico em Enfermagem                      Prova Escrita
Vigilante                                  Prova Escrita


7.1.1 – PROVA ESCRITA: OBJETIVA

Para os cargos de: Farmacêutico, Médico, Músico e Técnico em Enfermagem, somente será
considerado habilitado o candidato que obtiver a nota final igual ou superior a 50 pontos, e obtenha no
mínimo 30 pontos na prova eliminatória. As provas de Português e Legislação são classificatórias.

Para os cargos de: Almoxarife, Inspetor Tributário, Monitor de Escola, Secretário de Escola, Servente e
Vigilante, somente será considerado habilitado o candidato que obtiver a nota final igual ou superior a 50
pontos, e obtenha no mínimo 20 pontos na prova eliminatória. As provas de Português, Legislação e
Matemática são classificatórias.
                                                                                                   5


8 – DA PROVA ESCRITA
 Cargo                              Disciplinas             N.º de questões     Peso
 Farmacêutico, Médico, Músico,      Especifica (Elim.)      20x3                60
 Técnico em Enfermagem              Português               10x2                20
                                    Legislação              10x2                20
Almoxarife, Inspetor Tributário,    Específica (Elim.)      10x4                40
Monitor de Escola, Secretário de    Português               10x2                20
Escola, Servente, Vigilante         Legislação              10x2                20
                                    Matemática              10x2                20

8.1 – As provas serão realizadas no dia 04 de novembro de 2006, em horário que será divulgado
no jornal regional, após a homologação das inscrições.

8.2 - Não haverá provas fora dos locais indicados na lista publicada, e nem em datas e/ou horário
diferentes.

8.3 – Desde já os candidatos ficam convocados a comparecer com antecedência de 30 minutos ao local
das provas.

8.4 – Para a prova escrita, o ingresso na sala, só será permitido ao candidato que apresentar o documento
de identidade que originou a inscrição e o documento de inscrição no Concurso, entregue quando do ato
da inscrição.

8.5 – O candidato deverá comparecer ao local designado, munido de caneta esferográfica de cor azul ,
lápis preto e borracha.

8.6 – Não será admitido à prova o candidato que se apresentar após o horário estabelecido e, em
nenhuma hipótese, haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado.

8.7 – Durante a prova não serão permitidas consultas, uso de máquinas eletrônicas, equipamentos de
rádio tipo “walk-man”, telefone celular ou qualquer tipo de equipamento de comunicação.

8.8 – Será atribuída nota 0 (zero) à resposta que, na grade não estiver assinalada, ou que contiver mais
de uma alternativa assinalada, emendada, rasurada ou alternativa marcada a lápis, ainda que legível.

8.9 – O candidato poderá utilizar-se do papel rascunho que será fornecido para desenvolver todas as
técnicas para chegar à resposta correta, permitindo-se ainda o rabisco e a rasura em qualquer folha,
EXCETO na capa do caderno e na GRADE DE RESPOSTAS.

8.10 – Na prova escrita será realizado processo de desidentificação de provas, conforme segue:


8.10.1 – O candidato receberá, para realizar a prova escrita um caderno de questões, que na sua capa,
conterá um quadrado no canto superior e inferior, bem como na grade de respostas, onde a Comissão ao
término das provas, colocará um número para desidentificação, diferente do número de inscrição do
candidato.

8.10.2 – O canhoto de identificação é o local apropriado para o candidato colocar o seu nome,
número de inscrição e assinatura. As provas que estiverem identificadas em outro local que não no
canhoto próprio, serão consideradas NULAS.

8.10.3 – A grade de respostas deverá conter somente o número da prova que será colocado após o
término das mesmas, qualquer outra informação ou identificação ANULARÁ sua prova;

8.11 – Em data e local a ser divulgado posteriormente, será realizada a identificação das provas; os
candidatos interessados poderão acompanhar este processo, quando serão abertos os envelopes
lacrados e juntados os canhotos identificatórios.

8.12 – Será excluído do Concurso o candidato que:
                                                                                                    6


a) Tornar-se culpado por incorreção ou descortesia com quaisquer dos fiscais, executores e seus
    auxiliares ou autoridades presentes;
b) For surpreendido, durante a realização das provas, em comunicação com outro candidato ou terceiros,
bem como utilizando-se de livros, notas, impressos ou equipamentos não permitidos;
c) Ausentar-se do recinto da prova sem o acompanhamento do fiscal.
f) Não comparecer a pelo menos uma das provas, seja ela escrita ou prática.
g) Obtiver a nota zero em qualquer disciplina da prova.

8.13 – O candidato, ao terminar a prova escrita, devolverá ao fiscal da sala o caderno de questões,
tendo em vista a obrigatoriedade de arquivo junto ao Município e, para segurança do processo, reserva-se
o direito a todo o material de aplicação das provas. Se assim não proceder, o candidato será também
passível de exclusão do Concurso.

8.14 – Ao final das provas escritas, os dois últimos candidatos deverão permanecer no recinto, a fim de
assinar o envelope lacre no qual contém os canhotos das provas com o nome, nº de inscrição e assinatura
do candidato, bem como assinatura também dos fiscais, para que se processe o termo de
desidentificação, conforme item 8.10 acima mencionado. Só após isso então, estes serão liberados.

09 – DA APROVAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO
9. Será considerado aprovado o candidato que obtiver no mínimo 50 (cinqüenta) pontos na soma final
e obtenha no mínimo 50% (cinqüenta por cento) do valor da prova eliminatória; já nas provas práticas
o valor da prova eliminatória será no mínimo de 60% (Sessenta por cento).

9.1. As provas valerão até 100 (cem) pontos para todos os cargos.

9.2. A lista final de classificação das provas do Concurso apresentará apenas os candidatos aprovados até
o máximo de 30 (trinta) em cada cargo.

9.3. Os candidatos serão classificados na ordem decrescente dos pontos obtidos.

9.4. - Caso ocorra empate de pontos na classificação final, será utilizado o seguinte critério para o
desempate.
Para os cargos: Farmacêutico, Médico, Músico, Técnico em Enfermagem:
a) a maior nota na Prova Específica;
b) a maior nota em Português;
c) a maior nota em Legislação;
d) a maior nota na Prova Específica nas questões de 05 a 10;
e)a maior nota na Prova de Português nas questões 25 a 30;
f) a maior nota na Prova de Legislação nas questões 35 a 40;
g) Sorteio Público.

Para os cargos de: Almoxarife, Inspetor Tributário, Monitor de Escola, Secretário de Escola, Servente,
Vigilante:
a) a maior nota na Prova Específica;
b) a maior nota em Português;
c) a maior nota em Legislação;
d) a maior nota em Matemática
e) a maior nota nas questões de 05 a 10 da Prova Específica.
f) a maior nota nas questões de 11 a 15 de Português.
g) a maior nota nas questões 25 a 30 de Legislação.
h) a maior nota nas questões 35 a 40 de Matemática
i) Sorteio.

10 – DOS RECURSOS

10.1 – Serão admitidos pedidos de recursos pelos candidatos, de acordo com os preceitos estabelecidos
no Regulamento de Concurso do Município. Os recursos versarão sobre o indeferimento de inscrições e
resultado das provas. O prazo para os recursos será estipulado no Edital de divulgação das inscrições e
dos resultados. Os recursos deverão ser devidamente fundamentados e dirigidos ao Senhor Prefeito
                                                                                                       7


Municipal, que despachará para julgamento à Comissão Organizadora do Concurso. Os recursos deverão
ser protocolados junto à Prefeitura Municipal de Arroio do Tigre.

OBS: Não serão conhecidos os recursos que não contenham os dados supra mencionados e os
fundamentos do pedido, determinando-se o respectivo arquivamento.

10.2. - Em caso de questões que possam vir a ser anuladas por decisão da Comissão Organizadora do
Concurso, seja na fase de recurso ou aplicação de provas, as mesmas serão pontuadas como corretas a
todos os candidatos.

10.3. - O prazo será de três dias úteis para interpor recurso, a contar do dia seguinte do ato publicado no
mural ou na imprensa.

11 – DO PROVIMENTO DOS CARGOS

11.1 – O provimento dos cargos obedecerá rigorosamente à ordem de classificação dos candidatos
aprovados.

11.2 – O candidato aprovado obriga-se a manter atualizado seu endereço junto à Secretaria de
Administração de Arroio do Tigre. ( Setor de Pessoal).

11.3 – A posse ocorrerá no prazo estabelecidos no Regime Jurídico Único.. Não ocorrendo a
apresentação e a respectiva posse, o candidato perderá automaticamente a vaga, facultando ao Município
o direito de convocar o próximo candidato por ordem de classificação.

11.4 – O candidato que não desejar assumir o cargo de imediato, poderá, mediante requerimento próprio e
desde que tenha satisfeito o disposto no item 11.7 deste capitulo, solicitar para passar para o final da lista
dos aprovados e para concorrer, observada sempre a ordem de classificação e a validade do Concurso, a
novo chamamento.

11.5 – Decorrido o prazo retro e deixando o candidato chamado de apresentar-se regularmente, o não-
comparecimento caracterizará renúncia, desistindo este da respectiva nomeação, operando-se
automaticamente, a extinção plena de todos e quaisquer direitos relativos a este Concurso e/ou dele
decorrentes.




11.6 - O concurso terá validade por 02 (dois) anos a contar da data de homologação dos resultados,
podendo ser prorrogável por até mais 02 (dois) anos, a critério da Prefeitura Municipal de Arroio do Tigre.

11.7 – Ficam advertidos os candidatos de que, no caso de nomeação, a posse no cargo só lhes será
deferida no caso de apresentarem entre outros:

a) A documentação comprobatória das condições previstas no item 6.4, deste Edital, acompanhado de
    fotocópia;
b) Atestado de boa saúde física (a ser fornecido por junta médica da Prefeitura de Arroio do Tigre ou por
esta designado, mediante exame médico, que comprove aptidão necessária para o exercício do cargo;
c) Declaração negativa de acumulação de cargo público;
d) Alvará de folha corrida.
OBS: A não apresentação dos documentos acima por ocasião da posse, implicará na impossibilidade do
aproveitamento do candidato aprovado, anulando-se todos os atos ou efeitos decorrentes da inscrição do
Concurso.

12 – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

12.1 – A habilitação no processo seletivo não assegura ao candidato a nomeação imediata, mas apenas a
expectativa de ser admitido segundo as vagas existentes, na ordem de classificação, ficando a
concretização deste ato condicionada às disposições pertinentes, sobretudo à necessidade e à
possibilidade da administração.
                                                                                                 8



12.2 – A inexatidão das informações e/ou irregularidades e documentos, ainda que verificados
posteriormente, eliminarão o candidato do Concurso, anulando-se todos os atos decorrentes da inscrição.

12.3. – O candidato que não comparecer em qualquer das provas (Escrita ou Prática), fica eliminado da
competição.

12.4. Os gabaritos serão divulgados no mesmo dia em que forem identificadas as provas do concurso,
para elaboração das notas obtidas pelos candidatos.

12.5 – As publicações sobre o processamento deste Concurso, tais como reabertura das inscrições,
mudança na data de realização, local e horário das provas, prazos para recursos e homologação de
resultados serão feitos por Edital, podendo ser veiculados pela imprensa local.

12.6. – Os casos omissos serão resolvidos pelo Chefe do Executivo Municipal.

GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE ARROIO DO TIGRE, EM 05 DE OUTUBRO DE 2006.




                                              GILBERTO RATHKE
                                               Prefeito Municipal


Registre-se e Publique-se

Hugo Renato Rassweiler
Secretário Municipal de Educação e Cultura.
                                                                                                9


                                          ANEXO I
                                   DESCRIÇÃO DOS CARGOS


ALMOXARIFE – Supervisionar e executar trabalhos de aquisição de material e outros próprios do
município.

FARMACÊUTICO – Realizar manipulações farmacêuticas e fiscalizar a qualidade dos produtos
farmacêuticos.

INSPETOR TRIBUTÁRIO – Orientar e exercer a fiscalização geral com respeito à aplicação das leis
tributárias do Município, bem como no que diz respeito à fiscalização especializada.

MÉDICO – Prestar assistência médico-cirúrgica e preventiva em ambulatórios, escolas, hospitais ou
órgãos afins; Fazer inspeção de saúde em serviços municipais, bem como em candidatos a ingresso
no serviço público municipal.

MONITOR DE ESCOLA - Atividades de nível médio, de relativa complexidade. Envolvendo a
execução de serviços específicos e tarefas ligadas ao Corpo Discente nas Escolas da Rede
Municipal.

MÚSICO - Atuar como educador musical, oferecendo aos seus alunos os meios para que estes
venham a ser competentes, tanto na arte da criação, apreciação e execução musical. Atuar como
Regente e Diretor de Grupos Musicais nas Escolas da Rede Municipal ou em Instituições
conveniadas com o município.

SECRETÁRIO DE ESCOLA - Atividades de nível médio, de relativa complexidade, envolvendo a
execução tarefas próprias de Secretaria direcionadas aos estabelecimentos de ensino e no auxílio
das tarefas letivas.

SERVENTE - Executar trabalhos rotineiros de limpeza em geral; Ajudar na remoção ou arrumação de
móveis e utensílios.

TÉCNICO EM ENFERMAGEM - Auxiliar na assistência dos trabalhos de enfermagem e atendimento
de doentes no que diz respeito a observação, ao cuidado, a aplicação de vacinas e a educação
sanitária dos doentes, bem como a participação de programas voltados à saúde pública do município.

VIGILANTE - Exercer vigilância em logradouros públicos e próprios do Município.
                                                                                              10



                                      ANEXO II
                        PROGRAMAS E SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS

Conteúdos Programáticos

           ALMOXARIFE, INSPETOR TRIBUTÁRIO, MONITOR DE ESCOLA, SECRETÀRIO DE
ESCOLA.
            a) PORTUGUÊS:
            Acentuação gráfica; Morfologia; Sinônimos e Antônimos; Homônimos e Parônimos;
Coletivos; Substantivos, Adjetivos, Verbos; Pronomes; Pontuação; Crase; Hífen; Plural dos
substantivos e adjetivos compostos; Concordância Nominal e Verbal; Regência Verbal e Nominal,
Abreviaturas; Lacunas em frases; Ortografia; Redação Oficial, Interpretação de Textos.


            b)MATEMÁTICA:
            Operações fundamentais sobre números inteiros ou fracionários; Sistema legal de
medidas; Regra de três simples e composta; Média aritmética; Média ponderada; Equações, Juros;
Taxa; Tempo; Capital; Percentagem; Frações; Progressão Aritmética; Progressão Geométrica;
Divisão proporcional, Razões e Proporções, Regras de Sociedade.

           c) LEGISLAÇÃO:
           Regime Jurídico dos Servidores de Arroio do Tigre;
           Lei Orgânica do Município de Arroio do Tigre.

           d) ESPECÍFICA: Questões objetivas envolvendo as atribuições que serão desenvolvidas
pelo ocupante do cargo, a saber:

            SUGESTÃO DE BIBLIOGRAFIA
PORTUGUÊS
01. BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Brasileira. São Paulo-Cia. Editora Nacional.
02. CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima Gramática da Língua Portuguesa. São Paulo- Cia.
    Editora Nacional.
03. CUNHA, Celso e Cintra, Lindley. Nova Gramática Portuguesa Contemporânea. Rio de Janeiro-
    Editora Nova Fronteira.
04. HOSS, Myriam da Costa. Prática e Ensino da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro. Livros
    Técnicos e Científicos.
05. LUFT, Celso Pedro, Grande Manual de Ortografia. Porto Alegre- Editora Globo.
06. MEDEIROS, João Bosco. Comunicação Escrita. A Moderna Prática da Redação. São Paulo.
    Editora Atlas.
07. VARISCO, Armindo, COELHO, José Antônio. SILVA, Pedro Pinto, BARBA, Tamir Luiz de,
    FARINA, Sérgio. Prática de Português. Prodil, 6ª edição.
08. FARACO, Carlos Emílio, MOURA, Francisco Marto de. Gramática. Editora Ática.
09. MARTINS, Dileta, ZILBERKNOP, Lubia Scliar. Editora Sagra.
10. PERINI. Mario A. Gramática Descritiva do Português. Editora Ática.
11. Outros livros didáticos do Ensino Médio.

MATEMÁTICA
01.BUJES, Paulo F.O. –Concurso Editora Livrosul
02.VASSEUR, Ubirajara, CUNHA, Floriano Jrieger, MOREIRA, Francisco. Matemática.
03.NETTO, Scipione Di Pierro e Goes, Célia Contin. Matemática- Processo Auto Instrutivo. Scipione
Editores.
04. DOMENICO, Luiz Carlos de. Matemática. Instituto Brasileiro de Edições Pedagógicas.
05. NETTO, Scipione Di Pierro. Matemática. Conceitos Históricos.4ª edição
07. FAVILLI, Ubirajara. Volumes I,2 e 3 .
08. Outros livros didáticos do Ensino Médio.

LEGISLAÇÃO.
Regime Jurídico dos Servidores de Arroio do Tigre.
Lei Orgânica do Município de Arroio do Tigre
                                                                                                 11




             ESPECÍFICA - ALMOXARIFE
            Portaria, Decreto, Organograma, Fluxograma, Protocolo, Arquivo, Contrato, Empenhos,
Material Permanente, Almoxarifado, Material Obsoleto, Inventário do Material, Licitação e Contratos
Administrativos, Conhecimentos Gerais das Atribuições do cargo.

            SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA

01- KASPARY, Adalberto J. Redação Oficial- Normas e Modelos- Editora Globo.
02- MEIRELLES, Hely Lopes- Direito Administrativo Brasileiro.
03- JAMESON, Samuel L. H. Administração de Material.
04- ARAÚJO, Jorge Siqueira de . Almoxarifado Administração e Organização- 7ª edição. Editora
    Atlas.
05- Licitações e Contratos Administrativos- Lei 8.666/93 e suas alterações.



              ESPECÍFICA – INSPETOR TRIBUTÁRIO
Código Tributário: Dos Tributos; Impostos; Base de cálculos dos impostos e taxas; Alíquotas;
Lançamento; Fato gerador; das Taxas; Contribuição de melhoria; Competência para tributar;
Notificação; Intimação; Auto de Infração; Vistorias; Recursos; Arrecadação de Tributos; IPTU; Dívida
Ativa; Processo Tributário;
Código de Posturas: Higiene Pública; Vias e logradouros públicos; Habitações e Terrenos; Gêneros
alimentícios; Do Sossego Público; Invasão e Depredação de Logradouros e Áreas Públicas;
Funcionamento de Estabelecimentos Comerciais.
Código Tributário Nacional – Questões extraída do Código.-

            SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA

01- Código Tributário Municipal;
02- Código de Posturas;
03 - Código Tributário Nacional.




             SECRETÁRIO DE ESCOLA
Regimento da Escola; Prestação de Contas; Atas; Memorados; Boletins; Ofícios; Serviços em geral
de Secretaria, Questões objetivas sobre a Lei de Diretrizes e Bases e sobre Parâmetros Curriculares;

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA – SECRETÁRIO DE ESCOLA
01- Lei de Diretrizes e Bases;
02- Constituição Federal- - Da Educação



              MONITOR DE ESCOLA
Recreação; Alimentação; Preparo de Alimentos; Orientação aos Alunos; Jogos; Higiene das crianças;
Guarda de documentos didáticos; Colaborar nos trabalhos específicos música, artes domésticas,
culinárias, cênicas, técnicas agrícolas, informática e trabalhos manuais.

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA

01- ABRAMOWCZ, Anete e Wayskop Gisela- Educação Infantil- Creches- Editora Moderna- São
Paulo;
02- CRAYD, Carmem Maria- Educador de Todos os Dias (convivendo com crianças de zero a 06
anos Editora Mediação.
03- HOFFMAN, Jussara. Ação Educativa na Creche- Editora Mediação
                                                                                                12


04- BONAMIGO, Euza Maria R. Vera Maria da Rocha Cristóvão. Eloísa Eaifer. Berenice Levi- Como
ajudar a criança no seu desenvolvimento.


SERVENTE E VIGILANTE

           a) PORTUGUÊS:
           Acentuação gráfica; Morfologia; Sinônimos e Antônimos; Coletivos; Substantivos,
Adjetivos, Verbos; Pronomes; Pontuação; Crase; Hífen; Plural dos substantivos e adjetivos
compostos; Ortografia.

           b) MATEMÁTICA:
           Operações fundamentais sobre números inteiros ou fracionários; Sistema legal de
medidas; Regra de três simples; Porcentagem; Juros. Taxa, Tempo.

           c) LEGISLAÇÃO:
              Regime Jurídico dos Servidores de Arroio do Tigre – Art. 01 a 180..

           d) ESPECÍFICA- Questões objetivas envolvendo as atribuições dos respectivos cargos

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA

PORTUGUÊS
01.Novo Texto e Contexto de Português – TESOTO, Lídio. DISCINI, Norma- Editora do Brasil S/A
02.PERSUHN, Janice Janete. Linguagem Vivenciada. Editora do Brasil S/A
03.LUFT & Maria Helena. A Palavra é sua. Editora Scipione
04.HOSS, Myriam da Costa. Prática e Ensino da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro. Livros Técnicos
e Científicos.
05.LUFT, Celso Pedro, Grande Manual de Ortografia. Porto Alegre-Editora Globo.
06.MEDEIROS, João Bosco. Comunicação Escrita. A Moderna Prática da Redação. São Paulo.
Editora Atlas.
07.BERTOLDI, Nelo. Atos e Fatos da Língua Portuguesa;
08.SILVA, Antônio de Siqueira; BERTOLIN, Rafael- Português Essencial.
09. TESOTO, Lídio; DISCINI, Norma – Novo Texto e Contexto.
10.Outros livros didáticos de Português do Ensino Fundamental..

MATEMÁTICA
01.GENS, Domênico Lago. Matemática Moderna. Instituto Brasileiro de Edições Pedagógicas.l
02.PASSOS, Célia. SILVA, Zeneide. Eu gosto de Matemática. Editora Nacional.
03.NETTO, Scipione Di Pierro e Goes, Célia Contin. Matemática- Processo Auto Instrutivo. Scipione
Editores.
04. BONGIOVANNI, VISSOTO, LAUREANO. Matemática Vida- Editora Ática.
05. NETTO, Scipione Di Pierro. Matemática. Conceitos Históricos.4ª edição
06. BEZERRA, Manoel Jairo. Matemática – 1º grau.
07. FAVILLI, Ubirajara. Volumes I,2 e 3 .
08. MORI, Iracema; ONAGA, Dulce Satiko- Matemática- Idéias e Desafios;
09. Outros livros didáticos de Matemática do Ensino Fundamental.

LEGISLAÇÃO:
Regime Jurídico Único dos Servidores de Arroio do Tigre-; do Art. 01 a 180.

ESPECÍFICA - Questões objetivas com base nas atribuições dos respectivos cargos.



FARMACÊUTICO , MÉDICO, MÚSICO, TÉCNICO EM ENFERMAGEM

a) PORTUGUÊS: Acentuação gráfica; Morfologia, Sinônimos e Antônimos, Substantivos, Adjetivos,
   Verbos, Coletivos, Pronomes, Pontuação, Crase, Hífen, Plural dos Substantivos e Adjetivos
                                                                                                13


   compostos, Concordância Nominal e Verbal, Abreviaturas, Correção de frases, Ortografia,
   Redação Oficial e Interpretação de textos.

             SUGESTÃO DE BIBLIOGRAFIA
PORTUGUÊS
01-BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Brasileira. São Paulo- Cia. Editora Nacional.
02-CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima Gramática da Língua Portuguesa. São Paulo- Cia.
Editora Nacional.
03- CUNHA, Celso e Cintra, Lindley. Nova Gramática Portuguesa Contemporânea. Rio de Janeiro-
Editora Nova Fronteira.
04- HOSS, Myriam da Costa. Prática e Ensino da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro. Livros Técnicos
e Científicos.
05- LUFT, Celso Pedro, Grande Manual de Ortografia. Porto Alegre- Editora Globo.
06-MEDEIROS, João Bosco. Comunicação Escrita. A Moderna Prática da Redação. São Paulo.
Editora Atlas.
07-VARISCO, Armindo, COELHO, José Antônio. SILVA, Pedro Pinto, BARBA, Tamir Luiz de,
FARINA, Sérgio. Prática de Português. Prodil, 6ª edição.
08-FARACO, Carlos Emílio, MOURA, Francisco Marto de. Gramática. Editora Ática.
09-MARTINS, Dileta, ZILBERKNOP, Lubia Scliar. Editora Sagra.
10-PERINI. Mario A. Gramática Descritiva do Português. Editora Ática.
11-Outros livros didáticos do Ensino Médio.


b) LEGISLAÇÃO- Regime Jurídico Único do Município de Arroio do Tigre.

c) ESPECÍFICA PARA TÉCNICO EM ENFERMAGEM
               Assistência ao paciente; Assistência a pacientes com problemas cardio-Respiratórios;
Assistência de enfermagem nos diversos tipos de choques; Assistência de Enfermagem a pacientes
queimados; Doenças parasitárias; Programa Nacional de Imunização; Assistência de Enfermagem na
promoção e crescimento da criança; Assistência nas doenças Epidêmicas e Endemias; Saúde
Pública; Saúde Preventiva; Higiene e segurança do trabalho; Assistência à gestante e ao recém
nascido; Sistema Único de Saúde; Conhecimentos Gerais das Atribuições do Cargo.

               SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA- TÉCNICO EM ENFERMAGEM
1.BRUNNER, Lilian e Studdarth. Tratado de Enfermagem Médico-Cirúrgico - Editora Guanabara
Koogan. Rio de Janeiro, 6ª edição 1988, Volumes I e II.
        2.GENS, Gessy e Brandão, Naira. Enfermagem para a promoção da saúde. Ed. Luzzato. 4ª
edição.
        3.Manual de Vacinação, Brasília 1984.

      4.GUELLER, Rodolfo F. Grande Tratado de Enfermagem 6ª edição- Editora Santos Maltese.
       5.NIGHTINGALE, Florence- Notas sobre Enfermagem- Editora Cortez.
       6.MELO, Cristina. Divisão do Trabalho de Enfermagem. Ed. Cortez


        7.HORTA, Wanda de Aguiar. Processo de Enfermagem- Editora Pedagógica e Universitária.
        8.HENDERSON, Virgínia. Princípios básicos sobre cuidados de Enfermagem- Ed. Cortez.
        9.Lei Federal 8.080- Sistema Único de Saúde
      10.HAMWERLY, Marcelo A . Novo Tratado da Família- 4º edição- Ed. Santo André - SP. Casa
Publicadora Brasileira.
      11. SMELTZER, Suzane, C. & Bare, Brenda G. Tratado de Enfermagem Médico-Cirúrgica. Rio
de Janeiro, Guanabara Koogan, 1993.
      12. VEIGA, Débora de Azevedo. Corseti, Maria da Graça. Manual de Técnica de Enfermagem.
4ª edição. Porto Alegre- Sagra DC. Luzzato, 1993.


c) ESPECÍFICA PARA FARMACÊUTICO:

          Classificação das formas farmacêuticas;
                                                                                                    14


          Ações farmacológicas das seguintes classes terapêuticas: analgésicos, antiinflamatórios,
           antigitoso, antialérgicos, antibióticos, antifúngicos locais e sistêmicos, antiparasitários,
           anticonvulsivantes,     antiparkisonianos,     hipnóticos,   ansiolíticos,  Antipsicóticos,
           antidepressivos, antiarritímicos, antianginoso, anti-hipertensivos, bloqueadores,
           vasodilatadores, antagonistas, diuréticos, antianêmicos, antiurcerosos, antiemêticos,
           antiespasmódicos, antiasmáticos antitussígenos, estrógenos, gestágenos, contraceptivos
           hormonais, anti-infecciosos, anti-TB;
          Princípios básicos de licitações e contrato;
          Ciclo da assistência farmacêutica;
          Controle de estoque dos medicamentos;
          Controle de psicotrópicos e entorpecentes;
          Controle de qualidade dos medicamentos;
          Medicamentos de uso contínuo, de dispensarão em caráter excepcional, essenciais e
           genéricos;
          Indicadores de assistência farmacêutica;
          Estabilidade dos medicamentos;
          Padronização de medicamentos;
          Legislação farmacêutica       (portaria 344/99, portaria MS Nº 3.916 de 30/10/1998,
           portaria/GM Nº176 de 11/03/1999, portaria/GM Nº 1.077 de 24/08/1999).

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA:

GUIA DE MEDICAMENTOS – ZANINI – OGA 97/98, Editora IPEX
KOROLKOVAS, A. Dicionário Terapêutico Guanabara. ed 99/200. Rio de Janeiro: Guanabara koogan
– 1999.

GOODMAN, L;GILMAN, A. As bases farmacológicas da terapêutica – Rio de Janeiro McGraw Hill
Inlevamérica editores,1996.

PARFITT, K (ED) MARTIDALE – The complet drug reference.32. ed. Londres : Pharmaceutical
Press,1999.

MINISTÉRIO DA SAÚDE – BRASIL. Legislação. Disponível em: www.saúde.gov.br

MINISTÉRIO DA SAÚDE – BRASIL. Gerência Técnica de Assistência Farmacêutica.
“Como gerenciar a Assistência Farmacêutica em seu Município”. Brasília, agosto de 2000.

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÀRIA.
Legislação/Portarias. Disponível em : www.anvisa.gov.br


c) ESPECÍFICA PARA MÉDICO
 Saúde Pública; Medicina Preventiva; Atendimento a entidades assistenciais e comunitárias; Vacinação;
Medidas de Higiene pessoal; Regimes dietéticos; Prevenção ao alcoolismo e uso de drogas; Prevenção a
AIDS; Doença Infecto contagiosas; Doenças respiratórias; Doenças Gastro-intestinais; Doenças
cardiovasculares; Diagnósticos e tratamento nas doenças que acometem o ser humano em todas as fases
da vida; Prevenção, tratamento e reabilitação das doenças; Cólera; Ética Médica; Alterações de peso;
Alterações sensitivas e motoras; Anoxeria; Saúde da mulher; Náuseas e vômitos; Astenia; Cefaléia;
Disfagia; Dispnéia; Dor abdominal; Dor lombar ou cervical; Dores ósseas; Hemorragia digestiva; Insônia;
Palpitação. Tontura, Tosse; Doença de Chagas; Endemias; Doenças Virais; Doenças transmitidas
sexualmente; Malária; Sarampo; Tabagismo; Tétano; Tuberculose; Verminoses; Sistema Único de Saúde.

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA;

01-    BARKER, L. Randol et alli. Princípios de Medicina ambulatorial- 3ª edição. Porto Alegre- Ed. Artes
    Médicas, 1993.
02- WINGAARDDE. J. B. & Smith Jr. L. H. Cecil. Tratado de Medicina. Rio de Janeiro- Ed. Guanabara
       Koogan, 1997.
03- VAUGHAN. J. P. & MORROW, R. H. Epidemiologia para municípios, manual para gerenciamento dos
       distritos sanitários. São Paulo. Ed. Hucitec, 1992.
                                                                                                     15


04- FIORI, R. M. et alli. Prática Pediátrica de Urgência, 4ª edição. Rio de Janeiro, Ed. Médica e Científica,
    1991.
05- DUNCAN, Bruce B. et Alli. Medicina Ambulatorial: Condutas clínicas em atenção primária 2ª edição-
    Porto Alegre- Ed. Artes Médicas, 1996.
06- HAMMERLY, Marcelo A . Novo Tratado Médico da Família- Santo André- Casa Publica dora
    Brasileira, Volumes I e II.
07- BEESON, Paul B. Modermott. Wassn. Tratado de Medicina. Cecil Lemb Ed. Guanabara Koogan. Rio
    de Janeiro, Volumes, I e II.
08- BRACKLOW, A. B. Robert S. Macbryde- Sinais e Sintomas- Fisiologia Aplicada e Interpretação
    Clínica- Ed. Guanabara Koogan, 6ª edição. Rio de Janeiro. 1986.
09- HARRISON- Medicina Interna/ Compêndio- 14ª edição.
10- DINO GOMES, Consultas em Queimaduras, 2001.
11- BORK K. Dermatologia Clínica, 1998.
12- KANE K. S. Dermatologia Pediátrica- Testos e Atlas, 2004.

c) ESPECÍFICA PARA MÚSICO

1-Teoria, Estrutura e Forma Musical

-   Leitura nas claves de sol, fá e dó;
-   Figuras rítmicas e suas respectivas pausas;
-   Grafia musical;
-   Leitura de partitura instrumental e coral;
-   Classificação dos intervalos, intervalos simples e compostos, inversão de intervalos, intervalos
    melódicos e harmônicos;
-   Tonalidades;
-   Escalas nos modos maior e menor, sendo a última nas formas natural, harmônica e melódica;
-   Compassos simples e compostos, unidades de tempo e de compasso;
-   Tons vizinhos, tons homônimos e tons relativos;
-   Sinais de expressão e sinais de dinâmica;
-   Classificação vocal e formação de coros;
-   Análise das principais formas musicais e seus princípios teóricos.

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA:

01- BENNETT, Roy. Forma e Estrutura na Música. Zahar Editora.
02- BONA, Pasquale. Método Completo de Divisão Musical. São Paulo: Irmãos Vitale: 1996.
03-LACERDA, Osvaldo. Teoria Elementar da Música. Ed. Ricordi.
04- LIMA, Marisa R. R. FIGUEIREDO, Sérgio L. Exercícios de Teoria Musical – Uma Abordagem Prática.
3 ª Edição. Ed. Embraform
05- PRIOLLI, Maria Luisa. Princípios Básicos da Música para a Juventude. Ed. Casa Oliveira.

1-Harmonia

-   Harmonia tradicional;
-   Tríades das harmonias principais;
-   Encadeamentos;
-   Cadências perfeitas, imperfeitas e plagais.

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA

01- HINDEMITH, Paul. Curso de Harmonia Tradicional (Trad. Souza Lima). São Paulo: Irmãos Vitale,
1998.

1.História da Música

-   Paradigmas estilísticos na História da Música Ocidental a partir da Renascença;
                                                                                                 16


-   Principais compositores europeus e suas respectivas escolas estilísticas da Renascença ao século
    XX;
-   A evolução dos instrumentos musicais e da orquestra;
-   Tendências da composição no século XX;
-   Principais compositores eruditos brasileiros dos séculos XIX e XX;
-   Aspectos musicais do folclore brasileiro e gaúcho.

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA:

01- BENNETT, Roy. Uma Breve História da Música. Zahar Editor.
02-CARPEAUX, Otto Maria. O Livro de Ouro da História da Música. 4 ª Edição. Ediouro.
03- GRIFFITHS, Paul. A Música Moderna. Zahar Editor.
04-KIEFER, Bruno. História da música brasileira: dos primórdios ao início do século XX. 4 ª Edição.
Porto Alegre: Editora Movimento, 1997.
                                                                                                             17


                                     EXTRATO DO EDITAL Nº. 01/2006
                                    ABERTURA DE CONCURSO PÚBLICO
                                    O Prefeito Municipal de Arroio do Tigre, faz saber aos interessados, que
            estarão abertas no período de 06/10/2006 a 20/10/06, as inscrições para provimento dos cargos
            abaixo relacionados.
                                         Taxa de      Carga           Venc.
          Cargo               Vagas Inscrição Horária             outubro de Padrão             Escolaridade
                                            R$       Semanal 2006 (R$)
Almoxarife                       01        40,00       44 h.          546,58     13    Ensino Fundamental.
                                                                                       Completo
Farmacêutico                     01        60,00       20 h.       1.386,18      18    Curso Específico -
                                                                                       Reg.Conselho
Inspetor Tributário              01        40,00       38h.          852,66      15    Ensino médio completo
Médico                           01        60,00       20 h.       2.754,74      19    Curso Específico – Reg.
                                                                                       Conselho
Monitor de Escola                01        40,00       44h.          437,26      12    Ens.Médio Completo ou
                                                                                       Cursando
Músico                           01        60,00       40h.           852,66     15    Curso Superior de Música
Secretário de Escola             01        40,00       44h.           437,26     12    Ens. Médio Completo
Servente                         01        20,00       44 h.         218,63      01    Alfabetizado
Técnico em Enfermagem            01        40,00       40h.          437,26      12    Curso Específico- Reg. no
                                                                                       Coren
Vigilante                        01        20,00       44h.          290,50      03    3ª série do Ens. Fundamental
            Documentação para Inscrição: Originais e cópias: Horário para Inscrição:8h30 às 11h30 e das
            13h30 às 17,00 horas, diariamente de 2ª a 6ª feira
            a) Identidade b) C.P.F. c) Quitação Eleitoral do 1º. Turno 2006
            d)Certificado de Reservista (s.Masculino)
            e) Diploma ou certificado de escolaridade        f) 2 fotos 3x4
            g) Comprovante da taxa de inscrição, que deverá ser recolhida junto a Tesouraria..
            h) Registro no Conselho respectivo.
            i) Procuração, quando for o caso.
            j) Portadores de Deficiência, apresentar atestado no ato da inscrição.
            O Edital na integra encontra-se afixado no mural da Prefeitura. Informações: Fone: (51) 3747.1125



                                            GILBERTO RATHKE
                                            Prefeito Municipal
                                                                                                                18




                              ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL
                       PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DO TIGRE-RS
                                   CONCURSO PÚBLICO


Para o Cargo de :                                                                 Ficha de inscrição N.º
Nome do Candidato:
Estado Civil
Filiação:

Natural de:                                         Data de Nascimento
Endereço Residencial:
Cidade:                                             CEP:
Endereço Profissional
Cidade:                                             CEP:
Telefones para contatos:
                        DOCUMENTOS APRESENTADOS
( ) 1- Carteira de Identidade         ( ) 2- Escolaridade
( ) 3- Taxa de Inscrição              ( ) 4-Duas Fotos ¾
( ) 5- Quitação Eleitoral-1º.. Turno ( ) 6-Quitação Militar ( sexo masculino)
( ) 7- C. P. F                        ( ) 8- Procuração
( ) 9- Registro no Conselho           ( )10- Outros
DATA:         /     / 2006
O candidato no momento da inscrição, declara ter conhecimento das instruções
contidas no Edital de abertura do concurso, e se compromete a aceitar as
condições do mesmo, tais como se acham estabelecidas



Assinatura do candidato (a )                                  Assinatura do Encarregado das Inscrições

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

                               ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL
                          PREFEITURA MUNICIPAL ARROIO DO TIGRE-RS
                                    CONCURSO PÚBLICO

Para o Cargo de:                                    Ficha de Inscrição N.º
Nome do Candidato:
Data:          /      /2006
O candidato no momento da inscrição, declara ter conhecimento das instruções
contidas no Edital de abertura do concurso, e se compromete a aceitar as
condições do mesmo, tais como se acham estabelecidas


Assinatura do Candidato                                        Assinatura do Encarregado das Inscrições
                                                                                                   19




INSTRUÇÕES PARA RECEBIMENTO DAS INSCRIÇÕES

1. O concurso é independente para cada cargo, por isso as inscrições começam no número 001
    para cada cargo.
2. Não receber inscrição condicional.
3. Na ficha de inscrição, a parte de cima fica com a Prefeitura e a parte de baixo é entregue ao
    candidato.
4- Normalmente deixa-se os documentos em firmas que trabalham com cópias, para que os
candidatos tirarem as cópias que lhes interessar.

Qualquer dúvida, favor ligar: (51) 33.34.63.50   33.34.87.47 - 96.83.37.61
20

								
To top